A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Uso Racional de Medicamentos para prescritores da Rede Básica Municipal experiência do município de Marília - SP.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Uso Racional de Medicamentos para prescritores da Rede Básica Municipal experiência do município de Marília - SP."— Transcrição da apresentação:

1 Uso Racional de Medicamentos para prescritores da Rede Básica Municipal experiência do município de Marília - SP

2 Cursos : 10 Número de participantes por curso : 40 Número de vagas oferecidas : 400 Número de profissionais : 375 Adesão de 93,75 %

3 Publico Alvo Profissionais de Saúde ( médicos, enfermeiros, cirurgião dentistas, psicologos, farmaceuticos ) envolvidos na prescrição / dispensação que atendem na rede da Secretaria Municipal de Higiene e Saúde de Marília

4 CURSO TUTORIAS OSCEPLENARIAS 40 PARTICIPANTES 8 PARTICIPANTES1 PARTICIPANTE Duração : 16 horas 5 facilitadores 5 co facilitadores 1 secretária 1 coordenador 5 atores

5 PLENARIAS

6 TUTORIAS

7 OSCE

8 Periodo de coleta de dados : 14/02/2005 à 03/03/2005 Tempo de coleta de dados : 4 semanas Número de Unidades Basicas : 10 ( total de 13 ) Número de Unidades de Saúde da Familia : 07 ( total de 25 ) Unidade Central de Dispensação : 1 Número de receitas avaliadas : 1.150

9 Número médio de medicamentos por consulta % de medicamentos prescritos pelo nome genérico % de consultas com a prescrição de antibióticos % de consultas com prescrição de medicamento injetável % de medicamentos prescritos que constam no formulário de essenciais % de medicamentos realmente dispensados % de medicamentos com identificação adequada Disponibilidade de cópia da lista ou formulário nas Unidades Disponibilidades de medicamentos chaves Dados coletados para avaliação

10 RESULTADOS AVALIAÇÃO DO USO RACIONAL DE MEDICAMENTOS NO MUNICIPIO DE MARILIA

11 Número médio de medicamentos por consulta 1150 receitas avaliadas 2535 medicamentos prescritos 2,2 medicamentos por consulta 2,3 de 0 a 4 anos Resultados

12 % de medicamentos prescritos pelo nome genérico 89,5 % Resultados

13 % de consultas com a prescrição de antibióticos 16 % 43 % de 5 a 9 anos Resultados

14 % de consultas com prescrição de medicamento injetável 3,2 % Resultados

15 % de medicamentos prescritos que constam no formulário de essenciais 90,1 % dos prescritos Resultados

16 % de medicamentos realmente dispensados 70,8 % Resultados

17 % de medicamentos com identificação adequada 90,3 % Resultados

18 Disponibilidade de cópia da lista ou formulário nas Unidades 84,6 % Resultados

19 Disponibilidades de medicamentos chaves Insulina 97,5 % Metformina 92,5 % Glibenclamida 100% Captopril 80 % Hidroclorotiazida 95 % Atenolol 22,5 % Amoxacilina 97,5 % Ciprofloxacina 15 % Cefalexina 92,5 % Prednisona / Prednisolona 82,5 % Diazepan 92,5 % Fluoxetina 65 % Amitriptilina 97,5 % Soro para reidratação oral 95 % Sulfato Ferroso 95 % Resultados

20 Profa Dra Sonia Regina Testa Silva Ramos Dr Marcelo Genofre Vallada Dra Helen Harumi Miyamoto Do Grupo de Vigilância em Saúde Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Conclusões As condições de prescrição e dispensação são boas, falhas como falta de rotulagem e falta de lista de medicamentos essenciais são facilmente corrigiveis. De qualquer modo, este trabalho mostra um retrato pontual das condições de prescrições locais e, por terem sidos utilizados marcadores muito bem definidos e validados pela OMS, permitirá que qualquer ação futura que venha a ser implementada para reforçar a pratica de prescrição racional, possa ter sua eficiencia medida.

21 Identificação do Profissional Data Identificação do paciente Nome medicamentos Forma Farmaceutica Quantidade Total Retorno RECEITA CURSO DE USO RACIONAL RESULTADOS Efeito do Medicamento Efeitos Colaterais Instruções Alertas Retorno Tudo claro ? ORIENTAÇÕES

22

23

24 RECEITA APÓS CURSO

25 RECEITA APÓS CURSO

26 RECEITA APÓS CURSO

27 1.Resume o ato médico 2.É orientação escrita do tratamento 3.Não se restringe a medicamentos 4.Conter medidas não medicamentosas 5.Interações 6.Ser racional e executável 7.Ser clara, legível 1.Eficácia 2.Efetividade 3.Janela Terapeutica 4.Risco 5.Beneficio 6.Convêniencia 7.Duração do tratamento PARA MEDICAR CARACTERISTICAS DA RECEITA

28 RESULTADOS NA FACULDADE DE MEDICINA DE MARILIA USO RACIONAL NO 4 ANO MÉDICO REUNIÕES DE USO RACIONAL APLICADO A PRESCRIÇÃO NO 5 ANO NA PEDIATRIA DISCUSSÃO DE PRESCRIÇÃO COM 6 ANO NA CLINICA MÉDICA

29 Prof Dr Augusto Scalabrini Prof Dra Claudia Dra Clarice Prof Dr Eduardo Coelho Prof Dra Lenita Prof Dra Thais Dr Tarcisio famema.br


Carregar ppt "Uso Racional de Medicamentos para prescritores da Rede Básica Municipal experiência do município de Marília - SP."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google