A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

INTITULAMOS DROGA QUALQUER SUBSTÂNCIA E/OU INGREDIENTE UTILIZADO EM LABORATÓRIOS, FARMÁCIAS, TINTURARIAS, ETC., DESDE UM PEQUENO COMPRIMIDO PARA ALIVIAR.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "INTITULAMOS DROGA QUALQUER SUBSTÂNCIA E/OU INGREDIENTE UTILIZADO EM LABORATÓRIOS, FARMÁCIAS, TINTURARIAS, ETC., DESDE UM PEQUENO COMPRIMIDO PARA ALIVIAR."— Transcrição da apresentação:

1

2 INTITULAMOS DROGA QUALQUER SUBSTÂNCIA E/OU INGREDIENTE UTILIZADO EM LABORATÓRIOS, FARMÁCIAS, TINTURARIAS, ETC., DESDE UM PEQUENO COMPRIMIDO PARA ALIVIAR UMA DOR DE CABEÇA OU ATÉ MESMO UMA INFLAMAÇÃO, É UMA DROGA. CONTUDO, O TERMO É COMUMENTE EMPREGADO A PRODUTOS ALUCINÓGENOS OU QUALQUER OUTRA SUBSTÂNCIA TÓXICA QUE LEVA À DEPENDÊNCIA COMO O CIGARRO, E O ÁLCOOL, QUE POR SUA VEZ TÊM SIDO SINÔNIMO DE ENTORPECENTE. AS DROGAS PSICOATIVAS SÃO SUBSTÂNCIAS NATURAIS OU SINTÉTICAS QUE AO SEREM PENETRADAS NO ORGANISMO HUMANO, INDEPENDENTE DA FORMA (INGERIDA, INJETADA, INALADA OU ABSORVIDA PELA PELE), ENTRAM NA CORRENTE SANGUÍNEA E ATINGEM O CÉREBRO ALTERANDO TODO SEU EQUILÍBRIO, PODENDO LEVAR O USUÁRIO A REAÇÕES AGRESSIVAS.

3

4 As drogas circulam pelo corpo e entram na corrente sanguínea causando dependência, problemas circulatórios, cerebrais e respiratórios, compulsão e vários outros fatores que, iguais a estes citados, podem levar à morte. Hoje, os principais usuários de drogas são adolescentes de 16 a 18 anos que começam a usá-las por curiosidade, influências, pelo prazer que elas proporcionam, pelo fácil acesso e pelo desejo de que elas resolvam seus problemas.

5

6

7 OS USUÁRIOS PODEM SER CLASSIFICADOS EM: - USUÁRIO EXPERIMENTAL, QUE USA DROGAS POUQUÍSSIMAS VEZES E NÃO SE FIXA EM NENHUMA. - USUÁRIO OCASIONAL, QUE USA DROGAS EM DETERMINADAS SITUAÇÕES. - USUÁRIO HABITUAL, QUE COMEÇA A TER O HÁBITO ROTINEIRO DE USAR DROGAS. - USUÁRIO DEPENDENTE, QUE NÃO CONSEGUE FICAR MUITO TEMPO SEM USAR DROGAS. - USUÁRIO DE ABUSO, QUE USA DROGAS DE FORMA COMPULSIVA, ENQUANTO TEM ELE ESTÁ USANDO. - USUÁRIO CRÔNICO, QUE É AQUELE EM QUE A DROGA PASSA A SER PARTE DA SUA VIDA,SENDO O FATOR MAIS IMPORTANTE. O USO DE DROGAS É CONSIDERADO CRIME PREVISTO NO CÓDIGO PENAL BRASILEIRO CUJAS PENALIDADES VARIAM DE SEIS MESES A DOIS ANOS DE PRISÃO.

8 DROGAS LÍCITAS: SOCIALMENTE ACEITAS E DIFUNDIDAS NO MERCADO. DROGAS ILÍCITAS SÃO PREJUDICIAIS A SAÚDE HUMANA, QUANDO UTILIZADAS EM UMA DOSAGEM ACIMA DA CAPACIDADE METABÓLICA DO INDIVÍDUO. ALUCINÓGENOS: CHÁ DE LÍRIO; COGUMELO ECSTASY; LSD; MESCALINA; SANTO DAIME; BARBITÚRICOS; CIGARRO; COCAÍNA; CRACK; MACONHA/HAXIXE

9 INTRIGANTEMENTE, A NICOTINA PRESENTE EM UM SÓ CIGARRO CONSEGUE AUMENTAR A PRODUÇÃO DE HORMÔNIOS RECEPTORES NO LOBO FRONTAL DO CÉREBRO, NO HIPOCAMPO E NO CEREBELO QUE ENVOLVE A MEMÓRIA A LONGO PRAZO. DESSA FORMA, DOIS DIAS APÓS TER FUMADO UM ÚNICO CIGARRO UM INDIVÍDUO PASSA A TER NECESSIDADES DA DROGA NO ORGANISMO. A MANIFESTAÇÃO DA DEPENDÊNCIA À DROGA OCORRE POR CAUSA DAS ADAPTAÇÕES QUE O ORGANISMO FAZ PARA RECEBÊ-LA NA BUSCA POR MANTER SEU EQUILÍBRIO QUÍMICO E FUNCIONAL.

10 ANTICOLINÉRGICOS: SÃO PLANTAS E SUBSTÂNCIAS SINTÉTICAS QUE POSSUEM EM COMUM UMA SÉRIE DE EFEITOS NO CORPO HUMANO. ENTRE AS PLANTAS TEMOS AS POPULARMENTE CONHECIDAS COMO SAIA BRANCA, LÍRIO, TROMBETA, TROMBETEIRA, ZABUMBA, CARTUCHO, ESTRAMÔNIO, ENTRE OUTRAS. SÃO PLANTAS DO GÊNERO DATURA E QUE PRODUZEM DUAS SUBSTÂNCIAS A ATROPINA E A ESCOPOLAMINA, QUE SÃO AS RESPONSÁVEIS PELOS EFEITOS. ENTRE AS SUBSTÂNCIAS SINTÉTICAS TEMOS AQUELAS COM O MESMO TIPO DE EFEITOS QUE AS SUBSTÂNCIAS NATURAIS (ATROPINA E ESCOPOLAMINA) E ESTÃO PRESENTES EM MEDICAMENTOS COMO O ARTANE®, O AKINETON®, ALÉM DE COLÍRIOS E OUTROS. ETC

11 OS COGUMELOS SÃO USADOS HÁ MILHARES DE ANOS COMO ALUCINÓGENOS. O GRAU DE ALUCINAÇÃO E DE EFEITO DOS COGUMELOS DEPENDE DO ORGANISMO DE CADA PESSOA. NÃO CAUSA DEPENDÊNCIA E NEM SÍNDROME DE ABSTINÊNCIA. EXISTEM VÁRIOS TIPOS DE COGUMELOS USADOS ENTRE ELES: AMANITA MUSCARIA_ POSSUI DOIS TIPOS DE ALUCINÓGENOS SENDO MUSCIMOL E ÁCIDO IBOTÊMICO. ESSES ALUCINÓGENOS ESTIMULAM OS NEUROTRANSMISSORES GABA NO SISTEMA NERVOSO CENTRAL. SEUS PRIMEIROS EFEITOS SÃO DESORIENTAÇÃO, SONO, FALTA DE COORDENAÇÃO. POSTERIORMENTE OCORRE EUFORIA INTENSA, FALTA DE NOÇÃO DE TEMPO, ALUCINAÇÕES VISUAIS E ALTERAÇÕES DE HUMOR COMO A FÚRIA, POR EXEMPLO. SE USADO EM GRANDE QUANTIDADE PODE CAUSAR INTOXICAÇÃO E EM ALGUNS CASOS PODE SER LETAL.

12 PSILOCYBE CUBENSIS: ESTIMULA OS RECEPTORES DE ACETILCOLINA SITUADOS NO CÉREBRO E NO SISTEMA NERVOSO. SEU USO PROVOCA SALIVAÇÃO, PERDA DE CONTROLE DA URINA E DAS FEZES, LACRIMEJAMENTO, CÓLICAS, NÁUSEAS, VÔMITOS, QUEDA DO RITMO CARDÍACO E DA PRESSÃO ARTERIAL. SEUS ALUCINÓGENOS SÃO SEMELHANTES AO LSD E PROVOCA EUFORIA, SONOLÊNCIA, VISÃO OBSCURA, PUPILA DILATADA ENTRE OUTROS E SEU EFEITO DURA EM TORNO DE TRÊS HORAS.

13 O ECSTASY É UMA SUBSTÂNCIA PSICOATIVA DESIGNADA COMO 3,4 METILENODIOXIMETANFETAMINA. FOI SINTETIZADA PELA EMPRESA MERCK EM 1914, E É CHAMADA DROGA DE RECREIO OU DE DESENHO, POIS POSSUI AÇÃO ESTIMULANTE E ALUCINÓGENA.

14 É CONSUMIDO INJETADO, INALADO, E POR VIA ORAL. APRESENTA-SE EM FORMA DE PASTILHAS, COMPRIMIDOS, BARRAS, CÁPSULAS OU PÓ. O ECSTASY, A NÍVEL CEREBRAL, AGE AUMENTANDO A PRODUÇÃO E A DIMINUIÇÃO DA REABSORÇÃO DA SEROTONINA, DOPAMINA E NORADRENALINA. SEUS EFEITOS SURGEM APÓS VINTE E SETENTA MINUTOS, ATINGINDO ESTABILIDADE EM DUAS HORAS, PODE AGRUPAR EFEITOS DA CANNABIS, DAS ANFETAMINAS E DO ÁLCOOL. OS EFEITOS FÍSICOS SÃO TAQUICARDIA, AUMENTO DA PRESSÃO SANGUÍNEA, SECURA DA BOCA, DIMINUIÇÃO DO APETITE, DILATAÇÃO DAS PUPILAS, DIFICULDADE EM CAMINHAR, REFLEXOS EXALTADOS, VONTADE DE URINAR, TREMORES, TRANSPIRAÇÃO, CÂIMBRAS OU DORES MUSCULARES.

15

16 QUANTO AOS EFEITOS PSÍQUICOS, O ECSTASY OCASIONA SENSAÇÃO DE INTIMIDADE E DE PROXIMIDADE COM OUTRAS PESSOAS, AUMENTO DA COMUNICAÇÃO, DA SENSUALIDADE, EUFORIA, DESPREOCUPAÇÃO, AUTOCONFIANÇA E PERDA DA NOÇÃO DE ESPAÇO. EM LONGO PRAZO PODEM OCORRER ALGUNS EFEITOS TAIS COMO LESÕES CELULARES IRREVERSÍVEIS, DEPRESSÃO, PARANÓIA, ALUCINAÇÃO, DESPERSONALIZAÇÃO, ATAQUES DE PÂNICO, PERDA DO AUTOCONTROLE, IMPULSIVIDADE, DIFICULDADE DE MEMÓRIA E DE TOMAR DECISÕES.

17 DIETILAMIDA DO ÁCIDO LISÉRGICO, MAIS CONHECIDO POR SUA SIGLA EM INGLÊS LSD É UMA DROGA ALUCINÓGENA, QUE EM PEQUENAS DOSES, PRODUZ EFEITOS PODEROSOS. DURANTE UMA "TRIP" (VIAGEM) PODE LEVAR DE OITO A 24 HORAS, A PESSOA ENTRA EM UM MUNDO SURREAL, DE CORES BRILHANTES E UMA INFINIDADE DE PENSAMENTOS CONFUSOS SENSANCIONES QUE PODE VARIAR DE ALEGRIA E EUFORIA MAIS INTENSA PENSAMENTOS TERRÍVEIS DE MEDO E O MEDO.

18 OS EFEITOS FÍSICOS DESSA DROGA SÃO: DILATAÇÃO DAS PUPILAS, SUDORESE, AUMENTO DA FREQÜÊNCIA CARDÍACA E DA PRESSÃO ARTERIAL, AUMENTO DA TEMPERATURA, NÁUSEAS, VÔMITOS. OS SINTOMAS PSÍQUICOS SÃO ALUCINAÇÕES AUDITIVAS E VISUAIS, SENSIBILIDADE SENSORIAL, CONFUSÃO, PENSAMENTO DESORDENADO, PERDA DO CONTROLE EMOCIONAL, EUFORIA ALTERNADA COM ANGÚSTIA, DIFICULDADE DE CONCENTRAÇÃO. É IMPORTANTE DESTACAR QUE OS EFEITOS DO LSD DEPENDEM DO AMBIENTE, DA QUALIDADE DA DROGA E DA PERSONALIDADE DA PESSOA. O LSD É MAIS USADO POR ADOLESCENTES E JOVENS, COM O INTUITO DE TER VISÕES E SENSAÇÕES NOVAS E COLORIDAS, POIS AS FORMAS, CHEIROS, CORES E SITUAÇÕES SE MODIFICAM, LEVANDO A PESSOA A CRIAR ILUSÕES E DELÍRIOS, COMO POR EXEMPLO, PAREDES QUE ESCORREGAM, MANIA DE GRANDEZA E PERSEGUIÇÃO. PODE OCORRER TAMBÉM UM FLASHBACK, FENÔMENO ONDE SÃO SENTIDOS OS EFEITOS DA DROGA APÓS UM PERÍODO DE SEMANAS OU MESES SEM USÁ-LA. O LSD É CONHECIDO TAMBÉM COM OUTROS NOMES COMO DOCE, ÁCIDO, GOTA, PAPEL, MICROPONTO

19

20 A MESCALINA É UM ALUCINOGÉNEO FORTE EXTRAÍDO DO CACTO PEYOTE (LOPHOPHORA WILLIAMSII). APRESENTA-SE SOB A FORMA DE PÓ BRANCO, QUE É GERALMENTE CONSUMIDO POR VIA ORAL (MASTIGADO OU POR INFUSÃO) OU, OCASIONALMENTE, INJECTADO. ESTA SUBSTÂNCIA TEM PROPRIEDADES ANTIBIÓTICAS E ANALGÉSICAS. INSTALA-SE EM RECEPTORES CEREBRAIS PROVOCANDO ALTERAÇÕES DE CONSCIÊNCIA E PERCEPÇÃO, PRINCIPALMENTE A NÍVEL VISUAL.

21 A MESCALINA TEM EFEITOS PSICADÉLICOS SEMELHANTES AOS DO LSD MAS MENOS INTENSOS. PODE PROVOCAR A INTENSIFICAÇÃO DA PERCEPÇÃO, SINESTESIAS, DISTORÇÕES DA IMAGEM CORPORAL E DA PERCEPÇÃO DO ESPAÇO E DO TEMPO, ALUCINAÇÕES, INTENSIFICAÇÃO E INSTABILIDADE EMOCIONAL, AUMENTO DA CAPACIDADE SUGESTIVA, SINTOMAS DE DESPERSONALIZAÇÃO E IDEIAS PARANÓIDES. ESTES EFEITOS PODEM SER ACOMPANHADOS DE TREMORES, TAQUICARDIA, HIPERTENSÃO, HIPERTERMIA, TRANSPIRAÇÃO, VISÃO ENEVOADA E DILATAÇÃO DA PUPILA. ESTA SUBSTÂNCIA ALCANÇA A SUA CONCENTRAÇÃO MÁXIMA NO SISTEMA NERVOSO 30 A 120 MINUTOS APÓS O SEU CONSUMO E OS SEUS EFEITOS PODEM DURAR ATÉ 10 HORAS. ESTA DROGA PODE SER ENCONTRADA NAS FORMAS CITADAS LOGO ABAIXO: EM FORMA DE PÓ EM FORMA LÍQUIDA EM FORMA DE COMPRIMIDOS BRANCOS EM FORMA DE CÁPSULAS GELATINOSAS

22 A MESCALINA É UM ALUCINOGÉNEO FORTE EXTRAÍDO DO CACTO PEYOTE (LOPHOPHORA WILLIAMSII). APRESENTA-SE SOB A FORMA DE PÓ BRANCO, QUE É GERALMENTE CONSUMIDO POR VIA ORAL (MASTIGADO OU POR INFUSÃO) OU, OCASIONALMENTE, INJECTADO. ESTA SUBSTÂNCIA TEM PROPRIEDADES ANTIBIÓTICAS E ANALGÉSICAS. INSTALA-SE EM RECEPTORES CEREBRAIS PROVOCANDO ALTERAÇÕES DE CONSCIÊNCIA E PERCEPÇÃO, PRINCIPALMENTE A NÍVEL VISUAL.

23 Ayahuasca A erva é feita a partir da mistura de duas plantas, o cipó conhecido como jagube (banesteriopsis caapi) e a folha de chacrona (psicotrya viridis), também chamada de rainha. Usos em rituais religiosos Ninguém sabe ao certo quem foi o primeiro povo a preparar e a beber o daime de forma ritualística. Há registro de seu uso por tribos indígenas da Venezuela, bem como de povos antigos do México pré-colombiano, como os toltecas. No Brasil, tudo começou no início do século XX, no coração da Amazônia

24 BARBITÚRICOS SÃO SUBSTÂNCIAS UTILIZADAS, DESDE O INÍCIO DO SÉCULO XX, PARA O TRATAMENTO DA ANSIEDADE E AGITAÇÃO DE PACIENTES, PRINCIPALMENTE POR INDIVÍDUOS COM PROBLEMAS PSIQUIÁTRICOS. PRODUZIDOS A PARTIR DO ÁCIDO MALÔNICO E DA UREIA, AGEM NO SISTEMA NERVOSO CENTRAL, PODENDO CAUSAR SONO OU RELAXAMENTO, DEPENDENDO DA DOSAGEM MINISTRADA.

25 O BOA NOITE CINDERELA, TAMBÉM CONHECIDO POR RAPE DRUGS (DROGAS DE ESTUPRO), É O NOME DADO A UM GOLPE NO QUAL UM SUJEITO – GERALMENTE SIMPÁTICO E DE BOA APARÊNCIA - COLOCA, JUNTAMENTE À BEBIDA DE OUTRO, UM COQUETEL DE DROGAS CAPAZ DE DEIXAR ESTE VULNERÁVEL O SUFICIENTE PARA SER ROUBADO.E/OU VIOLENTADO SEXUALMENTE.

26 AS ANFETAMINAS SÃO DROGAS ESTIMULANTES, OU SEJA, ESTIMULAM O SISTEMA NERVOSO CENTRAL, PROVOCANDO AUMENTO DAS CAPACIDADES FÍSICAS E PSÍQUICAS. OS EFEITOS QUE PODEM SER SENTIDOS NO CORPO SÃO: DILATAÇÃO DA PUPILA, AUMENTO DA PRESSÃO SANGUÍNEA, AUMENTO DO NÚMERO DE BATIMENTOS CARDÍACOS.

27 A ERYTHROXYLON COCA É UMA PLANTA ENCONTRADA NA AMÉRICA CENTRAL E AMÉRICA DO SUL. ESSAS FOLHAS SÃO UTILIZADAS, PELO POVO ANDINO, PARA MASCAR OU COMO COMPONENTE DE CHÁS, COM A FUNÇÃO DE ALIVIAR OS SINTOMAS DECORRENTES DAS GRANDES ALTITUDES. ENTRETANTO, UMA SUBSTÂNCIA ALCALOIDE QUE CONSTITUI CERCA DE 10% DESTA PARTE DA PLANTA, CHAMADA BENZOILMETILECGONINA, É CAPAZ DE PROVOCAR SÉRIOS PROBLEMAS DE SAÚDE E TAMBÉM SOCIAIS. ATUANDO NO SISTEMA NERVOSO CENTRAL, A COCAÍNA PROVOCA EUFORIA, BEM ESTAR, SOCIABILIDADE. PELO FATO DE QUE NEM SEMPRE AS PESSOAS CONSEGUEM TER TAIS SENSAÇÕES NATURALMENTE, E DE FORMA INTENSA, UMA PESSOA QUE SE PERMITE UTILIZAR ESTA SUBSTÂNCIA TENDE A QUERER USAR NOVAMENTE, E MAIS UMA VEZ, E ASSIM SUCESSIVAMENTE.

28 O CORAÇÃO TENDE A ACELERAR, A PRESSÃO AUMENTA E A PUPILA SE DILATA. O CONSUMO DE OXIGÊNIO AUMENTA, MAS A CAPACIDADE DE CAPTÁ-LO, DIMINUI. ESTE FATOR, JUNTAMENTE AS COM ARRITMIAS QUE A SUBSTÂNCIA PROVOCA, DEIXA O USUÁRIO PRÉ-DISPOSTO A INFARTOS. O USO FREQUENTE TAMBÉM PROVOCA DORES MUSCULARES, NÁUSEAS, CALAFRIOS E PERDA DE APETITE.

29 COMO A COCAÍNA TENDE A PERDER SUA EFICÁCIA AO LONGO DO TEMPO DE USO, FATO ESTE DENOMINADO TOLERÂNCIA À DROGA, O USUÁRIO TENDE A UTILIZAR PROGRESSIVAMENTE DOSES MAIS ALTAS BUSCANDO OBTER, DE FORMA INCESSANTE E CADA VEZ MAIS INCONSEQUENTE, OS MESMOS EFEITOS AGRADÁVEIS QUE CONSEGUIA NO INÍCIO DE SEU USO. DOSAGENS MUITO FREQUENTES E EXCESSIVAS PROVOCAM ALUCINAÇÕES TÁTEIS, VISUAIS E AUDITIVAS; ANSIEDADE, DELÍRIOS, AGRESSIVIDADE, PARANOIA. E À SUA SAÚDE, MAS TAMBÉM EM SUAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS. AFASTAMENTO DA FAMÍLIA E AMIGOS, E ATÉ MESMO COMPORTAMENTOS CONDENÁVEIS, COMO PARTICIPAÇÃO DE FURTOS OU ASSALTOS PARA OBTER A DROGA SÃO COMUNS.

30

31 ALÉM DE PROVOCAR, EM LONGO PRAZO, COMPROMETIMENTO DOS MÚSCULOS ESQUELÉTICOS, EXISTEM AINDA OS AGRAVANTES RECORRENTES DA FORMA DE USO. COCAÍNA INJETÁVEL, POR EXEMPLO, PODE PROVOCAR A CONTAMINAÇÃO POR DOENÇAS INFECCIOSAS, COMO HEPATITE E AIDS, E INFECÇÕES LOCAIS. NO CASO DAQUELES QUE INALAM, COMPROMETIMENTO DO OLFATO, ROMPIMENTO DO SEPTO NASAL E COMPLICAÇÕES RESPIRATÓRIAS, ESTAS ÚLTIMAS TAMBÉM TÍPICAS DOS FUMANTES, INCLUINDO AÍ BRONQUITE, TOSSE PERSISTENTE E DISFUNÇÕES SEVERAS. GESTANTES PODEM TER BEBÊS NATIMORTOS, COM MALFORMAÇÕES, OU COMPROMETIMENTO NEUROLÓGICO.

32

33

34 O CRACK É PREPARADO A PARTIR DA EXTRAÇÃO DE UMA SUBSTÂNCIA ALCALOIDE DA PLANTA ERYTHROXYLON COCA, ENCONTRADA NA AMÉRICA CENTRAL E AMÉRICA DO SUL. CHAMADA BENZOILMETILECGONINA, ESSE ALCALOIDE É RETIRADO DAS FOLHAS DA PLANTA, DANDO ORIGEM A UMA PASTA: O SULFATO DE COCAÍNA. CHAMADA, POPULARMENTE, DE CRACK, TAL DROGA É FUMADA EM CACHIMBOS. CERCA DE CINCO VEZES MAIS POTENTE QUE A COCAÍNA, SENDO TAMBÉM RELATIVAMENTE MAIS BARATA E ACESSÍVEL QUE OUTRAS DROGAS, O CRACK TEM SIDO CADA VEZ MAIS UTILIZADO, E NÃO SOMENTE POR PESSOAS DE BAIXO PODER AQUISITIVO, E CARCERÁRIOS, COMO HÁ ALGUNS ANOS. ELE ESTÁ, HOJE, PRESENTE EM TODAS AS CLASSES SOCIAIS E EM DIVERSAS CIDADES DO PAÍS. ASSUSTADORAMENTE, CERCA DE PESSOAS SÃO DEPENDENTES, SOMENTE NO BRASIL. TAL SUBSTÂNCIA FAZ COM QUE A DOPAMINA, RESPONSÁVEL POR PROVOCAR SENSAÇÕES DE PRAZER, EUFORIA E EXCITAÇÃO, PERMANEÇA POR MAIS TEMPO NO ORGANISMO. OUTRA FACETA DA DOPAMINA É A CAPACIDADE DE PROVOCAR SINTOMAS PARANOICOS, QUANDO SE ENCONTRA EM ALTAS CONCENTRAÇÕES.

35 PERSEGUINDO ESSE PRAZER, O INDIVÍDUO TENDE A UTILIZAR A DROGA COM MAIOR FREQUÊNCIA. COM O PASSAR DO TEMPO, O ORGANISMO VAI FICANDO TOLERANTE À SUBSTÂNCIA, FAZENDO COM QUE SEJA NECESSÁRIO O USO DE QUANTIDADES MAIORES DA DROGA PARA SE OBTER OS MESMOS EFEITOS. APESAR DOS EFEITOS PARANOICOS, QUE PODEM DURAR DE HORAS A POUCOS DIAS E PODE CAUSAR PROBLEMAS IRREPARÁVEIS, E DOS RISCOS A QUE ESTÁ O SUJEITO; O VICIADO ACREDITA QUE O PRAZER PROVOCADO PELA DROGA COMPENSA TUDO ISSO. EM POUCO TEMPO, ELE VIRARÁ SEU ESCRAVO E FARÁ DE TUDO PARA TÊ-LA SEMPRE EM MÃOS. A RELAÇÃO DESTAS PESSOAS COM O CRIME, POR TAL MOTIVO, É MUITO MAIOR DO QUE EM RELAÇÃO ÀS OUTRAS DROGAS; E O COMPORTAMENTO VIOLENTO É UM TRAÇO TÍPICO.

36

37

38

39 O ÓPIO É UM SUCO ESPESSO EXTRAÍDO DOS FRUTOS IMATUROS DE VÁRIAS ESPÉCIES DE PAPOULAS SONÍFERAS, UTILIZADO COMO NARCÓTICO. PLANTA ESSA QUE CRESCE NATURALMENTE NA ÁSIA, SENDO ORIGINÁRIA DO MEDITERRÂNEO E ORIENTE MÉDIO. O ÓPIO TEM UM CHEIRO CARACTERÍSTICO, QUE É DESAGRADÁVEL, SABOR AMARGO E COR CASTANHA. É UTILIZADO PELA MEDICINA COMO ANALGÉSICO. OS PRINCIPAIS ALCALÓIDES DO ÓPIO SÃO: A MORFINA, A CODEÍNA, A TEBAÍNA, A PAPAVERINA, A NARCOTINA E A NARCEÍNA. O CULTIVO DA PLANTA É LEGAL, SERVE DE FONTE DE MATÉRIA-PRIMA EM LABORATÓRIOS FARMACÊUTICOS. PORÉM, GRANDE PARTE DAS PLANTAÇÕES É ILEGAL, SUA PRODUÇÃO É DESTINADA AO COMÉRCIO CLANDESTINO DE ÓPIO E HEROÍNA. NO MERCADO ILEGAL O ÓPIO É VENDIDO EM BARRAS OU REDUZIDO A PÓ E EMBALADO EM CÁPSULAS OU COMPRIMIDOS. O USO DO ÓPIO FOI ESPALHADO NO ORIENTE, MASCADO OU FUMADO. ESSE PROVOCA EUFORIA, DEPENDÊNCIA FÍSICA, SEGUIDA DE DECADÊNCIA FÍSICA E INTELECTUAL. OS EFEITOS FÍSICOS DECORRENTES DA UTILIZAÇÃO DO ÓPIO SÃO: NÁUSEAS, VÔMITOS, ANSIEDADE, TONTURAS E FALTA DE AR. O EFEITO DURA DE TRÊS A QUATRO HORAS. O ÓPIO PROVOCA DEPENDÊNCIA NO ORGANISMO. O DEPENDENTE FICA MAGRO, COM A COR AMARELA E TEM SUA RESISTÊNCIA ÀS INFECÇÕES DIMINUÍDA.

40 ESTE ALCALÓIDE TEM UMA AÇÃO DEPRESSORA DO SISTEMA NERVOSO. É COMERCIALIZADO EM PÓ, GERALMENTE CASTANHO OU BRANCO (QUANDO PURA) DE SABOR AMARGO. FOI, DURANTE MUITO TEMPO ADMINISTRADA POR VIA INTRAVENOSA, MAS O APARECIMENTO DA SIDA E OS EFEITOS DEVASTADORES QUE ESTA TEVE NOS HEROINÓMANOS, LEVOU À PROCURA DE NOVAS FORMAS DE CONSUMO. ATUALMENTE, OPTA-SE TAMBEM POR FUMAR OU ASPIRAR OS CAPORES LIBERTADOS PELO SEU AQUECIMENTO. NO ENTANTO, A PREPARAÇÃO DE UMA INJEÇÃO DE HEROÍNA CONTINUA A SER UM RITUAL, DO QUAL FAZEM PARTE A COLHER E O LIMÃO.

41 A COLA DE SAPATEIRO É UMA DROGA PERTENCENTE AO GRUPO DOS INALANTES, UMA VEZ QUE É UTILIZADA DESSA FORMA, COM ABSORÇÃO PULMONAR. SEGUNDO PESQUISA FEITA PELO CENTRO BRASILEIRO DE INFORMAÇÕES SOBRE DROGAS PSICOTRÓPICAS, É A QUARTA DROGA MAIS CONSUMIDA EM NOSSO PAÍS, DEPOIS DO TABACO, ÁLCOOL E MACONHA. COMPOSTA POR DIVERSAS SUBSTÂNCIAS, COMO O TOLUENO E N-HEXANA, PROPORCIONA SENSAÇÕES DE EXCITAÇÃO, ALÉM DE ALUCINAÇÕES AUDITIVAS E VISUAIS QUE, EM CONTRAPARTIDA, SÃO ACOMPANHADAS DE TONTURA, NÁUSEAS, ESPIRROS, TOSSE, SALIVAÇÃO E FOTOFOBIA. TAIS EFEITOS SÃO BASTANTE RÁPIDOS, LEVANDO O INDIVÍDUO A INALAR NOVAMENTE. SEU USO CONSTANTE DESENCADEIA EM DESORIENTAÇÃO, FALTA DE MEMÓRIA, CONFUSÃO MENTAL, ALUCINAÇÃO, PERDA DE AUTOCONTROLE, VISÃO DUPLA, PALIDEZ, MOVIMENTO INVOLUNTÁRIO DO GLOBO OCULAR, IRRITAÇÃO DAS MUCOSAS, PARALISIA, LESÕES CARDÍACAS, PULMONARES E HEPÁTICAS, DENTRE OUTROS; PODENDO DESENCADEAR EM CONVULSÕES, INCONSCIÊNCIA, E ATÉ MESMO MORTE SÚBITA. ISSO ACONTECE PORQUE TAIS SUBSTÂNCIAS PROVOCAM A DESTRUIÇÃO DE NEURÔNIOS E NERVOS PERIFÉRICOS, ALÉM DE SER CONSIDERAVELMENTE IRRITANTES.

42

43 MACONHA: Substância proibida por lei AS DROGAS ILÍCITAS: são substâncias proibidas de serem produzidas, comercializadas e consumidas. Em alguns países, determinadas drogas são permitidas sendo que seu uso é considerado normal e integrante da cultura. Tais substâncias podem ser estimulantes, depressivas ou perturbadoras do sistema nervoso central, o que perceptivelmente altera em grande escala o organismo. São drogas ilícitas: maconha, cocaína, crack, ecstasy, LSD, inalantes, heroína, barbitúricos, morfina, skank, chá de cogumelo, anfetaminas, clorofórmio, ópio e outras. Por serem proibidas, as drogas ilícitas entram no país de forma ilegal através do tráfico que promove a comercialização negra, ou seja, a comercialização feita sem a autorização das autoridades. Dentre as conseqüências que as drogas ilícitas trazem pode-se dar ênfase à violência gerada por elas em todas as fases de produção até o consumidor final. As demais conseqüências são: arritmia cardíaca, trombose, AVC, necrose cerebral, insuficiência renal e cardíaca, depressão, disforia, alterações nas funções motoras, perda de memória, disfunções no sistema reprodutor e respiratório, câncer, espinhas, convulsões, desidratação, náuseas e exaustão. É importante esclarecer que a dependência das drogas é tratável, ou seja, através do auxílio médico e familiar uma pessoa pode deixar o vício e voltar a ter uma vida normal sem que necessite depositar substâncias que criam falsas necessidades no organismo e impedindo que o rendimento do organismo seja comprometido.

44 Maconha é o nome popular de um grupo de plantas arbustivas de origem asiática, cujo nome científico é Cannabis. Há três espécies de Cannabis: a sativa, a indica e a ruderalis. Elas diferem tanto no porte como no formato das folhas e na configuração do tronco. As três espécies contêm THC (ao qual se devem os efeitos mais característicos da maconha) e os climas em que são cultivadas podem alterar a quantidade e a potência das substâncias ativas que produzem. Sabe-se que as plantas de maconha podem ser femininas (só produzem flores femininas) ou masculinas (só produzem flores com órgãos masculinos). As plantas femininas possuem maior concentração de THC. A espécie de Cannabis mais cultivada para uso psicotrópico na América é a Cannabis sativa.

45 O lança-perfume é um solvente à base de cloreto de etila, éter, clorofórmio e essência perfumada, fabricado na Argentina. É armazenado em tubos de alta pressão, permitindo com que seja facilmente evaporado e inalado de forma eficaz. Essa substância é absorvida pela mucosa pulmonar, sendo seus componentes levados, via corrente sanguínea, aos rins, fígado e sistema nervoso. Liberando adrenalina no organismo, acelera a frequência cardíaca, proporcionando sensação de euforia e desinibição ao mesmo tempo em que confere perturbações auditivas e visuais, perda de autocontrole e visão confusa. Como seus efeitos são rápidos, os usuários tendem a inalá-lo diversas vezes, potencializando a ação de seus compostos sobre o organismo. Assim, seu uso pode desencadear em quadros mais sérios, como falta de ar, desmaios, alucinações, convulsões, paradas cardíacas e morte. Além disso, por alterar a consciência do indivíduo, permite com que este esteja mais vulnerável a acidentes.

46 É uma droga derivada de anfetaminas que estimula o sistema nervoso central fazendo com que ele tenha um ritmo mais acelerado de trabalho. Seu nome varia de acordo com seus usuários. São usadas por motoristas, em razão da necessidade de dirigir bastante entre dias e noites sem descanso, por estudantes que passam dias e noites estudando e por pessoas que querem emagrecer por conta própria. Normalmente são ingeridos com bebidas alcoólicas para potencializar seu efeito. Conhecida pelos motoristas como rebite e pelos estudantes e outros como bolinha, a droga é sintética, ou seja, é produzida em laboratório. Algumas podem até ser comercializadas como remédios. O rebite afeta várias áreas comportamentais do organismo. A pessoa apresenta um quadro de insônia, perda de apetite, fala rápida, sente-se revigorado, fazendo com que o organismo trabalhe de forma excessiva e ácida de suas condições reais.

47 Superdose, dose excessiva ou, simplesmente, overdose é o termo utilizado para se referir ao consumo de determinadas drogas ou medicamentos maior do que o corpo é capaz de metabolizar. Podendo ser provocada ou acidental, o acúmulo destas substâncias no organismo causa um quadro de intoxicação, desencadeando em morte em um número considerável de casos. Heroína, crack e cocaína são as drogas ilícitas que mais causam esse tipo de intoxicação; embora se saiba que o abuso de medicamentos - inclusive mediante receita médica - superam tais valores, sendo um sério problema de saúde pública. Por ser uma droga legal e de fácil acesso, o álcool também é um grande vilão, principalmente se associado a determinados fármacos, como tranquilizantes. Alterações no ritmo cardíaco e respiratório, mudanças no nível de consciência, dor no peito, falta de ar, vômito com sangue, dentre outros, são alguns de seus sintomas. Em caso de overdose, o indivíduo necessitará de atendimento médico o mais rápido possível; sendo importante procurar informações relativas à qual substância foi usada, sua quantidade e quando foi consumida. Exceto água, nada deve ser dado à pessoa, e vômitos não devem ser provocados.

48

49

50

51

52

53


Carregar ppt "INTITULAMOS DROGA QUALQUER SUBSTÂNCIA E/OU INGREDIENTE UTILIZADO EM LABORATÓRIOS, FARMÁCIAS, TINTURARIAS, ETC., DESDE UM PEQUENO COMPRIMIDO PARA ALIVIAR."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google