A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Para não morrer na praia: formação de pedagogos em tempos e modos digitais Elsa Guimarães - U UU Uniminas Aldeci Cacique - UFU Criar meu web site Fazer.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Para não morrer na praia: formação de pedagogos em tempos e modos digitais Elsa Guimarães - U UU Uniminas Aldeci Cacique - UFU Criar meu web site Fazer."— Transcrição da apresentação:

1 Para não morrer na praia: formação de pedagogos em tempos e modos digitais Elsa Guimarães - U UU Uniminas Aldeci Cacique - UFU Criar meu web site Fazer minha home-page Com quantos gigabytes Se faz uma jangada Um barco que veleje Um barco que veleje nesse infomar Gilberto Gil

2 Projeto Interdisciplinar – Construção de Cursos Virtuais de curta duração Projeto Interdisciplinar – Construção de Cursos Virtuais de curta duração ensino e pesquisa (Zeichner, Elliot) ensino e pesquisa (Zeichner, Elliot) Ambiente Virtual de Aprendizagem – Informática Aplicada à Educação Ambiente Virtual de Aprendizagem – Informática Aplicada à Educação fundamentos didático-pedagógicos – Didática dos Meios fundamentos didático-pedagógicos – Didática dos Meios modalidade a distância – Introdução à Educação a Distância modalidade a distância – Introdução à Educação a Distância Construção coletiva... Curso de Pedagogia – Gestão e Tecnologia Educacional Curso de Pedagogia – Gestão e Tecnologia Educacional

3 Projeto interdisciplinar... Que facilidades/dificuldades teriam os alunos de Pedagogia no sentido de construir propostas de ensino na rede, de forma mais coerente com a aprendizagem significativa e interdisciplinar? Que facilidades/dificuldades teriam os alunos de Pedagogia no sentido de construir propostas de ensino na rede, de forma mais coerente com a aprendizagem significativa e interdisciplinar? Que resultados podem oferecer as experiências de aprendizagem construídas em ambientes virtuais?Que resultados podem oferecer as experiências de aprendizagem construídas em ambientes virtuais?

4 Abordagem teórica... Pesquisa-ação processo de ação e de reflexão na e sobre a ação de alunos e professores no projeto interdisciplinar Pesquisa-ação processo de ação e de reflexão na e sobre a ação de alunos e professores no projeto interdisciplinar Gore e Zeichner (1991) professores como prático reflexivos Stenhouse e Elliot (1990) professores pesquisadores Tardif (1991) – saberes a partir da prática GEPEC – FE/Unicamp

5 Objeto de pesquisa Projeto Interdisciplinar – Cursos Virtuais de curta duração – grupos 2006/1 Procedimento questionário – 8 questões Procedimento questionário – 8 questões 82 alunos – 100% de respostas Plano do Curso Plano do Curso Redação do curso para o ambiente virtual Redação do curso para o ambiente virtual Inserção no TelEduc Inserção no TelEduc

6 Análise das informações Contribuições – Hierarquização de 1 a 7 Contribuições – Hierarquização de 1 a 7 Grande importância - Conhecimentos construídos nas disciplinas envolvidas no Projeto - 52,4 - Experiência como usuário de Internet - 42,9 Pouca importância - Minha experiência profissional (trabalho, cursos de capacitação) - 44,4 - Minha experiência como aluno das séries iniciais até a faculdade - 42,8 Importância mediana - Pesquisa de outros cursos on-line para observar a forma - 60,3 - Experiência como aluno em curso on-line vivenciado - 57,1 - Eventos dos quais participei e cursos que fiz sobre EaD - 46

7 11 descartadas 6 não tiveram dificuldades 6 não tiveram dificuldades Dificuldades no Projeto Dificuldades no Projeto Elaboração do CursoElaboração do Curso Elaboração do plano de ensinoElaboração do plano de ensino Publicação no TelEducPublicação no TelEduc Construção das páginas para divulgação do Curso na InternetConstrução das páginas para divulgação do Curso na Internet Análise das informações Novas categorias criadas a partir do registro das respostas

8 3. Habilidades e competências Compreensão da proposta interdisciplinar – 18 Falta de experiência (criação de cursos e uso das tecnologias) Orientações dos professores Divergências (tarefas, roteiros, critérios de avaliação) Ambiente Virtual de Aprendizagem – TelEduc Domínio insatisfatório dos dispositivos Foco definição do tema - 26 Categorias e freqüência Análise das informações 2. Estruturação Formulação de objetivos de aprendizagem – 18 Seleção de recursos didáticos (textos, imagens) - 15

9 Análise das informações Dificuldades aspectos específicos da elaboração do Curso Virtual Fatores e percentuais Fatores e percentuais Elaborar atividades de ensino - 24,7 Elaborar atividades de ensino - 24,7 Redigir objetivos - 16,7 Redigir objetivos - 16,7 Selecionar conteúdos de acordo com os objetivos -16,7 Selecionar conteúdos de acordo com os objetivos -16,7 Definir ferramentas do TELEDUC a serem usadas - 16,1 Definir ferramentas do TELEDUC a serem usadas - 16,1 Escolher textos e outros materiais - 12,3 Escolher textos e outros materiais - 12,3 Construir atividades avaliativas - 12,3 Construir atividades avaliativas - 12,3 Outras - 21,2 Outras - 21,2 TOTAL – 162 escolhas – 100 % (Quadro 5)

10 PontosRegistros Escolha do tema -26 Indicação do público - 4 Tivemos que buscar o que ensinar e para quem ensinar - Q37(6) Seleção de textos e material de apoio Para escolher os tipos de textos foi preciso atenção aos significados de cada leitura, pontos de vista de cada autor - Q56 (6) Ensino presencial e virtual Estava muito engessada no modelo presencial - Q 54 (2) O que os números não podem dizer... O que os números não podem dizer... Pontos significativos Pontos significativos Análise das informações

11 PontosRegistros Coerência pedagógica dimensão e articulação das dificuldades constituição de novos saberes [...] Saber alguma coisa não é somente emitir um juízo verdadeiro a respeito de algo (um fato ou ação), mas é também ser capaz de determinar por que razões esse juízo é verdadeiro. Tardif (2002, p. 196) Planejamento e plano O plano de ensino pra mim foi muito difícil de elaborar, particularmente não enxergava no papel. Tive que fazer on- line (no TELEDUC) primeiro. Q7 (2) O que os números não podem dizer... O que os números não podem dizer... Pontos significativos Pontos significativos Análise das informações

12 O sentido da pesquisa-ação... Entre dificuldades – produção de conhecimentos Entre dificuldades – produção de conhecimentos formandos e formadores Escolhas e respostas pontos fortes, obstáculos e sugestões Escolhas e respostas pontos fortes, obstáculos e sugestões Prática interdisciplinar? movimento de integração Prática interdisciplinar? movimento de integração Em outras avaliações e trabalho investigativo - por um lado, valorizam a integração das disciplinas - por outro lado, reivindicam a divisão nítida entre as mesmas, ordem e hierarquia no conhecimento, teoria antes da prática, oferta de modelos a serem reproduzidos – racionalidade técnica

13 E para não morrer na praia... primeiro passo. Temos consciência de que um trabalho de investigação- ação, de reflexão sobre a prática não se esgota num primeiro passo. A participação no projeto interdisciplinar foi uma ótima maneira de ensinar, é fato que alguns erros devem ser corrigidos, mas primeiro é preciso errar. Q38 (8) Que nossos sonhos de formação de pedagogos com QUALIDADE não morra na praia desse imenso INFOMAR!

14 Caminhante não há caminho, se faz o caminho ao andar Antônio Machado


Carregar ppt "Para não morrer na praia: formação de pedagogos em tempos e modos digitais Elsa Guimarães - U UU Uniminas Aldeci Cacique - UFU Criar meu web site Fazer."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google