A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Gêneros de texto (não-ficção) Comentário Resenha Ensaio Crônica Crítica Estudo dirigido Relatório.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Gêneros de texto (não-ficção) Comentário Resenha Ensaio Crônica Crítica Estudo dirigido Relatório."— Transcrição da apresentação:

1 Gêneros de texto (não-ficção) Comentário Resenha Ensaio Crônica Crítica Estudo dirigido Relatório

2 Gêneros de texto (não-ficção) Comentário Muito confundido com a crítica por causa do conteúdo opinativo. O comentário é um juízo de valor emitido pelo autor, geralmente sobre uma obra qualquer – cinema, dança, literatura. Freqüentemente encontra-se em jornais e revistas comentários sobre cinema ou TV.

3 Gêneros de texto (não-ficção) Resenha A resenha é a leitura que alguém, geralmente um especialista, faz de uma determinada obra, com o objetivo de proporcionar ao leitor um mínimo de informações para que ele (o leitor) tenha uma idéia do que se trata. Jornais costumam trazer resenhas de livros e de filmes.

4 Gêneros de texto (não-ficção) Ensaio O ensaio é um texto de livre criação, cujo autor tem compromisso apenas com suas próprias reflexões e com a realidade que ele vê. Esse é o tipo de texto encontrado nos editoriais dos jornais, por exemplo. É profundamente opinativo. Destaque: Instituições em Frangalhos, editorial de 13/12/1968, O Estado de S. Paulo. Um sermão pode ser um ensaio?

5 Gêneros de texto (não-ficção) Relatório O relatório pode ser considerado o inverso do ensaio: deve conter pouca ou nenhuma opinião e muita informação. Um relatório é um documento destinado a registrar dados e fatos e costuma servir para a tomada de decisões. Exceção: Graciliano Ramos.

6 Gêneros de texto (não-ficção) Crônica É um gênero literário que, como seu nome indica, serve como retratode um tempo, especificamente do tempo que o autor está vivendo. Costuma ser encontrado em jornais. Exemplos: L.F. Veríssimo e João Ubaldo Ribeiro.

7 Gêneros de texto (não-ficção) Crítica É o mais complexo e difícil. A crítica é um exercício de desmontagem de um tema para que se possa analisá-lo parte por parte. Só um bom especialista pode fazer crítica sobre determinado assunto. Críticas analisam assuntos. Não significa que vão condená-los.

8 Gêneros de texto (F.E.) Estudo dirigido É um texto que deve ser construído com base na leitura de outro. Um pequeno conjunto de perguntas orienta os alunos a dirigir sua atenção para determinados temas. A resposta a essas perguntas resulta no texto esperado pelo professor.

9 Gêneros de texto (F.E.) Como escrever –Informe-se: domine as informações sobre o assunto – Descubra quem será o seu leitor

10 Gêneros de texto (F.E.) Como escrever –Escreva para o seu leitor: Estabeleça uma linguagem apropriada para o seu público Estabeleça uma ordem para as informações –Comece pela parte mais atraente –Termine pela parte menos atraente


Carregar ppt "Gêneros de texto (não-ficção) Comentário Resenha Ensaio Crônica Crítica Estudo dirigido Relatório."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google