A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CCE/UFSC Setembro de 2011 A TRAJETÓRIA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO A DISTÂNCIA Dilvo Ristoff Setembro de 2011.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CCE/UFSC Setembro de 2011 A TRAJETÓRIA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO A DISTÂNCIA Dilvo Ristoff Setembro de 2011."— Transcrição da apresentação:

1 CCE/UFSC Setembro de 2011 A TRAJETÓRIA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO A DISTÂNCIA Dilvo Ristoff Setembro de 2011

2 CCE/UFSC Setembro de 2011 Evolução das Matrículas Presenciais

3 CCE/UFSC Setembro de 2011 Ritmo de crescimento das matrículas

4 CCE/UFSC Setembro de 2011 Evolução das Matrículas Totais –

5 CCE/UFSC Setembro de 2011 Matrículas Presenciais por Categoria Administrativa ,9 % 73,6 %

6 CCE/UFSC Setembro de 2011 Áreas com maior número de matrículas

7 CCE/UFSC Setembro de 2011 GRADUAÇÃO EAD

8 CCE/UFSC Setembro de 2011 Participação das IES na EAD

9 CCE/UFSC Setembro de 2011 ANOCursosVagasCandidatosMatrículasConcluintes Evolução da Graduação EAD

10 CCE/UFSC Setembro de 2011 Evolução dos Cursos EAD na Graduação

11 CCE/UFSC Setembro de 2011 Evolução das Matrículas EAD na Graduação

12 CCE/UFSC Setembro de 2011 Evolução Percentual das Matrículas EAD

13 CCE/UFSC Setembro de 2011 Evolução dos Inscritos em EAD na Graduação

14 CCE/UFSC Setembro de 2011 Evolução dos Concluintes em EAD na Graduação

15 CCE/UFSC Setembro de 2011 O ritmo de crescimento das matrículas presenciais da educação superior foi de apenas 0,7% no último Censo, o menor percentual da última década. As matrículas de EAD registraram 15% de crescimento no último Censo; Fica evidente que hoje a EAD é a modalidade que mais contribui para que seja atingida a meta de matrículas prevista no último PNE e no PNE Mesmo assim, pelo volume que representa a educação presencial, será impossível atingir a meta de 33% de taxa de escolarização líquida na Educação Superior sem um crescimento maior das matrículas presenciais. Constatações

16

17 CCE/UFSC Setembro de 2011 Desempenho em áreas participantes Enade 2005

18 CCE/UFSC Setembro de 2011 Desempenho nas áreas em que participaram ingressantes e concluintes Área IngressanteConcluinte PresencialEADPresencialEAD Administração35,136,742,051,6 Form. Professores (Normal Sup.)41,041,245,142,5 Matemática29,834,0 53,0 Pedagogia39,946,846,545,7

19 CCE/UFSC Setembro de 2011 Desempenho dos estudantes no Enade 2005

20 CCE/UFSC Setembro de 2011 Desempenho dos estudantes no Enade 2008

21 CCE/UFSC Setembro de 2011 Desempenho dos estudantes no Enade 2005 – Todos os alunos

22 CCE/UFSC Setembro de 2011 Embora os estudantes da modalidade a distância tiveram desempenho superior aos da modalidade presencial em 7 das 13 áreas avaliadas de que participaram em 2005, em 2008 o seu desempenho é ligeiramente inferior ao dos estudantes presenciais; A diferença de desempenho entre estudantes presenciais e de EAD não é estatisticamente significativa, exceto para Ciências Sociais, Letras e História. Constatações

23 CCE/UFSC Setembro de 2011

24 CCE/UFSC Setembro de 2011 Estado Civil por Modalidade

25 CCE/UFSC Setembro de 2011 Estudantes com 2 ou mais filhos

26 CCE/UFSC Setembro de 2011 A Cor da Modalidade

27 CCE/UFSC Setembro de 2011 Com quem você mora?

28 CCE/UFSC Setembro de 2011 Renda Familiar - 1

29 CCE/UFSC Setembro de 2011 Renda Familiar -2

30 CCE/UFSC Setembro de 2011 Trabalho - 1

31 CCE/UFSC Setembro de 2011 Trabalho - 2

32 CCE/UFSC Setembro de 2011 Escolaridade do pai

33 CCE/UFSC Setembro de 2011 Escolaridade do pai

34 CCE/UFSC Setembro de 2011 Escolaridade da mãe

35 CCE/UFSC Setembro de 2011 Escolaridade da mãe

36 CCE/UFSC Setembro de 2011 Onde cursou o ensino médio

37 CCE/UFSC Setembro de 2011 Que tipo de ensino médio você concluiu?

38 CCE/UFSC Setembro de 2011 Conhecimento de Inglês

39 CCE/UFSC Setembro de 2011 Conhecimento de Espanhol

40 CCE/UFSC Setembro de 2011 Quem lê mais?

41 CCE/UFSC Setembro de 2011 Leituras preferidas

42 CCE/UFSC Setembro de 2011 Quem lê mais jornal?

43 CCE/UFSC Setembro de 2011 Lazer preferido

44 CCE/UFSC Setembro de 2011 Técnica de Ensino utilizada pela maioria dos professores

45 CCE/UFSC Setembro de 2011 Material mais utilizado durante o curso por indicação dos professores

46 CCE/UFSC Setembro de 2011 Instrumentos de avaliação utilizados pela maioria dos professores

47 CCE/UFSC Setembro de 2011 Disponibilidade dos professores para atendimento extra-classe

48 CCE/UFSC Setembro de 2011 Os planos de ensino contêm os elementos essenciais?

49 CCE/UFSC Setembro de 2011 Como você considera o seu conhecimento de informática?

50 CCE/UFSC Setembro de 2011 Com que freqüência você usa o computador?

51 CCE/UFSC Setembro de 2011 Você tem acesso à Internet?

52 CCE/UFSC Setembro de 2011 Onde você usa o computador?

53 CCE/UFSC Setembro de 2011 Como você avalia o currículo de seu curso?

54 CCE/UFSC Setembro de 2011 Quem estuda mais?

55 CCE/UFSC Setembro de 2011 O perfil sócio-econômico do estudante de EAD é marcantemente distinto do perfil do estudante presencial: ele é em média mais velho, mais pobre, menos branco, majoritariamente casado, tem filhos, vem mais da escola pública, tem pais com baixa escolaridade, trabalha e sustenta a família, tem menos acesso à internet, usa menos o computador, tem menos conhecimento de espanhol e inglês, estuda mais, recebe mais atendimento extra- classe dos professores, vê o currículo de seu curso como bem integrado, tem menos acesso à internet, usa menos o computador, tem menos conhecimento de informática, faz mais uso de livros- texto, manuais e apostilas do que de livros, entre outros; Fica evidente, salvo melhor juízo, que a EAD nestas condições torna-se também um forte instrumento de inclusão social, mais uma razão para que sua defesa seja efetivamente sustentada pela garantia de qualidade. Observações finais

56 CCE/UFSC Setembro de 2011 As metas e estratégias vinculadas à participação da EAD, previstas no PNE , merecem atenção especial dos interessados no setor, pois ainda há tempo para a apresentação de sugestões ao Relator da matéria no Congresso. A participação prevista da EAD na formação de profissionais para a graduação e a pós-graduação stricto sensu na próxima década é significativa e o seu custo previsto é, segundo cálculos do MEC, até cinco vezes inferior ao custo do aluno presencial. Este dado é contestado pelo CAQi e, por isso mesmo, merece nossa atenção especial para que se tenha desde o início um valor confiável como referência. A participação da EAD na educação superior representará uma contribuição expressiva ao desenvolvimento do País, pois presenciaremos um salto na formação de bacharéis, licenciados, tecnólogos, especialistas, mestres e doutores. Observações finais

57 CCE/UFSC Setembro de 2011


Carregar ppt "CCE/UFSC Setembro de 2011 A TRAJETÓRIA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO A DISTÂNCIA Dilvo Ristoff Setembro de 2011."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google