A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Construção do espaço virtual na Internet Como as pessoas se localizam em ambientes de chat Lafayette B. Melo Universidade Federal de Pernambuco Departamento.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Construção do espaço virtual na Internet Como as pessoas se localizam em ambientes de chat Lafayette B. Melo Universidade Federal de Pernambuco Departamento."— Transcrição da apresentação:

1 Construção do espaço virtual na Internet Como as pessoas se localizam em ambientes de chat Lafayette B. Melo Universidade Federal de Pernambuco Departamento de Psicologia Pós-graduação em Psicologia Centro Federal de Educação Tecnológica Paraíba Coordenação de Informática

2 Objetivo Explicar como é construído o espaço virtual na Internet, especificamente em ambientes de chat, através de uma abordagem sócio-cultural da psicologia.Explicar como é construído o espaço virtual na Internet, especificamente em ambientes de chat, através de uma abordagem sócio-cultural da psicologia. Ex.:Ex.: A: cheguei! Alguém quer teclar comigo? B: oi A, tudo bem?

3 Tópicos que podem ser abordados A noção de espaço: do físico até o virtualA noção de espaço: do físico até o virtual O uso de instrumentos e de signos e a teoria da atividade na construção do espaço virtualO uso de instrumentos e de signos e a teoria da atividade na construção do espaço virtual O materialismo dialético e a construção do espaço físico e do espaço virtual na InternetO materialismo dialético e a construção do espaço físico e do espaço virtual na Internet O papel da linguagem na construção do espaço virtual na InternetO papel da linguagem na construção do espaço virtual na Internet O lugar do espaço na interface homem-máquinaO lugar do espaço na interface homem-máquina … o percurso da pesquisa… o percurso da pesquisa

4 Percurso da pesquisa Concepções de mundo Experiências intuitivas Método Dados Teoria Fenômeno/ Objeto Espaço virtual na Internet Intercal(ação) de marcadores espaço-virtuais Formação espaço- virtual Gráfico Adaptado de Valsiner (2000) Materialismo dialético Abordagem sócio-cultural Estudos da linguagem

5 Espaço virtual na Internet Aristóteles A matéria e a forma A matéria e a forma Galileu O instrumento O instrumento Einstein Tempo como dimensão do espaço Tempo como dimensão do espaço Newton e Leibniz Mudança e movimento Mudança e movimento Transformações Interface Interface do chat Experiência e expectativas (síncronas) Linguagem (textual) (Zingano, 2002; Wertheim, 2001; Andery, 2002; Johnson, 2001; Piettre, 1997) Uso

6 Espaço virtual na Internet O virtual, Lévy (1996,1997):O virtual, Lévy (1996,1997): –É freqüentemente aquilo que não está presente, mas não o contrário do real –Uma não-presença e a imaginação é um vetor –Há várias virtualidades: na fala, na escrita, nos instrumentos de comunicação e informação, na Internet

7 Espaço virtual na Internet O físico, o virtual e os teóricos do ciberespaço:O físico, o virtual e os teóricos do ciberespaço: –1) o mundo físico é objetivo por definição –2) o mundo virtual é subjetivo por definição –3) logo, não há no mundo físico o mundo virtual Objetivo Subjetivo Mundo fisico Mundo virtual Pensamentos decorrentes deste raciocínio:Pensamentos decorrentes deste raciocínio: –A territorialização dos textos acabou e o documento virtual não é perdido (Lévy, 1997) –O mundo da Internet se reduz à tela (vários)

8 Espaço virtual na Internet O físico, o virtual, Ryle (1984) e o materialismo dialéticoO físico, o virtual, Ryle (1984) e o materialismo dialético –Entender o mundo físico como algo externo e a mente como algo interno não é apropriado ObjetivoSubjetivo Mundo fisico Mundo virtual Pensamento decorrente deste raciocínio:Pensamento decorrente deste raciocínio: –Uma cidade, uma universidade ou qualquer forma de organizar a experiência física para constituir o virtual Intersubjetivo

9 Materialismo dialético O mundo é material e está em constante transformaçãoO mundo é material e está em constante transformação –Há uma derivação deste mundo em transformação no pensamento humano, mas isso não significa que o ser humano perde a sua individualidade –Uma dessas derivações é o próprio espaço virtual na Internet –Há a transformação da natureza em uma natureza humanizada (Konder, 1987; Cheptulin, 1982; Engels, 2000; Politzer, 1967)

10 Abordagem sócio-cultural Papel dos signos e dos intrumentosPapel dos signos e dos intrumentos –Para Vygotsky (Vygotsky, 1984; Vigotski, 1996), a invenção e o uso dos signos, como meios auxiliares para solucionar um dado problema psicológico (lembrar, comparar coisas, escolher etc), é análoga à invenção e uso de instrumentos, só que agora no campo psicológico Papel da atividadePapel da atividade –Para Leontiev (1971), pode haver ações diferentes para a realização de uma atividade colaborativa

11 Intercal(ação) de marcadores espaço-virtuais Unidade de análise que envolve três aspectos:Unidade de análise que envolve três aspectos: 1.Marcadores espaço-virtuais Têm função dêitica (indexam) Mensagem, dêiticos (eu, aqui, agora), anáfora Dêiticos implícitos e explícitos Com função de informação, identificação e pressuposição A: cheguei! Alguém quer teclar comigo? B: oi A, tudo bem? aqui A está em uma sala específica (Marcuschi, 2001, 2002; Bluhdorn, 1995; Apothéloz, 2003; Fillmore, 1997; Mondada, 2003; Pomerantz, 1997; Searle, 1992)

12 2.Dinâmica da interação nos chats Base na AC e em outros estudos É feita sempre a relação de uma mensagem com marcador com outra mensagem Intercal(ação) de marcadores espaço-virtuais A: cheguei! Alguém quer teclar comigo? B: oi A, tudo bem?

13 Intercal(ação) de marcadores espaço-virtuais 3.Contextualização para o espaço Expectativas e pressuposições comuns da atividade A: cheguei! Alguém quer teclar comigo? B: oi A, tudo bem? Há diferenças se A e B já se conhecem, se já combinaram alguma atividade etc e o contexto é compreendido de acordo com uma ancoragem dêitica

14 O pesquisador deve atuar como participante observadorO pesquisador deve atuar como participante observador A unidade deve buscar diferenciaçõesA unidade deve buscar diferenciações –Atividades previamente definidas (cursos do Projeto Virtus, entrevistas da UOL, servicos de suporte da UOL) –Atividades não previamente definidas (encontros na UOL, Terra, mIRC, Superig, Paltalk, Yahoo Messenger) Foram identificadas 7 categorias: conexão, engajamento, emergência, manutenção, imergência, desengajamento e desconexãoForam identificadas 7 categorias: conexão, engajamento, emergência, manutenção, imergência, desengajamento e desconexão Intercal(ação) de marcadores espaço-virtuais

15 Formação espaço-virtual CONEXÃO E ENGAJAMENTOCONEXÃO E ENGAJAMENTO –A conexão é a mensagem do sistema que indica que alguém entrou na sala –O engajamento é a primeira mensagem do indivíduo que indica que ele próprio está no espaço virtual Caráter dialógico flagrante Indexação e movimento

16 Formação espaço-virtual EMERGÊNCIAEMERGÊNCIA –Está associada a um reconhecimento, resposta ou observação de uma mensagem de conexão ou engajamento –Período no qual as pessoas estão tentando estabilizar um espaço de encontro com cumprimentos, referências à espera, comentários sobre a chegada dos outros etc. –Referência ao espaço no contexto do ambiente: joão está aqui! Dê uma olhada acima. –Dimensões salientáveis: A sala está cheia!

17 Formação espaço-virtual MANUTENÇÃOMANUTENÇÃO –Intercalações que fazem com que o espaço virtual seja mantido em uma estabilidade relativa –O tipo de referência dentro do espaço na sequência temporal faz com que o indivíduo continue a indexar o espaço mesmo que não utilize dêiticos para localização –As pessoas mantêm a interação e o espaço virtual sem uma preocupação explícita de se localizarem

18 Formação espaço-virtual IMERGÊNCIA E DESENGAJAMENTOIMERGÊNCIA E DESENGAJAMENTO –A imergência corresponde a um fechamento na conversação As pessoas se preparam para encerrar a sessão de chat e se desconectar do espaço virtual, normalmente com despedidas e cumprimentos Há uma referência implícita de que as pessoas não estarão mais lá Há uma função diferenciada de verbos de chegada e de saída –O desengajamento é um cumprimento final que delimita o espaço do indivíduo com o engajamento

19 Algumas conclusões sobre a formação espaço- virtualAlgumas conclusões sobre a formação espaço- virtual –Os movimentos virtual-virtual, virtual-físico e físico-virtual constataram a relação intrínseca entre o mundo simbólico e o virtual Formação espaço-virtual (07:22:12) Moderador UOL: Caros, a banda esta a caminho do UOL. Pedimos desculpas pelo atraso e agradecemos a compreensão de todos. (...) (07:27:27) bojo fala para Todos: pô, meu! cadê os cara??? (07:27:53) Nanã fala para bojo: "os cara tá presu nu transito, manu !" (...) (07:29:47) Rib fala para -==XXXXNation=--: Adoro vc´s...Quando vem a Uberlandia (07:31:40) XXXX: Olá a todos!! Olá Mangue Boys e Mangue Girls. Olá para quem está em São Paulo ou perto da cidade. Boa noite pra quem tá chegando e pra quem já chegou!

20 –Distribuição dos marcadores espaço-virtuais Engajamento:1) implícitos em cumprimentos e avisos de chegada; 2) pressupostos em dêiticos espaciais; 3) implícitos em verbos de chegada. Emergência: semelhante ao engajamento, mas em um espaço interativo Manutenção: os marcadores pessoais surgem para organizar e manter o espaço Imergência:1) implícitos em despedidas e cumprimentos de saída; 2) pressupostos em dêiticos espaciais; 3) implícitos em verbos de saída. Desengajamento: semelhante à imergência, mas localizados na última mensagem do indivíduo. Formação espaço-virtual

21 –Os elementos com função dêitica parecem ser mais usados implicitamente e com função de pressuposição para se referir a conceitos mais abstratos ou simbólicos –Chats com atividades previamente definidas e não previamente definidas repercutiram na forma de construção do espaço –A especialidade e a formalidade do chat também contribuíram para a formação espaço-virtual –O grau tecnológico e o uso repercutiram no espaço: Espaço privado Uso de aúdio e texto e diferentemente a imagem Ação instrumental mediada Formação espaço-virtual

22 Algumas contribuições da formação espaço-virtualAlgumas contribuições da formação espaço-virtual –Visão metodológica associada ao trabalho como um todo e perspectivas de novos trabalhos na linha de estudo do espaço virtual na Internet e em análises de conceitos em psicologia não abordados neste trabalho –Estudos mais específicos sobre o papel da linguagem no uso da tecnologia –Novas preocupações sobre educação e ensino a distância: O papel do aluno e do professor em um novo espaço A capacitação de professores

23 Formação espaço-virtual –Estudos em interface e interação homem-máquina Analisar o espaço pode ser entendido como analisar a interface em uso Há estudos sobre teoria da atividade e interface, bem como sobre espaço e interface, mas não parece haver uma preocupação conjunta O espaço virtual carece de uma visão dialética e muitos dão ênfase ao espaço como lugar O desenvolvimento de interfaces pode adotar perspectivas apontadas neste trabalho

24 OBRIGADO…

25 Formação espaço-virtual P2 ACABA DE ENTRAR NA SALA – (19:21:7 em 8-jan-2002) P2 - Boa noite a todos. Estou aqui para o primeiro contato síncrono como o Professor e demais alunos do curso L ACABA DE ENTRAR NA SALA – (19:30:21 em 8-jan-2002) L – Ola P2 e P1, Vamos esperar dois minutos pela chegada de P3 P2 – Sou Professor do Departamento de XXXX e estou interessado em aplicar tecnologia Educacional L – Por enquanto, adianto para vocês a pauta do que podemos conversar nesta sessão, que sugiro que seja a seguinte... L – 1 –dúvidas sobre o hipertexto da aula 01, 2-discussão sobre nossa experiência em tecnologia educacional e 3-perspectivasem relação ao curso (...) conexão engajamento emergência manutenção

26 Formação espaço-virtual (...) P1 ACABA DE ENTRAR NA SALA - (20:57:19 em 8-mai-2002) L - Ok. P1, infelizmente parece que nosso tempo está esgotando. De qualquer forma, qualquer dúvida específica que tenha, pode me manda um . Há mais algo que vc deseje comentar agora? Só mais uma coisa: as datas para entrega dos trabalhos estão boas para vc? P1 - Probleminhas de conexão aqui também... Estou nesse curso exatamente buscando base para outros projetos melhores. P1 - Certo, foi proveitoso para mim. Vou enviar a tarefa agendada para hoje daqui a pouco. Muito obrigada. Se precisar eu peço socorro pelo fórum. Até breve. L - Então Boa noite! P1 - Boa noite! imergência desengajamento


Carregar ppt "Construção do espaço virtual na Internet Como as pessoas se localizam em ambientes de chat Lafayette B. Melo Universidade Federal de Pernambuco Departamento."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google