A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Corpo Espiritual. RETRATO DO CORPO MENTAL Para definirmos de alguma sorte, o corpo espiritual, é preciso considerar, antes de tudo, que ele não é reflexo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Corpo Espiritual. RETRATO DO CORPO MENTAL Para definirmos de alguma sorte, o corpo espiritual, é preciso considerar, antes de tudo, que ele não é reflexo."— Transcrição da apresentação:

1 Corpo Espiritual

2 RETRATO DO CORPO MENTAL Para definirmos de alguma sorte, o corpo espiritual, é preciso considerar, antes de tudo, que ele não é reflexo do corpo físico, porque, na realidade, é o corpo físico que o reflete, tanto quanto ele próprio, o corpo espiritual, retrata em si o corpo mental (3) que lhe preside a formação.

3 Do ponto de vista da constituição e função em que se caracteriza na esfera imediata ao trabalho do homem, após a morte, é o corpo espiritual o veículo físico por excelência, com sua estrutura eletromagnética, algo modificado no que tange aos fenômenos genésicos e nutritivos, de acordo, porém, com as aquisições da mente que o maneja. Do ponto de vista da constituição e função em que se caracteriza na esfera imediata ao trabalho do homem, após a morte, é o corpo espiritual o veículo físico por excelência, com sua estrutura eletromagnética, algo modificado no que tange aos fenômenos genésicos e nutritivos, de acordo, porém, com as aquisições da mente que o maneja. Corpo Espiritual

4 O corpo espiritual e duplo etério, ( Duplo etério é um corpo intermediário que fica entre o psicossoma e o corpo físico,ele serve para fazer ligação do corpo físico, ao psicossoma, é causador da aura). E o psicossoma.-Todas as alterações que apresenta, depois do estágio berço túmulo, verificam-se na base da conduta espiritual da criatura que se despede do arcabouço terrestre para continuar a jornada evolutiva nos domínios da experiência. ( Duplo etério é um corpo intermediário que fica entre o psicossoma e o corpo físico,ele serve para fazer ligação do corpo físico, ao psicossoma, é causador da aura). E o psicossoma.-Todas as alterações que apresenta, depois do estágio berço túmulo, verificam-se na base da conduta espiritual da criatura que se despede do arcabouço terrestre para continuar a jornada evolutiva nos domínios da experiência. Claro está, portanto, que é ele santuário vivo em que a consciência imortal prossegue em manifestação incessante Claro está, portanto, que é ele santuário vivo em que a consciência imortal prossegue em manifestação incessante Duplo Etério Duplo Etério

5 O Corpo Mental ) O corpo mental, assinalado experimentalmente por diversos estudiosos, é o envoltório sutil da mente, e que, por agora, não podemos definir com mais amplitude de conceituação, além daquela em que tem sido apresentado pelos pesquisadores encarnados, e isto por falta de terminologia adequada no dicionário terrestre. (Nota do Autor espiritual). ) O corpo mental, assinalado experimentalmente por diversos estudiosos, é o envoltório sutil da mente, e que, por agora, não podemos definir com mais amplitude de conceituação, além daquela em que tem sido apresentado pelos pesquisadores encarnados, e isto por falta de terminologia adequada no dicionário terrestre. (Nota do Autor espiritual).

6 AS ESFERAS ESPIRITUAIS AS ESFERAS ESPIRITUAIS

7 A cidade Nosso Lar, assinalada com uma estrela, está localizada na terceira esfera acima a Crosta, sobre uma extensa regiao do Estado do Rio de Janeiro (entre as cidades do Rio de laneiro e Campos Iltaperuna), em faixa que pode ser definida como a periferia do Umbral.

8 AS ESFERAS ESPIRITUAIS 1 - Núcleo interno. 2- Núcleo externo. 3 - Crosta. 4 - Manto. 5 - Crosta terrestre. 6 - Umbral grosso. 7 - Umbral ml!dio.8 - Umbral ( onde está localizada a cidade espiritual Nosso Lar), 9 - Arte em geral ou Cultural e Ciência. Portal do sol 10 - Amor Fraterno Universal Diretrizes do Planeta. Portal da luz 12 - Abóboda Estelar.

9 LOCALIZAÇÃO DE "NOSSO LAR" ­ ",ESFERAS ESPI RITUAIS A ilustração da página 79 nos mostra o campo magnético da Terra dividido em sete esfe­ras, seguindo a tradicional concepção dos sete céus de que nos falam os antigos estudiosos das coisas espirituais. A ilustração da página 79 nos mostra o campo magnético da Terra dividido em sete esfe­ras, seguindo a tradicional concepção dos sete céus de que nos falam os antigos estudiosos das coisas espirituais. Na realidade, cada uma dessas divisões compreende outras, conforme asseguram os Espíritos. Na realidade, cada uma dessas divisões compreende outras, conforme asseguram os Espíritos.

10 LOCALIZAÇÃO DE "NOSSO LAR" ­ ",ESFERAS ESPI RITUAIS A primeira esfera comporta o Umbral "grosso", mais materializado, de regiões purgatoriais mais dolorosas e de cujas organizações comunitárias, conquanto estejam tão próxima, temos poucas notícias. A primeira esfera comporta o Umbral "grosso", mais materializado, de regiões purgatoriais mais dolorosas e de cujas organizações comunitárias, conquanto estejam tão próxima, temos poucas notícias. A segunda esfera abriga o Umbral mais A segunda esfera abriga o Umbral mais ameno, onde os Espíritos do Bem localizam, com mais amplitude, sua assistência, e onde estão situadas as "Moradias". ameno, onde os Espíritos do Bem localizam, com mais amplitude, sua assistência, e onde estão situadas as "Moradias".

11 CIDADE NO ALEM Cada desenho, semi-retangular, que está assinalado nessa região, representa uma "Moradia". Cada desenho, semi-retangular, que está assinalado nessa região, representa uma "Moradia". A terceira esfera, a rigor, ainda faz par­ A terceira esfera, a rigor, ainda faz par­ te do Umbral, pois, sendo de transição, abriga Espíritos necessitados de reencarnação. te do Umbral, pois, sendo de transição, abriga Espíritos necessitados de reencarnação. Nessa terceira esfera se localiza a cida­ Nessa terceira esfera se localiza a cida­ de "Nosso Lar", num ponto situado sobre a de "Nosso Lar", num ponto situado sobre a cidade do Rio de Janeiro e com uma altura que não podemos definir, mas que se encontra na ionosfera. cidade do Rio de Janeiro e com uma altura que não podemos definir, mas que se encontra na ionosfera.

12 Sobre estas três esferas, os Iivros de André Luiz nos dão notícias, retratando edificações e organizações mantidas pelos Espíritos do Bem, tendo em vista o socorro e a assistência a Espíritos mais atrasados, bem como nos dizem das condições em que vivem os Espíritos sofredores fora do amparo dessas organizações. Sobre estas três esferas, os Iivros de André Luiz nos dão notícias, retratando edificações e organizações mantidas pelos Espíritos do Bem, tendo em vista o socorro e a assistência a Espíritos mais atrasados, bem como nos dizem das condições em que vivem os Espíritos sofredores fora do amparo dessas organizações. Ao que se deduz das narrativas do citado Mensageiro, as esferas espirituais se distinguem por vibrações distintas, que se apuram à medida que se afastam do núcleo. Ao que se deduz das narrativas do citado Mensageiro, as esferas espirituais se distinguem por vibrações distintas, que se apuram à medida que se afastam do núcleo. Sabemos que a Terra é um grande Sabemos que a Terra é um grande magneto que se projeta no Espaço, mantendo um magneto que se projeta no Espaço, mantendo um campo magnético ativo e diferenciado que campo magnético ativo e diferenciado que

13 CIDADE NO ALEM!:,comporta as esferas espirituais, de modo que, por exemplo, quando se contrabalançam os magnetismos da Terra e de Marte, tocando-se, os dois mundos se interpenetram, pelas suas esferas extremas.,comporta as esferas espirituais, de modo que, por exemplo, quando se contrabalançam os magnetismos da Terra e de Marte, tocando-se, os dois mundos se interpenetram, pelas suas esferas extremas. Mas, da Crosta até esse limite, os conti­ Mas, da Crosta até esse limite, os conti­ nentes e os mares se projetam, e onde o Espí­ nentes e os mares se projetam, e onde o Espí­ rito estiver situado pela sua identidade vibra­ rito estiver situado pela sua identidade vibra­ tória, seja onde for nesse vasto espaço magné­ tória, seja onde for nesse vasto espaço magné­. tico, sob seus pés terá terra firme e sobre sua. tico, sob seus pés terá terra firme e sobre sua cabeça céu aberto, já que seus sentidos não es­ cabeça céu aberto, já que seus sentidos não es­ tarão aptos para perceberem as esferas que lhe estão acima. Nessa posição terá a mesma geografia planetária que nos corresponde e o mesmo tarão aptos para perceberem as esferas que lhe estão acima. Nessa posição terá a mesma geografia planetária que nos corresponde e o mesmo horário' nosso, pois estará sob o mesmo fu­ horário' nosso, pois estará sob o mesmo fu­ so horário. so horário.

14 CIDADE NO ALEM!: ' Lendo André Luiz, quando descreve a ' Lendo André Luiz, quando descreve a, segunda e a terceira esferas, percebemos que,, segunda e a terceira esferas, percebemos que, em ambas, há chão firme, sólido, terra fértil que se cobre de vegetação. Se assim é, fácil é perceber-se que, para seus habitantes, nós es­ em ambas, há chão firme, sólido, terra fértil que se cobre de vegetação. Se assim é, fácil é perceber-se que, para seus habitantes, nós es­ tamos vivendo no interior da Terra. tamos vivendo no interior da Terra. Percebe-se, também, nos livros de André Luiz, que os Espíritos que estão acima podem transitar,pelas esferas que lhe estão abaixo, mas os Espíritos que estão nas esferas inferiores não podem, sozinhos, passar para as esferas superiores. Percebe-se, também, nos livros de André Luiz, que os Espíritos que estão acima podem transitar,pelas esferas que lhe estão abaixo, mas os Espíritos que estão nas esferas inferiores não podem, sozinhos, passar para as esferas superiores.

15 CIDADE NO ALEM!: o trânsito entre as esferas se faz por maneiras diversas. Por "estradas de luz", referidas o trânsito entre as esferas se faz por maneiras diversas. Por "estradas de luz", referidas pelos Espíritos como caminhos especiais, destinados a transporte mais importante. Através dos chamados "campos de saída", que são pontos nos' quais as duas esferas próximas se tocam. Pelas águas, de se supor as que circundam os continentes.. pelos Espíritos como caminhos especiais, destinados a transporte mais importante. Através dos chamados "campos de saída", que são pontos nos' quais as duas esferas próximas se tocam. Pelas águas, de se supor as que circundam os continentes... A página 50, de Libertação, 9a. ed., encontramos referências aos "campos de saída".. A página 50, de Libertação, 9a. ed., encontramos referências aos "campos de saída". Quando relata a maneira pela 'qual, em sonho, passou para uma esfera superior (1), André Luiz se refere a uma embarcação, com um timoneiro sustendo o leme, e com movimento de ascenção, indo sair à frente de um porto, tudo indicando que a passagem se deu através das águas do oceano. Quando relata a maneira pela 'qual, em sonho, passou para uma esfera superior (1), André Luiz se refere a uma embarcação, com um timoneiro sustendo o leme, e com movimento de ascenção, indo sair à frente de um porto, tudo indicando que a passagem se deu através das águas do oceano.

16 CIDADE NO ALEM!: Claro que se tratam de alguns aspectos rudimentares dessa questão importantissima que é a das esferas espirituais da Terra. No futuro, por certo, os Espíritos, sobre essa e outras questões importantes, farão mais luz, ensejando-nos compreender mais um pouco o mundo que se encontra acima de nossa fronteira vibratória. E: o que se deduz da afirmação contida à página 85, do livro "Os Mensageiros", 14a. ed., Claro que se tratam de alguns aspectos rudimentares dessa questão importantissima que é a das esferas espirituais da Terra. No futuro, por certo, os Espíritos, sobre essa e outras questões importantes, farão mais luz, ensejando-nos compreender mais um pouco o mundo que se encontra acima de nossa fronteira vibratória. E: o que se deduz da afirmação contida à página 85, do livro "Os Mensageiros", 14a. ed., E que transcrevemos, encerrando este capítulo:

17 CIDADE NO ALEM!: /(...) Há, porém, André, outros mundos sutis, dentro dos mundos grosseiros, maravilhosas esferas que se interpenetramo O olho humano sofre variadas limitações e todas as lente físicas reunidas não conseguiriam surpreender o campo da alma, que exige o desenvolvimento das faculdades espirituais para tornar- se perceptível. A.eletricidade e o magnetismo são duas correntes poderosas que começam a descortinar aos nossos irmãos encarnados alguma coisa dos infinitos potenciais do invisível, mas ainda é cedo para cogitarmos de êxito completo. Somente ao homem de sentidos espirituais desenvolvidos é possível revelar alguns pormenores das paisagens sob nossos olhos. A maioria das criaturas ligadas à Crosta não entende estas verdades, senão após perderem os laços físicos mais grosseiros. é da lei que não devemos ver senão o que possamos observar com proveito." /(...) Há, porém, André, outros mundos sutis, dentro dos mundos grosseiros, maravilhosas esferas que se interpenetramo O olho humano sofre variadas limitações e todas as lente físicas reunidas não conseguiriam surpreender o campo da alma, que exige o desenvolvimento das faculdades espirituais para tornar- se perceptível. A.eletricidade e o magnetismo são duas correntes poderosas que começam a descortinar aos nossos irmãos encarnados alguma coisa dos infinitos potenciais do invisível, mas ainda é cedo para cogitarmos de êxito completo. Somente ao homem de sentidos espirituais desenvolvidos é possível revelar alguns pormenores das paisagens sob nossos olhos. A maioria das criaturas ligadas à Crosta não entende estas verdades, senão após perderem os laços físicos mais grosseiros. é da lei que não devemos ver senão o que possamos observar com proveito."


Carregar ppt "Corpo Espiritual. RETRATO DO CORPO MENTAL Para definirmos de alguma sorte, o corpo espiritual, é preciso considerar, antes de tudo, que ele não é reflexo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google