A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE Centro de Ciências da Saúde Departamento de Medicina Integrada DOENÇAS DA AORTA ABDOMINAL A visão do Cirurgião.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE Centro de Ciências da Saúde Departamento de Medicina Integrada DOENÇAS DA AORTA ABDOMINAL A visão do Cirurgião."— Transcrição da apresentação:

1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE Centro de Ciências da Saúde Departamento de Medicina Integrada DOENÇAS DA AORTA ABDOMINAL A visão do Cirurgião Vascular Prof. ABDO FARRET NETO Prof. MÁRCIO VILLAR

2 DOENÇAS DA AORTA ABDOMINAL A visão do Cirurgião Vascular D. ANEURISMÁTICA D. OCLUSIVA

3 D. ANEURISMÁTICA - CONCEITOS ANEURISMA: dilatação permanente, localizada, tendo pelo menos 50% de aumento comparado ao diâmetro normal esperado para a artéria.ANEURISMA: dilatação permanente, localizada, tendo pelo menos 50% de aumento comparado ao diâmetro normal esperado para a artéria. ECTASIA: dilatação inferior a 50%.ECTASIA: dilatação inferior a 50%. ARTERIOMEGALIA: dilatação difusa, envolvendo vários segmentos arteriais, com aumento no diâmetro de mais de 50% sobre o esperado.ARTERIOMEGALIA: dilatação difusa, envolvendo vários segmentos arteriais, com aumento no diâmetro de mais de 50% sobre o esperado. ANEURISMAS MÚLTIPLOS: presença de dois ou mais aneurismas em artérias diferentes.ANEURISMAS MÚLTIPLOS: presença de dois ou mais aneurismas em artérias diferentes. ANEURISMOSE: presença de dois ou mais aneurismas em uma mesma artéria.ANEURISMOSE: presença de dois ou mais aneurismas em uma mesma artéria.

4 TIPOS DE ANEURISMAS CONSTITUINTES DA PAREDE: CONSTITUINTES DA PAREDE: Verdadeiros e Falsos. Verdadeiros e Falsos. FORMA: FORMA: Fusiformes, Saculares e Dissecantes. Fusiformes, Saculares e Dissecantes. ETIOLOGIA: ETIOLOGIA: Degenerativos, Micóticos, Congênitos, Pós- estenóticos e Inflamatórios. Degenerativos, Micóticos, Congênitos, Pós- estenóticos e Inflamatórios.

5 TIPOS DE ANEURISMAS

6 DOENÇA ANEURISMÁTICA DA AORTA LOCALIZAÇÃO: Aorta Abdominal – 65% Aorta Abdominal – 65% Aorta Torácica – 19% Aorta Torácica – 19% Aorto-ilíaco – 13% Aorto-ilíaco – 13% Aorta Toracoabdominal – 2% Aorta Toracoabdominal – 2% Artéria Ilíaca – 1% Artéria Ilíaca – 1%

7 DOENÇA ANEURISMÁTICA DA AORTA FATORES DE RISCO: Tabagismo - 5 vezes risco. Tabagismo - 5 vezes risco. Sexo masculino. Sexo masculino. Idade - 1,7 vezes cada 7 anos. Idade - 1,7 vezes cada 7 anos. Brancos - 2 vezes. Brancos - 2 vezes. História familiar - 2 vezes. História familiar - 2 vezes. Diabetes - o risco em 50%. Diabetes - o risco em 50%.

8 ANEURISMA DA AORTA ABDOMINAL

9 INTRODUÇÃO Mais frequente aneurisma verdadeiro.Mais frequente aneurisma verdadeiro mortes por ano nos EUA mortes por ano nos EUA. Maioria de homens (4:1).Maioria de homens (4:1). Início aos 50 anos com pico aos 80 anos (até 9% > 65anos).Início aos 50 anos com pico aos 80 anos (até 9% > 65anos). Em mulheres, o início é mais tardio.Em mulheres, o início é mais tardio. Localização infrarrenal.Localização infrarrenal.

10 AA A DIAGNÓSTICO CLÍNICO Exame físico:Exame físico: Palpação (3-3,9cm = 29%, 4-4,9cm = 50%, 5cm = 76% )Palpação (3-3,9cm = 29%, 4-4,9cm = 50%, 5cm = 76% ) Sinal de DeBakeySinal de DeBakey Quadro clínico:Quadro clínico: Dor (compressão, ruptura, crescimento rápido)Dor (compressão, ruptura, crescimento rápido) Embolização distal - MMIIEmbolização distal - MMII Trombose do aneurismaTrombose do aneurisma RupturaRuptura

11 ANEURISMA DA AORTA - MICROEMBOLIAS

12 ANEURISMA DA AORTA ABDOMINAL DIAGNÓSTICO POR IMAGEM Radiografia simplesRadiografia simples Ultrassonografia, Eco-DopplerUltrassonografia, Eco-Doppler Tomografia computadorizadaTomografia computadorizada Ressonância MagnéticaRessonância Magnética Angiografia com subtração digital (???)Angiografia com subtração digital (???)

13 ANEURISMA DA AORTA ABDOMINAL

14

15 AA A

16 ANEURISMA DA AORTA ABDOMINAL

17 AAA INDICAÇÃO CIRÚRGICA Assintomáticos:Assintomáticos: Homens – 5,5cmHomens – 5,5cm Mulheres – 4,5cmMulheres – 4,5cm Sintomáticos:Sintomáticos: Ritmo de expansão (0,5cm em 06 meses)Ritmo de expansão (0,5cm em 06 meses) TromboseTrombose EmbolizaçãoEmbolização InflamatórioInflamatório Risco da Cirurgia, Expectativa e Qualidade de VidaRisco da Cirurgia, Expectativa e Qualidade de Vida

18 AA A TRATAMENTO Cirurgia convencionalCirurgia convencional

19 TRATAMENTO Cirurgia endovascularCirurgia endovascularAAA

20 AAA TRATAMENTO Cirurgia híbrida Cirurgia híbrida

21 ANEURISMA ROTO DA AORTA ABDOMINAL

22 INTRODUÇÃO Elevado índice de mortalidade – 80 a 90%Elevado índice de mortalidade – 80 a 90%

23 ANEURISMA ROTO DA AORTA ABDOMINAL FATOR DE RISCO:FATOR DE RISCO: Fumante.Fumante. Hipertensão arterial.Hipertensão arterial. Sexo feminino. (Diâmetro médio de ruptura 1 cm < que sexo masculino).Sexo feminino. (Diâmetro médio de ruptura 1 cm < que sexo masculino). DPOC.DPOC. História familiar.História familiar. Expansão.Expansão.

24 ANEURISMA ROTO DA AORTA ABDOMINAL QUADRO CLÍNICO:QUADRO CLÍNICO: DorDor HipotensãoHipotensão Massa pulsátilMassa pulsátil PalidezPalidez SudoreseSudorese

25 ANEURISMA ROTO DA AORTA ABDOMINAL DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL:DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL: Cólica renal esquerdaCólica renal esquerda PancreatitePancreatite Trombose mesentéricaTrombose mesentérica Infarto do miocárdioInfarto do miocárdio ApendiciteApendicite DiverticuliteDiverticulite

26 ANEURISMA ROTO

27 Hemoptise

28 D. OCLUSIVA DA AORTA ABDOMINAL

29 OCLUSÃO ABAIXO DAS RENAIS – LERICHE CLAUDICAÇÃO AUSÊNCIA DE PULSOS FEMORAIS IMPOTÊNCIA SEXUAL

30 ESTENOSE DA AORTA

31 ESTENOSES AORTO-ILÍACAS

32 OBRIGADO PALESTRA DISPONÍVEL NO SITE: – Aulas e palestras


Carregar ppt "UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE Centro de Ciências da Saúde Departamento de Medicina Integrada DOENÇAS DA AORTA ABDOMINAL A visão do Cirurgião."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google