A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SEMINÁRIO - DA PROPOSTA ÀS PRÁTICAS: Encontro de Professores do Reinventando o Ensino Médio Área Estudos Avançados: Linguagens 9 a 13 de setembro de 2013.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SEMINÁRIO - DA PROPOSTA ÀS PRÁTICAS: Encontro de Professores do Reinventando o Ensino Médio Área Estudos Avançados: Linguagens 9 a 13 de setembro de 2013."— Transcrição da apresentação:

1 SEMINÁRIO - DA PROPOSTA ÀS PRÁTICAS: Encontro de Professores do Reinventando o Ensino Médio Área Estudos Avançados: Linguagens 9 a 13 de setembro de 2013 Área: Estudo Avançado em Linguagens Consultoras Augusta Mendonça e Gláucia Vieira

2 ESTUDOS AVANÇADOS APRESENTAÇÃO Um programa inovador com o objetivo de: disponibilizar conteúdos e incursões em temáticas não cobertas pelo Currículo Básico Comum (CBC); desenvolver ações interdisciplinares do ponto de vista da aplicação; incentivar procedimentos criativos por parte dos estudantes; colocar em prática a ampliação do espaço escolar, no sentido de propor atividades junto à comunidade e de acolher propostas formativas vindas da comunidade.

3 ESTUDOS AVANÇADOS - LINGUAGENS CONCEPÇÃO A parte teórica ultrapassa o que está previsto no Currículo Básico Comum (CBC) e favorece o acesso a temáticas que propiciem a formação mais avançada dos estudantes do Ensino Médio.

4 ESTRUTURA CURRICULAR OS MÓDULOS Todo mundo faz matemática Ementa: A natureza da Matemática e sua presença na vida cotidiana. Matemática e linguagem. Escrevendo o Tempo Todo Ementa: A leitura e a escrita como atividades interativas de produção de sentido. Os usos e práticas de linguagem. Trabalhando com as Linguagens Ementa: A natureza da linguagem humana. A diversidade de suas manifestações e sua importância enquanto fator de sociabilidade.

5 TEMA NORTEADOR JUVENTUDE E DIREITOS Justificativa: O tema escolhido possibilita a articulação entre os três módulos da área Linguagens e estimula o envolvimento dos estudantes ao dar maior significado ao conteúdos propostos.

6 OBJETIVOS GERAIS a)Apropriar de autoconhecimento individual e coletivo, ao refletir sobre seus hábitos, desejos e perspectivas de vida; b)Refletir acerca do espaço do jovem na sociedade e conscientizar das potencialidades políticas da juventude em seus meios; 1. Em relação ao tema norteador os estudantes terão a oportunidade de adquirir as seguintes competências:

7 c)Conhecer e ser capaz de comparar o comportamento da juventude de diferentes tempos e espaços; d)Conhecer os direitos sociais dos jovens bem como os órgãos que os representam; e)Construir a cidadania e conscientizar das possibilidades de associações, organizações e mobilizações sociais com propósitos de reivindicar os direitos.

8 OBJETIVOS ESPECÍFICOS a)Interpretar criticamente textos de diferentes gêneros textuais que circulam no cotidiano dos estudantes; b)Produzir textos argumentativos nas diferentes modalidades de gêneros, tais como: entrevistas, artigos jornalísticos, roteiros de teatro, cartazes, etc... 2.Em relação aos conteúdos de Língua Portuguesa e Matemática os estudantes terão a oportunidade de adquirir as seguintes competências:

9 b)Produzir textos orais e escritos para diferentes contextos e interlocutores. c)Se apropriar do letramento estatístico aplicando no contexto cotidiano as habilidades de: Coletar e organizar informações. Interpretar e resolver problemas a partir de informações, veiculadas em tabelas e gráficos. Compreender e produzir informações apresentadas em valores percentuais, fracionários e decimais. Elaborar a partir de dados, tabelas e gráficos. Trabalhar e se apropriar de conceitos de moda, média e mediana; probabilidade; princípios de contagem, etc.

10 A PESQUISA DE OPINIÃO COMO METODOLOGIA 1.Justificativa da utilização do NEPSO (Nossa Escola Pesquisa Sua Opinião) nessa proposta -Articulação entre as disciplinas -Articulação entre escola e comunidade -Estudante como protagonista da construção do conhecimento -Apresenta caráter motivador

11 A PESQUISA DE OPINIÃO COMO METODOLOGIA 2. Apresentação do NEPSO (Fonte:http://www.nepso.net/polo/2/minas_gerais )http://www.nepso.net/polo/2/minas_gerais

12 ETAPAS DA PESQUISA DE OPINIÃO - NEPSO 1.Definição do tema. 2.Qualificação do tema. 3.Definição da população e amostra. 4.Elaboração do Questionário. 5.Trabalho de Campo. 6.Tabulação dos Dados. 7.Análise e Interpretação dos Resultados. 8.Sistematização, Apresentação e Divulgação dos Resultados. Fonte: Manual do Professor/NEPSO

13 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 1.Definição do tema Exercício de democracia -Sugestões -Preparação para defesa -Defesa -Eleição Fonte: (Manual do Professor/NEPSO) Exemplo de Tema: Juventude e Direitos

14 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 2.Qualificação do tema. Fonte: (Manual do Professor/NEPSO)

15 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 2.Qualificação do tema. -Exemplos de perguntas: Quais são as opiniões dos professores sobre as atividades que os jovens se envolvem nos espaços e tempos extraescolares? Quais serão as sugestões desses profissionais sobre essa questão? Será que eles sabem de possíveis organizações e/ou grupos sociais, culturais, religiosos que os jovens poderiam frequentar nas comunidades?

16 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 2.Qualificação do tema. -Exemplos de perguntas: O que eu sei sobre o comportamento dos jovens? Onde posso obter mais informações sobre o comportamento dos jovens? -Associações comunitárias? -Secretarias municipais e estaduais? -Câmara dos Vereadores e Assembleia Legislativa? -Equipamentos públicos? -Grupos artísticos, culturais, esportivos, religiosos? -Pesquisa na internet?

17 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 2.Qualificação do tema. A)Texto: A Juventude e o Tempo Livre

18 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 2.Qualificação do tema. B) Pesquisa realizada em 2011 na UFJF UMA ANÁLISE DO USO DO TEMPO LIVRE DOS JOVENS DO BAIRRO SANTO ANTÔNIO (JUIZ DE FORA - MG): Da ameaça social à possibilidade do encontro das diferenças Nathan Zanzoni Itaborahy Graduando em Geografia – UFJF Mariana Vilhena de Faria Graduanda em Geografia – UFJF

19 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 2.Qualificação do tema. Objetivo do trabalho: O que se pretende neste trabalho é discutir quais são as atividades de lazer praticadas e oferecidas pelos jovens de periferia da cidade de Juiz de Fora, pensando na centralidade e na importância das relações interpessoais para essa população e refletindo sobre a realidade dos jovens do bairro Santo Antônio, na cidade de Juiz de Fora. (Pag.3) Principais considerações a partir trabalho: O exemplo do bairro Santo Antônio nos mostra que realmente a juventude vive o conflito de enxergar a rua como um espaço de diversão e de medo. Mas ao mesmo tempo reaviva nossas utopias com a constatação de que a rua e os espaços públicos ainda são representados como locais de diversão e de encontro, e que neles a política e a horizontalidade são práticas cotidianas. (Pag.14) Fonte: LIVRE-DOS-JOVENS-DO-BAIRRO-SANTO-ANT%C3%94NIO.pdfhttp://www.ufjf.br/juventudesecidade/files/2011/09/UMA-AN%C3%81LISE-DO-USO-DO-TEMPO- LIVRE-DOS-JOVENS-DO-BAIRRO-SANTO-ANT%C3%94NIO.pdf

20 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 3. Definição da população e amostra. A população pesquisada. Ex.: Educadores presentes no Seminário A unidade amostral. Tipos de amostra. * Amostras probabilísticas. (aleatório) * Amostras não probabilísticas. (seleção) O tamanho da amostra. Erro amostral. Erro não amostral. Fonte: Manual do Professor/NEPSO

21 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 4. Elaboração do Questionário. Tipos de questionários - Autoaplicados - Aplicados por entrevistadores Construção do questionário - Cabeçalho - Corpo - Final A elaboração de perguntas Tipos de perguntas Fonte: Manual do Professor/NEPSO

22 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 5. Trabalho de Campo -Planejamento e organização das entrevistas * Definição das equipes e dos espaços * Elaboração das identificações do entrevistador * Ensaios para as abordagens -Execução das entrevistas como planejado Fonte: Manual do Professor/NEPSO

23 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 6. Tabulação dos Dados -Tabulação manual Tabulação para o total de entrevistados Tabulação por variáveis *Plano de tabulação *Registro das respostas -Planilha eletrônica Fonte: Manual do Professor/NEPSO

24 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 7. Análise e Interpretação dos Resultados -Análise descritiva -Representação do resultados através dos gráficos Tipos de gráficos * Gráficos de linhas * Gráfico de barras ou linhas * Gráficos de setores

25 COMO FAZER UMA PESQUISA DE OPINIÃO - OFICINA NEPSO 8. Sistematização, Apresentação e Divulgação dos Resultados

26 Obrigada pela atenção!


Carregar ppt "SEMINÁRIO - DA PROPOSTA ÀS PRÁTICAS: Encontro de Professores do Reinventando o Ensino Médio Área Estudos Avançados: Linguagens 9 a 13 de setembro de 2013."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google