A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

América Latina Simón Bolivar (1783-1830) proclamou sua intenção de formar uma grande nação latino-americana. Conhecido como El Libertador. Chamado de.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "América Latina Simón Bolivar (1783-1830) proclamou sua intenção de formar uma grande nação latino-americana. Conhecido como El Libertador. Chamado de."— Transcrição da apresentação:

1

2 América Latina

3 Simón Bolivar ( ) proclamou sua intenção de formar uma grande nação latino-americana. Conhecido como El Libertador. Chamado de George Washington Pai da Pátria da América Latina.

4 Bolivar liderou a luta pela independência da Venezuela(1810), Colômbia (1814) e Equador (1830). Foi presidente da Grã-Colômbia (Colômbia,Venezuela, Equador e Panamá entre ).

5 Foi a primeira tentativa de união continental da América Latina Ideais defendidos por Bolivar: democracia, liberdade, estado laico.

6 A partir da Guerra Fria ( ) o Brasil passa a ser incluído como parte integrante da América Latina.

7 A expressão América Latina foi pronunciada pela primeira vez pelo filósofo chileno Francisco Bilbao ( ) em 1856.

8 As primeiras referências de América Latina na Europa excluíam o Brasil.

9 ANOS 1990 A integração latino-americana fazia parte de um projeto neoliberal; a integração era apenas dentro das perspectivas mercadológicas.

10 ANOS 2000 Um conjunto de forças políticas antineo- liberais ganham eleições em diversas nações: Venezuela, Equador, Bolívia e outras. A integração agora é vista como ação geopolítica e de fortalecimento mútuo desses países.

11 Os Estados Desunidos da América Latina, livro de Andrés Oppenheimer, ganhador do Prêmio Pulitzer, concedido pela Universidade de Columbia(NY). 11ª colocação/2012, nota 94,7 Comparação/USP 138ª/2012, nota 58,1

12 América Latina é uma região de todos contra todos. A Venezuela avisa que estará sempre pronta para ir à guerra contra a Colômbia.

13 O presidente do Equador chegou a romper relações com a Colômbia quando forças colombianas invadiram o Equador para atacar as FARC (Forças Armadas Revolucionárias Colombianas), em 2008.

14 Peru e Bolívia vivem sob permanente tensão. A Bolívia aspira obter uma saída para o Oceano Pacífico e o Peru não tem facilitado esse processo.

15 Chile e Bolívia fazem a Guerra do Pacífico, entre 1879 e A Bolívia perde a guerra e a província de Antofagasta (norte) para o Chile e perde sua saída para o Pacífico.

16 Antofagasta

17 Argentina e Uruguai divergem politicamente devido à construção de uma indústria papeleira na fronteira entre ambas, mas no lado uruguaio. A Argentina aponta que ocorre contaminação das águas. Guerra do Papel (2005)

18

19 Relações diplomáticas entre Brasil e Bolívia ficaram desgastadas após a Bolívia ter estatizado refinarias da Petrobrás instaladas em seu território.

20 Bolívia, Venezuela, Equador e Nicarágua não perdem ocasião de responsabilizarem os EUA pelo atraso da região. Argentina, Brasil e Paraguai, ocasionalmente, também integram essa corrente.

21 Militarização da região: Venezuela, Chile, Colômbia e Brasil aumentaram seus gastos militares. Quem ganha com a exportação de armas: Rússia, França e EUA.

22 Falta de integração econômica e política entre as nações: O Chile importa gás natural da Indonésia (sudeste asiático) e não do Peru (vizinho), que por sua vez o vende ao México.

23 Situação mais absurda ocorre na América Central Continental: cinco pequenos países com cinco bancos centrais, cinco moedas diferentes e cinco leis bancárias.

24 A Guatemala exporta carne de frango à China enquanto a Costa Rica não consegue fazer essa importação

25

26 Apesar de um elevado crescimento do PIB de alguns países latinos, os problemas são insuperáveis: narcotráfico, violência urbana, desigualdades, impunidade e corrupção.

27 DIAGNÓSTICO BRASIL * O Brasil perdeu o bonde do futuro a partir das últimas décadas do século passado. * China, Coreia do Sul e outros países conseguiram mediante educação intensiva de seus cidadãos. * As indústrias genuinamente brasileiras não se aliaram a universidades públicas e privadas para criar centros de pesquisas científicas e tecnológicas. * Dos quais resultariam conhecimentos necessários à criação de produtos competitivos mundialmente. * Altos custos operacionais e burocracia intransponível foram fatores negativos. * Sem tecnologia de elevadíssimo nível é impossível atingir condições que nos colocariam no Mundo Desenvolvido.

28 IDH: 1. Noruega 0, Chile 0, México 0, Brasil 0, Colômbia 0,710 Fonte:CIA The World Factbook.

29 Brasil /2012 Pop 199 milhões PIB USS trilhões Renda per capita USS 12mil Fonte:CIA The World Factbook.

30 Chile/2012 Pop 17 milhões PIB USS 319 bilhões Renda per capita USS

31 Colômbia Pop 45 milhões PIB USS 500 bilhões Renda per capita USS

32 México Pop 114 milhões PIB USS bilhão. Renda per capita USS

33 * Fontes: *


Carregar ppt "América Latina Simón Bolivar (1783-1830) proclamou sua intenção de formar uma grande nação latino-americana. Conhecido como El Libertador. Chamado de."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google