A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IDENTIFICAÇÃO MÉDICO-LEGAL Professora: Lorena Braga Raposo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IDENTIFICAÇÃO MÉDICO-LEGAL Professora: Lorena Braga Raposo."— Transcrição da apresentação:

1 IDENTIFICAÇÃO MÉDICO-LEGAL Professora: Lorena Braga Raposo

2 Identidade: Reconhecimento de que um indivíduo é o próprio. Na identidade há propriedades, sinais e marcas que caracterizam alguém ou alguma coisa, em vida ou após a morte.

3 Identificação: É a determinação da identidade com base em caracteres. Reconhece-se um indivíduo não só pelos seus dados anatômicos, mas também pelo modo de apresentar-se, pelo modo de andar, pela voz, pela mímica, pela escrita...

4 Material de estudo: a) Vivo: morfologia (estudo da forma e da estrutura dos seres humanos), fisiologia e psíquico; b) Morto: o exame pode ser no cadáver inteiro ou nos seus fragmentos ou em ossos isolados, inteiros ou não. É conveniente exame macroscópico, microscópico e biológico.

5 Exige-se não só conhecimentos e técnicas médico-legais, como também entendimento de suas ciências acessórias. Sempre feita por legistas.

6 Pode ser feita quanto à:Espécie Cuidados na distinção de fragmentos ou partes do corpo de animais com restos humanos.Ossos Primeiramente é feita a distinção morfológica: dimensão e caracteres.

7

8 O material é mesmo sangue? cristais de Teichmann; Identificação específica: * Mamíferos: hemácias anucleadas e circulares; * Homem: medem aproximadamente sete micra; * Demais vertebrados: nucleadas e elípticas; Método da albumino-reação ou processo de Uhlenhuth.

9 Ottolenghi classifica em cinco tipos étnicos fundamentais: caucásico, mongólico, negróide, indiano, australóide.

10 Tipo caucásico: Tipo caucásico: Cor branca ou trigueira, cabelos lisos ou crespos, louros ou castanhos, íris azul ou castanha, contorno crânio-facial anterior ovóide poligonal, perfil facial ortognata e ligeiramente prognata.

11 Tipo mongólico: Tipo mongólico: Pele amarela, cabelos lisos, face achatada de diante para trás. Fronte larga e baixa, espaço interorbitário largo, maxilares pequenos e mento saliente.

12 Tipo negróide: Tipo negróide: Pele negra, cabelos crespos em tufos, crânio pequeno, perfil facial prognata, fronte alta e saliente, íris castanhas, nariz pequeno, largo e achatado, perfil côncavo e curto, narinas espessas e afastadas, visíveis de frente e circulares.

13 Tipo indiano: Tipo indiano: Não se afigura com um tipo racial definido. Estatura alta, pele amarelo- trigueira, tendente ao avermelhado, cabelos pretos, lisos, espessos e luzidios, íris castanhas, crânio mesocéfalo, supercílios espessos, orelhas pequenas, nariz saliente, estreito e longo, barba escassa, fronte vertical e zigomas salientes e largos.

14 Tipo australóide: Estatura alta, pele trigueira, nariz curto e largo, arcadas zigomáticas largas e volumosas, prognatismo maxilar e alveolar, espáduas largas, bacias estreitas, dentes fortes, mento retraído, arcadas superciliares salientes e crânio dolicocéfalo.

15 Elementos observados na caracterização racial: * forma do crânio: * forma do crânio: relação com figuras geométricas * índice cefálico (IC): * índice cefálico (IC): relação entre a largura e o comprimento do crânio:

16 IC: IC: Fórmula de Retzius: largura x 100/ comprimento do crânio - Dolicocéfalos: = ou < 75 - Mesaticéfalos: entre 75 e 85 - Braquicéfalos: > 85

17 * Ângulo facial: * Ângulo facial: determinação do prognatismo, constituindo-se num valioso elemento da distinção racial - Brancos: ângulo > 83 graus (ortognatos) - Amarelos: ângulo de 83 graus (mesognatos) - Negros: ângulo < 83 graus (prognatos)

18 Ângulo facial:

19 Ângulo Facial: Prognatismo:

20 * Envergadura: * Envergadura: a abertura máxima dos braços excede a altura dos indivíduos da raça negra.

21 Tipos: Somático: Somático: própria constituição normal. Médico-legal: Médico-legal: constatado pela perícia médica. Cromossômico: Cromossômico: distribuição cromossômica e estudo da cromatina sexual.

22 Tipos: Moral: Moral: p. ex. hermafrodita verdadeiro opina pela aceitação de determinado sexo. Jurídico: Jurídico: autoridade jurídica decide em qual sexo registrar o indivíduo.

23 Situações complicadas de determinação do sexo: Cadáver em avançado estado de putrefação com destruição da genitália externa, mutilado ou no esqueleto.

24 Cadáver mutilado ou em fase de putrefação avançada: Técnica mais comum: abertura de cavidade abdominal útero e ovários/próstata Esqueleto: Ossos em geral, principalmente do crânio, do tórax e da bacia.

25

26

27 Crânio: No sexo masculino tem espessura óssea mais pronunciada, apófises mastóideas mais salientes e mais separadas.

28 Tórax: Tórax: *Homem: cone invertido cintura escapular mais larga *Mulher: ovóide predominância da cintura pélvica

29 Bacia: Homem: * consistência óssea mais forte; * rugas de inserção mais pronunciadas; * dimensões verticais predominam sobre as horizontais.

30 Bacia: Mulher: * diâmetro transversal supera a altura; * ângulo sacro-vertebral mais fechado e saliente para diante.

31 Em Medicina Legal na maioria dos casos onde se faz necessária a decisão pericial, os ossos e os dentes prestam a maioria das informações ao especialista. Desde os ponto de ossificação do feto, do adolescente e do adulto; os ossos participam de modo importante desta análise. A radiografia das epífises, isto é, extremidades dos ossos, notadamente, dos ossos de punho, entre tantos outros, tem grande utilidade em exames deste tipo.

32 *Má Formações; *Sinais; *Profissionais; *Tatuagens; *Cicatrizes.

33 A identificação pela arcada dentária é algo relevante, principalmente em se tratando de cadáveres carbonizados ou esqueletizados, para tanto, é preciso dispor de uma ficha dentária fornecido pelo dentista da vítima.


Carregar ppt "IDENTIFICAÇÃO MÉDICO-LEGAL Professora: Lorena Braga Raposo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google