A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO Florianopolis, 26/06/2006.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO Florianopolis, 26/06/2006."— Transcrição da apresentação:

1 INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO Florianopolis, 26/06/2006

2 SINAES O art. 4º da Lei nº /2004 define que a avaliação dos cursos de graduação tem por objetivo identificar as condições de ensino oferecidas aos estudantes, em especial as relativas ao perfil do corpo docente, as instalações físicas e a organização didático- pedagógica.

3 SINAES Os resultados da avaliação constituem referencial básico para os processos de regulação. As diretrizes da CONAES propõem a utilização de um instrumento único para avaliar todos os cursos de graduação (bacharelado, licenciatura e tecnologia), presenciais e a distância, cujos resultados darão subsídios aos processos regulatórios de reconhecimento e renovação de reconhecimento de cursos.

4 Matriz do Instrumento de Avaliação dos Cursos de Graduação 03 categorias 17 Grupos de indicadores 73 Indicadores Instrumento (Bacharelado, Licenciatura,Tecnológico presencial e a distância para fins de reconhecimento e renovação de reconhecimento)

5 MATRIZ ORIENTADORA AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO Bacharelado, Licenciatura, Tecnológico presencial e a distância CATEGORIA 1 CATEGORIA 2CATEGORIA 3.9 Grupos de Indicadores. Indicadores.4 Grupos de Indicadores. Indicadores.4 Grupos de Indicadores. Indicadores Reconhecimento e Renovação de Reconhecimento

6 ESTRUTUTURA Categorias (agrupamentos dos grandes traços, se emite juízo de valor e expressa a totalidade da IES) Grupos de indicadores ( características comuns, usadas para agrupar com lógica e coerência os indicadores; não recebem pontuação) Indicadores (aspectos quantitativos e qualitativos que possibilita obter evidências que retrata a realidade) Critérios (padrões que servem de base para comparação ou julgamento; terá cinco graus em ordem decrescente)

7 CATEGORIAS GRUPOS DE INDICADORES Organização didático-pedagógica 9 Corpo docente, corpo discente e corpo técnico- administrativo 4 Instalações físicas4

8 INSTALAÇÕES FÍSICAS Grupos de Indicadores Pesos 3.1 Biblioteca:adequação do acervo à proposta do curso Inst. especiais e laboratórios específicos para a formação geral Inst. especiais e laboratórios específicos para a formação específica Inst. especiais e laboratórios específicos para a prática profissional e prestação de serviços à comunidade 20

9 ARTICULAÇÃO DOS DOCUMENTOS INSTITUCIONAIS Projeto Pedagógico Institucional (PPI) Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) Projetos Pedagógicos dos Cursos (PPC) Cadastro de Docentes

10 ARTICULAÇÃO DOS DOCUMENTOS Compreensão da importância do PPI, PDI, PPC e Currículo como documentos nos quais as IES explicitam seu posicionamento a respeito de sociedade, de educação e de ser humano e asseguram o cumprimento de suas políticas e ações. São instrumentos de ação política e pedagógica, cujo objetivo é promover uma formação com qualidade. A articulação dos documentos deve ser avaliada respeitando-se as características da organização acadêmica das IES e da região onde estão inseridas, conforme preconiza a legislação em vigor.

11 Principais características do Instrumento Não é check list – trabalha com a coerência e não com a existência; Alguns indicadores se repetem - transversalidade – visão vertical, horizontal e transversal; Indicador para EAD Foca o curso – não trata de indicadores institucionais orienta as IES e os avaliadores no uso do Instrumento

12 Características Indicadores imprescindíveis - condições obrigatórias para o acesso e permanência no sistema de educação superior. Indicadores, definidos pela legislação em vigor, exigem o conceito 3, no mínimo, para aprovação. Indicadores para EAD -

13 Características Indicadores com a condi ç ão NSA (não se aplica) - atendimento é opcional nas seguintes situa ç ões: Especificidade do curso – Ex: Trabalho de Conclusão de Curso – segundo as DCN, é obrigat ó rio em alguns cursos e em outros, não. Especificidade da Organiza ç ão Acadêmica da Institui ç ão – Ex: A pesquisa não constitui atividades obrigat ó ria para as faculdades e centros universit á rios OBS: Quando a IES possuir este diferencial, ser á atribu í do o respectivo conceito ao indicador; caso contr á rio, os pesos correspondentes serão redistribu í dos de forma proporcional com os demais. OBS: Ao escolher um indicador com esta condi ç ão NSA, a comissão dever á justificar sua escolha, com base nos documentos da IES: PPI, PDI e PPC.

14 ASPECTOS QUALITATIVOS FE Forças / Potencialidades Fragilidades / Pontos que requerem melhoria Recomendações Parecer analítico final da Comissão Externa de Avaliação Avaliação do Instrumento pela Comissão Avaliação, pela IES, do Instrumento de Avaliação Externa de IES e da Comissão de Avaliação

15 Modelo do Formulário Eletrônico – categoria 1 categoriasGrupo de indicadores indicadores 1.Organização Didático- Pedagógica 1.1 Administração Acadêmica:coordenação do curso objetivos do curso (imprescendível) 1.4 Projeto Pedagógico do Curso-PPC: CURRÍCULO 1.9 ENADE (NSA) Implementação das políticas institucionais constantes no PDI e no PPI, no âmbito do curso Interação entre alunos e professores – indicador para EAD Planejamento/execução de ações em função dos resultados obtidos (NSA)

16 Modelo do Formulário Eletrônico – categoria 2 categoriasGrupo de Indicadores Indicadores 2.Corpo Docente, discente e Técnico-Administrativo 2.1 corpo docente; perfil docente 2.4 corpo técnico- administrativo: atuação no âmbito do curso Implementação das políticas de de capacitação no âmbito do curso articulação da equipe técnica de EAD com a dinâmica do curso – indicador EAD

17 Modelo do Formulário Eletrônico – categoria 3 categoriasGrupo de Indicadores Indicadores 3. Instalações Físicas3.1 Biblioteca; adequação do acervo à proposta do curso 3.2 Instalações especiais e laboratórios específicos:cenários/ambie nte/laboratórios para formação geral/básica Implementação das políticas institucionais de atualização do acervo no âmbito do curso protocolos de experimentos - NSA Comitê de Ética em Pesquisa - NSA Implementação das Políticas Institucionais de atualização de equipamentos/materiais no curso - NSA

18 Corpo docente Instalações Físicas Organização Didático- Pedagógica Dados do Enade Dados da IES Avaliação de Curso (ACG)

19 Ensinar não é transferir conhecimentos, mas criar as possibilidades para sua produção ou sua construção Paulo Freire O homem é mortal pelos seus erros, mas imortal pelos seus desejos Sócrates

20 Coordenação de AI/ACG/DEAES/INEP Coordenadora-Geral AI/ACG/DEAES/INEP Profa. Iara de Xavier – tel.(61) Coordenadora de Avaliação Institucional Profa. Eleuda Coelho – tel.(61) Coordenadora de Avaliação dos Cursos de Graduação Profa. Lena Falcão – tel. (61)

21 NOSSOS AGRADECIMENTOS


Carregar ppt "INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO Florianopolis, 26/06/2006."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google