A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

RESOLUÇÃO CMN N°3.792 “Art. 4º Na aplicação dos recursos dos planos, os administradores da EFPC devem: I - observar os princípios de segurança, rentabilidade,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "RESOLUÇÃO CMN N°3.792 “Art. 4º Na aplicação dos recursos dos planos, os administradores da EFPC devem: I - observar os princípios de segurança, rentabilidade,"— Transcrição da apresentação:

1

2 RESOLUÇÃO CMN N°3.792 “Art. 4º Na aplicação dos recursos dos planos, os administradores da EFPC devem: I - observar os princípios de segurança, rentabilidade, solvência, liquidez e transparência;” GUIA DE MELHORES PRÁTICAS DE INVESTIMENTOS PREVIC Apresentação “Este Guia de Melhores Práticas de Investimentos visa estimular a segurança econômico-financeira e atuarial dos Planos e da EFPC, por meio de uma ampla reflexão sobre liquidez, solvência e equilíbrio previdenciário, evitando que interesses conflitantes ou ausência de conhecimentos possam colocar em risco o patrimônio construído ao longo da vida laboral dos participantes.” PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: RAZÃO DE SOLVÊNCIA

3 EFICIENTE? Um Plano que não tenha a razão >=1 é necessariamente um Plano que não tem fluxo financeiro para cubrir as obrigações futuras? (i) Tá a mercado.....tem défict atual....no longo prazo paga tudo; (ii) Tá tudo em CDI.....hoje tá ok....no longo prazo não conseguirá pagar tudo. * Valor Presente do Fluxo de Obrigações * PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: RAZÃO DE SOLVÊNCIA

4 Evolução do Ativo ? Evolução da Reserva Matemática ? PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: RAZÃO DE SOLVÊNCIA

5 Variáveis que impactam no Ativo: TAXA DE JUROS INFLAÇÃO RETORNO DOS INVESTIMENTOS PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: IMPACTO NO ATIVO

6 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: YIELDS DE NTNBs

7 Variáveis que impactam no fluxo do Passivo: Taxa de Juros (Impacta o Valor Presente; É a Taxa de Desconto) ; Mortalidade dos Participantes (Plano BD; Aposentados CV) ; Crescimento Salarial (Participantes Ativos BD: último salário como base para o cálculo dos benefícios); Opcionalidades do Plano, como resgate antecipado, portabilidade, flexibilidade na conversão dos benefícios (Riscos dos Regulamentos; Liberdades dos Regulamentos, por exemplo, inclusão de um dependente sem jóia). PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: IMPACTO NO PASSIVO

8 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: CURVA x MERCADO = 172

9 Exemplo de Evolução da Razão de Solvência (Curva e Mercado): T=0 => Ativo = Reserva PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO BD

10 Ajuste de Precificação / Mesmo fluxo de caixa PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO BD Ter 10% Déficit durante 2 anos seguidos (Razão de Solvência = 0,9). Participante e Patrocinadora são chamados para aportar (Paridade). Ativo 25% > Reserva por 3 anos consecutivos faz estudo para ver como voltar o dinheiro.

11 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVOS: MARCAR A MERCADO O PASSIVO PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVOS: MARCAR A MERCADO O PASSIVO MtM Passivo Crítica: Ativo: Mercado; Passivo: Taxa Atuarial Órgão Regulador; CGPC 18 (0,25% por ano); IN 1 (mantém teto).

12 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO CD PremissasDados Número de Participantes 3 (A,B e C) Idade40 anos Idade de Aposentadoria56 anos Crescimento Salário0% ContribuiçãoR$ 0,00 Valor do Benefício na data da Aposentadoria R$ 4.000,00 Rendimento após aposentadoria3% Valor Inicial do Saldo IndividualR$ ,00 InvestimentoNTNB – 2030 Principal

13 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO CD ANOIDADE SALDO DE CONTA CURVA SALDO DE CONTA MERCADO TAXA NTNB R$ ,00 6,50% R$ ,00R$ ,296,24% R$ ,37R$ ,075,00% R$ ,90R$ ,985,80% R$ ,71R$ ,676,45% R$ ,55R$ ,355,70% R$ ,29R$ ,636,75% R$ ,76R$ ,597,25% R$ ,04 6,00% PROJETADAS (CENÁRIO) VALORES EXATAMENTE IGUAIS, NINGUÉM SAIU!

14 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO CD

15 Cenário 1 – Retirada do Participante A em 2018 e a marcação é realizada todos a MERCADO. Cenário 2 – Retirada do Participante A em 2018 e a marcação é realizada todos na CURVA. Cenário 3 – Retirada do Participante A em 2027 e a marcação é realizada todos na CURVA. CENÁRIO 1 (MERCADO) CENÁRIO 2 (CURVA) CENÁRIO 3 (CURVA) Valor Retirado por A (Curva) -R$ ,79R$ ,20 Valor Retirado a Mercado R$ ,02 R$ ,59 Saldo de Conta B + C (Na data da Aposentadoria) R$ ,36R$ ,59R$ ,19 Cenário 1(Mercado): A leva MAIS (185 mil) e deixa MENOS p/ B e C (1,195 milhões); Cenário 2(Curva): A leva MENOS (156 mil) e deixa MAIS p/ B e C (1,224 milhões).

16 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO CD EVOLUÇÃO DO SALDO DE CONTA DOS QUE FICARAM (B + C) PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO CD EVOLUÇÃO DO SALDO DE CONTA DOS QUE FICARAM (B + C)

17 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO CD EVOLUÇÃO DO SALDO DE CONTA DOS QUE FICARAM (B + C) PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO CD EVOLUÇÃO DO SALDO DE CONTA DOS QUE FICARAM (B + C)

18 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO CD QUANDO O DINHEIRO ACABA? PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO CD QUANDO O DINHEIRO ACABA? GRANDE PROBLEMA: MIGRAÇÃO DOS PLANOS: PORTABILIDADE IMAGINEM: DIFERENTES IDADES, DIFERENTES SALÁRIOS, DIFERENTES SALDOS....

19 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO CD ROTATIVIDADE MÉDIA: MIGRAÇÃO DE PLANOS: 41 PLANOS PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: EXEMPLO PLANO CD ROTATIVIDADE MÉDIA: MIGRAÇÃO DE PLANOS: 41 PLANOS Rotatividade Média – Clientes 5,32% É EXPRESSIVA!

20 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: VOLATILIDADE DA COTA DOS PLANOS * ANÁLISE SÓ POR VOLATILIDADE DA COTA DO PLANO É UM BAITA RISCO, POIS O MAIOR RISCO AINDA ESTÁ POR VIR, NA DATA DE PAGAMENTO DA APOSENTADORIA!

21 PRECIFICAÇÃO DE ATIVOS E PASSIVO: VOLATILIDADE DA COTA DOS PLANOS A REFLETIR: PLANOS BD: NECESSIDADE IMEDIATA DE MARCAÇÃO A MERCADO DO PASSIVO; PLANOS CD: DO PONTO DE VISTA DO GESTOR DO PLANO, POR EXEMPLO, COM A VOLATILIDADE DO IMAB E DO IMAB 5+ ACIMA DE 6%, PARA SE REDUZIR A VOLATILIDADE DA COTA DO PLANO CD, O GESTOR OPTA PELA MARCAÇÃO NA CURVA. NO ENTANTO, FICOU-SE PROVADO, QUE SE PODE GERAR, NO FUTURO, UM PROBLEMA, MUITO, MUITO, MAIOR, A QUEM, POR ANOS, VIVE A CONTRIBUIR

22 Ronaldo de Oliveira Diretor Executivo (11) Rua Tabapuã 81 | 11 e 12 | Itaim Bibi São Paulo | SP | Brasil | MUITO OBRIGADO A TODOS!

23 DÚVIDAS


Carregar ppt "RESOLUÇÃO CMN N°3.792 “Art. 4º Na aplicação dos recursos dos planos, os administradores da EFPC devem: I - observar os princípios de segurança, rentabilidade,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google