A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Gerenciamento de Crise Estudo de Caso: Empresa Chevron por Eloisa Enacleto Luciane Clemente Barreto Michelle Ferreira Vanessa de Queiroz Rio de Janeiro.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Gerenciamento de Crise Estudo de Caso: Empresa Chevron por Eloisa Enacleto Luciane Clemente Barreto Michelle Ferreira Vanessa de Queiroz Rio de Janeiro."— Transcrição da apresentação:

1 Gerenciamento de Crise Estudo de Caso: Empresa Chevron por Eloisa Enacleto Luciane Clemente Barreto Michelle Ferreira Vanessa de Queiroz Rio de Janeiro 07/2012

2 Apresentação Em Novembro de 2011, um incidente chamou grande atenção da mídia: a empresa do ramo energético, Chevron, foi protagonista de um grande desastre ecológico na Bacia de Campos, litoral fluminense. Além do fato em si, chamou a atenção a maneira como a petroleira e sua equipe de comunicação tratou todo o assunto e como se portou diante do problema, do governo e da população brasileira.

3 Diante de omissões e mentiras reportadas pela empresa, a crise no setor operacional tomou grandes proporções. No entanto, a empresa manteve-se tomando medidas e sustentando discursos que fragilizaram a imagem institucional.

4 Foi uma das empresas resultantes da divisão da Standard Oil Company Grupo Rockefeller Fez parte do grupo conhecido como sete irmãs Hoje, emprega cerca de 62 mil pessoas ao redor do mundo.

5 É a maior produtora de energia geotérmica do mundo. Suas atividades incluem extração, e transporte de petróleo e gás natural; refinação de petróleo; produção e venda de produtos químicos e geração de energia Visão: Ser a empresa global de energia mais admirada graças à sua gente, às suas parcerias e ao seu desempenho.

6

7

8

9 Pontos Positivos É signatária do Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo Desenvolve projetos voltados para a inclusão digital e educação, além de há pouco ter iniciado sua participação no setor de patrocínio cultural Faz doações que ajudam a diferentes entidades principalmente voltadas para atenção a crianças e adolescentes É patrocinadora oficial do Botafogo de Futebol e Regatas e da equipe JF Motors de Stock car

10 Pontos Negativos Tem seu nome vinculado a diversos casos controversos, relacionados principalmente a questões ambientais Denúncias de apoio financeiro a regimes ditatoriais na África e prática de discriminação laboral no país Acusada de sonegar bilhões de dólares em impostos, nos Estados Unidos e na Nigéria Tem cometido erros técnicos sequenciais em vários países onde desenvolve suas atividades, mas não tem apresentado nenhum plano de contingência ou gerenciamento de crise eficaz.

11 Análise da Imagem Caso da Amazônia Equatoriana Texaco teria explorado petróleo ignorando regras de segurança ambiental Sérios danos à vida selvagem e à saúde das comunidades Justiça do Equador condena empresa a indenização de aproximadamente 6,3 bilhões de dólares Chevron qualifica veredicto como ilegítimo e mantém discurso, negando ter responsabilidades sobre o ocorrido

12

13 Possíveis cenários A atividade de exploração petrolífera compreende diversos riscos de acidentes ambientais A Chevron é uma companhia de capital aberto. Sua imagem deve ser gerida de forma a passar credibilidade aos investidores. Deslizes podem incorrer na gradativa perda de seu valor de mercado A empresa, estrangeira, deve seguir uma série de normas reguladoras. Infrações podem levar à suspensão ou até à perda do direito de exploração da atividade no país.

14 Análise da Imagem Caso da Bacia de Campos

15 Erros cometidos na comunicação Caso da Bacia de Campos Falta de transparência com a imprensa. Declarações muito genéricas e inconclusivas a respeito da dimensão do vazamento. "Todas as ações apropriadas para responder à emergência e para minimizar impactos ambientais estão sendo tomadas", informa a nota divulgada pela companhia. Em 10/11/2011 Procurada, a companhia não confirmou se o vazamento já foi controlado, mas frisou que estudos demonstram que não há risco de a mancha de óleo avistada no mar chegar à costa. Valor on line em 10/11/2012 : campos#ixzz20zptD9Lt campos#ixzz20zptD9Lt

16 Erros cometidos na comunicação Caso da Bacia de Campos Negaram a falta de recursos para monitorar e minimizar os danos ambientais e aumento da mancha de óleo. "Eu garanto a vocês que posso trazer equipamentos de qualquer lugar do mundo e a razão é que somos uma grande corporação. Nós operamos em vários países. Operamos, por exemplo, do outro lado do Atlântico, em Angola e na Nigéria, e a distância entre Angola e Brasil é de seis horas. Nós temos a tecnologia e a rede de fornecedores para trazer qualquer coisa que precisarmos com a rapidez necessária", disse o executivo Ali Moshiri, presidente de exploração e produção da Chevron América Latina e Africa. Entrevista concedida em 26/11/2012

17 Erros cometidos na comunicação Caso da Bacia de Campos Fizeram declarações de tom arrogante não demonstrando preocupação comas consequências ambientais. "Eu garanto a vocês que vamos nos defender. Não vamos aceitar que não se comprove que a Chevron não é uma das melhores operadoras do Brasil", Ali Moshiri, presidente de exploração e produção da Chevron América Latina e Africa.

18 Erros cometidos na comunicação Caso da Bacia de Campos Informou que o volume total do vazamento foi de 2,4 mil barris. A conclusão da investigação da ANP chegou ao número de 3,7 mil barris. Em comunicados usava constantemente a palavra incidente e não acidente para se referir ao vazamento de óleo. Não designou pessoa da área técnica que falasse português para comparecer ao depoimento na câmara dos deputados e dar as explicações técnicas sobre o acontecido.

19 Acusações sobre a Chevron Negligência - Não cumpriram normas de segurança estabelecidas pelo Governo brasileiro e manual de procedimento da própria Chevron Má preparação de funcionários – Desconhecimento da geologia local levando a uma leitura de estimava incorreta e não utilizaram dados de testes realizados pela mesma demonstrando que a perfuração seria inviável

20 Imagem da Chevron no Brasil: uma empresa irresponsável, incompetente, mentirosa e negligente. Insegurança dos investidores e quedas constantes no mercado de valores Risco de perda do direito de exploração de petróleo no Brasil Acusação de cerca de 20 infrações no caso da Bacia de Campos Gestão de Crise Cenário:

21 Desde a descoberta do vazamento, as ações da Chevron acumulam perdas de 13,2% na bolsa de Nova Iorque. Seu valor de mercado encolheu US$ 28 de bilhões em duas semanas. Em 25/11/2011 Gestão de Crise Cenário:

22 Proposta de Plano de Gestão Reunião da diretoria com a assessoria e traçar o planejamento de comunicação e resolução do problema -traçar metas, objetivos, prazos e efetuar acordos com o Governo, funcionários e a comunidade local para evitar processos maiores- Assumir a culpa publicamente marcando uma coletiva com a imprensa Comunicação imediata a mídia (notas de assessoria de comunicação através de site, tv, rádio e outros, canais de comunicação da área petrolífera (sindicatos e outras empresas relacionadas, como por exemplo, terceirizadas) Comunicação aos funcionários de maneira eficaz para que as informações não se percam, desencontrem ou haja falsas informações por parte de funcionários à imprensa.

23 Proposta de Plano de Gestão Porta voz em português; Ações na imprensa para a redução do impacto negativo e propor pautas positivas; Transparência no esclarecimento completo dos fatos; Ter um mapa dos riscos reais e potenciais do negocio; Auditoria para monitoramento.


Carregar ppt "Gerenciamento de Crise Estudo de Caso: Empresa Chevron por Eloisa Enacleto Luciane Clemente Barreto Michelle Ferreira Vanessa de Queiroz Rio de Janeiro."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google