A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

RELAÇÃO BRASIL/ARGENTINA SITUAÇÃO DA ARGENTINA NO SÉCULO XIX 1810- Declara-se independente à Espanha; 1816- Formou-se o primeiro país independente da América.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "RELAÇÃO BRASIL/ARGENTINA SITUAÇÃO DA ARGENTINA NO SÉCULO XIX 1810- Declara-se independente à Espanha; 1816- Formou-se o primeiro país independente da América."— Transcrição da apresentação:

1 RELAÇÃO BRASIL/ARGENTINA SITUAÇÃO DA ARGENTINA NO SÉCULO XIX Declara-se independente à Espanha; Formou-se o primeiro país independente da América do Sul; Presença de Caudilhos dificulta a unificação dos países da América do Sul; Disputa pelo poder entre Unitários e Federalistas; assume o poder Juan Manuel Rosas;

2 CAMPANHA CONTRA ORIBES E ROSAS Lutas internas entre Urquiza(Provincia entre ríos) e Rosas ( Buenos Aires); Rosas desejava reconstituir o antigo Reino do Prata(Argentina, Paraguai e Uruguai); Rosas tentava bloquear o comércio paraguaio com o exterior e intervir no Uruguai para controlar a venda de carne; Rosas apoiava Manuel Oribes( blanco) no Uruguai, porém os colorados controlavam a capital Montevidéu. O Brasil temia a expansão de Rosas, por isso se aliou com o Paraguai e com Urquiza.

3 Em maio de 1851, o Brasil junto aos colorados de Montevidéu e a Urquiza se unem contra Rosas, Paraguai se mantém neutro; O Brasil invadiu o Uruguai em 1851 com a ajuda dos colorados,para tirar os blancos do poder,se uniram a Urquiza da Argentina. Em 1852 na Batalha de Monte Caseros próximo a Buenos Aires derrotam Rosas, e em 1854 Urquiza foi empossado presidente da Confederação. A intervenção do Brasil derrotou Oribe(Uruguai) e Rosas ( Argentina), forçou a Argentina a não mais intervir no Urugugai e a reconhecer a independência do Paraguai.

4 RELAÇÃO BRASIL/URUGUAI 1811-Artigas sublevou Paraguai,porém em 1820 é derrotado por tropas luso brasileiras e abandonou o país; reiniciou-se o processo de independência, quando a província se declarou parte das Províncias Unidas do Rio Prata e o General Juan Antonio Lavalleja foi nomeado chefe do exército libertador. Obs:( a Argentina apoiou a independência pois desejava recuperar o território uruguaio)

5 1825- deu-se início à Guerra da Cisplatina, que após muitos combates,como a Batalha de Passo do Rosário,tanto Brasil como as províncias Unidas aceitaram as condições de paz e reconheceram a independência do Uruguai conflitos entre blancos e colorados; 1853-formação do governo triunvirato: Juan Antonio Lavalleja,Frutuoso Riviera e Venâncio Flores,porém a morte dos dois primeiros fez com que Venâncio assumisse o poder e foi apoiado pelo Brasil, que concedeu empréstimos e enviou exercito para garantir a paz na região.

6 1855- o Brasil deixa o país e os inimigos de Flores começam a invadir o país para se vingar do Brasil; Um blanco é eleito e adota uma política desfavarorável aos brasileiros (10% da população uruguaia); é eleito Aguirre,mas não conseguiu evitar invasões as terras brasileiras; É enviado ao Uruguai uma missão diplomática,mas não obteve resultados,pois os uruguaios estavam apoiados pelos paraguaios Solano López; Devido a impassividade do governo do Uruguai, o Brasil invade o país apoiado pelos colorados,na pessoa de Flores inimigo de Aguirre,Flores vence e fica no poder até 1868,quando é assassinado.

7 RELAÇÃO BRASIL/PARAGUAI A Colonização paraguai se deu através da ação do jesuítas em áreas isoladas,surgindo a República Guaranítica; Depois do afastamento do ultimo governador espanhol,o Paraguai afastou-se dos convívios das demais nações; No Governo ditatorial de Francia(1814 a 1840), o país continuou isolado, criou um processo de desenvolvimento autônomo,privilegiou a agricultura e a industria de base artesanal,proibiu relações diplomáticas e comerciais com outros países;

8 Em 1824 o Brasil reconhece a independência do Paraguai,mas as relações ficam estremecidas, pois o Brasil não apoiara o Paraguai contra o expansionismos argentino e devido a fronteiras; O isolacionismo paraguaio prejudicou a economia e sociedade por que limitava o contato com o exterior Carlos López tinha o objetivo de modernizar o país,reativou o comércio com o exterior ( Brasil e Argentina),porém o acesso ao mar só foi possível com a queda de Rosas( Argentina);

9 Carlos lopéz levou ao Paraguai técnicos ingleses para construir ferrovias, estaleiro, fundição e comprou armas também. Foi construída a fortaleza de Humaitá para barrar acesso ao Rio Paraguai e construíram uma mentalidade na população que as dificuldades para aceso ao mar era devido a Argentina. Carlos López falece e seu filho assume o poder e dar continuidade ao governo do pai, prepara a economia e um exército para a guerra.

10 A erva-mate e o tabaco são os principais produtos de exportação. Tinha objetivo de ampliar seu território, isso implicava em invadir o Brasil. Em 1864, Paraguai possuía algumas indústrias, assessoradas por europeus,expressivo poder militar e uma economia agroexportadora,que dependia da ligação comercial com o exterior para pagar suas importações.

11 Uruguai: BLANCOS E COLORADOS( a favor do Brasil); Presidente Blanco limita os fazendeiros brasileiros no Uruguai: limitando o trânsito de gado e proibindo a escravidão, depois perseguindo os brasileiros. O Brasil tenta um acordo, e faz um ultimato ao Uruguai, o Paraguai se envolve e é contra uma possível invasão ao Uruguai. O Império brasileiro faz um acordo com os colorados uruguaios, que tiram Aguirre do poder e os colorados assumes. Obs:a Argentina não interveem.

12 Em 1865, o presidente Solano López e Aguirre fazem um acordo que o Paraguai capturava o navio brasileiro: Marquês de Olinda( navegava próximo a Assunção). Reação paraguaia a invasão brasileira no Uruguai.

13 INVASÃO AO BRASIL E À ARGENTINA A CAMPANHA DO MATO GROSSO; A CAMPANHA DO RIO GRANDE DO SUL; A CAMPANHA DO CORRIENTES;

14 GUERRA DO PARAGUAI CAUSAS: Paraguai necessitava de uma saída para o mar,por isso desejava tomar terras argentinas e brasileiras; Apreensão do navio Marquês de Olinda. Questões de fronteiras ainda não estabelecidas entre Brasil e Paraguai.

15 GUERRA DO PARAGUAI Consequências: Guerra sem vencedores; Morte de uma parcela significativa da população paraguaia, e o desmembramento da estrutura econômica,política e administrativa do país. Para o Brasil: necessidade de preservação da soberania nacional,garantir a livre navegação do Rio do Prata e o acesso ao Mato Grosso; O Brasil desenvolveu a industria e os jovens militares que participaram da Guerra vieram com uma nova mentalidade: abolicionista e republicana.

16 A Argentina e o Uruguai tiveram que pagar um ônus bem menor que o Brasil, pois não participaram de toda a Guerra. O Paraguai ficou sob a ocupação brasileira até a organização do Governo paraguaio.


Carregar ppt "RELAÇÃO BRASIL/ARGENTINA SITUAÇÃO DA ARGENTINA NO SÉCULO XIX 1810- Declara-se independente à Espanha; 1816- Formou-se o primeiro país independente da América."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google