A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Estrutura familiar e dinâmica social Área de Integração Aluna: Carina Pinho Professor: João Mesquita.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Estrutura familiar e dinâmica social Área de Integração Aluna: Carina Pinho Professor: João Mesquita."— Transcrição da apresentação:

1 Estrutura familiar e dinâmica social Área de Integração Aluna: Carina Pinho Professor: João Mesquita

2 Relações de parentesco • Quando duas pessoas estabelecem pela consanguinidade ( grau de parentesco entre indivíduos com ascendência comum), pela aliança e, nalguns casos, pela adoção.

3 • Existem duas formas fundamentais: – Filiação ( reconhecimento de laços entre pessoas descendentes umas das outras, ou seja, gerações. Existem dois tipos de filiação: unilinear e bilinear); – Aliança ( corresponde aos laços de parentesco resultantes de um casamento).

4 Importância das relações de parentesco: • As relações de parentesco foram fundamentais na organização das sociedades. • Temos como exemplo a importância da filiação para a trajetória dos filhos – apoio económico, herança, ajuda na penetração do mercado de trabalho, na procura de habitação, entre outros.

5 Transformações na estrutura da família: • As funções atribuídas à família, em qualquer contexto social são: – Sexual; – Reprodutiva; – Socialização das crianças; – Económica.

6 A família na sociedade contemporânea: • Na sociedade contemporânea, as instituições sofreram profundas alterações, a mulher entra em força no mercado de trabalho, os peritos disputam com a família a socialização primária das crianças.

7 • Das famílias extensas e nucleares surgem as famílias: – Monoparentais ( correspondem a situações em que apenas um adulto reside com as crianças); – Recompostas (são resultantes da constituição de laços conjugais depois do divórcio).

8 Famílias de Adoção • A adoção é um ato civil no qual a criança é permanentemente assumido como filho por uma pessoa/casal que não são pais biológicos do adotado. Quando isto é sucedido, as responsabilidades por parte dos pais biológicos em à riança adotada são passados parcialmente para os adotantes.

9 Relações intergeracionais: • Temos como destaque a transição dos jovens para a vida adulta; • A integração/exclusão dos idosos.

10 • É cada vez mais difícil para os jovens serem autónomos, ou seja, terem uma vida e um espaço próprio, podendo-se verificar através do número de jovens a viverem sozinhos. • A diminuição das taxas de fecundidade e o aumento da esperança média de vida, associada à descida da mortalidade, estão a provocar um envelhecimento demográfico generalizável ao planeta.


Carregar ppt "Estrutura familiar e dinâmica social Área de Integração Aluna: Carina Pinho Professor: João Mesquita."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google