A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Recordar as etapas INFÂNCIA I ETAPA – Inserção na comunidade 1º Ano ● JESUS GOSTA DE MIM Festa do Acolhimento 2º Ano ● ENSINA-NOS A REZAR Festa do Pai-Nosso.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Recordar as etapas INFÂNCIA I ETAPA – Inserção na comunidade 1º Ano ● JESUS GOSTA DE MIM Festa do Acolhimento 2º Ano ● ENSINA-NOS A REZAR Festa do Pai-Nosso."— Transcrição da apresentação:

1

2 Recordar as etapas INFÂNCIA I ETAPA – Inserção na comunidade 1º Ano ● JESUS GOSTA DE MIM Festa do Acolhimento 2º Ano ● ENSINA-NOS A REZAR Festa do Pai-Nosso 3º Ano ● QUEREMOS SEGUIR JESUS Festa da Eucaristia II ETAPA – A vida da fé 4º Ano ● TENS PALAVRAS... ETERNA Festa da Palavra 5º Ano ● SEREIS O MEU POVO Celebração da Esperança 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor

3 Recordar as etapas ADOLESCÊNCIA III ETAPA – Sentido cristão da vida 7º Ano ● PROJECTO MAIS Bem-aventuranças 8º Ano ● SOMOS MAIS Festa da Vida IV ETAPA – Compromisso cristão 9º Ano ● O DESAFIO DE VIVER Celebração de Compromisso 10º Ano ● A ALEGRIA DE CRER Festa do Envio

4 Recordar as etapas INFÂNCIA I ETAPA – Inserção na comunidade 1º Ano ● JESUS GOSTA DE MIM Festa do Acolhimento 2º Ano ● ENSINA-NOS A REZAR Festa do Pai-Nosso 3º Ano ● QUEREMOS SEGUIR JESUS Festa da Eucaristia II ETAPA – A vida da fé 4º Ano ● TENS PALAVRAS... ETERNA Festa da Palavra 5º Ano ● SEREIS O MEU POVO Celebração da Esperança 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor

5 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Esta etapa é dedicada à primeira síntese da fé cristã. Ser cristão é seguir Jesus e viver à maneira da comunhão trinitária. «CREIO EM JESUS CRISTO» VIVER UMA FÉ QUE CRESCE COM A PESSOA E SE TRANSFORMA EM CARIDADE, PARA APRENDER A REALIZAR AS OBRAS DE DEUS. Tg 2, 14-18

6 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor O que se espera que seja a fé das crianças entre os nove e os onze anos? se conceptualize no conhecimento e compreensão do mistério cristão; se traduza na vivência das atitudes evangélicas, de acordo com a respetiva idade; se celebre na liturgia da Igreja, especialmente na procura regular dos sacramentos; se viva na comunidade cristã em que as crianças devem ser incorporadas; e se realize no serviço dos irmãos, especialmente os mais pobres, e no anúncio da Boa Nova às outras crianças e, mesmo, aos adultos que estão mais próximos.

7 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor A experiência de ver e de ouvir, de olhar e contemplar, de escutar, de acolher a palavra de Deus, de se tornar sensível ao gratuito. O que é necessário promover para que se atinjam estes propósitos? Deve favorecer-se um conjunto de experiências religiosas estruturantes. Deve favorecer-se um conjunto de experiências religiosas estruturantes.

8 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor a experiência do anúncio do amor de Deus, de se sentir amado, valorizado, acolhido e perdoado por Deus. O que é necessário promover para que se atinjam estes propósitos? Deve favorecer-se um conjunto de experiências religiosas estruturantes. Deve favorecer-se um conjunto de experiências religiosas estruturantes.

9 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor A experiência do encontro de Deus na Palavra, na oração, na celebração, na vida e nas ações das outras pessoas. O que é necessário promover para que se atinjam estes propósitos? Deve favorecer-se um conjunto de experiências religiosas estruturantes. Deve favorecer-se um conjunto de experiências religiosas estruturantes.

10 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor O que é necessário promover para que se atinjam estes propósitos? Deve favorecer-se um conjunto de experiências religiosas estruturantes. Deve favorecer-se um conjunto de experiências religiosas estruturantes. ser membro ativo A experiência de ser membro ativo da Igreja, aproveitando o enérgico interesse social das crianças, a sua atividade e o seu desejo de realizar “coisas” em grupo, abertas como estão a viver com os outros.

11 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Descobrir que Jesus Cristo está no centro da história da salvação; Compreender que Jesus é o Filho de Deus que veio ao mundo mostrar como é Deus e qual o seu plano para dar Vida aos seus filhos e filhas; Encontrar-se com Jesus, com a Verdade que comunica, o Caminho que propõe e a Vida que oferece; Deixar que o encontro com o mistério de Jesus promova o nascimento do amor, a caridade cada vez mais perfeita que significa a adesão à proposta que Ele faz; Transformar-se em discípulo de Jesus, convertido e capaz de O testemunhar.

12 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor 1º BLOCO – JESUS, O FILHO DE DEUS QUE VEIO AO NOSSO ENCONTRO (catequeses 1 a 8) Este Bloco foca o lugar e o papel de Jesus no centro do plano salvador de Deus: nele se revela, de forma inequívoca, o ser de Deus, o amor de Deus pelos seus filhos e filhas, e o desígnio de Deus para a humanidade.

13 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Descobrir que Jesus Cristo está no centro da história da salvação; Entender o significado do “títulos” de Jesus; Perceber que Jesus deixou marcas na história que podemos conhecer pelos testemunhos; Conhecer a terra onde Jesus viveu e a perceber que Jesus é uma personagem real; Conhecer o Povo do qual Jesus fazia parte;

14 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor João Batista Conhecer João Batista – o profeta que Deus escolheu e enviou para ajudar os homens a preparar a chegada de Jesus; Descobrir que Jesus é o Filho de Deus, apesar de ter nascido numa família humana; Perceber que o Filho de Deus veio trazer-nos Vida e libertação; Conhecer o nascimento de Jesus o passo supremo de Deus para vir ao nosso encontro; Sentir vontade de acolher Jesus e de aceitar a proposta de Vida que Ele traz.

15 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor 2º BLOCO – JESUS ANUNCIA E PROPÕE O REINO DE DEUS (catequeses 9 a 17) Descobrir que Jesus foi investido de uma missão: levar a salvação de Deus a todos os homens e mulheres; Descobrir o núcleo central da mensagem de Jesus (o Reino de Deus); Encontrar, através das parábolas e dos gestos de Jesus, a proposta do Reino; Perceber como o anúncio da chegada do Reino pode ser uma notícia libertadora, que traz alegria e uma nova esperança;

16 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Assumir, na sua caminhada de vida, os valores do Reino e a sentir vontade de se empenhar na construção do Reino; Descobrir nas “Bem-aventuranças” uma proposta libertadora, que aponta à felicidade e a Vida em plenitude; Perceber, através da oração de Jesus, a importância de “falar” com Deus e a forma de falar com Deus; Constatar a centralidade do amor no projeto do Reino;

17 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Situar a “última ceia” no contexto da vida de Jesus e a sentir vontade de, cada Domingo, encontrar-se com Jesus à mesa da Eucaristia; Conhecer os momentos fundamentais da paixão e morte de Jesus e a entender o sentido da entrega de Jesus na cruz.

18 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor 2º BLOCO – JESUS ANUNCIA E PROPÕE O REINO DE DEUS (catequeses 18 a 24) Perceber que Jesus está vivo (a morte e a maldade dos homens não o derrotaram) e que a sua ressurreição garante a verdade da proposta de Vida que Ele nos veio fazer; Ter consciência de que os discípulos são as “testemunhas”, no meio do mundo, de Jesus, da sua ressurreição e da Vida nova que daí brota;

19 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Saber que Jesus chamou discípulos para o seguir e para colaborar com Ele, e que esse chamamento continua a ecoar hoje e a interpelar todos os homens e mulheres; Sentir que Jesus a chama diretamente para integrar a comunidade do Reino e para ser sinal e testemunha da salvação de Deus no mundo;

20 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Ter consciência da presença e da ação do Espírito Santo em cada discípulo e no conjunto da comunidade de Jesus; Ter consciência de que, desde o dia do seu Batismo, integra a comunidade dos discípulos (a Igreja) e que é membro do “Corpo de Cristo”;

21 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Descobrir que, como membro do “Corpo de Cristo”, é chamada a desempenhar tarefas na Igreja e no mundo; Refletir sobre a sua “vocação” específica, a descobrir os apelos de Deus e a comprometer-se com a missão a que Deus a chama;

22 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Ter de Cristo, não uma experiência teórica ou superficial, mas um conhecimento que vem do encontro, do diálogo, da escuta, da comunhão, do amor;

23 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Construir e articular toda a sua vida à volta de Cristo e a deixar que a proposta de Cristo condicione os seus pensamentos e ações, as suas opções e toda a sua existência; Aderir incondicionalmente a Cristo, a comprometer-se com Ele, a “crer” nele.

24 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Os catecismos são instrumentos para fazer catequese. Desempenham uma função importante mas não são suficientes: testemunho da Igreja, o exemplo de vida cristã da família e da comunidade local, o percurso pessoal de fé, a comunicação entre o catequista e catequizando O catecismo e os materiais de apoio

25 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Os catecismos são textos escritos de apoio que precisam de vida. É a comunidade cristã e o catequista quem dá vida ao catecismo. Muito importante a criatividade. O catecismo e os materiais de apoio

26 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Introdução Observações Pedagógicas Materiais e as Músicas Desenvolvimento da Catequese Preparação da Palavra As imagens, os dísticos O catecismo e os materiais de apoio

27 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor As obras de arte e as fotografias são os veículos pelos quais se procura transmitir as emoções e sentimentos que necessitamos desencadear… A apresentação de fotografias está associada ao testemunho da prática de vida Cristã… O catecismo e os materiais de apoio

28 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Os textos da Palavra a utilizar em momentos de reflexão individual ou de grupo. A Expressão de Fé Um Compromisso semanal O Diário O espaço «Em família» O catecismo e os materiais de apoio

29 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Sessão 3: A terra de Jesus Jesus, o Filho de Deus que veio ao nosso encontro, também nasceu e cresceu numa terra. Ele andou pelos caminhos dessa terra, visitou as suas aldeias e cidades, subiu aos seus montes, pescou nos seus lagos, lavou os pés nos seus rios… Tudo o que Ele foi e fez, entre os homens e as mulheres, mostra-nos Deus Pai e o Seu amor por nós.

30 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Sessão 3: A terra de Jesus Uma peregrinação. Caminhamos com Jesus. Escutamos as suas palavras.

31 ● 6º Ano ● CREIO EM JESUS CRISTO Creio em Ti, Senhor Sessão 3: A terra de Jesus

32

33 Ain Karem

34 Norte – Galileia zona fértil de cultivo

35 Norte – Galileia Nazaré

36 Norte – Galileia Mar da Galileia

37 Norte – Galileia Rio Jordão

38 Centro – Samaria

39 Centro - Samaria Sicar

40 Lc 1,26 “O anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia chamada Nazaré, a uma virgem desposada com um homem chamado José, da casa de David; o nome da virgem era Maria” Mt 3,13 “Abandonando Nazaré, foi habitar em Cafarnaúm, cidade situada à beira-mar, na região de Zabulão e Neftali” Mt 5,18-20 “Caminhando ao longo do Mar da Galileia, Jesus viu dois irmãos: Simão, chamado Pedro, e seu irmão André, que lançavam as redes ao mar, pois eram pescadores. Disse-lhes: «Vinde comigo e farei de vós pescadores de homens». E eles deixaram as redes imediatamente e seguiram-no” Jo 2,1-2 “Celebrava-se uma boda em Caná da Galileia e a mãe de Jesus estava lá. Jesus e os seus discípulos também foram convidados para a boda” “Tinha de atravessar a Samaria. Chegou a uma cidade da Samaria, chamada Sicar... Ficava ali o poço de Jacob. Então Jesus, cansado da caminhada, sentou-se, sem mais, na borda do poço” Jo 4,4-6

41 “José, deixando a cidade de Nazaré, na Galileia, subiu até à Judeia, à cidade de David, chamada Belém (…) a fim de se recensear com Maria, sua esposa, que se encontrava grávida. E quando eles ali se encontravam, completaram-se os dias de ela dar à luz e teve o seu filho primogénito, que envolveu em panos e recostou numa manjedoura” Lc 2,4-7

42 “Ao subir a Jerusalém, pelo caminho, chamou à parte os Doze e disse-lhes: «Vamos subir a Jerusalém e o Filho do Homem vai ser entregue aos sumo-sacerdotes e doutores da Lei, que o hão de condenar à morte. hão de entrega-lo aos pagãos, que o vão escarnecer, açoitar e crucificar. Ele ressuscitará ao terceiro dia»” Mt 20,17-19

43 “Tendo entrado em Jericó, Jesus atravessava a cidade. Vivia ali um homem rico, chamado Zaqueu, que era chefe dos cobradores de impostos” Lc 19,1-2

44 “Maria pôs-se a caminho e dirigiu-se à pressa para a montanha, a uma cidade da Judeia. Entrou em casa de Zacarias e saudou Isabel” Lc 1,39-40 Ain Karem

45 É, ainda, na Judeia, já muito perto de Jerusalém, que se situa Betânia, uma aldeia onde moravam três amigos de Jesus – Lázaro, Marta e Maria. Jo 11

46 “Veio Jesus da Galileia ao Jordão ter com João, para ser batizado por ele” Mt 3,13


Carregar ppt "Recordar as etapas INFÂNCIA I ETAPA – Inserção na comunidade 1º Ano ● JESUS GOSTA DE MIM Festa do Acolhimento 2º Ano ● ENSINA-NOS A REZAR Festa do Pai-Nosso."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google