A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

© 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. O Setor Financeiro Análise de Cadeia de Valor Global com Ênfase na Cadeia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "© 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. O Setor Financeiro Análise de Cadeia de Valor Global com Ênfase na Cadeia."— Transcrição da apresentação:

1 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. O Setor Financeiro Análise de Cadeia de Valor Global com Ênfase na Cadeia de Valor do Setor Bancário

2 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Perfil do Segmento Participantes Tradicionais –Bancos –Corretoras –Financeiras –Seguradoras –Administradoras de Cartões de Crédito Novos Entrantes –Grandes Cadeias de Varejo (Bancos de Supermercado) –Empresas Internet: sites de investimento, e-payment, etc. –Especialistas: assessores de investimento, on-line brokers, bancos de transações

3 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Histórico Recente Os anos 90 foram marcados por grandes aquisições e fusões, utilizadas como estratégia de crescimento e de aumento de lucro. Esta estratégia produziu um aumento de lucratividade que os especialistas entendem que chegou ao pico máximo no início desta década e deve se reverter a partir de Com o término da euforia dos mercados de ações, principalmente após o estouro da bolha da Internet, houve uma diminuição das atividades de M&A, IPOs e investimento de risco. O segmento de varejo bancário manteve-se estável e a prova da variações do mercado de ações, voltando a ser, talvez a única, opção de crescimento e de aumento de lucro èm grande escala para os bancos a partir de Fonte: Monitor Group and Rotschild, 2003

4 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Resumo Apesar dos anos 90 terem sido marcados por aquisições e fusões do setor bancário em todo o mundo, desviando o foco da maioria dos bancos para este tipo de estratégia de crescimento, o início desta década está sendo marcado por uma retomada do foco no mercado de varejo, ou seja, a ênfase no cliente, como forma de crescimento e aumento de lucratividade. O cenário que será descrito adiante mostra que a utilização de TI nos pontos da cadeia de valor onde existe interação com clientes é uma necessidade estratégica dos bancos e concentrará a maior parte dos investimentos nos próximos 5 anos.

5 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Cenário Atual: Clientes Clientes cada vez mais capacitados, exigentes em qualidade, sensíveis a preços, menos fiéis a um banco específico e demandantes de tratamento especializado e personalizado. Novos e múltiplos canais de acesso aos produtos e serviços viabilizados principalmente pela TI permitem direcionar e personalizar o atendimento ao cliente.

6 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Cenário Atual: Competidores Competição de atores existentes: grandes bancos internacional entrando em mercados locais. Novos competidores: Internet Banks and competidores de outros segmentos de mercado que possuem larga experiência no atendimento de clientes como os Supermarket Banks (ex. associação da Tesco com o Royal Bank of Scotlanda, no Reino Unido). Este cenário apresenta oportunidades de sinergia entre empresas de TI do setores bancário e de comércio. Competição de entrantes especialistas: assessores de investimento com foco em nichos de clientes; bancos de transações com foco em certos processos; intermediários on-line com foco em certos produtos específicos.

7 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Cenário Atual: Competidores Dos novos entrantes: –Internet Banks não apresentam mais perigo uma vez que a maioria dos bancos tradicionais adquiriram ou construíram capacidade on-line própria. –Os entrantes oriundos do comércio varejista (supermarket banks) apresentam uma ameaça maior aos bancos tradicionais pois utilizam sua competência superior em atender clientes como vantagem competitiva.

8 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Cenário Atual: Negócios Aquisições e fusões não estão sendo mais responsáveis por grandes ganhos de escala e eficiência. O aumento de receitas baseada na queda da taxa de juros dos Estados Unidos e Europa deve decair com a tendência de aumento das taxas de juros. A queda na utilização de cheques nos principais mercados (Americano e Europeu) estão diminuindo as receitas com os negócios de pagamento. Portanto, para aumentar receitas e lucros os bancos terão de buscar o aumento de negócios através de: –Novos clientes –Produtos novos vendidos para clientes existentes Fonte: MacKinsey, 2004.

9 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Cenário: Investimento (Europa) A principal prioridade dos setores de TI das empresas de serviços financeiros (incluindo bancos) é cortar custos operacionais internos em –Oportunidade: a manutenção do nível de serviço deve ser feita através de outsourcing. Consultoria em TI e integração de sistemas serão as área que as empresas do setor financeiro irão reduzir seus orçamentos em comparado com Apesar destes cortes, as empresas têm como objetivo melhorar a customers experience através de investimentos na gestão de conteúdo e em ferramentas self-service on-line para clientes. Fonte: Forrester Research, 2004.

10 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Futuro O futuro dos bancos, principalmente os de varejo, está no entendimento das necessidades dos clientes e na especialização em diversos aspectos: –Grupos de clientes –Produto específico –Processos específicos –Adição de valor específica Esta especialização é viabilizada pelo uso intensivo de TICs nos pontos da cadeia de valor dos bancos onde existe contato diretos com clientes. A tendência geral é a especialização de produtos em nichos de mercado combinada com outsourcing seletivo de atividades para parceiros e co-opetidores. Fonte: Monitor Group and Rotschild, 2003

11 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Portanto Para se identificar as oportunidades de negócios de TI no setor bancário no cenário descrito anteriormente, é necessário utilizar um modelo de cadeia de valor do setor. Duas visões complementares da cadeia de valor são descritas a seguir e as oportunidades para negócios de TI são identificadas em função de modelos de negócios que se configuram como a tendência de futuro no setor bancário.

12 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Cadeia de Valor do Setor de Bancos MarketingVendasTransaçõesProdutos Gerenciamento de Risco Desenvolvimento de Tecnologia Recursos Humanos Infra-estrutura Propaganda Branding Suporte a Vendas Aquisição Oferta Gerenciamento de Canais FinanciamentoInvestimentoServiços Depósito Securitização Créditos Crédito Securities Produtos Financeiros Investimento Corporativo Outros Ativos Contas Gestão de Ativos IPO M&A Consultoria Outros Pagamento Trading Clearing & Settlement Custódia

13 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Canais Variedade de Clientes Servidores Middleware Cadeia de Valor Virtual: Visualizando Oportunidades para TI Conteúdo (dados) Bancos de Dados Sistemas Legados Infra-estrutura (Lógica e Objetos de Negócio) Contexto (Apresentação) Canal 1 Canal 2 Integração Forte Integração FracaCompartilhamento

14 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Modelos de Negócio do Futuro De acordo com pesquisa do Monitor Group, bancos com estes modelos especializados de negócios formarão uma rede de empresas ligadas por relacionamentos mútuos de insourcing/outsourcing, formando a rede bancária do futuro. Monitor Group and Rotschild, 2003

15 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Oportunidades: Cenário Geral Bancos que possuam modelos de negócio que tenham foco no cliente: –Distribuidores –Especialistas em clientes Ênfase nas aplicações e soluções que agregam valor aos processos de Contexto da cadeia virtual: –Suporte a múltiplos canais –Relacionamento com o cliente –Acesso do cliente aos produtos

16 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Oportunidades: Relacionamento como Cliente Bancos devem buscar soluções de TI para melhorar seu relacionamento com clientes que possuem as seguintes capacidades: –Facilitar a captura e processamento de informações vitais sobre o comportamento dos clientes. –Direcionar necessidades dos clientes aos agentes bancários melhor equipados para atendê-las. –Melhorar o desempenho dos processos analíticos de back-office.

17 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Oportunidades: Diversas Tecnologias Processamento eletrônico de documentos para processamento de imagem de cheques e outros documentos (Check 21 nos Estados Unidos). Análise de risco: melhoria dos processos de análise de riscos através de TI (decorrente de Basiléia II). Etiqueta inteligente: identificação de clientes e de suas necessidade através de chips nos cartões bancários e de tecnologia WI-FI. E-trust Environment: exploração de infra-estrutura de chave pública (PKI) para construção de ambientes de confiança entre bancos e clientes. Biometria: reconhecimento e autenticação de voz, impressão digital, etc. como mecanismo de identificação e autenticação de clientes e transações.

18 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Oportunidade Colateral As transformações pelas quais o setor bancário está passando vão iniciar e consolidar um conjunto de mudanças organizacionais em vários níveis. Estas mudanças devem causar enorme aumento de demanda por capacitação e adequação do capital humano dos bancos para o novo cenário. Educação a distância e, mais especificamente, Web Based Training, se configuram como uma grande oportunidade colateral para empresa de TI no setor bancário.

19 © 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. Este documento está sujeito a copyright. Todos os direitos estão reservados para o todo ou partes do documento. Em particular, os direitos de tradução, reprodução, reuso de figuras, citações, reprodução de qualquer forma, armazenagem em sistemas de informação, inclusive na Web, estão sujeitas a autorização prévia por escrito dos autores. © 2003 Foco Pesquisas Ltda. Fabio Queda Bueno da Silva O uso de nomes registrados, marcas, figuras de outras publicações etc. neste documento não implica que estes objetos deixam de estar sujeitos às leis de proteção da propriedade intelectual aplicáveis. Portanto, mesmo sem indicação explícita, esses objetos não estão disponíveis para uso livre.


Carregar ppt "© 2004, Fabio Queda Bueno da Silva. Documento Confidencial. Reprodução Proibida. O Setor Financeiro Análise de Cadeia de Valor Global com Ênfase na Cadeia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google