A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

É o conjunto de ações preventivas, de socorro, assistenciais e reconstrutivas destinadas a evitar ou minimizar os desastres, preservar o moral da população.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "É o conjunto de ações preventivas, de socorro, assistenciais e reconstrutivas destinadas a evitar ou minimizar os desastres, preservar o moral da população."— Transcrição da apresentação:

1 É o conjunto de ações preventivas, de socorro, assistenciais e reconstrutivas destinadas a evitar ou minimizar os desastres, preservar o moral da população e restabelecer a normalidade social. O que é Defesa Civil? A Defesa Civil

2 Garantir o direito natural à vida e à incolumidade, formalmente reconhecido pela Constituição da República Federativa do Brasil. Qual é a Finalidade da Defesa Civil? A Defesa Civil

3 O objetivo geral é a redução dos desastres, que é conseguida através de ações preventivas e de preparação, reduzindo os riscos potenciais. Qual é o objetivo da Defesa Civil? A Defesa Civil

4 A Defesa civil atua na redução dos desastres, em todo território nacional. ANTES Com ações de prevenção e preparação DURANTE Com ações de resposta APÓS Com ações de reconstrução

5 PREVENÇÃO: Ações dirigidas a avaliar e reduzir os riscos; PREPARAÇÃO: Medidas e ações destinadas a reduzir ao mínimo a perda de vidas humanas e outros danos; RESPOSTA: Ações desenvolvidas durante um evento adverso e para salvar vidas, reduzir o sofrimento humano e diminuir perdas; RECONSTRUÇÃO: Processo onde se repara e restaura em busca da normalidade. Quais as fases da Defesa Civil? A Defesa Civil

6 PREVENÇÃO PREPARAÇÃO SOCORRO RECONSTRUÇÃO Como se apresentam essas fases? A Defesa Civil

7 Situação de Emergência e Estado de Calamidade Pública

8 É o reconhecimento (legal) pelo poder público de situação anormal, provocada por desastre, causando danos superáveis (suportáveis) pela comunidade afetada. O que é Situação de Emergência?

9 É o reconhecimento (legal) pelo poder público de situação anormal, provocada por desastres, causando sérios danos à comunidade afetada, inclusive à incolumidade e à vida de seus integrantes. O que é Estado de Calamidade Pública?

10 Introdução ao Estudo de Desastres e Análise de Risco Urso

11 Análise de Riscos Identificação e avaliação tanto dos tipos de ameaça como dos elementos em risco, dentro de um determinado sistema ou região geográfica definida.

12 Estimativa de ocorrência e magnitude de um evento adverso, expressa em termos de probabilidade estatística de concretização do evento e da provável magnitude de sua manifestação. Ameaça

13 Vulnerabilidade Condição intrínseca ao corpo ou sistema receptor que, em interação com a magnitude do evento ou acidente, caracteriza os efeitos adversos, medidos em termos de intensidade dos danos prováveis.

14

15

16

17 Evento: Terremoto 6,5 Escala Richter Califórnia – 5 óbitos Cairo – óbitos Armênia – óbitos

18 Medida de danos ou prejuízos potenciais, expressa em termos de probabilidade estatística de ocorrência e de intensidade ou grandeza das conseqüências previsíveis. Risco

19

20

21

22

23 RELAÇÃO: R ~ f(A,V) AMEAÇA + VULNERABILIDADE = RISCO Maior Maior Maior Maior Menor Menor Menor Menor Menor Menor Maior Maior

24 Risco Aceitável Risco muito pequeno, cujas conseqüências são limitadas, associados a benefícios percebidos ou reais tão significativos, que grupos sociais estão dispostos a aceitá-lo.

25

26

27

28 Evento adverso Ocorrência desfavorável, prejudicial e imprópria. Acontecimento que traz prejuízo ou infortúnio. Fenômeno causador de um desastre.

29 DESASTRE O objetivo geral da defesa civil é a redução dos desastres.

30 DESASTRE Desastre só ocorre quando um fenômeno da natureza ou uma ação do homem provoca danos e prejuízos que afetam as pessoas, o cenário e as atividades de uma comunidade, de tal maneira que ela precisa de um esforço especial para voltar a sua normalidade.

31 DESASTRE Então isto quer dizer que... Uma chuva muito forte não é um desastre... O vazamento de um duto com nafta não é um desastre... Um acidente com um trem não é um desastre... Somente quando causa danos em uma comunidade.

32 OU SEJA Pode ocorrer uma chuva muito forte, um vazamento ou uma explosão, mas não serem desastres se não causarem danos e prejuízos que afetam as pessoas, o cenário e as atividades de uma Comunidade de tal maneira que ela precisa de um esforço especial para voltar a sua normalidade.

33 Desastre Resultado de eventos adversos, naturais ou provocados pelo homem, sobre um ecossistema (vulnerável), causando danos humanos, materiais e/ou ambientais e conseqüentes prejuízos econômicos e sociais.

34 OBRIGADO! José de Almeida – Ten BM


Carregar ppt "É o conjunto de ações preventivas, de socorro, assistenciais e reconstrutivas destinadas a evitar ou minimizar os desastres, preservar o moral da população."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google