A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Capitulo 1: A Sociedade em transição. O CORPO NA PERSPECTIVA FREIREANA O homem existe – existere – no tempo. Está dentro. Está fora, Herda. Incorpora.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Capitulo 1: A Sociedade em transição. O CORPO NA PERSPECTIVA FREIREANA O homem existe – existere – no tempo. Está dentro. Está fora, Herda. Incorpora."— Transcrição da apresentação:

1 Capitulo 1: A Sociedade em transição

2 O CORPO NA PERSPECTIVA FREIREANA O homem existe – existere – no tempo. Está dentro. Está fora, Herda. Incorpora. Modifica. Porque não está preso a um tempo reduzido a um hoje permanente que o esmaga, emerge dele. Banha-se nele. Temporaliza-se (FREIRE, 1991, p.41).

3 Perspectiva Libertar-se de sua unidimensionalidade e não esgotar-se em mera passividade em suas dimensões natural e cultural (FREIRE, 1991).

4 TEMA INTERTEXTOS NA PRÁXIS DA LIBERDADE: O CORPO QUE DANÇA O SAGRADO E O PROFANO COMO ASPECTOS TRANSITÓRIOS E PERMANENTES NO MARACATU NAÇÃO

5 CORPO HISTORICAMENTE CONSTRUÍDO

6 A ligação em distinguir um eu de um não eu faz trazer através da história no corpo humano um estado de consciência não mais de dominação ou de domesticação, mas sempre de libertação. Libertação esta enquanto seres de diálogo e relações abertas em constante movimento.

7 Considerar os desafios do ambiente da práxis da liberdade (CONTRADIÇÕES) como laços que prendem um dado a outro, ou um fato a outro é naturalmente crítico partindo do corpo enquanto instrumento de relações.

8 A partir das relações do homem com a realidade, resultantes de estar com ela e de estar nela, pelos atos de criação, recriação e decisão, vai ele dinamizando o seu mundo. Vai acrescentando a ela algo de que ele mesmo é o fazedor. Vai temporalizando os espaços geográficos. Faz cultura. (FREIRE, 1991, p.43)

9 QUAL É O DRAMA? Como os Cortejos de Maracatus Nação materializam o encontro do sagrado e do profano no corpo enquanto formação educacional? Como ocorre a permanência dos valores culturais herdados pelos antepassados relacionados aos aspectos sacro-profanos nos grupos de Maracatus?

10 [...] partimos de que o homem, ser de relações e não só de contatos, não apenas está no mundo, mas com o mundo (FREIRE, 1991, p.39).


Carregar ppt "Capitulo 1: A Sociedade em transição. O CORPO NA PERSPECTIVA FREIREANA O homem existe – existere – no tempo. Está dentro. Está fora, Herda. Incorpora."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google