A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Falta de Professores em Disciplinas Específicas no Ensino Médio e Últimos Anos do Ensino Fundamental O Caso de Física, Química, Matemática e Biologia Copyright.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Falta de Professores em Disciplinas Específicas no Ensino Médio e Últimos Anos do Ensino Fundamental O Caso de Física, Química, Matemática e Biologia Copyright."— Transcrição da apresentação:

1 Falta de Professores em Disciplinas Específicas no Ensino Médio e Últimos Anos do Ensino Fundamental O Caso de Física, Química, Matemática e Biologia Copyright © Dale Carnegie & Associates, Inc.

2 Breve Histórico UnB, início da década de , prof. Marcelino (USP/RP) no INEP e prof. Ibañez no Ensino Médio/MEC Criação da CAPEMP e participação do prof. Mozart Comissão da CEB/CNE (prof. Mozart - relator, prof. Murílio Hingel e prof. Ibañez – presidente)

3 Metodologia Inicialmente será calculada a demanda de professores, tendo por base o número de matrículas de alunos no EM e nos últimos anos do EF. Para isto é utilizado o Censo de 2005 e a construção de uma grade curricular hipotética. A seguir utiliza-se a estimativa do número de professores que ministram as disciplinas específicas e a formação deles, baseado no Censo dos Profissionais do Magistério de Esse trabalho foi elaborado por uma equipe do INEP/DTDIE, em dezembro de Finalmente mostra-se a comparação entre a demanda necessária para atender todos os alunos matriculados e os professores que efetivamente estão ministrando aulas dessas disciplinas específicas. Essa comparação é chocante. A titulo de informação é mostrado o número de licenciados nas quatro disciplinas nos últimos quinze anos (até 2005), baseados no censo da educação superior, do INEP.

4 DEMANDA de PROFESSORES Ensino Médio Alunos Matriculados (censo 2005) (A) Número Médio de Alunos por Turma 36,7 (B) Número de Turmas (C=A/B) (C) Fonte INEP/MEC censo 2005

5 Demanda de Professores Ensino Fundamental - Alunos Matriculados (censo 2005) (A): Número Médio de Alunos por Turma (B): 31,4 - Número de Turmas (C=A/B) Fonte INEP/MEC Censo 2005

6 1 - Carga Horária Semanal Hipotética (Ensino Médio) Disciplina Horas/Semana % (p) Total Língua Portuguesa 4 20 Matemática 3 15 Biologia 2 10 Física 2 10 Química 2 10 Língua Estrangeira 1 5 Educação Física 1 5 Educação Artística 1 5 História 2 10 Geografia 2 10

7 2 – Carga Horária Semanal Hipotética (Ensino Fundamental) Disciplina Horas/Semana % (p) Total Língua Portuguesa 4 20 Matemática 3 15 Ciências 4 20 Língua Estrangeira 2 10 Educação Física 2 10 Educação Artística 1 5 História 2 10 Geografia 2 10

8 3 - Professores por Disciplina (Ensino Médio) (pxC) Língua Portuguesa Matemática Biologia Física Química Língua Estrangeira Educação Física Educação Artística História Geografia Total

9 4 – Professores por Disciplina (Ensino Fundamental) (pxC) Língua Portuguesa Matemática Ciências Língua Estrangeira Educação Física Educação Artística História Geografia Total

10 Concluintes por Curso de Graduação presencial (Licenciaturas) – Curso de graduação/ Total de Concluintes habilitação 2005 Biologia (licenciaturas) Física (idem) Matemática (idem) QuÍmica (idem) 23925

11 Número de Profissionais do Magistério da Educação Básica que ministram MATEMÁTICA (Brasil) Curso de Graduação Concluído Matemática Área 1* Área 2 ** 5136 Pedagogia/ C da Educação Outros Não Informado Sem Graduação Total *Agrupa os seguintes cursos: Química, Física, C Biológicas e Ciências ** Agrupa os seguintes c ursos:Engenharia, Informática/Computação/Processamento de Dados, Estatística/Atuária/C. Contábeis/C. Econômicas, Agronomia/Geologia/C. da Terra Fonte: Estimativa do Censo dos Profissionais do Magistério 2003 INEP/MEC

12 Número de Profissionais do Magistério da Educação Básica que ministram Biologia (Brasil) Curso de Graduação Concluído C Biológicas Ciências 4185 Área 1* 1890 Pedagogia/ C da Educação 2407 Outros 2757 Não Informado 4701 Sem Graduação 2093 Total *Agrupa os seguintes cursos: Química, Física, C Biológicas e Ciências Fonte: Estimativa do Censo dos Profissionais do Magistério 2003 INEP/MEC

13 Número de Profissionais do Magistério da Educação Básica que ministram Física (Brasil) Curso de Graduação Concluído Física 3095 Matemática 8981 Área 1* 6825 Pedagogia/ C da Educação 1837 Outros 2166 Não Informado 5449 Sem Graduação 2822 Total *Agrupa os seguintes cursos: Química, Física, C Biológicas e Ciências Fonte: Estimativa do Censo dos Profissionais do Magistério 2003 INEP/MEC

14 Número de Profissionais do Magistério da Educação Básica que ministram Química (Brasil) Curso de Graduação Concluído Química 6503 Matemática 2047 C Biológicas/Ciências 7193 Pedagogia/ C da Educação 1639 Engenharia 1079 Outros 3130 Não Informado 5211 Sem Graduação 2479 Total Fonte: Estimativa do Censo dos Profissionais do Magistério 2003 INEP/MEC

15 Demanda Hipotética de Professores e Número de Docentes em Exercício Disciplina Demanda Hipotética Docentes em Exercício* Ensino Médio 5ª a 8ª Ensino Com Formação Fundamental Total Total Específica** Matemática Biologia Física *** Química *Estimado de acordo com o Censo dos Profissionais do Magistério 2003 Inep/MEC ** Professores com Licenciatura na disciplina ***Ciências Fonte: Texto para Discussão Professores atuando em disciplinas específicas e a adequação de sua formação inicial para o exercício do magistério, INEP/MEC, dezembro 2006

16 Soluções Médio e longo prazos O MEC já vem adotando algumas soluções que vêm ao encontro desse grave problema: Expansão das Universidades e Centros Federais de Educação Tecnológica; Criação da Universidade Aberta do Brasil; Criação das Instituições Federais de Educação Tecnológica (IFETs); Incentivo às Licenciaturas mediante bolsas de graduação; e Incentivo às Licenciaturas no PROUNI

17 Soluções Curto Prazo O MEC não apresenta propostas, o que pode ser interpretado como se não existisse o problema. Conseqüência disso é que, do lado de quem forma os professores (universidades, faculdades, cefetes) e por parte dos dirigentes (reitores, diretores, secretários estaduais e MEC), ninguém sente-se responsável pela falta de professores. O Ministério Público cobra dos secretários a oferta de aulas dessas disciplinas e os responsabiliza. As conseqüências, quase que irreparáveis, ficam com os alunos das escolas públicas que concluem seus estudos sem ter tido a oportunidade de receber os conteúdos completos das disciplinas específicas de Matemática, Física, Química e Biologia.

18 Sugestões a Curto Prazo No relatório da Comissão da Câmara de Educação Básica do Conselho Nacional de Educação, divulgado em junho de 2007, são apresentadas algumas sugestões: Criação de um Observatório estadual específico para diagnosticar a falta de professores e planejar mediante soluções, nem sempre ortodoxas – se necessário -,o preenchimento de todas as salas de aula das disciplinas específicas, coordenado pelo MEC e com a responsabilidade de um dos atores participantes deste Observatório (universidades públicas e privadas, faculdades, cefetes, secretarias estaduais de educação e de ciência e tecnologia, conselhos estaduais, Ministério Público e MEC ).

19 Sugestões a Curto Prazo Criação de incentivos fiscais para os professores aposentados e que demonstrem interesse em voltar a dar aula das disciplinas específicas. Criação de incentivos para que os professores retardem a sua aposentadoria.

20 FIM Muito obrigado e um bom Seminário!


Carregar ppt "Falta de Professores em Disciplinas Específicas no Ensino Médio e Últimos Anos do Ensino Fundamental O Caso de Física, Química, Matemática e Biologia Copyright."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google