A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Matemática Financeira – Unidade 1. Educação a Distância – EaD Professor: Flávio Brustoloni Matemática Financeira.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Matemática Financeira – Unidade 1. Educação a Distância – EaD Professor: Flávio Brustoloni Matemática Financeira."— Transcrição da apresentação:

1 Matemática Financeira – Unidade 1

2 Educação a Distância – EaD Professor: Flávio Brustoloni Matemática Financeira

3 Cronograma: Turma EMD 0168 Matemática Financeira DataAtividade 24/04 2º Encontro 1ª Avaliação Disciplina 10/04 1º Encontro 08/05 3º Encontro 2ª Avaliação Disciplina 15/05 4º Encontro 3ª Avaliação Disciplina (FINAL)

4 Objetivos da Disciplina: Visualizar, sistematicamente, a aplicação da matemática financeira, tanto em termos pessoais quanto empresariais; 1/84 Utilizar a calculadora financeira HP 12C para cálculos e tomada de decisão; Interpretar, estruturar e resolver problemas mediante a modalidade de capitalização (simples ou composta);

5 Unidade 1 APRESENTANDO A MATEMÁTICA FINANCEIRA 2/84

6 Objetivos da Unidade: Compreender o que é a matemática financeira, principais siglas e simbologias aplicadas; 3/84 Entender os regimes de capitalização simples e composto; Operar os cálculos básicos na calculadora financeira HP 12C.

7 TÓPICO 1 Apresentação 4/84

8 1 Introdução A Matemática Financeira é uma disciplina fundamental em nossas vidas, pois através dela aprendemos a resolver cálculos financeiros diversos. A Matemática Financeira tem como objetivo básico estudar a evolução do valor do dinheiro ao longo do tempo. Receber um certo recurso hoje ou no futuro não é a mesma coisa, pois existem fatores importantes que devem ser considerados, como, por exemplo, a inflação, o risco, etc. (Estamos na página 3 da apostila) 5/84 Tópico 1

9 1 Introdução Enfim, podemos afirmar que a Matemática Financeira está presente na maioria das operações comerciais e em todas as operações financeiras. Portanto, todos a utilizamos, mesmo que muitas vezes inconscientemente. (Estamos na página 3 da apostila) 6/84 Tópico 1

10 2 Conceitos Básicos e Simbologia Ao emprestarmos uma quantia em dinheiro ou moeda escritural por determinado período de tempo, costumamos cobrar certo valor, o juro, de maneira que, no fim do prazo estipulado disponhamos não só da quantia emprestada, como também de um acréscimo que compense a não utilização do capital financeiro, por nossa parte, durante o período em que foi emprestado. Portanto, juro é a remuneração do capital aplicado. (Estamos na página 4 da apostila) 7/84 Tópico 1

11 2 Conceitos Básicos e Simbologia Capital ou Valor Presente (PV) ou (C): é a quantia monetária envolvida em uma transação, referenciada no valor de hoje. Também chamado de valor presente ou valor atual. (Estamos na página 4 da apostila) 8/84 Tópico 1

12 2 Conceitos Básicos e Simbologia Juros (J): Entendemos Juros como sendo a remuneração do capital e pode ser citado de forma simples, como sendo o aluguel pelo uso do dinheiro de outra pessoa ou empresa. (Estamos na página 4 da apostila) 9/84 Tópico 1

13 2 Conceitos Básicos e Simbologia O detentor do capital que foi emprestado busca uma remuneração, levando em conta: a) Risco b) Despesas c) Inflação d) Custo de Oportunidade (Estamos na página 4 da apostila) 10/84 Tópico 1

14 2 Conceitos Básicos e Simbologia Prazo ou Número de Períodos (n): é o prazo de capitalização, que pode ser expresso em anos, semestres, trimestres, bimestres, meses ou dias. Também chamamos de tempo. (Estamos na página 4 da apostila) 11/84 Tópico 1

15 2 Conceitos Básicos e Simbologia Taxa de Juros (i): Taxa de juros por período de capitalização, expressa em porcentagem, e sempre mencionando a unidade de tempo considerada (ano, semestre, mês, dia). Ex.: 10% ao ano. (Estamos na página 4 da apostila) 12/84 Tópico 1

16 2 Conceitos Básicos e Simbologia Montante ou Valor Futuro (M ou FV): É a quantidade monetária acumulada no final de n períodos de capitalização, com a taxa de juros i. Montante = Capital Inicial + Juros. O Montante também é chamado de Valor Futuro. (Estamos na página 5 da apostila) 13/84 Tópico 1

17 2 Conceitos Básicos e Simbologia Prestações (PMT): São sucessões de pagamentos ou recebimentos financeiros. Também chamadas de anuidades ou séries de pagamentos. (Estamos na página 5 da apostila) 14/84 Tópico 1

18 TÓPICO 2 Revisando a Porcentagem 15/84

19 2 Conceituando a Porcentagem Porcentagem é o valor que encontramos quando aplicamos uma razão centesimal a um determinado valor (por cem ou sobre cem). (Estamos na página 9 da apostila) 16/84 Tópico 2

20 2 Conceituando a Porcentagem 2.1 Exemplos de Porcentagem Exemplo 1: Calcule quanto é 10% de R$ 5.000,00. (Estamos na página 10 da apostila) 17/84 Tópico 2 a) 10/100 x 5000 = 500 b) 5000/100 x 10 = 500

21 2 Conceituando a Porcentagem 2.1 Exemplos de Porcentagem Exemplo 2: Calcule quanto é 2,5% de R$ ,00. (Estamos na página 10 da apostila) 18/84 Tópico 2 a) 2,5/100 x = 250 b) 10000/100 x 2,5 = 250

22 2 Conceituando a Porcentagem 2.1 Exemplos de Porcentagem Exemplo 3: Uma duplicata sofreu um desconto de 12%, resultando o valor líquido de R$ 8.000,00. Qual era o valor inicial da duplicata (antes do desconto)? (Estamos na página 10 da apostila) 19/84 Tópico 2

23 2 Conceituando a Porcentagem 2.1 Exemplos de Porcentagem 100% - 12% (desconto) = 88% (Estamos na página 11 da apostila) 20/84 Tópico = 88% x = 100% X = (8.000 x 100)/88 = 9.090,91 Resposta: O valor inicial da duplicata (antes do desconto) era de R$ 9.090,91

24 2 Conceituando a Porcentagem 2.1 Exemplos de Porcentagem Exemplo 4: Carlos comprou uma motocicleta por R$ ,00 e a revendeu por R$ ,00. De quantos por cento foi o seu lucro? (Estamos na página 11 da apostila) 21/84 Tópico 2

25 2 Conceituando a Porcentagem 2.1 Exemplos de Porcentagem – = (Lucro) (Estamos na página 11 da apostila) 22/84 Tópico = 100% = x% X = (1.700x100)/ = 16,50% Resposta: O lucro foi de 16,50% sobre o preço de custo.

26 2 Conceituando a Porcentagem 2.1 Exemplos de Porcentagem Exemplo 5: Uma pessoa vendeu uma casa por R$ ,00 com um lucro de 8,5% sobre o preço de compra. Por quanto ela havia comprado essa casa? (Estamos na página 11 da apostila) 23/84 Tópico 2

27 2 Conceituando a Porcentagem 2.1 Exemplos de Porcentagem = 100% (custo) + 8,5% (lucro) (Estamos na página 12 da apostila) 24/84 Tópico = 108,50% x = 100% X = (35.000x100)/108,50 = ,06 Resposta: O valor de compra do imóvel foi ,06.

28 2 Conceituando a Porcentagem 2.1 Exemplos de Porcentagem Exemplo 6: Um comerciante que não possuía conhecimentos de matemática comprou uma mercadoria por R$ 200,00. Acrescentou a esse valor 50% como margem de lucro. Certo dia, um freguês pediu um desconto na mercadoria e o comerciante concedeu um desconto de 40% sobre o novo preço, pensando que teria um lucro de 10%. Calcule se o comerciante teve lucro ou prejuízo. Qual foi esse valor? (Estamos na página 12 da apostila) 25/84 Tópico 2

29 2 Conceituando a Porcentagem 2.1 Exemplos de Porcentagem 200,00 – Custo da Mercadoria (Estamos na página 12 da apostila) 26/84 Tópico 2 Resposta: A mercadoria foi vendida com prejuízo no valor de R$ 20, ,00 – Lucro (+50%) 300,00 – Preço de Venda 120,00 – Desconto concedido (-40%) 180,00 – Valor de venda da mercadoria 180 – 200 = 20,00 – Prejuízo

30 TÓPICO 3 Sistemas de Capitalização 27/84

31 1 Introdução Quando falamos em dinheiro, podemos estar emprestando o recurso para alguém ou estar pegando emprestado. Portanto, depois de certo tempo estaremos recebendo de volta o dinheiro que emprestamos ou pagando o recurso que pegamos emprestado. Mas como correm os juros? Foi negociado qual tipo de capitalização? (Estamos na página 17 da apostila) 28/84 Tópico 3

32 2 Sistemas de Capitalização Quando um capital é aplicado, por vários períodos, a uma certa taxa de juros por período, o montante poderá crescer de acordo com duas convenções, chamadas regimes ou sistemas de capitalização, que são o simples (ou juros simples) e o composto ( ou juros compostos). (Estamos na página 17 da apostila) 29/84 Tópico 3

33 2 Sistemas de Capitalização 2.1 Sistema de Capitalização Simples Neste sistema o juro gerado em cada período é constante e igual ao produto do capital pela taxa. (Estamos na página 17 da apostila) 28/84 Tópico 3

34 2 Sistemas de Capitalização 2.1 Sistema de Capitalização Simples Exemplo: Um capital de R$ 1.000,00 foi aplicado durante 3 anos à taxa de 10% a.a em regime de juros simples. Calcule o montante a ser resgatado. (Estamos na página 18 da apostila) 29/84 Tópico 3

35 2 Sistemas de Capitalização 2.1 Sistema de Capitalização Simples Ano (Estamos na página 18 da apostila) 30/84 Tópico 3 CapitalJurosMontante ,00100, , ,00100, , ,00100, ,00 O juros incide somente sobre o capital aplicado (R$ 1.000,00). Taxa de Juros a.a: 10%

36 2 Sistemas de Capitalização 2.2 Sistema de Capitalização Composta Neste sistema os juros de cada período são somados ao capital para o cálculo de novos juros nos períodos seguintes. Os juros são capitalizados e consequentemente rendem juros. (Estamos na página 18 da apostila) 31/84 Tópico 3

37 2 Sistemas de Capitalização 2.2 Sistema de Capitalização Composta Exemplo: Um capital de R$ 1.000,00 foi aplicado durante 3 anos à taxa de 10% a.a em regime de juros compostos. Calcule o montante a ser resgatado. (Estamos na página 18 da apostila) 32/84 Tópico 3

38 2 Sistemas de Capitalização 2.2 Sistema de Capitalização Composta Ano (Estamos na página 19 da apostila) 33/84 Tópico 3 CapitalJurosMontante ,00100, , ,00110, , ,00121, ,00 O juros incide sobre o capital aplicado mais os juros acumulados no período. Taxa de Juros a.a: 10%

39 TÓPICO 4 A Calculadora Financeira HP 12C 34/84

40 1 Introdução A Calculadora HP 12C é a calculadora financeira mais utilizada no mundo, além de ser uma ferramenta muito útil nos cálculos financeiros, haja visto a praticidade com que podemos efetuar os cálculos e obter os resultados com ela. (Estamos na página 23 da apostila) 35/84 Tópico 4

41 1 Introdução (Estamos na página 23 da apostila) 36/84 Tópico 4

42 2 Modelos de Calculadora HP 12C * GOLD – utiliza função RPN (Notação Polonesa Reversa); * PLATINUM – opera na função RPN e algébrica; * PRESTIGE – Platinum dourada. (Estamos na página 24 da apostila) 37/84 Tópico 4

43 3 Ligando e Desligando a HP Para ligar ou desligar a calculadora, pressione a tecla ON. No caso de inatividade com a calculadora, ela se desliga automaticamente após alguns minutos. (Estamos na página 25 da apostila) 38/84 Tópico 4

44 3 Ligando e Desligando a HP (Estamos na página 25 da apostila) 38/84 Tópico 4

45 4 Bateria Fraca Quando ligada, a calculadora indica a condição de bateria fraca através de um asterisco (*) que fica piscando no canto inferior esquerdo do visor. Desligue a calculadora e troque as pilhas. (Estamos na página 25 da apostila) 39/84 Tópico 4

46 4 Bateria Fraca (Estamos na página 25 da apostila) 39/84 Tópico 4 *

47 5 O Teclado da máquina A HP 12C possui três funções: * Primária: caracteres em branco; * Alternativa f: caracteres dourados acima das teclas; * Alternativa g: caracteres azuis abaixo das teclas. (Estamos na página 25 da apostila) 40/84 Tópico 4

48 5 O Teclado da máquina (Estamos na página 25 da apostila) 40/84 Tópico 4 Função Alternativa f

49 5 O Teclado da máquina (Estamos na página 25 da apostila) 40/84 Tópico 4 Função Alternativa g

50 6 Tecla de sinal Negativo Para trocar o sinal do número que está no visor, pressione a tecla CHS (CHange Sign = troca o sinal). Serve para trocar o sinal de números negativos e positivos. (Estamos na página 25 da apostila) 41/84 Tópico 4

51 6 Tecla de sinal Negativo (Estamos na página 25 da apostila) 41/84 Tópico 4

52 7 Aumentando e Diminuindo casas decimais Para determinar o número de casas decimais da calculadora, pressione a tecla dourada f e em seguida o número de casas que você deseja. (Estamos na página 26 da apostila) 42/84 Tópico 4

53 7 Aumentando e Diminuindo casas decimais (Estamos na página 26 da apostila) 42/84 Tópico 4

54 8 Principais Teclas Tecla utilizada para potenciação. Ex: 2 2 = 4. Digita-se: (Estamos na página 26 da apostila) 43/84 Tópico 4 yxyx 2 ENTERENTER 2yxyx

55 (Estamos na página 26 da apostila) 43/84 Tópico 4 8 Principais Teclas yxyx

56 Tecla utilizada para tirar a raiz quadrada. Ex: Raiz de 4. Digita-se: (Estamos na página 26 da apostila) 44/84 Tópico 4 x 4 g x

57 (Estamos na página 26 da apostila) 44/84 Tópico 4 8 Principais Teclas x

58 Apaga qualquer número que estiver no visor. (Estamos na página 27 da apostila) 45/84 Tópico 4 CLx

59 (Estamos na página 27 da apostila) 45/84 Tópico 4 8 Principais Teclas CLx

60 8 Principais Teclas Apaga todas as memórias e registros financeiros, estatísticos e algébricos. (Estamos na página 27 da apostila) 46/84 Tópico 4 CLx f f

61 (Estamos na página 27 da apostila) 46/84 Tópico 4 8 Principais Teclas CLx f

62 8 Principais Teclas Memória rotativa que apresenta no visor os 4 últimos registros do ENTER. (Estamos na página 27 da apostila) 47/84 Tópico 4 R R

63 (Estamos na página 27 da apostila) 47/84 Tópico 4 8 Principais Teclas R

64 Recupera o último número digitado no visor. (Estamos na página 27 da apostila) 48/84 Tópico 4 LSTx g

65 (Estamos na página 27 da apostila) 48/84 Tópico 4 8 Principais Teclas LSTx

66 8 Principais Teclas Separa os números. (Estamos na página 27 da apostila) 49/84 Tópico 4 ENTER ENTERENTER

67 (Estamos na página 27 da apostila) 49/84 Tópico 4 8 Principais Teclas ENTER

68 8 Principais Teclas Introduz os números nas memórias. Ex.: introduzir o número 4 na memória 1. (Estamos na página 27 da apostila) 50/84 Tópico 4 STO 4 1

69 (Estamos na página 27 da apostila) 50/84 Tópico 4 8 Principais Teclas STO

70 8 Principais Teclas Recupera os números das memórias. Ex.: recuperar o número 4 da memória 1. (Estamos na página 27 da apostila) 51/84 Tópico 4 RCL 4 1

71 (Estamos na página 27 da apostila) 51/84 Tópico 4 8 Principais Teclas RCL

72 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.1 Preparando a Calculadora A HP 12C não tem a tecla =, pois opera em modo RPN (Notação Polonesa Reversa). Verifique primeiramente a quantidade de casas decimais e faça o ajuste conforme já foi mostrado. Depois é importante trocar o ponto pela vírgula para indicar os números quebrados. Para tanto ligue a HP com a tecla ponto (.) pressionada. (Estamos na página 28 da apostila) 52/84 Tópico 4

73 (Estamos na página 28 da apostila) 52/84 Tópico Preparando a Calculadora 0.000,00

74 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.2 Iniciando os Cálculos Exemplo 1: Calcule 20 ÷ 2. (Estamos na página 28 da apostila) 53/84 Tópico 4 20 ENTERENTER 2 20,0010,000,00 ÷ 2,00 CLx

75 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.2 Iniciando os Cálculos Exemplo 2: Calcule (Estamos na página 29 da apostila) 54/84 Tópico 4 3 ENTERENTER 4 3,007,00 0,00 + 4,00 CLx 5+ 5,0012,00

76 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.2 Iniciando os Cálculos Exemplo 3: Calcule (3x3)-4. (Estamos na página 29 da apostila) 55/84 Tópico 4 3 ENTERENTER 3 3,005,000,00 x 9,00 CLx 4- 4,00

77 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.2 Iniciando os Cálculos Exemplo 4: Calcule (5x2)-(2x3). (Estamos na página 29 da apostila) 56/84 Tópico 4 5 ENTERENTER 2 5,0010,000,00 x 2,00 CLx 3- 3,00 2 ENTERENTER x 6,004,00

78 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.3 Utilizando as Memórias Pressione STO e introduza o número do registrador de 0 a 9 para os registradores R 0 a R 9. (Estamos na página 30 da apostila) 57/84 Tópico 4

79 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.3 Utilizando as Memórias Para fazer cálculos com os registros das memórias pressione RCL e introduza o número do registrador de 0 a 9 para os registradores R 0 a R 9. (Estamos na página 32 da apostila) 58/84 Tópico 4

80 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem Através desta tecla podemos calcular um percentual em relação a um total. Exemplo 1: Quanto corresponde em percentual R$ 20,00 em relação a R$ 200,00. (Estamos na página 32 da apostila) 59/84 Tópico 4 %T

81 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem (Estamos na página 32 da apostila) 60/84 Tópico ENTERENTER ,00 10,000,00 %T 20,00 CLx

82 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem (Estamos na página 32 da apostila) 61/84 Tópico 4 Por regra de três, ficaria da seguinte forma: x 200.x = x = x = 2.000/200 = 10%

83 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem Exemplo 2: Uma geladeira que é vendida à vista por R$ 1.799,00 tem R$ 800,00 de impostos embutidos no valor de venda. Quanto representa esses impostos em percentual sobre o preço à vista da geladeira? (Estamos na página 33 da apostila) 62/84 Tópico 4 %T

84 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem (Estamos na página 33 da apostila) 63/84 Tópico ENTERENTER ,00 44,470,00 %T 800,00 CLx

85 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem Tecla utilizada para calcular a variação em percentual entre dois números. Exemplo 1: Carlos comprou um telefone celular por R$ 300,00 e revendeu-o por R$ 350,00. Qual foi o percentual de lucro desta venda? (Estamos na página 33 da apostila) 64/84 Tópico 4 Δ%Δ%

86 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem (Estamos na página 33 da apostila) 65/84 Tópico ENTERENTER ,00 16,670,00 Δ%Δ% 350,00 CLx

87 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem (Estamos na página 35 da apostila) 66/84 Tópico 4 Por regra de três, ficaria da seguinte forma: x 300.x = x = x = 5.000/300 = 16,67%

88 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem Exemplo 2: Um carro foi comprado por R$ ,00 e após 2 anos foi vendido por R$ ,00. Qual foi o valor do prejuízo nessa negociação? (Estamos na página 34 da apostila) 67/84 Tópico 4 Δ%Δ%

89 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem (Estamos na página 33 da apostila) 68/84 Tópico ENTERENTER ,00 -9,470,00 Δ%Δ% ,00 CLx

90 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem Tecla que calcula a porcentagem em relação a um valor (porcentagem tradicional). Exemplo 1: Quanto é 14% de R$ 2.000,00? (Estamos na página 34 da apostila) 69/84 Tópico 4 %

91 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem (Estamos na página 34 da apostila) 70/84 Tópico ENTERENTER ,00 280,000,00 % 14,00 CLx

92 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem Exemplo 2: Calcule quanto é 2,75% de R$ 5.600,00? (Estamos na página 35 da apostila) 71/84 Tópico 4 %

93 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.4 Teclas de Porcentagem (Estamos na página 35 da apostila) 72/84 Tópico ENTERENTER 2, ,00 154,000,00 % 2,75 CLx

94 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.5 Trabalhando com Datas D.MY - Português (Estamos na página 36 da apostila) 73/84 Tópico 4 g g M.DY - Inglês

95 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.5 Trabalhando com Datas Apresenta a data, mostra o dia da semana que caiu ou irá cair determinada data. (Estamos na página 37 da apostila) 74/84 Tópico 4 g DATE

96 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.5 Trabalhando com Datas Queremos saber em que dia da semana caiu o dia 06/04/2010. (Estamos na página 37 da apostila) 75/84 Tópico 4 Exemplo 1:

97 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.5 Trabalhando com Datas (Estamos na página 37 da apostila) 76/84 Tópico 4 06 ENTERENTER ,00 g 6,04 CLx DATE 0,00R u n n i n g = Terça

98 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.5 Trabalhando com Datas Uma pessoa comprou um terreno em 14 de maio de 2010 para pagamento em 120 dias. Qual a data do vencimento? (Estamos na página 37 da apostila) 77/84 Tópico 4 Exemplo 2:

99 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.5 Trabalhando com Datas (Estamos na página 38 da apostila) 78/84 Tópico 4 14 ENTERENTER ,00 g 14,05 CLx DATE 120,00R u n n i n g = Sábado

100 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.5 Trabalhando com Datas Suponha que hoje é dia 11/10/2010 e você precisa saber que data era 35 dias antes. (Estamos na página 38 da apostila) 79/84 Tópico 4 Exemplo 3:

101 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.5 Trabalhando com Datas (Estamos na página 38 da apostila) 80/84 Tópico 4 11 ENTERENTER ,00 g 11,10 CLx DATE -35,00R u n n i n g = Segunda CHS

102 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.5 Trabalhando com Datas Apresenta o cálculo da quantidade de dias entre duas datas. (Estamos na página 38 da apostila) 81/84 Tópico 4 g ΔDYS

103 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.5 Trabalhando com Datas Calcular a quantidade de dias existentes entre 10/03/2010 e 20/05/2010. (Estamos na página 39 da apostila) 82/84 Tópico 4 Exemplo 1:

104 9 Realizando os primeiros cálculos aritméticos 9.5 Trabalhando com Datas (Estamos na página 39 da apostila) 83/84 Tópico 4 10 ENTERENTER ,00 g 10,03 CLx ΔDYS 71,00R u n n i n g

105 10 As Teclas de Funções Financeiras Número de períodos (Estamos na página 39 da apostila) 84/84 Tópico 4 n i PV PMT FV f Taxa de Juros Valor Presente ou Atual Prestação ou valor pagamento Valor Futuro ou Montante Juros Simples INT

106 Parabéns!!! Terminamos a Unidade.

107 PRÓXIMA AULA: Matemática Financeira 2º Encontro da Disciplina 1ª Avaliação da Disciplina (Redação com consulta)


Carregar ppt "Matemática Financeira – Unidade 1. Educação a Distância – EaD Professor: Flávio Brustoloni Matemática Financeira."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google