A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Máquina Síncrona: modelo geral de máquina síncrona em p.u. e no sistema de coordenadas de Park (Anderson & Fouad – cap. 4 / Kundur – cap. 3) eqs de enlace.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Máquina Síncrona: modelo geral de máquina síncrona em p.u. e no sistema de coordenadas de Park (Anderson & Fouad – cap. 4 / Kundur – cap. 3) eqs de enlace."— Transcrição da apresentação:

1 Máquina Síncrona: modelo geral de máquina síncrona em p.u. e no sistema de coordenadas de Park (Anderson & Fouad – cap. 4 / Kundur – cap. 3) eqs de enlace de fluxo: eqs de tensão:

2 Equações do Estator: 0 0wRwR wRwR

3 Equações do Estator: em regime permanente (dx/dt = 0) 0 0

4 Em valores eficazes: Em termos fasoriais:

5

6 Equações do Estator: em regime transitório (dx/dt 0) 0

7 Em valores eficazes: logo é util criar tensões fictícias que representam as variações dos enlaces de fluxo dos enrolamentos do rotor. pode ser provado que:

8 Em termos fasoriais:

9 Equações do Estator: em regime sub-transitório (dx/dt 0) Em termos fasoriais: Procedimento análogo ao caso transitório, porém agora adicionando o efeito dos enrolamentos amortecedores (i D 0; i Q 0). As equações do estator são obtidas trocando-se as grandezas transitórias por grandezas subtransitórias.

10 Equações do Rotor: em regime transitório (dx/dt 0) 0

11

12 Em valores eficazes: porém:

13 Conjunto completo de Equações da Máquina Síncrona Estator: Rotor:


Carregar ppt "Máquina Síncrona: modelo geral de máquina síncrona em p.u. e no sistema de coordenadas de Park (Anderson & Fouad – cap. 4 / Kundur – cap. 3) eqs de enlace."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google