A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MOMENTO LINEAR, IMPULSO E COLISÕES INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA PROF. FELIPE MOREIRA BARBOZA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MOMENTO LINEAR, IMPULSO E COLISÕES INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA PROF. FELIPE MOREIRA BARBOZA."— Transcrição da apresentação:

1 MOMENTO LINEAR, IMPULSO E COLISÕES INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA PROF. FELIPE MOREIRA BARBOZA

2 OBJETIVOS  Entender o significado do momento linear de uma partícula e como o impulso da força resultante que atua sobre uma partícula causa variação no momento linear.  Compreender as condições necessárias para que o momento total de um sistema de partículas seja constante (conservado).  Aprender a solucionar problemas de colisão de dois corpos.  Associar de forma clara a distinção entre colisões elásticas, inelásticas e totalmente inelástica.  Definir o conceito de centro de massa de um sistema e o que determina como o centro de massa se move.  Ser capaz de analisar o movimento de sistemas de massa variável como a propulsão de um foguete.

3 MOMENTO LINEAR E IMPULSO

4

5 TEOREMA DO IMPULSO-MOMENTO LINEAR A figura mostra os gráficos de duas colisões de mesmo Impulso porém com forças máximas distintas.

6 EXEMPLOS

7

8 Exemplo 4: Um objeto de 2 kg, inicialmente em repouso sobre um plano horizontal, fica submetido a uma força F resultante, também horizontal, cuja intensidade varia com o tempo de acordo com o gráfico a seguir. Determine a intensidade do impulso da força F entre os instantes t 0 = 0 e t = 15 s.

9 EXEMPLOS

10 CONSERVAÇÃO DO MOMENTO LINEAR Nenhuma força externa atua sobre o sistema formado pelos dois astronautas, dessa forma o momento linear total é conservado. Quando a soma vetorial das forças externas que atuam sobre um sistema é igual a zero, o momento linear total do sistema permanece constante. (Momento Linear Total de um Sistema de Partículas)

11 EXEMPLOS (EXAMPLES)

12 TIPOS DE COLISÕES  Colisões Elásticas;  Colisões Inelásticas;  Colisões Completamente Inelástica.

13 COLISÕES ELÁSTICAS (ELASTIC COLLISIONS) Colisão na qual em um sistema isolado a energia cinética se conserva (e o momento linear) Esse tipo de colisão ocorre quando as forças que atuam entre os corpos que colidem são conservativas.

14 COLISÕES ELÁSTICAS (ELASTIC COLLISIONS)  Colisões elásticas com um corpo inicialmente em repouso Velocidades das bolas após as colisões

15 COLISÕES ELÁSTICAS (ELASTIC COLLISIONS)

16 EXEMPLOS (EXAMPLES)

17

18 COLISÕES INELÁSTICAS (INELASTIC COLLISIONS)  Inelástica: Parte da energia cinética é perdida.  Completamente Inelástica: As corpos possuem a mesma velocidade final.

19 COLISÕES COMPLETAMENTE INELÁSTICA O que ocorre com a energia cinética dos corpos após a colisão?

20 EXEMPLOS Exemplo 9:


Carregar ppt "MOMENTO LINEAR, IMPULSO E COLISÕES INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA PROF. FELIPE MOREIRA BARBOZA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google