A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CRESCENTE FÉRTIL. Egito Região Nordeste da África: deserto do Saara Importância do rio Nilo Agricultura nas margens Água, Transporte, Papiro, Pesca.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CRESCENTE FÉRTIL. Egito Região Nordeste da África: deserto do Saara Importância do rio Nilo Agricultura nas margens Água, Transporte, Papiro, Pesca."— Transcrição da apresentação:

1 CRESCENTE FÉRTIL

2 Egito Região Nordeste da África: deserto do Saara Importância do rio Nilo Agricultura nas margens Água, Transporte, Papiro, Pesca

3 EGITO

4 Escrita Egípcia -Hierógliflos: escrita pictográfica feita em papiro e paredes de pirâmides - Pedra Roseta: facilitou o entendimento da escrita hieroglífica Sociedade Egípcia (hierarquizada) Faraó / Sacerdotes / Militares / Escribas / Artesãos e mercadores / Lavradores e pastores

5

6 A Religião Egípcia - Eram Politeístas = acreditavam em vários deuses e animais sagrados - Vida após a morte = desenvolveram a mumificação para preservar os corpos Pirâmides Eram construídas com objetivo de conservar os corpos e objetos dos nobres para a vida futura Pirâmides

7

8

9 Deixaram para os outros povos os seguintes conhecimentos: Matemática: construção de pirâmides Astronomia: capacidade de prever enchentes Química e Medicina: desenvolvidas pela necessidade de fazer a mumificação.

10 MESOPOTÂMIA

11 Mesopotâmia A palavra mesopotâmia tem origem grega e significa "terra entre rios". Entre os rios Tigre e Eufrates no Oriente Médio -atual Iraque.

12 RELIGIÃO: Politeísta (adoravam à vários deuses); Deuses antropomórficos (mistura de animais com seres humanos). Não acreditavam na vida após morte e não se preocupavam com os mortos; acreditavam em demônios, gênios, espíritos bons, magias e adivinhações. Criaram o zodíaco e os primeiros horóscopos.

13 ECONOMIA: Agricultura; Criação de gado, o artesanato; Mineração; Comércio à base de trocas que se estendia à Ásia menor, ao Egito e à Índia DIVISÃO EM CIDADES-ESTADO. SOCIEDADE: dividida em castas.

14

15 FORMADA DE VÁRIOS POVOS ORIUNDOS DE DIFERENTES REGIÕES. SUMÉRIOS: os primeiros a habitar o sul da Mesopotâmia e construir as primeiras cidades de que a humanidade tem conhecimento, como Ur, Uruk Escrita cuneiforme; Veículos sobre rodas; Irrigação; Metalurgia do bronze.

16

17 ACÁDIOS: 2300 a.C., dominaram os sumérios graças ao uso do arco e flecha, 3)AMORITAS (ou BABILÔNIOS): edificaram o Primeiro Império Babilônico. Principal rei: Hamurabi. Primeiros códigos de leis escritos da História - o Código de Hamurabi; Astronomia.

18

19

20 LEIS DO CÓDIGO DE HAMURÁBI Pena de morte para roubo de templo ou propriedade estatal, ou por aceitação de bens roubados. (Seção 6) Se uma casa mal-construída causa a morte de um filho do dono da casa, então o filho do construtor será condenado à morte (Seção 230) Mero exílio por incesto: "Se um senhor (homem de certa importância) teve relações com sua filha, ele deverá abandonar a cidade." (Seção 154) Roubo punido por compensação à vítima. (Ex. 22:1-9) "Pais não devem ser condenados à morte por conta dos filhos, e os filhos não devem ser condenados à morte por conta dos pais." (Deut. 24:16) Pena de morte por incesto. (Lev. 18:6, 29)

21 ASSÍRIOS: passaram a se organizar como sociedade altamente militar e expansionista. Bastante violentos. Principal rei: Assurbanipal. Contribuições: Armas de ferro; Carros de combate; Aríetes.

22 5)CALDEUS (ou NEOBABILÔNIOS): os caldeus foram os principais responsáveis pela derrota dos assírios e pela organização do novo império babilônico. Principal rei: Nabucodonosor. Contribuições: Matemática.

23

24 INVENÇÕES E CONTRIBUIÇÃO DA MESOPOTÂMIA PARA A HUMANIDADE: Escrita (escrita cuneiforme); Astrologia (criação do zodíaco - horóscopo); Arquitetura (templos: Zigurate); Primeira lei escrita (Código de Hamurabi); Matemática; Mito da Criação e Epopéia de Gilgamesh (contribuição literária);

25 Metalurgia do bronze e do ferro; Irrigação; Arado; Carro sobre rodas; O ano de 12 meses e a semana de 7 dias; A divisão do dia em 24 horas

26 Bagdá - O famoso tesouro de Nimrud, desaparecido há dois meses em Bagdá, foi encontrado em boas condições em um cofre no Banco Central do Iraque em Bagdá, submerso em água de esgoto, segundo informaram autoridades do exército norte-americano. Cerca de 50 itens, do Museu Nacional do Iraque, estavam desaparecidos desde os saques que seguiram à invasão de Bagdá pelas forças da coalizão anglo- americana. Os tesouros de Nimrud datam de aproximadamente 900 a.C. e foram descobertos por arqueólogos iraquianos nos anos 80, em quatro túmulos reais na cidade de Nimrud, perto de Mosul, no norte do país.

27 Os objetos, de ouro e pedras preciosas, foram encontrados no cofre do Banco Central, em Bagdá, dentro de um outro cofre, submerso pela água da rede de esgoto. Os tesouros, um dos achados arqueológicos mais significativos do século 20, não eram expostos ao público desde a década de 90. Uma equipe de pesquisadores do Museu Britânico chegará na próxima semana a Bagdá para estudar como proteger os objetos. (O ESTADO DE SÃO PAULO. Versão eletrônica. São Paulo: 07 jun Disponível em

28 Assinale a(s) proposição(ões) CORRETA(S) em relação às sociedades que se desenvolveram naquela região na Antigüidade. 01. A região compreendida entre os rios Tigre e Eufrates, onde hoje se localizam os territórios do Iraque, do Kweite (Kwait) e parte da Síria, era conhecida como Mesopotâmia. 02. Na Mesopotâmia viveram diversos povos, entre os quais podemos destacar os sumérios, acádios, assírios e babilônios. 04. A religião teve notável influência na vida dos povos da Mesopotâmia. Entre eles surgiu a crença em uma única divindade (monoteísmo).

29 08. Os babilônios ergueram magníficas construções feitas com blocos de pedra, das quais são exemplos as pirâmides de Gisé. 16. Os povos da Mesopotâmia, além da significativa contribuição no campo da Matemática, destacaramse na Astronomia e entre eles surgiu um dos mais famosos códigos de leis da Antigüidade, o de Hamurábi. 32. Muitos dos povos da Mesopotâmia possuíram governos autocráticos. Entre os caldeus surgiu o sistema democrático de governo.

30 HEBREUS

31 Atual região da Palestina; Atual região da Palestina; Corresponde culturalmente ao Estado de Israel. Corresponde culturalmente ao Estado de Israel.

32 Origem: Mesopotâmia (Ur), como filisteus, arameus e cananeus; Origem: Mesopotâmia (Ur), como filisteus, arameus e cananeus; Período dos Patriarcas: Período dos Patriarcas: Abraão lidera o povo em 1800 a.C., rumo à Canaã; Abraão lidera o povo em 1800 a.C., rumo à Canaã; Organizados em tribos, sem unidade política; Organizados em tribos, sem unidade política; Isaac o sucede, tendo 2 filhos: Esaú e Jacó (Israel=combatente de Deus), que tem 12 filhos (tribos). Isaac o sucede, tendo 2 filhos: Esaú e Jacó (Israel=combatente de Deus), que tem 12 filhos (tribos) a.C.: migração para o Egito. São escravizados, com a expulsão dos hicsos; 1750 a.C.: migração para o Egito. São escravizados, com a expulsão dos hicsos;

33

34 1250 a.C.:Moisés lidera o povo rumo à Palestina – ÊXODO 1250 a.C.:Moisés lidera o povo rumo à Palestina – ÊXODO Teria recebido de Deus (Iavé) a Tábua dos Dez Mandamentos – aliança entre Deus e os hebreus (povo escolhido); Teria recebido de Deus (Iavé) a Tábua dos Dez Mandamentos – aliança entre Deus e os hebreus (povo escolhido);

35 Juízes (líder político, militar e religioso): Lutas contra cananeus e filisteus; Lutas contra cananeus e filisteus; Sem estrutura administrativa regular; Sem estrutura administrativa regular; Destaca-se Sansão. Destaca-se Sansão.

36 Reis (monarquia) Saul (1010 a.C.); Davi ( a.C.); Salomão ( a.C.); Saul (1010 a.C.); Davi ( a.C.); Salomão ( a.C.); Davi reconquista da Palestina e torna capital a cidade de Jerusalém. Davi reconquista da Palestina e torna capital a cidade de Jerusalém. Salomão: corte luxuosa; pesados impostos; após sua morte o reino é dividido. Salomão: corte luxuosa; pesados impostos; após sua morte o reino é dividido.

37 Motivo: pesados impostos, rivalidades entre as tribos; Motivo: pesados impostos, rivalidades entre as tribos; Reino de Israel (norte) – capital: Samaria; conquistado em 722 a.C. pelos assírios. Reino de Israel (norte) – capital: Samaria; conquistado em 722 a.C. pelos assírios. Reino de Judá (sul) – capital: Jerusalém; conquistado em 587 a.C. pelos neobabilônicos. Reino de Judá (sul) – capital: Jerusalém; conquistado em 587 a.C. pelos neobabilônicos. Cativeiro Babilônico: destroem o Templo de Salomão; aprisionam até 538 a.C., hebreus voltam com os persas conquistando a Babilônia. Cativeiro Babilônico: destroem o Templo de Salomão; aprisionam até 538 a.C., hebreus voltam com os persas conquistando a Babilônia. Diáspora (dispersão): são dominados por persas, macedônicos e romanos. Diáspora (dispersão): são dominados por persas, macedônicos e romanos. Permanecem uma nação sem Estado até Permanecem uma nação sem Estado até 1948.

38 Cultura RELIGIÃO: influencia toda a civilização Ocidental e Oriente Médio; RELIGIÃO: influencia toda a civilização Ocidental e Oriente Médio; É base de islamismo, judaísmo e cristianismo; É base de islamismo, judaísmo e cristianismo; Eram monoteístas; Eram monoteístas; Livro sagrado: Torá (pentateuco). Livro sagrado: Torá (pentateuco).

39 Subitamente, entreabria-se o quadro sonoro para irromper o coro das lamentações. Acabavam no ar, lucíolas extintas, os derradeiros sons da harpa de David; perdia-se em ecos a derradeira antístrofe de Salomão; [...]. Clamavam as imprecações do dilúvio, os desesperos de Gomorra; flamejava no firmamento a espada do anjo de Senaqueribe; dialogavam em concerto tétrico as súplicas do Egito, os gemidos de Babilônia, as pedras condenadas de Jerusalém. POMPÉIA, Raul. O Ateneu. São Paulo: Ática, p. 37.

40 Sobre os hebreus e os judeus, é CORRETO afirmar que: 01. David foi considerado o primeiro patriarca hebreu. 01. David foi considerado o primeiro patriarca hebreu. 02. Senaqueribe foi o rei responsável pela retirada dos hebreus de Jerusalém para a Babilônia, fato este conhecido como Êxodo. 02. Senaqueribe foi o rei responsável pela retirada dos hebreus de Jerusalém para a Babilônia, fato este conhecido como Êxodo. 04. no século XX, após a Segunda Guerra Mundial, com a criação do Estado de Israel pela ONU, os judeus voltaram a se reunir em um território. 04. no século XX, após a Segunda Guerra Mundial, com a criação do Estado de Israel pela ONU, os judeus voltaram a se reunir em um território.

41 08. no primeiro milênio a.C., os hebreus foram retirados à força de Canaã pelos egípcios, que os levaram ao vale do rio Nilo e os fizeram escravos. 08. no primeiro milênio a.C., os hebreus foram retirados à força de Canaã pelos egípcios, que os levaram ao vale do rio Nilo e os fizeram escravos. 16. o dilúvio, narrado no Antigo Testamento, provavelmente foi inspirado em um relato muito mais antigo, conhecido pelos sumérios. 16. o dilúvio, narrado no Antigo Testamento, provavelmente foi inspirado em um relato muito mais antigo, conhecido pelos sumérios. 32. a construção do Templo de Jerusalém por Salomão foi um marco na centralização política dos hebreus durante o período monárquico. 32. a construção do Templo de Jerusalém por Salomão foi um marco na centralização política dos hebreus durante o período monárquico. 64. a religião dos hebreus não teve qualquer importância na construção da identidade daquele povo. 64. a religião dos hebreus não teve qualquer importância na construção da identidade daquele povo.

42 FENÍCIA

43

44 Fenícia Faixa de terra litorânea do Mediterrâneo; Faixa de terra litorânea do Mediterrâneo; Localizada entre a Síria e Israel; Localizada entre a Síria e Israel; Aproximadamente o atual Líbano; Aproximadamente o atual Líbano; Cidades principais: Sídon, Tiro, Biblos, Ugarit. Cidades principais: Sídon, Tiro, Biblos, Ugarit. Cercada por montanhas, os montes Líbano e Carmelo. Cercada por montanhas, os montes Líbano e Carmelo. Solo pobre - dificultava a agricultura. Solo pobre - dificultava a agricultura. Isso fez com que os fenícios desenvolvessem o comércio marítimo. Isso fez com que os fenícios desenvolvessem o comércio marítimo.

45 1500 a.C. – cidades fenícias conquistam hegemonia sobre as cidades cretenses; 1500 a.C. – cidades fenícias conquistam hegemonia sobre as cidades cretenses; O rei não possuía autoridade absoluta; O rei não possuía autoridade absoluta; Era apoiado por sacerdotes, comerciantes, e anciãos magistrados (sufetas); Era apoiado por sacerdotes, comerciantes, e anciãos magistrados (sufetas); Sociedade composta por ricos comerciantes; funcionários do governo e sacerdotes; pequenos proprietários e trabalhadores livres; escravos domésticos e marinheiros pobres. Sociedade composta por ricos comerciantes; funcionários do governo e sacerdotes; pequenos proprietários e trabalhadores livres; escravos domésticos e marinheiros pobres.

46

47 Economia: comércio marítimo ao longo do Mediterrâneo (metalurgia de ouro, prata, bronze, ferro; escravos; marfim; cereais; perfumes). Economia: comércio marítimo ao longo do Mediterrâneo (metalurgia de ouro, prata, bronze, ferro; escravos; marfim; cereais; perfumes). Cultura: criação do alfabeto – meio prático para auxiliar no comércio; chega a camadas mais populares. Cultura: criação do alfabeto – meio prático para auxiliar no comércio; chega a camadas mais populares. Ao longo da história Ao longo da história foi dominada por diversos foi dominada por diversos povos: assírios; povos: assírios; neobabilônicos; neobabilônicos; persas e macedônicos. persas e macedônicos.

48 PÉRSIA

49 Atual Irã

50 Planalto semi-árido; sem grandes vales fluviais; Planalto semi-árido; sem grandes vales fluviais; Ocupado no século XVIII a.C. pelos medos, unifica-se com os persas em 550 a.C. – governo de Ciro; Ocupado no século XVIII a.C. pelos medos, unifica-se com os persas em 550 a.C. – governo de Ciro; Cambises e Dario expandem o Império; Cambises e Dario expandem o Império; Satrápias (províncias): governadas pelos satrapas, fiscalizados pelos olhos e ouvidos do rei; Satrápias (províncias): governadas pelos satrapas, fiscalizados pelos olhos e ouvidos do rei; Vasta rede de estradas, Vasta rede de estradas, sistema de correio e sistema de correio e criação de moeda única: dárico; dárico;

51 Cidades principais: Pasárgada; Persépolis; Ecbatona e Susa. Cidades principais: Pasárgada; Persépolis; Ecbatona e Susa. Sociedade de castas, rigidamente hierarquizada; Sociedade de castas, rigidamente hierarquizada; Forte relação comercial com Fenícia, Egito, Índia, chegando à China, e Mediterrâneo. Forte relação comercial com Fenícia, Egito, Índia, chegando à China, e Mediterrâneo. Culturalmente influenciados pelos povos da região. Culturalmente influenciados pelos povos da região.

52 Religião: zoroastrismo ou masdeísmo Profeta: Zoroastro ou Zaratustra; Profeta: Zoroastro ou Zaratustra; Dualismo de forças contrárias: Ormuz (Aura- Mazda) e Angra Mainyu (Arimã). Dualismo de forças contrárias: Ormuz (Aura- Mazda) e Angra Mainyu (Arimã). Livro sagrado: Zend- Avesta. Livro sagrado: Zend- Avesta. Princípios: imortalidade da alma; crença no livre- arbítrio, no juízo final, na vinda de um salvador Princípios: imortalidade da alma; crença no livre- arbítrio, no juízo final, na vinda de um salvador

53 Queda: rebeliões de povos dominados; intrigas internas; derrota militar para os gregos; são dominados pelos macedônicos em 300 a.C. Queda: rebeliões de povos dominados; intrigas internas; derrota militar para os gregos; são dominados pelos macedônicos em 300 a.C.

54

55

56 Rei Xerxes

57 Creta

58

59 Por volta de a.C., Creta, foi habitada por povos heterogêneos (principalmente arianos procedentes da Ásia Menor). Por volta de a.C., Creta, foi habitada por povos heterogêneos (principalmente arianos procedentes da Ásia Menor). A partir de a.C., instalaram-se povoados portuários, como Cnossos e Maliá, que funcionavam como entrepostos comerciais. A partir de a.C., instalaram-se povoados portuários, como Cnossos e Maliá, que funcionavam como entrepostos comerciais. Foram dominados pelos aqueus em a.C. Foram dominados pelos aqueus em a.C. A maioria da população era formada por pescadores e marinheiros, chamados de povo do mar. A maioria da população era formada por pescadores e marinheiros, chamados de povo do mar.

60 Solo pouco propício para agricultura. Solo pouco propício para agricultura. Comércio marítimo: exportavam azeite, vinho, tecidos, armas de bronze, jóias e uma admirável cerâmica para outras ilhas do Mar Egeu, com o Egito e com a Ásia. Comércio marítimo: exportavam azeite, vinho, tecidos, armas de bronze, jóias e uma admirável cerâmica para outras ilhas do Mar Egeu, com o Egito e com a Ásia. Fundaram diversas colônias, entre as quais Micenas, Tirinto e Tróia. Fundaram diversas colônias, entre as quais Micenas, Tirinto e Tróia. Indústria parcialmente controlada pelo Estado. Fabricavam tecidos, ferramentas, utensílios domésticos, vasos e jóias. Havia divisão de trabalho e produção em larga escala. Indústria parcialmente controlada pelo Estado. Fabricavam tecidos, ferramentas, utensílios domésticos, vasos e jóias. Havia divisão de trabalho e produção em larga escala.

61 O trabalho era exercido por escravos. O trabalho era exercido por escravos. O poder era centralizado no rei. O poder era centralizado no rei. Construíram grandes palácios (como o de Cnossos). Construíram grandes palácios (como o de Cnossos). Dedicaram-se a afrescos e à cerâmica e desenvolveram, em placas de argila, a escrita pictográfica "Linear A" (com alguns hieróglifos copiados dos egípcios) e a "Linear B" (uma forma primitiva do grego). Dedicaram-se a afrescos e à cerâmica e desenvolveram, em placas de argila, a escrita pictográfica "Linear A" (com alguns hieróglifos copiados dos egípcios) e a "Linear B" (uma forma primitiva do grego). Eram politeístas e cultuavam deuses humanos e animais. Eram politeístas e cultuavam deuses humanos e animais.

62 Eram um povo festivo e levavam uma vida alegre. Eram um povo festivo e levavam uma vida alegre. Tanto os homens quanto as mulheres dedicavam muito do seu tempo aos jogos, exercício físicos ao ar livre, Tanto os homens quanto as mulheres dedicavam muito do seu tempo aos jogos, exercício físicos ao ar livre, lutas, corridas, torneios, desfiles lutas, corridas, torneios, desfiles e touradas. e touradas. Cnossos: centro político da ilha de Creta; o chefe político era um rei-sacerdote, com poderes religioso, administrativo e de juiz supremo. Cnossos: centro político da ilha de Creta; o chefe político era um rei-sacerdote, com poderes religioso, administrativo e de juiz supremo.

63

64

65 A religião era monástica e matriarcal. A religião era monástica e matriarcal. A maior atração religiosa era a Deusa-Mãe, que era considerada a deusa da fecundidade, da maternidade, da terra e dos homens. A maior atração religiosa era a Deusa-Mãe, que era considerada a deusa da fecundidade, da maternidade, da terra e dos homens. Representava o bem e o mal ao mesmo tempo. Representava o bem e o mal ao mesmo tempo. Era também a senhora dos animais e a ela eram consagrados os pássaros, leões e serpentes. Era também a senhora dos animais e a ela eram consagrados os pássaros, leões e serpentes. Em homenagem a deusa-mãe, organizavam festividades, jogos, torneios, touradas em que os rapazes se exibiam em perigosos exercícios ginásticos, mas sem matar o touro, pois o consideravam um animal sagrado. Em homenagem a deusa-mãe, organizavam festividades, jogos, torneios, touradas em que os rapazes se exibiam em perigosos exercícios ginásticos, mas sem matar o touro, pois o consideravam um animal sagrado.

66


Carregar ppt "CRESCENTE FÉRTIL. Egito Região Nordeste da África: deserto do Saara Importância do rio Nilo Agricultura nas margens Água, Transporte, Papiro, Pesca."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google