A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Profissionalização da Psicologia: Do laboratório para os testes psicológicos UFRGS - Instituto de Psicologia História da Psicologia 2007/2 Aula 05.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Profissionalização da Psicologia: Do laboratório para os testes psicológicos UFRGS - Instituto de Psicologia História da Psicologia 2007/2 Aula 05."— Transcrição da apresentação:

1 1 Profissionalização da Psicologia: Do laboratório para os testes psicológicos UFRGS - Instituto de Psicologia História da Psicologia 2007/2 Aula 05

2 2 O Laboratório de Wundt em Leipzig, 1879

3 3 Augustusplatz em Leipzig em 1880 Autor desconhecido.

4 4 Augustusplatz em 2007

5 5 Prédio da Universidade de Leipzig, primeiro local do Instituto de Psicologia - Laboratório de Psicologia Experimental

6 6 Herder Institut, Universidade de Leipzig, 2007

7 7 Wilhelm Wundt em seu aniversário de 70 anos e seus colaboradores Da esquerda pra direita, primeira fila: Eleonore Wundt, Erich Mosch, Oswald Külpe, Gustav Störring, August Kirschmann, ??; Fila do meio: Emil Kraepelin, Wilhelm Wundt, Sophie Wundt, Reinecke; Fila de baixo: Max Wundt, Wilhelm Wirth

8 8 Wilhelm Wundt e seus colaboradores, Foto ~1908 (Da direita pra esquerda: Ottmar Dittrich, Wilhelm Wirth, Wilhelm Wundt, Otto Klemm, Friedrich Sander)

9 9 Wilhelm Wundt

10 10 Fonte das fotos antigas:

11 11 Da Experimentação para a Avaliação Psicológica Laboratório de Wundt substitui experimentação fisiológica pela experimentação direta de eventos mentais através do método da introspecção.

12 12 E. B. Titchener Clark University (1909), Harvard (1917) Cornell Psicologia experimental James McKeen Cattell Pensilvânia e Columbia Estatística e testes individuais G. S. Hall Johns Hopkins e Clark Psicologia do Desenvolvimento H. Judd ChicagoEducação E. A. Pace The Catholic University of America Psicologia Escolástica e Aristotélica G. W. Patrick IowaMoral e Pedagogia R. Pintner Columbia University Testes Psicológicos W. D. Scott NorthwesternPsicologia Industrial L. Witmer PensilvâniaClínica Psicológica para Crianças

13 13 Experimentação >> Teste Experimentação: pretende descobrir a natureza de uma função psíquica (qual é seu mecanismo, quais são as leis que regem tal função...) Teste: permite calcular em que medida um sujeito possui uma determinada função, a qual é comparada com a média do grupo dos indivíduos submetidos ao mesmo instrumento.

14 14 Psicometria Campo que prima por medir e estudar quantitativamente os fenômenos psíquicos; Esse processo conduz à elaboração de escalas estatísticas utilizadas em muitos testes.

15 15 Testes Psicológicos Nomenclatura usada para diferentes tipos de instrumentos Teste psicotécnico - exemplo de nomenclatura não aceita de forma unânime no contexto da psicologia acadêmica

16 16 Testes Psicológicos Testes objetivos: –Herdeiros da psicologia diferencial de Galton Testes expressivos e projetivos: –Herdeiros de outra vertente da psicologia - a psicologia dos estados mórbidos

17 17 Testes Objetivos Instrumento que mensura quantitativamente um determinado comportamento, traço de personalidade, função cognitiva e/ou intelectual. Seu resultado independe do julgamento subjetivo do avaliador.

18 18 Testes Objetivos Tipos: –Testes de Inteligência –Testes de aptidão –Testes de interesse –Testes de personalidade

19 19 Testes de Inteligência Hermann Ebbinghaus ( ) –Sílabas sem sentido Investigação precisa e experimental sobre a memória após ler Elementos de Psicofísica de Fechner. –Escreve artigo sobre a aplicação de testes de inteligência em escolas –Modelo: Provas de completar lacunas

20 20 Testes de Inteligência Francis Galton ( ) –International Health Exibition - Londres –Influência das descobertas de Charles Darwin –Análise das raças em termos de adaptação (dons especiais se perpetuam nas famílias - sugere aprimorar a linhagem do Homo Sapiens Sapiens) –Inclinação para a quantificação: inventa o Coeficiente de Correlação (Karl Pearson será seu sucessor)

21 21 James McKeen Cattell EUA: movimento dos testes Interesse em medir diferenças individuais Pioneiro no uso do termo Teste Mental Medidas da capacidade intelectual por meio de testes de tempo de reação e discriminação sensorial (Galton)

22 22 Exemplos de testes de Cattell Julgamento de 10s Divisão de uma linha de 50cm Número de letras repetidas com uma só audição

23 23 Alfred Binet –Laboratório de Psicologia Fisiológica na Sorbonne –Aluno de Charcot –Modelo de laboratório no Brasil –Criador da primeira escala psicométrica do desenvolvimento da inteligência - incentivo do governo francês. –Escala Binet-Simon (1905/08)- bateria de testes que permite a classificação de indivíduos em níveis distintos de desenvolvimento mental.

24 24 Escala Binet-Simon As concepções teóricas de Binet que davam sustentação à sua escala foram totalmente ignoradas quando entraram nos EUA: –Recurso prático e aproximativo para identificar crianças com problemas de aprendizagem e/ou ligeiramente retardadas, com fins de indicar estudo especial e não de criar uma hierarquia para enquadrá-las; –A escala não mede inteligência, a qual não é definida como inata e tampouco se constitui como uma teoria do intelecto –Os resultados obtidos na escala servem para enfatizar possibilidades de aprimoramento das capacidades a partir de uma escola especial adequada.

25 25

26 26 Nível Intelectual Geral - Quociente de Inteligência IC - IM = NIG (Nível Intelectual Geral da criança) William Stern em 1912 modifica a escala e propõe quociente intelectual geral QI = IM/IC x 100 Henry Goddard nos EUA: criador do termo débil mental (feeble-minded), criou taxonomia hierarquizada a partir da escala de Binet: –débeis mentais = indivíduos com IM de 8-12 anos – imbecis = IM de 3-7 anos –idiotas = IM < 3 anos.

27 27 Deslocamento de função da Escala de Binet Finalidade em Binet: indicar nível médio de desenvolvimento mental da criança Nova finalidade: concepção biológica de inteligência: QI como função de aptidão hereditária. Retorno do pensamento de Galton: eugenia

28 28 Exemplos de testagem de Binet Uma criança de 3 anos deveria estar apta a: –Mostrar nariz, olhos e boca; –Repetir dois algarismos; –Enumerar objetos de uma figura; –Dar nome e sobrenome; –Repetir uma frase de 6 sílabas. Uma criança de 6 anos deveria estar apta a: –Comparar 2 objetos de memória; –Contar de 20 a 0; –Indicar omissões de partes de figuras; –Dizer o dia da semana e do mês; –Repetir 5 algarismos.

29 29 Cattell (EUA) x Binet (França) Para Binet: a melhor maneira de fazer testagem dos processos mentais superiores era medindo-os direta e globalmente Para Cattell: melhor fazê-lo através das faculdades sensoriais simples (como o tempo de realção e concentração)

30 30 Clark Wissler em Columbia 1901: Clark Wissler, em As correlações dos testes físicos e mentais, utilizou valores obtidos por Cattell. O artigo concluiu que as correlações existentes entre os vários testes de execução sensorial e mental aplicados nos estudantes da universidade eram desprezíveis. Esse artigo decretou a vitória de Binet sobre Cattell.

31 31 Testes de Aptidão Binet concebia inteligência como aptidão unitária e a media objetivamente para obter um escore. Thurstone, nos EUA: estabelece inter-relações entre os testes de aptidões. Técnicas estatísticas de Análise Fatorial (Pearson em 1901 e Thurstone, posteriormente) Atuação de psicólogos na seleção e classificação de pessoal militar: I Guerra Mundial Diagnosticar capacidade da pessoa no desempenho de dada tarefa. –Ex: teste de aptidão mecânica: mensura rapidez nos movimentos, destreza manual, coordenação motora fina...

32 32

33 33 Próxima aula: Texto: Influências Médicas de Hearnshaw (traduzido) material está no xerox ou no polígrafo de História da Psicologia Questões norteadoras: 1. Descreva o contexto histórico/cultural europeu no século XIX. 2. Descreva os denvolvimentos na área da Psicologia no século XIX. 3. Nesse período, localize a medicina e a filosofia com relação ao estudo da mente. 4. Descreva como se explicavam as doenças mentais. 5. Localize os principais conceitos de psiquiatria da época. 6. Busque traçar relações entre a teoria psicanalítica e o contexto histórico em que surge.


Carregar ppt "1 Profissionalização da Psicologia: Do laboratório para os testes psicológicos UFRGS - Instituto de Psicologia História da Psicologia 2007/2 Aula 05."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google