A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Curso Fortalecimento Institucional Módulo III LEVANTAMENTO DE RECURSOS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Curso Fortalecimento Institucional Módulo III LEVANTAMENTO DE RECURSOS."— Transcrição da apresentação:

1 Curso Fortalecimento Institucional Módulo III LEVANTAMENTO DE RECURSOS

2 DEFINIÇÃO Mobilização de recursos é um termo utilizado para descrever um leque de atividades de geração de recursos realizadas por organizações sem fins lucrativos em apoio à sua finalidade principal, independente da fonte ou do método utilizado para gerá-los.

3 CLASSIFICAÇÃO A mobilização e ou levantamento de recursos são gerados a partir de várias estratégias. Convênios de financiamentos internacionais e ou nacionais ( Ogs, ONGs, Iniciativa Privada ) Receitas de serviços ( vendas de produtos, prestação de consultorias e ou assessorias ) Doações de pessoas físicas e ou organizações ( Bens, Produtos e serviços)

4 R EGRAS BÁSICAS PARA LEVANTAMENTO DE RECURSOS PEÇA! Esta regra tem como premissa a idéia de que, se a organização quer mobilizar recursos, é preciso identificar onde eles estão e, em seguida, achar estratégias para ter acesso a eles. 1. Faça uma pesquisa contínua de oportunidades 2. Mantenha um mailling com contatos atualizados de potenciais parceiros.

5 PEÇA O QUE VOCÊ QUER! VALORIZE-SE Um dos erros mais simples – e mais graves – cometido por entidades que captam recursos é ser modesto demais no pedido. Ou seja, pedem de um doador atual, ou em potencial, que doe uma quantia que nem desafia e nem inspira, apenas porque parece ser razoável e, aparentemente, há menos possibilidade de ser recusada. Muitas vezes as organizações caem nessa armadilha em razão da inexperiência. Talvez não tenham pesquisado e não estejam cientes do quanto o doador em potencial poderia doar. Na maioria das vezes, contudo, simplesmente subestimam o poder que seu trabalho tem para inspirar apoio de peso.

6 CONSTRUA RELACIONAMENTOS Como mencionado anteriormente, a probabilidade de uma pessoa que doa pela primeira vez doar outras vezes é muito maior do que a probabilidade de um desconhecido doar pela primeira vez. Essa probabilidade aumenta quando a entidade dá seguimento à primeira doação por meio da valorização e agradecimentos apropriados, além de criar oportunidades para aumentar a compreensão e a valorização do trabalho que a doação tornou possível. O cultivo e educação são fatores cruciais neste processo

7 FONTES DE FINANCIAMENTO Pessoas Físicas Organizações Governamentais Organizações Não Governamentais Iniciativa Privada

8 PLANO PARA LEVANTAMENTO DE RECURSOS Um plano específico de Levantamento de Recursos deverá conter os seguintes elementos: Uma lista de fontes a serem acessadas Uma lista de ações necessárias para alcançar cada uma das fontes Tempo em que será desenvolvida cada uma das ações A indicação de responsáveis para cada ação Apoio e recursos necessários (materiais, recursos financeiros, informações etc.) para execução das ações Ações deMonitoramento e avaliação do plano estratégico !

9 M ODELO PLANO DE LEVANTAMENTO DE RECURSOS FONTESPRESSUPOSTOAÇÕES ATIVIDADES METAS PRAZOS INVESTIME NTO RESPONSÁVEIS Convênios Governamen tais e Não governament ais A organização já dispóe de um banco de projetos com várias propostas elaboradas Realizar pesquisda mensal de oportunidades de editais abertos Enviar 2 projetos ao mes Computador, sedex Coordenação Doações de Pessoas Físicas e Empresas A entidade mantém mcontato com várias empresas atravéz da Atos que podem contribuir com doações Realizar encontro de apresentação de propostas com as empresas Realizar 2 encontros com 30 empresas cada ano Impressão de convites, , computador Assistente Geração de Receitas As oficinas sócio educativas com crianças e os projetos desenvolvidos com as famílias geram diversos produtos adequados para venda Realizar 01 bazar na comunidade Vender 100peças ao valor de 1,00 a cada trimestre Mesas, cadeiras, humanos, lanche, etiquetas, Educadores

10 BIBLIOGRAFIA ARAÚJO, Edgilson Tavares; MELO, Vanessa Paternostro; SCHOMMER, Paula Chies. Odesafio da sustentabilidade financeira e suas implicações o papel social das organizações da sociedade civil. Captação de recursos: da teoria à prática. Grupo de Estudos do Terceiro Setor. Disponível em: < Acesso em 24 jul RIFKIN, Jeremy. Identidade e natureza do terceiro setor. In: IOSCHPE, Evelyn Berg (Org.). 3º Setor – Desenvolvimento Sustentado. São Paulo: PAZ e TERRA S.A, 2005, p PEZZULLO, Susan. Desenvolvendo Sua Organização - Um Guia de Sustentabilidade para Ongs. São Paulo. SENAC VV.AA. Ética e Sustentabilidade. São Paulo, Editora Papers, VV.AA. O Desafio da Sustentabilidade. São Paulo, Fundação Perseu Abramo, COSTA, Leila Ferreira Da. Incertezas de sustentabilidade na globalização, Campinas,UNICAMP,1996

11 CONTATOS Flor Fontenele Flor Skype: flor_fontenele Fone: (85)


Carregar ppt "Curso Fortalecimento Institucional Módulo III LEVANTAMENTO DE RECURSOS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google