A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Faculdade de Psicologia da Universidade Presbiteriana Mackenzie Faculdade de Serviço Social da UniFMU.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Faculdade de Psicologia da Universidade Presbiteriana Mackenzie Faculdade de Serviço Social da UniFMU."— Transcrição da apresentação:

1 Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Faculdade de Psicologia da Universidade Presbiteriana Mackenzie Faculdade de Serviço Social da UniFMU I CONGRESSO INTERNACIONAL DE PEDAGOGIA SOCIAL E SIMPÓSIO DE PÓS-GRADUAÇÃO 08 a 11 de março de 2006 SÃO PAULO - BRASIL

2 I CONGRESSO INTERNACIONAL DE PEDAGOGIA SOCIAL E SIMPÓSIO DE PÓS-GRADUAÇÃO Realização: Projeto de Pesquisa em Políticas Públicas Recuperação de Fontes Seriais para a Historiografia da Criança Institucionalizada no estado de São Paulo FEUSP – Mackenzie – UniFMUApoio: FAPESP e FAFE VOLTAR PARA PÁGINA INICIAL

3 FICHA TÉCNICA Comitê Executivo Prof. Dr. Roberto da Silva (USP) Prof. Dr. João Clemente de Souza Neto (Mackenzie) Profa. Elizabete Terezinha Silva Rosa (UniFMU) Secretaria Executiva Juliana Gama Izar (USP) Maria Cristina Vendrameto (USP) Relações Internacionais Rogério Adolfo de Moura (USP) Tradução Carolina Fernanda Malvezi (USP) Gabriela Yamasaki (USP) Giovanni Batista Dias Ferreira (USP) Relações Públicas Marina Fernanda Menezes (USP) Suporte de Informática Daniel Carnelossi (UniFMU) Fernanda Guinoza Matuda (USP) Giovanni Batista Dias Ferreira (USP) José Rubens Pacheco Martins (Mackenzie) Reginaldo Rideaki Kamiya (USP) Ricardo Abade (Mackenzie) Designer Maíra Canina (UEL) Comunicação André Felix Portela Leite (Mackenzie) Maria Eliane Eliziário Xavier (UniFMU) Marla Rejane Pereira de Jesus (Mackenzie) Vivian Benícia Soares Flores (UniFMU) VOLTAR PARA PÁGINA INICIAL

4 SUMÁRIO Apresentação Cerimônia de Abertura Síntese da Programação Conferências Mesas Redondas Oficinas Resumos dos Trabalhos Artigos Menções Honrosas Histórico do Projeto de Pesquisa Registros de Imagem VOLTAR PARA PÁGINA INICIAL

5 APRESENTAÇÃO A publicação dos Anais do I Congresso Internacional de Pedagogia Social e Simpósio de Pós-Graduação é produto da concretização de um sonho vivido por todos aqueles que, de alguma forma, contribuíram para a sua realização. Sua construção, planejamento e organização se deram de forma coletiva, por meio do trabalho em rede entre diversas instituições, provando assim, que trabalhar junto é possível! Com o propósito de diagnosticar a realidade social em âmbito mundial e apresentar as práticas desenvolvidas frente a estes desafios, o I Congresso Internacional de Pedagogia Social e Simpósio de Pós-Graduação reuniu nos dias 08, 09, 10 e 11 de março de 2006 representantes de diversos estados do País e de países da América do Sul, América Central, Europa e Ásia. Durante sua realização foi possível conhecer metodologias, áreas de atuação, políticas públicas, redes sociais, teorias e técnicas desenvolvidas em diferentes locais, proporcionando uma troca coletiva de experiências em detrimento de ações isoladas ou individuais. Oportunamente, agradecemos à participação de todos e esperamos que o I Congresso Internacional de Pedagogia Social e Simpósio de Pós-Graduação resulte no fortalecimento das práticas sociais por meio dos questionamentos, amadurecimento das discussões e conhecimento das práticas desenvolvidas neste período. Comissão Organizadora VOLTAR PARA O SUMÁRIO

6 Abertura do I CONGRESSO INTERNACIONAL DE PEDAGOGIA SOCIAL E SIMPÓSIO DE PÓS-GRADUAÇÃO Local Auditório da Escola de Aplicação (FEUSP) Horário 09 horas Conferência Fundamentos Teóricos e Metodológicos da Pedagogia Social no Brasil Conferencistas Prof. Dr. Roberto da Silva (FEUSP) Profa. Dra. Maria Stela Santos Graciani (PUC/SP) Antonio Carlos Gomes da Costa (Modus Faciendi) Mediador Prof. Dr. João Clemente de Souza Neto (Mackenzie) Clique aqui para assisti-la VOLTAR PARA O SUMÁRIO

7 PROGRAMAÇÃO Congresso Internacional de Pedagogia Social Dias 08, 09 e 10 de março Simpósio de Pós-Graduação Dia 11 de março VOLTAR PARA O SUMÁRIO

8 PROGRAMAÇÃO - CONGRESSO Horário08/0309/0310/03 08h – 09hCredenciamento 09h – 12hConferência 01Conferência 02Conferência 03 12h – 13hApresentação Pôsteres 14h – 16hMesa-redonda 03 Oficina 06 Oficina 07 Mesa-redonda 04Oficina 05 Oficina 04 16h – 18h30 Mesa-redonda 02 Mesa-redonda 07 Mesa-redonda 05 Oficina 04 Mesa-redonda 06 Oficina 06 19h – 21hOficina 02 Oficina 03 Oficina 04 Oficina 01 Oficina 06 Mesa-redonda 01 Plenária Certificados

9 PROGRAMAÇÃO - SIMPÓSIO Horário08/0309/0310/0311/03 08h – 09hCredenciamento 09h – 12hConferência 01Conferência 02Conferência 03Apresentação Comunicações 12h – 13hApresentação Pôsteres 14h – 17hVisita Monitorada Reunião com conferencistas e palestrantes Conferência 04 20hJantar por adesão

10 CONFERÊNCIAS VOLTAR PARA O SUMÁRIO Conferência 01 Fundamentos Teóricos e Metodológicos da Pedagogia Social no Brasil Prof. Dr. Roberto da Silva (FEUSP) Profa. Dra. Maria Stela Santos Graciani (PUC/SP) Antonio Carlos Gomes da Costa (Modus Faciendi) Mediação: Prof. Dr. João Clemente de Souza Neto (Mackenzie) Conferência 02 Sociologia della Devianza: paradigma de la ricerca sociale Prof. Dr. Geraldo Calliman (UPS/Roma e Universidade Católica/DF) Conferência 03 Theoretical and metodological beddings of the Social Pedagogy in the Europe PhD. Hans Uwe Otto (University of Bielefeld/ Alemanha) Conferência 04 Fundamentos Teóricos e Metodológicos da Pedagogia Social na Europa Prof. Dr. Geraldo Calliman (UPS/Roma e Universidade Católica/DF) PhD. Hans Uwe Otto (University of Bielefeld/ Alemanha) Mediação: Prof. Dr. Roberto da Silva (FEUSP)

11 MESAS REDONDAS Mesa redonda 01 Políticas públicas para a juventude: os programas e as pesquisas Profa. Dra. Marília Pontes Sposito (FEUSP) Profa. Dra. Mirian Jorge Warde (PUC/SP) Mediação: Prof. Dr. Robson de Jesus Rusche (Mackenzie) Mesa redonda 02 Perspectivas da História, da Arquivística e da Informática na consolidação de direitos Profa. Dra. Irene Rizzini (PUC/RJ) Prof. Dr. João Eduardo Ferreira (IME/USP) Mediação: Maria Cristina Vendrameto (CEETEPS) Mesa redonda 03 Hegemonia das ciências jurídicas sobre as ciências humanas e sociais Profa. Dra. Aldaisa Sposati (PUC/SP) Prof. Dr. Rogelio Perez-Perdomo (Universidad Metropolitana/ Venezuela) Mediação: Profa. Dra. Flávia Inês Schilling (FEUSP) Mesa redonda 04 Políticas públicas de atendimento a crianças e adolescentes no Brasil Cenise Monte Vicente (UNICEF) Tânia Maria Ramos de Godoy Diniz (CFESS) Mediação: Profa. Ms. Alzira Jerez Laguna (UniFMU) CONTINUAÇÃO

12 MESAS REDONDAS (continuação) Mesa redonda 05 Proteção Social e Doutrina da Proteção Integral Profa. Dra. Célia Aparecida Pavanelli (Mackenzie) Dayse César Franco Bernardi (AASPTJSP) Mediação: Profa. Ms. Maria Eliza Braga (UniFMU) Mesa redonda 06 Tratamento de adolescentes autores de ato infracional: o olhar da psiquiatria, da psicologia e da psicanálise Prof. Dr. Sérgio Paulo Rigonatti (FMUSP) Prof. Dr. Raul Gorayeb (UNIFESP) Mediação: Prof. Dr. David Léo Levisky (SBPSP) Mesa redonda 07 Escolarização de adolescentes em cumprimento de medidas sócio-educativas Profa. Dra. Irandi Pereira Prof. Dr. Wilson Donizzeti Liberati Promotora de Justiça Martha de Toledo Machado Mediação: Iza Maria Ferreira da Rosa Guará VOLTAR PARA O SUMÁRIO

13 OFICINAS Oficina 01: Práticas de abrigamento e desabrigamento Coordenação: Equipe Técnica do Abrigo Santa Terezinha Oficina 02: Escolarização de adolescentes autores de ato infracional Coordenação: Equipe do Projeto FEBEM (FEUSP) Oficina 03: Criando metodologias de aproximação entre pesquisadores, ONGs e jovens Coordenação: Equipe de pós-graduandos (FEUSP) Oficina 04: Sistemas integrados de informações sociais sobre crianças e adolescentes Coordenação: Equipe do Núcleo de Trabalhos Comunitários (PUC/SP) Oficina 05: A função da escola na construção de valores sócio-morais: os temas transversais na cultura da descartabilidade Coordenação: Profa. Dra. Clary Milnitsky Sapiro (UFRGS) Oficina 06: Métodos e técnicas para o trabalho com as famílias Coordenação: Claudia Cabral (ABTH); Fátima Fontes (PUC/SP); Profa. Elizabete Rosa e Profa. Damares Pereira Vicente (UniFMU) Oficina 07: Aplicação da teoria dos jogos teatrais no trabalho social Coordenação: Prof. Dr. Rogério Adolfo de Moura (FEUSP) VOLTAR PARA O SUMÁRIO

14 RESUMOS DOS TRABALHOS APRESENTADOS Comunicação Oral Pôster VOLTAR PARA O SUMÁRIO

15 COMUNICAÇÃO ORAL A atuação do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) no município de Sobral (CE) – Andréa Abreu Astigarraga A educação não-formal na pedagogia social – Maria da Glória Gohn A educação social no Brasil: contribuições para o debate – Josué Oliveira Carvalho e Lindalva Raimunda A escola diante de alunos em situação de risco: um antídoto ou uma armadilha? – Ana Paula Ferreira da Silva A iconografia como desdobramento da concepção de mundo da comunidade Maxakali – Luciane Monteiro Oliveira A pedagogia social de Paulo Freire como contraponto da pedagogia globalizada – Afonso Celso Scocuglia A pedagogia social e o pensamento libertário – Maria Aparecido Macedo Pascal Amerindian Education: a Pedagogy – Patrícia Pérez Morales As marcas de uma instituição: uma discussão acerca das egressas de orfanato – Suely Guilherme de Souza Vieira As tramas do cárcere (1979 – 1992) – Gutemberg Alexandrino Rodrigues Exclusão e programas sócio-educativos – Yvone Mello DAlessio Foroni O ambiente de abrigo como holding para adolescentes – Ana Paula Granzotto de Oliveira Paulo Freires pedagogy in the fours corners of childrens education – Adilson de Ângelo Lopes Franscisco Pedagogia em ambiente hospitalar: reconstrução da identidade escolar – Sandra Maria Farias Vasconcelos

16 PÔSTER A cartografia como ferramenta da Pedagogia Social – Maria Julia Azevedo Gouveia A construção da comunicação do surdo com a utilização da LIBRAS – Renata Izabel Mariconi Ferro A cultura como base tecnológica na construção do conhecimento – Eugênia-Maria de Mendonça Rodrigues A escola no sistema sócio-educativo do Rio de Janeiro – Marcos Antonio da Costa Santos A família, a cidade e a criança: um estudo sobre os índios Pankararus em São Paulo – Arlete Assumpção Monteiro A função da educação social e Intervenção sócio-comunitária – Inês Olinda Botelho de Araújo A prática do pedagogo/ orientador educacional no ensino público do DF – Lucia Maria de Oliveira Santis Abrace seu bairro: uma busca pela prevenção da violência nas escolas – Flavia Blay Levisky As influências advindas do contexto social na relação educador social e criança – Patrícia Leme de Oliveira Borba CFR e educação no campo – Joana Maria de Almeida CONTINUAÇÃO

17 PÔSTER (continuação) Contemporaneidade, subjetivação e agressividade: para compreender o desejo em menores – Luiz Cláudio Bido Cultural diversity and social organization in the Pontos de Cultura – Luana Vilutis Educação em saúde: construindo uma pedagogia do cuidado na escola pública – Luiz Carlos Castello Branco Rena Educational City: a participated political challenge – Wilfrido Edesmin Palacios Paredes Filhos de presidiários: o pensamento sobre a hereditariedade criminosa – Sandra Regina Galdino Miyashiro Formação de gestores de projetos sociais: o trabalho pedagógico – Marilea Borges de Lima Formação docente e ação multiplicadora entre pares em saúde cardiovascular – Maria Silvia Sanchez Bortolozzo Novas conquistas do pedagogo: orientação educacional na área social e econômica – Solange Aparecida de O. Collares O ECA e as práticas de atendimento à drogadição da adolescência – Luciane Marques Raupp O perfil do pedagogo para atuação em espaços não escolares – Mary Rosane Ceroni CONTINUAÇÃO

18 PÔSTER (continuação) Viver e o brincar de crianças no contexto rural – Sibele Aparecida Ribeiro ONGs no Brasil: o terceiro setor numa nova era econômica, política e social – Ivanise Franco Pereira Professores da educação básica de origem africana/ negra em Maringá – Lisete Pereira Alves de Lima Programa Avizinhar: uma experiência de educação e cidadania – Martha Delbuque Pimenta Programa de educação na rua – Carla A. do Amaral Todesco e Patrícia R. Rocha Projeto Dando Bola pra Vida: diálogos a partir da prática de educadores sociais – Ana Paula Hassan Projetos de participação social e formação política de crianças e jovens – Joanice Barbosa Parmegiani Reflexões e análise da metodologia freireana para a efetivação da gestão participativa – Raiane Patrícia Severino Assumpção Ser educador: o que significa isso? – Maria Elisa de Mattos Pires Singularidades e diferenças: gênero e exclusão na sala de aula – Markos Synésio Alves e Maria Bellini

19 ARTIGOS A CONSTRUÇÃO DA COMUNICAÇÃO DO SURDO COM A UTILIZAÇÃO DA LIBRAS – Renata Izabel Mariconi Ferro A CULTURA COMO BASE TECNOLÓGICA NA CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO: uma experiência com jovens em situação de risco social – Eugênia-Maria de Mendonça Rodrigues A EDUCAÇÃO ESCOLAR DO ADOLESCENTE EM CONFLITO COM A LEI: as medidas sócio-educativas em estudo – Andreza Garcia Lopes A EDUCAÇÃO NO CAMPO E O DESENVOLVIMENTO DO CAPITAL HUMANO EM SINERGIA COM OS CAPITAIS PRODUTIVO, AMBIENTAL E SOCIAL – Joana Maria de Almeida A EDUCAÇÃO SOCIAL NO BRASIL: contribuições para o debate – Josué de Oliveira Carvalho e Lindalva R. S. O. Carvalho A ESCOLA DIANTE DE ALUNOS EM "SITUAÇÃO DE RISCO": um antídoto ou uma armadilha? – Ana Paula Ferreira da Silva A ESCOLA NO SISTEMA SÓCIO-EDUCATIVO DO RIO DE JANEIRO – Marcos Antonio da Costa Santos A FUNÇÃO DA EDUCAÇÃO SOCIAL E A INTERVENÇÃO SÓCIO COMUNITÁRIA A PARTIR DA FORMAÇÃO DO PROFESSOR – Inês Olinda Botelho de Araujo CONTINUAÇÃO

20 ARTIGOS (continuação) A ICONOGRAFIA COMO DESDOBRAMENTO DA CONCEPÇÃO DE MUNDO DA COMUNIDADE MAXAKALI – Luciane Monteiro Oliveira A PEDAGOGIA DE PAULO FREIRE NOS «QUATRO CANTOS» DA EDUCAÇÃO DE INFÂNCIA – Adilson de Angelo A PEDAGOGIA LIBERTÁRIA: um resgate histórico – Maria Aparecida Macedo Pascal A PEDAGOGIA SOCIAL DE PAULO FREIRE COMO CONTRAPONTO DA PEDAGOGIA GLOBALIZADA – Afonso Celso Scocuglia A PRÁTICA DO PEDAGOGO ORIENTADOR EDUCACIONAL NO ENSINO PÚBLICO DO DISTRITO FEDERAL: em rede social – Lúcia Maria de Oliveira Santis AS INFLUÊNCIAS ADVINDAS DO CONTEXTO SOCIAL NA RELAÇÃO DO EDUCADOR SOCIAL E A CRIANÇA/ ADOLESCENTE POPULAR URBANO – Marina Minussi Franco e Patrícia Leme de Oliveira Borba AS MARCAS DE UMA INSTITUIÇÂO: uma discussão acerca da identidade social de egressas de orfanato – Suely Guilherme de Souza Vieira AS TRAMAS DO CÁRCERE ( ) – Gutemberg Alexandrino Rodrigues CONTINUAÇÃO

21 ARTIGOS (continuação) CARTOGRAFIA COMO INSTRUMENTO DA PEDAGOGIA SOCIAL – Maria Júlia Azevedo Gouveia CONTEMPORANEIDADE, SUBJETIVAÇÃO E AGRESSIVIDADE: para compreender o desejo em menores infratores – Luiz Cláudio Bido CIUDAD-EDUCADORA: Un desafío político participativo – Edesmin Wilfrido Palacios Paredes EDUCAÇÃO EM SAÚDE: construindo uma pedagogia do cuidado na escola pública – Luiz Carlos Castello Branco Rena EDUCAÇÃO NÃO-FORMAL NA PEDAGOGIA SOCIAL – Maria da Glória Gohn EDUCACIÓN AMERINDIA: una pedagogía para la vida – Patricia Pérez Morales EXCLUSÃO E PROGRAMAS SÓCIO-EDUCATIVOS – Yvone Mello DAlessio Foroni EXPROPRIAÇÃO DA VIDA NAS OCUPAÇÕES MARGINAIS: a migração nordestina para a Zona Leste de SP – Elisabete Costa Dantas CONTINUAÇÃO

22 ARTIGOS (continuação) FORMAÇÃO DOCENTE E AÇÃO MULTIPLICADORA ENTRE PARES NA DISCUSSÃO DE TEMAS SOBRE SAÚDE CARDIOVASCULAR – Maria Silvia Sanchez Bortolozzo ÍNDICES DE RESILIÊNCIA: Análise em professores do Ensino Fundamental – George Barbosa INTERVENÇÃO ESCOLAR EM HOSPITAIS PARA CRIANÇAS INTERNADAS: a formação alternativa re-socializadora – Sandra Maia Farias Vasconcelos NOVAS CONQUISTAS DO PEDAGOGO/ ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL NA ÁREA SÓCIO- ECONÔMICA – Solange Aparecida de O. Collares O AMBIENTE DE ABRIGO COMO HOLDING PARA ADOLESCENTES – Ana Paula Granzotto de Oliveira O CIRCO SOCIAL E A POSSIBILIDADE DE CONSTRUÇÃO DE UMA NOVA PRÁTICA EDUCATIVA PARA CLASSES POPULARES: Um relato de experiência das percepções e vivências de educadores sociais – Ana Paula Hassan O ECA E AS PRÁTICAS DE ATENDIMENTO À DROGADIÇÃO NA ADOLESCÊNCIA – Luciane Marques Raupp O PERFIL DO PEDAGOGO PARA ATUAÇÃO EM ESPAÇOS NÃO ESCOLARES – Mary Rosane Ceroni ORGANIZAÇÕES NÃO-GOVERNAMENTAIS NO BRASIL: O terceiro setor numa nova era econômica, política e social – Ivanise Franco Pereira CONTINUAÇÃO

23 ARTIGOS (continuação) O VIVER E O BRINCAR DE CRIANÇAS NO CONTEXTO RURAL – Sibele Aparecida Ribeiro PARTICIPAÇÃO SOCIAL E FORMAÇÃO POLÍTICA DE CRIANÇAS E JOVENS – Joanice Barbosa Parmigiani PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA DE ORIGEM AFRICANA NEGRA EM MARINGÁ – Lisete Pereira Alves de Lima PROGRAMA DE EDUCAÇÃO DE RUA: Fundação Projeto Travessia – Patrícia Rodrigues Rocha e Carla Alexandra do Amaral Todesco PSICOLOGIA NAS ESCOLAS DA REDE PÚBLICA: atuação que faz diferença! – Roseli Fernandes Lins Caldas REFLEXÕES E ANÁLISE DA METODOLOGIA FREIREANA PARA A EFETIVAÇÃO DA GESTÃO PARTICIPATIVA E DO PROTAGONISMO INFANTIL E JUVENIL EM EXPERIÊNCIAS DE INTERVENÇÃO COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES EM SITUAÇÃO DE RISCO E VULNERABILIDADE SOCIAL – Raiane P. Severino Assumpção SER EDUCADOR, O QUE SIGNIFICA ISSO? Um estudo do sentido do ser educador para as formandas de Pedagogia, curso que hoje apresenta a perspectiva de atuação na educação informal – Maria Elisa de Mattos Pires Ferreira SINGULARIDADES E DIFERENÇAS: gênero e exclusão na sala de aula – Maria Bellini Alves Monteiro e Marko Synésio Alves Monteiro VOLTAR PARA O SUMÁRIO

24 Menções Honrosas As marcas de uma instituição: uma discussão acerca das egressas de orfanato Autora: Suely Guilherme de Souza Vieira Pedagogia em ambiente hospitalar: reconstrução da identidade escolar Autora: Sandra Maria Farias Vasconcelos VOLTAR PARA O SUMÁRIO

25 Histórico do Projeto de Pesquisa em Políticas Públicas Recuperação de Fontes Seriais para a Historiografia da Criança Institucionalizada no Estado de São Paulo Desde 2003 tem sido possível conhecer uma parcela expressiva da história da criança órfã e abandonada no Estado de São Paulo colocada judicialmente sob a tutela do Estado. Os arquivos estudados pelo grupo de pesquisa coordenado pelo Prof. Roberto da Silva compreendem cerca de 300 mil prontuários, 150 anos de história e 45 períodos governamentais, isto é 45 diferentes propostas, políticas e práticas de atendimento às crianças e adolescentes em São Paulo. O estudo multidisciplinar e a constituição de linhas de pesquisas específicas para cada área de conhecimento representada no grupo deixaram evidente a insuficiência das ciências humanas e sociais em oferecer as respostas e os atendimentos que se faziam necessários para que aquelas crianças superassem as situações de vulnerabilidade que as colocaram sob a tutela do Estado. Questionava-se, sobretudo, o escopo da Psicologia Institucional e a necessidade de uma, então, Pedagogia Institucional como mais adequada para o trabalho dentro das instituições totais. O grupo também entendia que, sob a perspectiva do reordenamento institucional proposto pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8069/90), era preciso evitar que os abrigos continuassem cometendo os mesmos erros do passado. CONTINUAÇÃO

26 Histórico do Projeto de Pesquisa (continuação) Para isso, foi constituído, por meio de convênio com a Força Sindical, um campo experimental de estudos para que o grupo supervisionasse um abrigo e orientasse a elaboração de seu projeto pedagógico. Esta intersecção entre pesquisa histórica e estudo de campo tornou evidente a necessidade de formação dos profissionais de abrigo e a constituição de métodos e técnicas de trabalho no sentido de dotá-los dos recursos necessários para corrigir os erros e as distorções observadas no passado. O I Colóquio Multidisciplinar de Pesquisa em Sociologia do Desvio, realizado de outubro a dezembro de 2004 na Faculdade de Educação da USP foi o primeiro momento coletivo de aprofundamento teórico e metodológico do próprio grupo de pesquisa. A partir de agosto de 2005 tiveram início os Encontros de Equipes Técnicas de Unidades de Atendimento Social, realizados mensalmente entre agosto e dezembro de 2005, também na Faculdade de Educação da USP, agregando ao Abrigo Meu Guri e ao grupo de pesquisa outros quatro abrigos. A pouca receptividade, entretanto, quanto à idéia de uma pedagogia específica para o trabalho educacional dentro das instituições totais, já desaconselhada no passado por Paulo Freire, conduziu o grupo a considerar o conceito de Pedagogia Social e sua ampla abrangência, para além das instituições totais. No final de 2005, o diálogo com centros de pesquisas, universidades e pesquisadores europeus contribuiu para sedimentar a idéia da Pedagogia Social como matriz conceitual para pensarmos a pesquisa, a formação e a condução das atividades educativas nos espaços não-escolares, assumindo assim, a educação não-formal a importância central no desenho desta nova linha de pesquisa. VOLTAR PARA O SUMÁRIO

27 FOTOS COLOCAR MINIATURAS QUE AMPLIAM. VOLTAR PARA O SUMÁRIO


Carregar ppt "Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Faculdade de Psicologia da Universidade Presbiteriana Mackenzie Faculdade de Serviço Social da UniFMU."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google