A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Produtos Naturais e o Controle do Barbeiro Rhodnius prolixus, vetor da Doença de Chagas Colaboradores: n Marise Maleck de Oliveira Cabral n Elói de Souza.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Produtos Naturais e o Controle do Barbeiro Rhodnius prolixus, vetor da Doença de Chagas Colaboradores: n Marise Maleck de Oliveira Cabral n Elói de Souza."— Transcrição da apresentação:

1 Produtos Naturais e o Controle do Barbeiro Rhodnius prolixus, vetor da Doença de Chagas Colaboradores: n Marise Maleck de Oliveira Cabral n Elói de Souza Garcia n Patrícia Azambuja Alphonse Kelecom Departamento de Biologia Geral Universidade Federal Fluminense - Niterói, RJ

2 O parasita, Trypanosoma cruzi, no tubo digestivo do barbeiro, Rhodnius prolixus

3 Estágios de muda de ninfas de Rhodnius prolixus A-E : ninfas de 1º - 5º estágio

4 Mamadeira para alimentação do barbeiro membrana de látex entrada de água a ~37ºC sangue humano saída de água

5 Rhonius prolixus, alimentado

6 Testes com ninfas de Rhodnius prolixus Ninfas de 4º estágio n lotes de animais n mantidos em jejum por um período de dias n alimentados uma única vez ad libidum n pesados antes e depois do repasto n mantidos a 28ºC durante 3-4 semanas n lote controle: sangue com EtOH-salina (1:4) testes: sangue contendo g/ml da amostra testada

7 O objetivo original Azadirachtina A : toxicidade, fagoinibição, deformação das pupas, atraso no desenvolvimento do inseto (DE g/ml) anti-muda (DE ng/ml)

8 Produtos Naturais de Melia(ceae) CumarinasAntraquinonas Flanonóides DiterpenosEsteróidesLimonóides escopoletina azedarachol nimbaflavona nimosonameliantriol

9 Estudo fitoquímico de Melia azedarach (Meliaceae) n Extração de sementes de M. azedarach com MeOH (rdt.: 12%) n extrato apresenta atividades fagoinibidora e anti-ecdise n purificação guiada por bioensaio n partição MeOH(5% aquoso) versus n-hexano –fração hexânica : inativa n evapora-se o MeOH e a fase aquosa é extraída com EtOAc –fase EtOAc contém toda a atividade n filtração em gel de sílica e ensaio biológico

10 Efeito de uma fração do extrato de Melia azedarach, contendo azadirachtina A, sobre a ecdise de larvas de 4º estágio de Rhodnius prolixus controle -  10 g/ml - 25 g/ml azadirachtina A

11 Isolamento de cinamodiol triterpeno inédito da série do eufano cinamodiol particularidades: posição da lactona ( ) hidroxila em C-12 hidroxila em C-3 Atividade biológica em Rhodnius prolixus : provoca ligeiro atraso da muda inibe a ecdise em 27% na conc. de 10 g/ml

12 Isolamento de quatro lignanas, 2 bis-epi-pinoresinol, 3 hemicetal, 4 diácido pinoresinol

13 Atividades biológicas de pinoresinol em Rhodnius prolixus 1. Toxicidade tratamento contínuo Fagorrepelência via repasto sangüíneo

14 Atividades biológicas de pinoresinol em Rhodnius prolixus 2. Anti-ecdise Tratamento contínuo Repasto sangüíneo Legenda: controle ; pinoresinol : 1, 10, 50, 100 & 500 g/ml

15 Atividades de lignanas em insetos matairesinol: n inseticida n exerce ação sinergística eudesmina: fagorrepelente sesamina: inibe o crescimento e mimetiza o hormônio juvenil

16 Ação de lignanas e neolignanas em Rhodnius prolixus podofilotoxina burchelina não é fagorrepelente atrasa a muda em 6 dias inibe a ecdise em 50% altamente tóxica inibe a diurese em ~90% não é fagorrepelente atrasa ligeiramente a muda não inibe a ecdise não é tóxica inibe a diurese em até 80% em 10 g/ml

17 Análise em CG-EM da hemolinfa de Rhodnius prolixus tratado com 100 g/ml de burchelina 1a : cromatograma (CG) da hemolinfa coletada 30 min após o repasto 1b : cromatograma (GC) da hemolinfa coletada 1 hora após o repasto

18 Identificação dos produtos de degradação da burchelina (1) na hemolinfa de Rhodnius prolixus

19 Mecanismo provável da degradação da burchelina a degradação ocorre principalmente a nível do anel furânico

20 Preparação de derivados do álcool piperonílico Agradeço pela sua atenção CNPq, DAAD, FAPERJ


Carregar ppt "Produtos Naturais e o Controle do Barbeiro Rhodnius prolixus, vetor da Doença de Chagas Colaboradores: n Marise Maleck de Oliveira Cabral n Elói de Souza."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google