A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Engenharia Mecânica Departamento de Projeto Mecânico Usando o SoDA na geração automática de Documentos e.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Engenharia Mecânica Departamento de Projeto Mecânico Usando o SoDA na geração automática de Documentos e."— Transcrição da apresentação:

1 Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Engenharia Mecânica Departamento de Projeto Mecânico Usando o SoDA na geração automática de Documentos e Relatórios

2 Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Engenharia Mecânica Departamento de Projeto Mecânico Wallace Gusmão Ferreira, Eng. Mec. Marco Lúcio Bittencourt, Ph.D. COMET- Computational Mechanics Tools Group

3 Sumário Introdução; Conceitos básicos; Personalizando modelos;

4 Introdução O SoDA é uma ferramenta CASE (Engenharia de Software Auxiliada por Computador) do Rational Unified Process (RUP) que tem como função básica obter informações de diversas fontes (domínios) e usá-las na geração automática de documentos e relatórios durante um processo de desenvolvimento de software, através de modelos que podem ser personalizados.

5 Conceitos Básicos Iniciando o SoDA O SoDA não possui uma interface gráfica própria. As funcionalidades do SoDA podem ser acessadas através do Microsoft Word ou de macros previamente definidas na ferramentas do RUP (Rose, RequisitePro, etc.)

6 Conceitos Básicos Iniciando o SoDA O SoDA pode ser iniciado de três maneiras: Através de macros em programas do RUP; Utilizando o tutorial Getting Started Wizard no menu do SoDA pelo atalho da área de trabalhos; Criando um novo documento do Word com o modelo soda.dot.

7 Conceitos Básicos Iniciando o SoDA Quando um novo documento baseado no soda.dot é criado no Word ou um documento pré-exeistente é aberto, um menu SoDA é habilitado na barra de ferramentas, permitindo acessar suas funcionalidades.

8 Conceitos Básicos Obtenção de Informações A obtenção de informações é baseada em conceitos de Orientação por Objetos. O SoDA define o conceito de Domínio. Cada domínio representa uma fonte de informações que se deseja documentar, por exemplo um modelo do Rose, um projeto do RequisitePro ou o próprio Sistema de Arquivos do Windows.

9 Conceitos Básicos Obtenção de Informações As informações nos domínios são representadas de maneira genérica por classes, atributos e relações. Exemplos de classes do Sistema de Arquivos do Windows podem ser os diretórios ou os arquivos. Já no Rose exemplos de classe podem ser os modelos de usecases ou os diagramas de classes. O SoDA permite a geração de documentos e relatórios utilizando vários domínios simultaneamente.

10 Conceitos Básicos Geração de Documentos O SoDA permite que a geração e a manutenção das informações contidas nos documentos seja consistente. Se as informações forem alteradas ou exculídas nos domínios fontes, os documentos podem ser gerados novamente, sendo automaticamente atualizados. Outra característica é que informações extras (comentários, formatos, diagramas e figuras) podem ser inseridas nos documentos e o SoDA permite que estes dados também sejam gerenciados.

11 Conceitos Básicos Documentos e Relatórios Uma desvantagem desse processo interativo e consistente de obtenção de informações e geração de documentos é o excessivo custo computacional. Em função disso o SoDA faz uma diferenciação entre Documentos e Relatórios. Os Documentos contém as informações obtidas nos domínios fonte e as informações extras incluídas pelo usuário. Já os Relatórios são documentos simplificados contendo apenas as informações dos domínios fonte.

12 Conceitos Básicos Documentos e Relatórios A diferenciação entre documentos e relatórios permite o processo de geração seja menos lento. Como o SoDA não precisa gerenciar as informações extras nos relatórios, a sua geração é menos lenta. A recomendação é que os documentos sejam gerados apenas em fases finais do processo e os relatórios sejam gerados em fases intermediárias.

13 Personalizando Modelos Modelos de Relatórios O SoDA disponibiliza diversos modelos de relatórios que são sugeridos pelo RUP. Entretanto esses modelos podem ser amplamente personalizados pelo usuário. Novos modelos também podem ser criados. Ao contrário dos modelos do Word (*.dot) os modelos do SoDA são documentos (*.doc) contendo macros que permitem a obtenção de informações dos domínios e a geração dos relatórios.

14 Personalizando Modelos Modelos Padrão Alguns modelos de relatórios disponibilizados pelo SoDA são: ClassesAttrsOps.doc: uma lista de todas as classes em um modelo do Rose contendo atributos e relações; LogicalViewFull.doc: uma lista de todos os módulos (packages) em um modelo do Rose, incluindo todas as classes em cada módulo, seus atributos e relações, divididos em públicos, protegidos e privados;

15 Personalizando Modelos Modelos Padrão DocsReqts.doc: uma lista de todos os requerimentos em um projeto do RequisitePro e os atributos dos requerimentos presentes em cada documento; ReqtsAttrs.doc : uma lista de todos os requerimentos e seus atributos em um projeto do RequisitePro.

16 Personalizando Modelos Comandos do SoDA Cada modelo de relatórios do SoDA é formado por um conjunto de comandos ocultos. Esses comandos não aparecem na impressão do documento. O SoDA utiliza 4 comandos básicos: OPEN; REPEAT; DISPLAY e LIMIT.

17 Personalizando Modelos Comando OPEN O comando OPEN é utilizado para identificar um um objeto particular em um domínio fonte. Ou seja, cria um acesso direto a um determinado objeto. O OPEN pode acessar por exemplo: Diretórios ou arquivos do Sistema de Arquivos do Windows; Um modelo do Rose; Um projeto do RequisitePro.

18 Personalizando Modelos Comando REPEAT Repete todas as informações pertinentes a uma determinada classe de objetos. Permite documentar de maneira uniforme um conjunto de objetos similares. Por exemplo, cada classe em em modelo do Rose será documentada da mesma maneira (Atributos, relações, etc.) seguindo uma mesma seqüência.

19 Personalizando Modelos Comando DISPLAY Insere os atributos do objeto acessado no documento que está sendo gerado (cópia das informações). O comando DISPLAY permite inserir no documento: Textos (descrições, comentários, etc); Gráficos (diagramas, figuras, etc).

20 Personalizando Modelos Comando LIMIT Funciona como um operador condicional. Define critérios para a inclusão de atributos de objetos em um documento. Retorna um valor TRUE ou FALSE, de modo que uma seção no documento pode ser gerada ou não.

21 Personalizando Modelos Comandos do SoDA O SoDA utiliza outros comandos complementares como o LINK, que serve para definir uma ligação direta (hiperlink) entre o documento e o domínio fonte e o MASTER, que é um comando interno do SoDA, usado para identificar qual comando LINK está associado com um comando REPEAT particular. O comando LIMIT pode ser complementado com os comandos OTHERWISE e OMIT em função do resultado condicional retornado em LIMIT.

22 Personalizando Modelos Fluxo Básico de Geração de Documentos Quando um documento ou relatório é gerado o SoDA percorre os domínios em busca das informações a serem geradas com base nos comandos inseridos no modelo. Esse processo segue o seguinte fluxo de execução: O SoDA utiliza os argumentos do comando OPEN para estabelecer um acesso a determinados objetos do domínio referenciado;

23 Personalizando Modelos Fluxo Básico de Geração de Documentos Para cada objeto retornado pelo comando REPEAT é criada uma seção no documento; O comando DYSPLAY faz uma cópia do conteúdo especificado em seus argumentos no documento gerado; Com base no comando LIMIT as seções podem ser criadas, excluídas ou substituídas no documento gerado.

24 Personalizando Modelo Gerenciando Comandos Os comando no modelo podem ser adicionados, modificados ou excluídos de duas maneiras: Diretamente no texto do modelo; Interativamente, através de caixas de diálogo disponibilizadas pelo SoDA.

25 Personalizando Modelos Exemplo de Modelo Ao abrir o DocRqts.doc, o seguinte texto é visualizado: Project: Document: –Requirement:

26 Personalizando Modelos Gerenciando Comandos Acesso direto aos comandos ocultos através de duplo clique do mouse: [OPEN] C: project:ReqPro:CProject:RQSfilename = req.rqs Project:[DISPLAY] [ENDDISP] [RPEAT]Document: [DISPLAY] [ENDDISP] [DISPLAY] [ENDDISP] [RPEAT]Requirement: [DISPLAY] [ENDDISP] [DISPLAY] [ENDDISP]

27 Personalizando Modelos Gerenciando Comandos Através de caixas de diálogo:

28 Personalizando Modelos Definindo Domínios O SoDA permite o acesso aos seguintes domínios: File System Domain; RequisitePro Domain; Rose Domain; SQA Domain; Word Domain.

29 Definindo Domínios Cada domínio tem suas classes, atributos e relações que podem se acessados através dos comandos do SoDA. No caso do RequisitePro Domain, as seguintes classes são disponíveis: ReqPro Project Class; ReqPro Document Class; ReqPro Requirement Class; ReqPro Attribute Class; ReqPro DocumenteType Class; ReqPro RequierementType Class;

30 Personalizando Modelos Definindo Domínios ReqPro User Class; ReqPro UserGroup Class; ReqPro ProjectRevision Class; ReqPro Document Revision Class; Cada classe por sua vez tem seus atributos e relações particulares que podem ser acessados através dos comandos do SoDA.

31 Personalizando Modelos Definindo Domínios No caso da ReqPro Project Class os seguintes atributos e relações estão disponívies disponíveis: Atributos: Description (text); Name (text). Relações: Author (Class User); Documents (Class Document); Requirements (Class Requirement).

32 Personalizando Modelos Tutoriais e Caixas de Diálogo O SoDA disponibiliza também vários tutoriais e caixas de diálogo, para facilitar o processo de criação, personalização e manutenção de modelos, entre eles: Tutoriais: Getting Started Wizard (Tutorial de Inicialização ao SoDA); Template Wizard (Criação e modificação de Modelos); RequisitePro Wizard (Criação de modelos do RequisitePro );

33 Personalizando Modelos Tutoriais e Caixas de Diálogo E as caixas de diálogo: Generate Dialog Box (Geração de Relatórios e Documentos) Commands Dialog Box (Edição de comandos do SoDA); Edit Links Dialog Box (Edição de Links entre os modelos );


Carregar ppt "Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Engenharia Mecânica Departamento de Projeto Mecânico Usando o SoDA na geração automática de Documentos e."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google