A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Gabarito do capítulo 8: O desenvolvimento da antropologia social. RMJ.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Gabarito do capítulo 8: O desenvolvimento da antropologia social. RMJ."— Transcrição da apresentação:

1 Gabarito do capítulo 8: O desenvolvimento da antropologia social. RMJ

2 Questão 1 Relativismo cultural é a postura de tolerância pela qual nós nos mostramos respeitosos em relação a sociedades diferentes da nossa, seus hábitos e costumes, entendendo que nosso comportamento também parece estranho aos outros. Do ponto de vista teórico, implica pressupostos que analisem as diferentes culturas como manifestações de um mesmo grau de desenvolvimento humano.

3 Questão 2 Ao compararem a sociedade europeia com a diversidade das culturas de sociedades não- europeias, os antropólogos revelavam as pequenas idiossincrasias percebidas e, pela força da grande disparidade percebida, enxergavam a própria sociedade como modelo, como sendo homogênea e desenvolvida. temperamento especial de cada indivíduo (relativamente à influência que nele exerce o que lhe é alheio)

4 Questão 3 Basicamente, desde a sua constituição, a antropologia preocupou-se em estudar a origem e o desenvolvimento das outras sociedades, das sociedades temporal e culturalmente distintas da europeia.

5 Questão 4 Aculturação é o ato de impor a um grupo, povo ou nação novos hábitos culturais, inclusive tecnológicos, em substituição aos tradicionais, interrompendo a existência deles. Como exemplo, podemos citar a substituição de antigas crenças indígenas pela religião católica. No caso da introdução de um novo traço cultural, como o ato de consumir macarrão, não se pode falar em aculturamento, pois esse novo hábito veio somar- se aos já existentes e não substituí-los. Aqui houve acréscimo ou incorporação de um novo traço cultural.

6 Questão 5 O autor critica os evolucionistas que afirmam que os membros de populações tribais agem de forma utilitarista, buscando satisfação das necessidades imediatas. Estudando os trobriandeses, ele mostra que sua motivação é complexa e nem sempre evidentemente apreensível. O agricultor das ilhas Trobiand procura trabalhar duro, mais do que o necessário para sua sobrevivência, para atingir prestígio e não para se alimentar.

7 Questão 6 O autor procura mostrar que os povos das ilhas Trobiand formam uma sociedade integrada e organizada, obedecendo às mesmas leis e crenças. A organização social apresenta unidade cultural e linguística.

8 Questão 7 Porque, com a observação participante, ele pode preencher o vazio das construções abstratas com as informações obtidas no convívio do grupo estudado.

9 Questão 8 O autor reconhece que há decadência em certos hábitos culturais na época contemporânea, assim como afirma que o homem branco deseja transformar os nativos, usando-os. Enfim, reconhece que o sentido heroico da vida nativa desapareceu por ação do homem branco.

10 Questão 9 Sistema para ele é um conjunto integrado de ritos e traços culturais.

11 Questão 10 Malinowski procura mostrar que é possível entender o efeito da magia nas sociedades tribais se pensarmos na fé religiosa que existe na civilização ocidental que por sua vez, também manifesta conteúdos mágicos. A fé católica nos milagres atribuídos a Nossa Senhora de Lourdes são o exemplo disso.


Carregar ppt "Gabarito do capítulo 8: O desenvolvimento da antropologia social. RMJ."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google