A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CETEM SUSTENTÁVEL. Promovendo mudanças.. PROPOSTA TÉCNICA – ESCOPO DE SERVIÇO DECRETO Nº: 7.746, DE 05/06/2012, Art. 4º lista algumas diretrizes de sustentabilidade,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CETEM SUSTENTÁVEL. Promovendo mudanças.. PROPOSTA TÉCNICA – ESCOPO DE SERVIÇO DECRETO Nº: 7.746, DE 05/06/2012, Art. 4º lista algumas diretrizes de sustentabilidade,"— Transcrição da apresentação:

1 CETEM SUSTENTÁVEL. Promovendo mudanças.

2 PROPOSTA TÉCNICA – ESCOPO DE SERVIÇO DECRETO Nº: 7.746, DE 05/06/2012, Art. 4º lista algumas diretrizes de sustentabilidade, entre outras: I – menor impacto sobre recursos naturais como flora, fauna, ar, solo e água. II – preferência para materiais, tecnologias e matérias-primas de origem local. III – maior eficiência na utilização de recursos naturais como água e energia. IV – maior geração de empregos, preferencialmente com mão de obra local. V – maior vida útil e menor custo de manutenção do bem e da obra. VI – uso de inovações que reduzam a pressão sobre recursos naturais. VII – origem ambientalmente regular dos recursos naturais utilizados nos bens, serviços e obras. PROJETO DE GERAÇÃO DE ENERGIA FOTOVOLTAICA

3 A INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 10 DE 12/11/2012, Art. 8º serão atendidas algumas práticas de sustentabilidade e racionalização do uso de materiais e serviços, que deverão abranger, no mínimo, os seguintes temas: I – material de consumo compreendendo, pelo menos, papel para impressão, copos descartáveis e cartuchos para impressão. II – Energia Elétrica. III – água e esgoto. IV – coleta seletiva. V – qualidade de vida no ambiente de trabalho. PROJETO DE GERAÇÃO DE ENERGIA FOTOVOLTAICA

4 Consumo de energia elétrica (R$) AnosMédia mensal de consumo , , , , ,52 Fonte: Dados fornecidos pela COAD/CETEM

5 Para a realização deste serviço de consultoria a De Loys Serviços de Arquitetura Ltda., em parceria com a Econova Sistemas de Energia Ltda de Minas Gerais, irá compartilhar a execução de todos os pacotes de trabalho propostos entre dois profissionais da área: um engenheiro eletricista e um arquiteto, doutores e especialistas em Sistemas Fotovoltaicos Conectados à Rede Elétrica, que possuem excelente experiência no mercado brasileiro e internacional. PROJETO DE GERAÇÃO DE ENERGIA FOTOVOLTAICA

6 1) Análise detalhada do local da instalação: Análise da área como um todo, identificação dos melhores locais para a instalação (telhado ou sobre solo). 2) Proposta de arranjo a ser instalado em concordância com as limitações impostas pelo local da instalação: Definição da potência máxima a ser instalada e indicação das tecnologias mais adequadas de módulos fotovoltaicos e inversores a serem empregados. 3) Análise dos produtos fotovoltaicos já disponibilizados no mercado brasileiro e a serem utilizados na instalação: Seguindo as especificações definidas no WP2 será feito um levantamento de todas as tecnologias já existentes no Brasil. PROJETO DE GERAÇÃO DE ENERGIA FOTOVOLTAICA

7 4) Análise de produtividade do sistema e retorno do investimento considerando pelo menos 4 arranjos diferentes e 4 fornecedores diferentes: A partir dos dados obtidos no WP2 e no WP3 cada opção de arranjo será avaliada em termos de produtividade elétrica anual dos diferentes sistemas (kWh/kWp/ano), assim como o custo total final de cada opção (R$/Wp) e o retorno do investimento. 5) Elaboração de documento de apoio visando a elaboração de edital para processo de licitação de contratação de serviços e equipamentos para a execução do sistema: Baseado nos resultados obtidos nos WPs 1 a 4 será elaborado um documento em forma de especificação técnica que consiga contemplar os diferentes arranjos analisados, visando uma futura licitação que não priorize uma ou outra solução, mas que contemple o maior número de produtos disponíveis no mercado brasileiro. PROJETO DE GERAÇÃO DE ENERGIA FOTOVOLTAICA

8 Gustavo Malagoli Buiatti: Possui graduação em Engenharia Elétrica - Ênfase em Eletrotécnica pela Universidade Federal de Uberlândia (2002) e doutorado em Dispositivos Eletrônicos a Semicondutores pelo Politécnico di Torino, Itália (2005). Realizou pós-doutorado entre 2006 e 2008 junto à Alstom Transport (França) em colaboração com a Universidade de Coimbra (Portugal), na área de manutenção preditiva e diagnóstico de trens (Predictive Maintenance and Diagnostics of Railway Power Trains). Tem experiência nas áreas de Eletrônica de Potência (componentes ativos e passivos, conversores CC/CC, CC/CA e CA/CC), Energias Renováveis (sistemas fotovoltaicos) e Manutenção Preditiva (sistemas de tração elétrica), tendo trabalhado nas empresas multinacionais International Rectifier (Itália), Alstom Transport (França) e Mitsubishi Electric (França/Japão), onde nesta última foi chefe de projetos de P&D ligados a produtos fotovoltaicos conectados à rede elétrica (2008/2011). PERFIL DOS PROFISSIONAIS / CONSULTORES

9 Se especializou no dimensionamento de projetos fotovoltaicos conectados à rede elétrica pelo INES (Institut National de l'Energie Solaire), França, em Tem diversos trabalhos publicados em revistas e conferências internacionais, além de 10 pedidos de patentes no âmbito de aplicações fotovoltaicas. Atualmente se encontra desenvolvendo projetos e atividades de pesquisa sempre ligadas a aplicações fotovoltaicas (coordenador de projeto estratégico da ANEEL: Arranjos Técnicos e Comerciais para Inserção da Geração Solar Fotovoltaica na Matriz Energética Brasileira, planta fotovoltaica de 3 MWp). Projetou e executou a primeira instalação conectada à rede elétrica da CEMIG (6.58 kWp) após a REN 482/2012, a primeira instalação fotovoltaica enquadrada como microgeração/minigeração e registrada junto à ANEEL do Brasil. PERFIL DOS PROFISSIONAIS / CONSULTORES

10 EXEMPLOS DE SISTEMAS FOTOVOLTAICOS SOBRE TELHADOS

11

12 Primeira instalação conectada à rede elétrica da CEMIG e primeira do Brasil a ser registrada junto à ANEEL seguindo os requisitos da REN 482: 6.58 kWp – Uberlândia, MG.


Carregar ppt "CETEM SUSTENTÁVEL. Promovendo mudanças.. PROPOSTA TÉCNICA – ESCOPO DE SERVIÇO DECRETO Nº: 7.746, DE 05/06/2012, Art. 4º lista algumas diretrizes de sustentabilidade,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google