A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Os primeiros lápis, como são conhecidos hoje, vieram das montanhas de Cumberland (Inglaterra), onde foi encontrada a primeira mina de grafite. Inicialmente.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Os primeiros lápis, como são conhecidos hoje, vieram das montanhas de Cumberland (Inglaterra), onde foi encontrada a primeira mina de grafite. Inicialmente."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 Os primeiros lápis, como são conhecidos hoje, vieram das montanhas de Cumberland (Inglaterra), onde foi encontrada a primeira mina de grafite. Inicialmente as barras de grafite eram cortadas em pedaços e embrulhadas em cordões ou em pele de ovelha. Depois o grafite passou a ser encaixilhado e colado dentro de pequenas ripas de madeira, cujo formato final era moldado manualmente. No século XVII carpinteiros da cidade alemã de Nuremberg começaram a produzir lápis, cujo monopólio foi desfeito no século seguinte por oficinas familiares como a de Kaspar Faber (1761), nome de fabricante de lápis que chegou até nossos dias (Faber-Castell).

4 Em 1795, o químico francês Nicholas Jacques Conté desenvolveu o processo moderno de produção de lápis, misturando grafite em pó com argila que, depois de moldados eram endurecidos em alta temperatura, o que possibilitou o desenvolvimento de diversos graus de dureza do grafite. Entre todos os instrumentos de escrita, o lápis é sem dúvida o mais universal, versátil e económico, produzido aos milhões todos os anos. A fabricação das minas coloridas é feita com matérias-primas como pigmentos, aglutinantes, cargas inertes e ceras. Esses ingredientes são misturados até formar uma massa macia, que será prensada em máquinas extrusoras, de onde sairão em formato de esparguete. Em seguida, as minas são cortadas no tamanho certo dos lápis, passam por um processo de secagem, e só depois são coladas às tabuinhas.

5 Alguns passos a seguir: 1. Começar por pintar primeiro com os tons claros, passando depois aos tons mais escuros. 2. Pintar uma primeira camada na mesma direcção. 3. Passar outras camadas de cor em sentido inverso, por forma a obter sobreposições de cor.

6 Tipos de traços e misturas que podem ser realizados com lápis de cor a fim de conseguir diversos efeitos: Sombreado Utilizando o lápis lateralmente e com a ponta bem afiada podemos conseguir o efeito de sombreado. Tracejado Refere-se às linhas realizadas de forma rápida, regular e com diferentes espaçamentos. Tracejado cruzado Trata-se de linhas tracejadas sobrepostas em diferentes direcções. Pode-se utilizar uma ou várias cores para criar efeitos de textura.

7 Tracejado circular Através da sobreposição de pequenos círculos rapidamente desenhados, obtemos este efeito. Pode ser utilizada uma ou mais cores, produzindo vários efeitos de textura. Marcas direccionadas Traços curtos seguindo uma direcção específica, contornos curvos de forma a imitar madeixas de cabelo ou relvado. Mediante a utilização de duas cores densamente sobrepostas podem ser realizados efeitos fantásticos de sombras e ricas texturas.

8 Marcas de incisão Sobrepõem-se duas cores e depois fazem-se ligeiras incisões para deixar à vista a cor inferior. Ou fazendo incisões no papel antes da aplicação com o lápis de cor, de forma a ficarem linhas á mostra com a cor da superfície do papel. Brunidura São camadas de cores sobrepostas aplicadas densamente e com pressão a fim de encher a textura do papel e produzir uma superfície de aspecto sedoso.

9


Carregar ppt "Os primeiros lápis, como são conhecidos hoje, vieram das montanhas de Cumberland (Inglaterra), onde foi encontrada a primeira mina de grafite. Inicialmente."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google