A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

- IP o quê??????? Representação Discente IPH: Rodrigo Paiva Diogo Buarque Fernando Dornelles.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "- IP o quê??????? Representação Discente IPH: Rodrigo Paiva Diogo Buarque Fernando Dornelles."— Transcrição da apresentação:

1 - IP o quê??????? Representação Discente IPH: Rodrigo Paiva Diogo Buarque Fernando Dornelles

2 Objetivos: Orientação aos alunos sobre o IPH Sistematização deste tipo de atividade pela representação discente Justificativa Palestra do Prof. André Silveira (19/09/2008)

3 Desempenho PPG-IPH: IdealSituação Atual Mestres/ano/DP: >1(0,5 – 0,8) Doutores/ano/DP:>0,5(0,25 – 0,4) Alunos co-autores:>80%(60% – 80%) Tempo de mestrado: <=28meses(29 – 30meses) Com bolsa <=34meses Sem bolsa Tempo de doutorado: 65meses) Com bolsa <=56meses Sem bolsa Bolsistas que concluem:>80%(60 %– 70%) Artigo/ano/DP: >0,4(0,05 – 0,2) Revista Internacional >0,4ok! Revista Nacional >1,0ok! Congresso *DP= docente permanente, atualmente o IPH possui 23 DP.

4 Sumário Objetivos Justificativa Respondendo a pergunta Localização Organização administrativa Laboratórios Áreas de atuação Disciplinas Obrigatórias (Saneamento/Hidráulica – Recursos Hídricos) Eletivas Estudo Dirigido Formas de avaliação Provas Trabalhos (artigos) Regimento do Programa de Pós Graduação Prazos de defesa Produção científica mínima exigida Direitos e deveres do aluno Produção Científica Recomendações Dicas para facilitar a vida do pessoal

5 Pré-conceitos a respeito do IPH

6 Respondendo a pergunta: Instituto com 55 anos de existência; Programa de pós-graduação com ~40 anos; O IPH foi criado para prestar serviços especializados, somente passando a atuar na formação acadêmica profissional na década de 1970; A pós-Graduação surgiu de um convênio com a UNESCO em 1970; O Instituto não dispõe verba para pesquisa; Toda verba de pesquisa é obtida com as instituições governamentais de pesquisa e iniciativa privada; Classificação CAPES triênio 2004/2006 = 4,72 ~ 5 (ufa !!!)

7 Localização

8 ZOOM (IPH)

9 Aspectos gerais de ensino no IPH: Nível médio: Técnico em Hidrologia; Criado em 1969; Único curso no país; Em 23 anos formou 250 técnicos (conferir esse número) Os técnicos aqui formados são demandados por várias empresas, dentre elas, a CPRM, ELETROSUL, CORSAN-RS, FRANGOSUL, entre outras. Graduação: Engenharia, Arquitetura, Agronomia e Geologia; Fornece 58 disciplinas; Média de aprox alunos/ano em 89 turmas (menos de 20 por turma); Corpo docente, 25 doutores, 12 mestres e 3 especialistas.

10 Aspectos gerais de ensino no IPH: Pós-graduação: Mestrado: Criado em 1969; Média de 16 matriculas de mestrado por ano; 15% dos matriculados são oriundos de países vizinhos; Já formou 180 mestres. 2 anos de duração Doutorado: Criado em 1989; 4 anos de duração; Corpo docente: Dedicação permanente: 23 Colaborador: ???

11 Áreas de atuação do IPH: Hidrologia superficial: Modelos hidrológicos, controle de enchentes e estiagens, hidrologia urbana, regionalização hidrológica. (Tucci, André Silveira, Joel Goldenfum, Walter Collischonn, Olavo Pedrollo) Hidrogeologia: Hidrogeologia de rochas fraturadas, estudo de aqüíferos costeiros. (Caicedo) Irrigação e drenagem: estudo de parâmetros físico-hídricos do solo, relação solo-água- planta, sistemas de irrigação e drenagem. (Lousada, Nilza Castro, Gustavo Merten) Saneamento ambiental: tratamento de água, tratamento de esgotos domésticos, e resíduos industriais, modelos matemáticos de qualidade de água, impacto ambiental, lixo e poluição atmosférica, modelagem da qualidade ambiental. (Cybis, Gino, Monteggia, De Lucca, Dieter, Benetti, David ) Mecânica dos fluídos e hidráulica: modelos físicos (em escala reduzida), modelos analógicos, modelos matemáticos, fenômenos hidrodinâmicos, fenômenos dee transferência. (Edith Camaño, Endres, Marcelo Marques, Luiz Borges, Nara, Alexandre Belluco) Planejamento e gestão de recursos hídricos: sistemas de apoio a decisão em recursos hídricos, dimensionamento e expansão ótima da capacidade de sistemas de recursos hídricos, operação ótima de sistemas de recursos hídricos, instrumentos de gestão. (Carlos André, Bragança)

12 Disciplinas Obrigatórias: Recursos Hídricos HIP- 01 Hidrologia (3 créditos) HIP- 03 Hidrologia Estatística (3 créditos) HIP- 04 Economia dos recursos hídricos e do meio ambiente (3 créditos) HIP- 08 Aspectos Qualitativos dos Recursos Hídricos (3 créditos) HIP- 05 Matemática Aplicada I Saneamento Ambiental HIP-06 Planejamento e Análise de Experimentos (3 créditos) HIP- 20 Microbiologia Aplicada ao Saneamento Ambiental (3 créditos) HIDP-21 Química Aplicada ao Saneamento Ambiental (3 créditos) HIP-86 Quantificação Hídrica (Obrigatória no caso do aluno de doutorado não ter formação prévia em Hidrologia e Hidráulica)

13 Regimento do Programa de Pós Graduação Prazos Regimento Art. 30º -Os prazos mínimos e máximos de duração do Curso de Mestrado serão de 1 (um) e 4 (quatro) anos respectivamente e, para o Curso de Doutorado, de 2 (dois) e 8 (oito) anos, respectivamente. Normas 2 e 3 / ) Exame de Qualificação: 24 meses (tempo integral), 36 meses(tempo parcial); 2) Plano de Dissertação: 13 meses (tempo integral), 24 meses(tempo parcial). Produção científica mínima exigida Não regulamentada nas normas apresentadas na página do IPH

14 Pesquisa bibliográfica Biblioteca Bases bibliográficas na internet Scopus Web of Science - Periódicos CAPES Springer ASCE Indexação das revistas Qualis na página da CAPES (http://qualis.capes.gov.br/webqualis/)

15 Produção Científica Publicação (revista ou congresso?) Oportunidades de Publicação Revistas (ABRH, ASCE, IAHS, Journal of Hydrology, etc...) para Recursos Hídricos Para Saneamento Ambiental (Water Science & Technology, Water Research, Ecological Engineering.) Congressos ABRH anual (regional e nacional alternados) ABES Outras formas de produção científica: patentes

16 Dicas - Trabalhar no IPH (Biblioteca, colegas e professores para dúvidas, oportunidades, clima de trabalho) - O ritmo das disciplinas parece lento, mas o acúmulo de material é a prática mais contra-produtiva para um bom desempenho. - Estude desde o primeiro dia, e procure manter a matéria em dia! - Buscar temas de pesquisa dentro de projetos (existente ou potencial Edital Universal) do orientador, paralelamente realizar leituras de áreas correlatas para ampliar conhecimentos na área do curso, - Assistir às apresentações de colegas e palestrantes,

17 Dicas -Participar de eventos da pós-graduação como o futebol das quartas e sábados na casa de portugal, churrascos e cafezinhos(trazer cuca). - Estudar inglês para economizar tempo de revisão bibliográfica e escrita de artigos - Procurar aprender a trabalhar aplicativos e linguagens de programação para agilizar operações repetitivas (curso de MATLAB na página de clima e recursos hídricos). -Cartão da UFRGS (na reitoria prédio do BB), cartão de ônibus (no DCE) -RUs (Vale, Agronomia, Saúde, Centro)

18 Agora você sabe o que é IPH? Obrigado!!!


Carregar ppt "- IP o quê??????? Representação Discente IPH: Rodrigo Paiva Diogo Buarque Fernando Dornelles."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google