A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O que é a membrana plasmática? é uma película finíssima e muito frágil composta, principalmente, por fosfolipídios e proteínas. Ela tem importantes funções.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O que é a membrana plasmática? é uma película finíssima e muito frágil composta, principalmente, por fosfolipídios e proteínas. Ela tem importantes funções."— Transcrição da apresentação:

1 O que é a membrana plasmática? é uma película finíssima e muito frágil composta, principalmente, por fosfolipídios e proteínas. Ela tem importantes funções na célula, e uma delas é isolar a célula do meio externo. Seu tamanho é tão pequeno que se a célula fosse aumentada ao tamanho de uma laranja, a membrana seria mais fina do que uma folha de papel de seda.proteínas

2 Modelo proposto por Singer e Nicholson: dupla camada lipídica com extremidades hidrofóbicas voltadas para o interior e as hidrofílicas voltadas para o exterior. Participam da composição proteínas (integrais ou esféricas) e glicídios ligados às proteínas (glicoproteínas) ou lipídios (glicolipídios). Essas substâncias formam uma espécie de tapete, Chamado de glicocálix, que parece ter funções de identificar e reter substâncias úteis para célula.

3 Modelo do mosaico e fluido

4 Conter o citoplasma, separando o meio intracelular do meio extracelular.

5 PROPRIEDADES DA MEMBRANA Viva Elástica Descontinua Tem capacidade de regeneração Conduz eletricidade Realiza transporte de substâncias Apresenta permeabilidade seletiva

6 ESPECIALIZAÇÕES DE MEMBRANA SERVEM PARA: UNIR MELHOR (ADESÃO). PARA AUMENTAR A SUPERFÍCIE EM CÉLULAS QUE ABSORVEM. PARA COMUNICAR MELHOR CÉLULAS VIZINHAS

7 ESPECIALIZAÇÕES PARA ADESÃO DESMOSSOMOS ZONULA DE ADESÃO ZONULA DE OCLUSÃO

8 ESPECIALIZAÇÕES DE MEMBRANA

9 DESMOSSOMOS Existem entre as membranas de duas células vizinhas. São formados por uma espécie de cimento celular e tonofibrilas, que são filamentos de uma proteína chamada queratina. Essa proteína mantém as células firmes como estacas.

10 DESMOSSOMOS

11 ZONA DE OCLUSÃO e ZONA DE ADESÃO A zona de oclusão é uma região que fecha a parte superior entre duas células vizinhas. Vedando qualquer espaço entre elas. A zona de adesão É uma formação encontrada em certos epitélios de revestimento, circundando a parte apical das células. A sua função é promover a adesão entre as células.

12 MICROVILOSIDADES Função: aumentam a superfície de absorção. São dobras e projeções em forma de dedos na superfície livre de células especializadas em absorver. Uma célula especializada em absorver pode ter milhares de microvilosidades

13 Transporte através da membrana Processos passivos: ocorre sem gasto de energia. Processos ativos: ocorrem com gasto de energia. Processos mediados por vesículas.ocorrem quando vesículas são utilizadas para a entrada de partículas ou organismos na célula. Passivos Ativos Mediados por vesículas Difusão Bomba de Na e K Endocitose Osmose Exocitose Difusão facilitada

14 Transporte passivo ocorre quando duas soluções de concentrações diferentes são colocadas em contato. As moléculas tendem a mover-se no sentido de igualar as concentrações. Através da membrana há difusão de pequenas moléculas como o oxigênio e gás carbônico.

15 DIFUSÃO

16 DIFUSÃO FACILITADA Nesse tipo de difusão, algumas proteínas atuam facilitando a passagem de certas moléculas que, por difusão simples, demorariam muito tempo para atravessar a membrana. Esse processo particularmente comum no movimento de glicose, aminoácidos e vitaminas em alguns tipos celulares,podendo ser reversível.

17 Difusão facilitada

18 OSMOSE Osmose - (osmos= empurrar) É um fenômeno de difusão em presença de uma membrana semipermeável. Nele, duas soluções de concentrações diferentes estão separadas por uma membrana que é permeável ao solvente e praticamente insolúvel ao soluto. Há, então, passagem do solvente de onde está em maior quantidade (solução hipotônica) para onde está em menor quantidade (solução hipertônica ).

19 OSMOSE

20

21 Osmose em célula vegetal As células vegetais apresentam dois tipos de membranas: · Membrana celulósica (parede celular), composta por celulose (polissacarídeo), permeável e de grande resistência mecânica. Aparece externamente à membrana plasmática oferecendo proteção à célula (como se fosse uma armadura). · Membrana plasmática (membrana celular): composição lipoprotéica, elástica e semipermeável. É responsável pela seletividade das substâncias que poderão entrar ou sair da célula.

22 Osmose em célula vegetal

23 Transporte Ativo É a passagem de uma substância de um meio menos concentrado para um meio mais concentrado ( contra o gradiente), que ocorre com gasto de energia.

24 BOMBA DE SÓDIO E POTÁSSIO Este tipo de transporte se dá, quando íons como o sódio (Na+) e o potássio (K+), tem que atravessar a membrana contra um gradiente de concentração. Encontramos concentrações diferentes, dentro e fora da célula, para o sódio e o potássio. Na maioria das células dos organismos superiores a concentração do sódio (Na+) é bem mais baixa dentro da célula do que fora desta. O potássio (K+), apresenta situação inversa, a sua concentração é mais alta dentro da célula do que fora desta.

25 Bomba de sódio e potássio

26 TRANSPORTE EM BLOCO Fagocitose - É o nome dado ao processo pelo qual a célula, graças à formação de pseudópodos, engloba, no seu citoplasma, partículas sólidas. A fagocitose é um processo seletivo, conforme pode ser observado no exemplo da fagocitose de paramécios pelas amebas. Nos mamíferos, a fagocitose é feita por células especializadas na defesa do organismo, como os macrófagos

27 Ameba realizando fagocitose

28 Mônica Leite


Carregar ppt "O que é a membrana plasmática? é uma película finíssima e muito frágil composta, principalmente, por fosfolipídios e proteínas. Ela tem importantes funções."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google