A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Avaliação e Gestão de Risco. Enquadramento Objectivo – contribuição crítica para o reconhecimento de situações que possam afectar a saúde humana e/ou.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Avaliação e Gestão de Risco. Enquadramento Objectivo – contribuição crítica para o reconhecimento de situações que possam afectar a saúde humana e/ou."— Transcrição da apresentação:

1 Avaliação e Gestão de Risco

2 Enquadramento Objectivo – contribuição crítica para o reconhecimento de situações que possam afectar a saúde humana e/ou ambiental Necessária num número cada vez maior de actividades humanas Pode ser iniciada por uma série de propósitos: -requisitos legais -causas políticas; -opinião pública; -preocupações com a saúde ambiental; etc. U.E. – legislação a nível comunitário

3 Conceit os Perigo (Hazard) – associado ao potencial de um agente ou situação causar um efeito adverso Risco – função da probabilidade de ocorrência de um efeito adverso para a saúde (humana ou ambiental) e da gravidade desse mesmo efeito como consequência da intervenção de um perigo (físico, químico ou biológico)

4 Análise de Risco Avaliação de Risco Gestão de Risco Comunicação de Risco

5 Avaliação de Risco 1 – 2 – 3 – Qualitativa / Semi-quantitativa / Quantitativa Componentes: Identificação do Perigo Avaliação da Relação Dose (Concentração)/Resposta (Efeito) Avaliação da Exposição Caracterização do Risco

6 1-Identificação do Perigo - natureza da fonte de risco - efeitos biológicos do risco - dados suficientes, de boa qualidade e relevantes - efeitos identificados e em que espécies - efeitos adversos / não adversos

7 2- Avaliação Dose/Resposta - Estabelecer a relação dose/resposta para cada efeito crítico - Identificar as espécies mais sensíveis - Caracterizar os mecanismos de acção para os efeitos críticos - Extrapolação intra e/ou inter-espécies Saúde HumanaAmbiente -NOAEL; LOAEL -DL50; CL50 -Capacidade intrínseca da substância -PNEC

8 3- Avaliação da exposição Via de exposiçãoRelação nível de exposição com o tempo (dose externa)* Redução da disponibilidade devido a: -dispersão -absorção -degradação Absorção (dose interna)* Fluidos Tecidulares* Sangue (concentração sistémica) * Metabolismo Concentração nos tecidos alvo (dose alvo)* Excreção Ligação a receptores críticos * reabsorção * situações em que a exposição pode ser avaliada

9 3- Avaliação da exposição Emissão Nível/tempo Compartimento Atmosférico Nível/tempo Compartimento Terrestre Nível/tempo Compartimento Aquático Redução da disponibilidade devido a: Dispersão-Degradação-Absorção Níve de exposição prevista – PEC (dose externa) Fauna e Flora Metabolismo/Bioacumulação/Biomagnificação através da cadeia alimentar

10 4- Caracterização do risco - Comparar os parâmetros obtidos na avaliação dose/resposta com os níveis de exposição Saúde humanaAmbiente Comparação do N/LOAEL com a estimativa dose/concentração à qual a(s) populações estarão expostas OU Se se dispuser de uma estimativa quantitativa : nível de exposição N/LOAEL PEC PNEC

11 Gestão de risco 1 Detecção do risco 2 Avaliação das opções da gestão de risco 3 Implementação das decisões da gestão 4 Monitorização e revisão

12 Legislação O processo de análise de risco não é linear, mas sim fluido, dinâmico e interactivo. Factores éticos e económicos Informação existente Razões históricas Serão os actuais modelos de Avaliação e Gestão de Risco correctos?


Carregar ppt "Avaliação e Gestão de Risco. Enquadramento Objectivo – contribuição crítica para o reconhecimento de situações que possam afectar a saúde humana e/ou."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google