A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TDQM - Total Data Quality Management.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TDQM - Total Data Quality Management."— Transcrição da apresentação:

1 TDQM - Total Data Quality Management.
O grupo System Marketing & Logystem apresenta o processo “Gestão da Informação” baseado na metodologia: TDQM - Total Data Quality Management.

2 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 1. Objetivos (Etapas 0 e 1 da Metodologia): 1.1 Entregas Previstas 1.2 Produtos Finais 2. Organização do Projeto 2.1 Bradesco 2.2 System Marketing – SM 2.3 Papéis e Responsabilidades 3. Etapas do Projeto 3.1 Processo de Avaliação do Ambiente dos Aplicativos e Sistemas 3.2 Processo de Avaliação Técnica dos Aplicativos Prioritários 3.3 Metodologia - Avaliação do PROCESSO 3.4 Metodologia - Avaliação do APLICATIVO 3.5 Metodologia - Avaliação das Fontes EXTERNAS 4. Análise do Investimento Apêndice A Mapa Produto da Informação (IP-Map) Apêndice B Históricos, Institucional, QIBRAS e Contato

3 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 1. Objetivos (Etapas 0 e 1 da Metodologia): Levantar os Aplicativos e Sistemas relevantes para o “Processo de Gestão de Qualidade de Informação” no DpRC; Priorizar Sistemas para Mapeamento dos Processos; Identificar a necessidade de informação de cada usuário sob a ótica “Informação como um Produto”: Mapear Processos. Mapear Insumos Necessários (internos e externos). Identificar Agentes (Provedores, Custodiantes e Usuários) . Estipular Medidas de Qualidade para os processos. IV. Definir as políticas de uso da informação; V. Traçar um Mapa de ações prioritárias.

4 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 1. Objetivos (Etapas 0 e 1 da Metodologia): 1.1 Entregas Previstas Aceite do Plano de Qualidade da Informação 01/01/2010 Apresentação inicial – Descobertas da Qualidade das Informações 30/04/2010 Apresentação final – Descobertas da Qualidade das Informações 30/06/2010 1.2 Produtos Finais Resultados detalhados do projeto Análise detalhada do projeto Recomendações Resumo

5 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 2. Organização do Projeto:
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 2. Organização do Projeto: 2.1. BRADESCO Executivo patrocinador do projeto Contato Técnico Sênior Contato Técnico Contato de Produção 2.2. System Marketing - SM Sócio Sênior – Guilherme Rocha Gerente do Projeto – Sérgio Seyssel Líder da Estratégia de Marketing - Frank Block Produção de documentação – 2 Consultores Plenos Universidade de Arkansas Little Rock (UALR) Prof. Dr. John Talburt – Conselheiro de Qualidade de Informação Sênior

6 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 2. Organização do Projeto:
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 2. Organização do Projeto: 2.3. Papéis e Responsabilidades SM é responsável pelo gerenciamento e execução do plano do projeto em parceria com os recursos da UALR para desenvolver e entregar os resultados da avaliação. SM é responsável pelo plano de avaliação técnica, critério de mensuração e entregas de resultados. Bradesco é responsável por disponibilizar quaisquer e todos os recursos incluídos, mas não limitados a, recursos humanos, recursos de processamento de dados, detalhes de processamento, histórico e outras informações que possam ser consideradas necessárias durante o projeto. Bradesco é responsável pelo processamento de arquivos no sistema CRM e outros processos definidos na seção 3 deste plano.

7 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto:
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto: 3.1. Avaliação do Ambiente, dos Aplicativos, do Sistema O grupo de Qualidade da Informação da SM executará a avaliação do ambiente do DpRC, para identificar e priorizar o estudo dos sistemas em uso sob a ótica Qualidade de Informação. Os sistemas vitais, cujo o impacto das melhorias reflete o incremento imediato dos indicadores de performance, serão estudados em profundidade. A proposta permitirá que a visão cinza das áreas prioritárias de atuação, sejam substituídas por uma visão clara das áreas cuja ação imediata repercuta em resultados. Avaliação Preliminar Atue nesse ponto para incrementar A qualidade de dados!

8 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto:
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto: 3.1. Avaliação do Ambiente, dos Aplicativos, do Sistema (cont.) O trabalho a ser executado compreenderá a entrevista de cerca de 25 colaboradores para Mapeamento Qualitativo.

9 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto:
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto: 3.1. Avaliação do Ambiente, dos Aplicativos, do Sistema (cont.) A “radiografia” da percepção dos usuários aliada a análise técnica indicará as frentes prioritárias de intervenção. Representação consistente Concisa Preenchimento Ausência de erros Relevância Volume de Informações Interpretabilidade Retrato da Informação Usabilidade da Informação Acessibilidade Facilidade de Manipulação Reputação Utilidade da Informação Desenvolvimento e Produção Segurança/Confidencial idade Atualização Grau de Dependência

10 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto:
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto: 3.2. Processo de Avaliação Técnica dos Aplicativos Prioritários O grupo de Qualidade da Informação da SM executará a avaliação em duas áreas de foco dos Sistemas selecionados: PROCESSO e APLICATIVO. Essas avaliações gerarão relatórios e informações para definição das ações de Qualidade de Dados prioritárias. 3.3. Metodologia - Avaliação do PROCESSO Entregas SM: Mapeamento de processos, IQM (Gerenciamento Qualidade da Informação) observações e avaliação funcional do processo. Dependências: Bradesco permitirá acesso aos gerentes dos processos ou outro recurso requerido para entrevista. Além disto, Bradesco disponibilizará recursos de processamento de dados durante a tarefa de Avaliação Funcional do Processo.

11 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto:
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto: 3.3. Metodologia - Avaliação do PROCESSO (cont.) Mapeamento de processos e observações do IQM: O Analista da SM despenderá dois meses no Bradesco revendo o processo de construção dos sistemas prioritários do DpRC. O primeiro mês será dedicado a entrevistas com os gerentes para mapear os processos gerais. O segundo mês será dedicado para follow-up para responder questões específicas. Das informações coletadas, os analistas criarão: Mapa de Processos IP (Apêndice A deste documento) Relatório sobre a maturidade e capacidade em IQM observada durante o processo do sistema CRM

12 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto:
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto: 3.4. Metodologia - Avaliação do Aplicativo Entregas SM: Avaliação das dependências dos sistemas do DpRC : Bradesco disponibilizará recursos de processamento de dados necessários para realização dos processos dos sistemas DpRC, durante o processo de avaliação do Aplicativo. Processo para Teste de Performance Geral SM fornecerá ao Bradesco um arquivo de Benchmark que contenha nome e informação de endereço. Bradesco processará o arquivo de Benchmark em seu serviço, adicionando o arquivo com seus indivíduos, domicílios e endereços utilizando todas as fontes – A, B, C e D. Analistas analisarão a performance geral do sistema de cadastro DpRC contra o Benchmark original, incluindo: Comparativo de acuracidade geral entre o que foi realizado pelo sistema do DpRC e o realizado pela SM, escorado através do índice Rand ajustado. Comparativo de acuracidade geral entre o que foi realizado pelo sistema do DpRC e o realizado pela SM, escorado através do índice Talburt-Wang.

13 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto:
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto: 3.5. Metodologia - Avaliação das Fontes EXTERNAS Entregas SM : Avaliação das Fontes de Informação necessária para Operação: Dentro do escopo de estudo, uma equipe de trabalho dedicar-se-á ao levantamento das bases de dados utilizadas pelo DpRC para atender às demandas de usuários internos da companhia. Tal levantamento servirá para identificar as principais fontes de informação, seus formatos, conteúdo e domínio, recência, frequência e utilidade, bem como os processos de transformação, o que resultará no desenho da arquitetura de HUB de dados. Além do levantamento das fontes, serão definidos os principais personagens do processo de aquisição de dados: Provedores de Dados Custodiantes – responsáveis pela manutenção do repositório e pelas políticas de aquisição de dados e de gestão da informação Usuários Benefícios: Incremento da velocidade de entrega nas solicitações, definição das responsabilidades, mensuração do retorno do investimento na aquisição das informações e ajuste nas políticas de gestão da informação.

14 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto:
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 3. Etapas do Projeto: 3.5. Metodologia - Avaliação das Fontes EXTERNAS - Hub de Dados: Entrada da Requisição HUB de Dados Resultado da Requisição Usuário Custodiante Provedor XML Lote Operador Pesquisa de Sites de Órgãos Oficiais , Sites de Classe e Parceiros Comerciais e outros sites de interesse do Bradesco Pesquisa realizada nas bases de dados internas e externas DataSetting Java para Validação On-line Processamento do Lote enviada com saída dos resultado final dentro do layout solicitado pelo cliente O resultado da solicitação de busca será retornado dentro da estrutura de XML valida para leitura do sistema legado do cliente,retornando todas as informações contratadas/solicitadas Resultado da pesquisa será entregue via HTML na tela do operador solicitante da pesquisa, retornando de maneira estruturada as informações do perfil contratado Poderá ser solicitado o enriquecimento de dados por Lote via FTP/ para o HUB A solicitação via XML podendo haver integração entre o sistema legado do Bradesco e os serviços de buscas no HUB Acessando o sistema via web cada operador poderá gerar uma solicitação pontual para os servidores conectados ao HUB Meios de solicitação de busca de dados Processamento da solicitação no HUB Resultado da solicitação de busca de dados

15 Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 4. Análise do Investimento:
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Projeto TDQM para o DpRC Bradesco 4. Análise do Investimento: Entregas (previsão para 30 de junho de 2010) Avaliação do Processo dos Sistemas Prioritários do DpRC Avaliação Funcional do Processo Observações sobre Avaliação de Resultados e Qualidade das Informações Recomendações Relatório de medida da acuracidade Relatório do Índice Rand Ajustado Relatório do Índice Talburt-Wang Ajustado Arquitetura do Hub de Dados, políticas, requisitos e estrutura funcional Recomendações Ações Prioritárias

16 Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice A Mapa Produto da Informação (IP-Map) - Fabricação de um Produto de Informação: Considere o processo pelo qual um produto é confeccionado e vendido. Uma vez que dado produto é fabricado, a decisão é tomada se uma peça se adéqua, ou não, a um determinado padrão. Se o produto está dentro deste padrão, ele é embalado e vendido. Se estiver fora, outra decisão deverá ser tomada com base no defeito que poderá ser corrigido por um simples retrabalho, ou contrariamente, necessitará de grandes alterações. Estes processos de fabricação, inspeção, re-trabalho e reconstrução, alimentam vários relatórios enviados para gerenciamento referente à “saúde” e viabilidade dos processos envolvidos. Se você estiver desenhando este processo, ele seria algo como segue:

17 Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice A Mapa Produto da Informação (IP-Map) - Fabricação de um Produto de Informação: Agora, considere a criação de um Produto de Informação (IP). Ele é um pouco mais complexo, desde que qualquer dado IP pode ser composto por múltiplas fontes em múltiplos locais, dados crus destas múltiplas fontes poderiam ir através de uma variedade enorme de processos de transformação como parte da produção, e várias avaliações podem ser efetuadas em todos os passos onde cada IP é criado. Assim como o processo de fabricação, o foco é geralmente a um nível local, como um DBA originalmente interessado na saúde e manutenção da fonte de dados em um particular padrão de qualidade, com uma pequena compreensão de que esse simples sistema é parte de um produto muito maior. A chave para qualquer iniciativa de qualidade é praticar melhorias contínuas da fabricação como um sistema, e não como bits e peças.

18 Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice A Mapa Produto da Informação (IP-Map) - Fabricação de um Produto de Informação: O propósito para criação de um IP-Map é possibilitar uma representação visual, um modelo conceitual, desta fabricação de IP como um sistema. Esta representação possibilita uma análise crítica dos passos de um processo de produção e pode ajudar a identificar potenciais problemas e permitir maneiras de como atacar estes problemas. Ele pode ajudar os processos possibilitando qualidade na fonte. Responsabilidade para qualquer área de trabalho pode ser atribuída à responsabilidade dos indivíduos para realizar um ou mais passos no processo de fabricação como um trabalho vindo e indo através da área deles. Mais importante, as dimensões da qualidade de dados podem ser incorporadas dentro destas áreas, assim como “preenchimento” pode ser o interesse primário de uma área enquanto “tempo” pode ser o foco de outra área.

19 Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice A Mapa Produto da Informação (IP-Map) - Fabricação de um Produto de Informação: A seguir um IP-Map de um sistema de admissões num hospital. Um paciente, ou acompanhante, terá que preencher muitos formulários em papel, que serão convertidos em registros eletrônicos sobre os pacientes. Ali pode ser solicitado o histórico médico que poderá ser incorporado ao registro de admissão do paciente. Estes arquivos combinados caminham através de uma checagem para se ter certeza de seu preenchimento e cruzar dados antes que estes novos dados alimentem o sistema médico oficial do hospital, onde estes dados serão novamente combinados com registros de pagamentos. Uma vez que o registro é criado e verificado neste sistema oficial, ele é então transformado para ser incluído no sistema de gestão do hospital, que inclui informações de interesse com todos os inputs e outputs do hospital.

20 Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice A Mapa Produto da Informação (IP-Map) - Fabricação de um Produto de Informação: Se provermos esta visualização aos membros de um grupo de funcionários, cada membro pode compreender melhor o papel deles nos processos gerais, assim como uma recepcionista que pode talvez agora verificar porque é importante ter segurança na informação desde o início, desde um registro que não teve algum formulário de informação de pagamento preenchido e que passou anteriormente, gerando trabalho adicional e até uma nova entrevista com a pessoa que está sendo admitida naquele momento. O processo de formulário em papel transformado em registro eletrônico é facilmente exposto a erros. É importante atribuir responsabilidades neste processo, a um indivíduo, e permitir que esta pessoa desenvolva com seu time idéias de como melhorar o processo de controle de qualidade e de execução.

21 Complexidade Técnica EDI ERP Internet SCM CRM B2B RFID Grid Computing
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice B Organizações armazenam cada vez mais dados; Usam dados para gerar inteligência de negócios; Usam uma variedade de análises diferentes e complexas de dados; Usam uma variedade de diferentes softwares para gerenciá-los; O volume de dados é medido em Terabytes e Petabytes (não mais Gigabytes); TI = Information + Technology Futuro: Tecnologia = Commodity, Diferencial competitivo = INFORMATION Qualidade de gestão é muito mais complexa e mais problemática. Complexidade Técnica EDI ERP Internet SCM CRM B2B RFID Grid Computing

22 Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice B Os consumidores é que definem qual o real significado de Qualidade de Dados: Os Dados servem a múltiplas finalidades Qualidade Ótima De acordo com essa Definição, Qualidade de Dados pode ser considerada ruim, mesmo sendo tecnicamente válida: O usuário dedica horas para transformar dados em informação útil O volume de dados disponível é insuficiente

23 Apêndice B Demanda por Melhor Qualidade nos Dados
Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice B A Qualidade de Dados afeta a organização em diversas frentes: Demanda por Melhor Qualidade nos Dados Crescente Risco Credibilidade Baixa Custos Crescentes Redução de Receitas Risco Regulatório Risco no Desenvolvimento de Sistemas Risco na Integração de Dados Risco nos Investimentos Questões Relacionadas a confiança na empresa Decisões duvidosas Baixa Previsibilidade Previsões questionáveis Gestão Inconsistente de Relatórios Detecção e Correção Prevenção Retrabalho Multas Pagamentos Indevidos Custo com MO crescente Atraso nos processamentos Carga de Processamento crescente Aumento no Tempo de Resposta Risco a Saúde Risco a Privacidade Risco a competitividade Deteção de Fraudes Atraso e Perdas na Cobrança Perda de Clientes Perda de oportunidades Aumento do Custo com o Volume

24 Apêndice B Quantificando o Custo da má Qualidade de Dados: Problema
Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice B Quantificando o Custo da má Qualidade de Dados: Problema Custo Custo de Oportunidade Risco aos Negócios Dados Incorretos Falha na cobrança Perda na Postagem Desperdício em Campanhas Fraudes Não localizar Clientes Descuidado com clientes valiosos Impossibilidade de contatar o cliente Perda de contato com o cliente Unificar dados de clientes incorretamente Incapacidade de gerenciar a privacidade de dados do cliente Dados Incompletos Necessidade de buscar mais dados na fonte Adquirir dados de terceiros Lacunas no conhecimento do cliente Serviço ao cliente prejudicado Perda de contato com clientes Dados Redundantes Desperdício de postage Desperdício na Operação Custo de Armazenamento Incerteza sobre a quantidade de clientes Visão incorreta sobre o valor do cliente Visões conflitantes sobre o perfil do cliente Incapacidade de gerenciar a privacidade em todos os dados do cliente Contagem errada de clients compromete a estratégia Intergridade da empresa sob suspeita Dados Fictícios Impossibilidade de validar os dados cadastrais Decisões Incorretas Se expor em relações com clientes fraudulentos Incapacidade de localizar a origem da fraude

25 Extração, Transformação Extração, Transformação e
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice B A Análise de Dados e BI sofrem com a má Qualidade de dados: 60-90% dos recursos do negócio em análise de dados é desperdiçado em atividades de gerenciamento de dados. Decisão + Ação Análise Extração, Transformação e Validação Extração, Transformação e Dados Ruins Dados Bons Incremento na QD Tempo Necessário

26 Negócio (ex. Fazer um pedido) Camada de Negócio
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice B Reduzindo a distância entre Indicadores de Qualidade e os Indicadores de Performance IP IQ Processos Funções Aplicações Camada Técnica (databases, redes, etc.) Camada de Aplicação (e.g. Dados de um pedido) Camada de Funções de Negócio (ex. Fazer um pedido) Camada de Negócio (ex. Processo de venda) Camada de Gerenciamento (visão, estratégia, objetivos, IP,…) TDQM

27 Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice B Gerenciamento da Qualidade Total – Ciclo de Melhoria Contínua Further reading: „Daten- und Informationsqualität - AUF DEM WEG ZUR INFORMATION EXCELLENCE“ (Vieweg, 2008) F. Block in cooperation with Gebauer – Hinrichs – Mielke. Plano de Ação QD Definição do Escopo, Governança de Dados Entender a Estratégia da Cia, Ambiente de IT e os KPI Executar os projetos de QD Melhorar a Qualidade Monitorar QD t1 t2 t3 …. t1 t2 t3 …. 4. Execução 0. Escopo PLanejar Projetos De Qualidade Piloto Priorizar de acordo com Impactos Montar Plano de ações Mensurar Usuário Mensurar DQ 4. Definição do Plano De Ação 1. Avaliação 3. Análise da Origem Problemas 2. Análise de Impacto Entrevistas Worshops Analisar os Processos Detalhar as Problemas de Qualidade (Origem dos problemas, impactos nos KPI) Identificar os domínio Críticos Analisar os Impactos Ajustar Escopo Projeto DQ Ger. QD Domínio Dados

28 Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice B Breve histórico da System Marketing inserida na evolução da Qualidade dos Dados A identificação da System no mercado de Gestão de Informações evoluiu em busca da ciência do negócio. Após pesquisa de mercado, ficou claro que o núcleo sobre Data Quality estava no MIT – Massachussets Institute of Tecnhology em Boston. Desde 1993, o MIT já reunia anualmente encontros profissionais e acadêmicos para fóruns de discussão sobre Total Data Quality Management, a Gestão de Qualidade Total com foco na gestão de informação. Fonte: Coincidindo com a System Marketing, que logo depois, em 1997, desenvolveu o que posteriormente revolucionaria o mercado de Qualidade de Dados: o sistema para tratamento de cadastros: DataSetting®. O início se deu em 2006 com a formação do Grupo de Qualidade, empresas parceiras com know-how complementar ao core business da System Marketing que assumiram a responsabilidade do tema. Em 2007 o desafio entusiasmou 300 executivos do mercado durante a 1ª Conferência Internacional em Qualidade de Dados, com a palestra de professores da Universidade de Boston; No ano seguinte, em 2008, nova versão do evento focou-se então em cases de sucesso. A SkyDirecTV foi convidada a apresentar o projeto entre dois cases norte-americanos; Finalmente em novembro de 2009, o professor PhD Richard Wang, principal precursor do TDQM, apoiou a 3ª versão da Conferência na companhia de duas executivas francesas. E divulgou a criação da QIBRAS - Associação de Qualidade de Dados e Informação no Brasil. Fonte:

29 Apêndice B Papel Social do Grupo: Índice Projeto Por quê? TDQM
Instituição Social QIBRAS Contato Apêndice B Papel Social do Grupo: System Marketing apoia 1º Prêmio Ecofuturo de Educação para a Sustentabilidade. O 1º Prêmio Ecofuturo de Educação para a Sustentabilidade, promovido pelo Instituto Ecofuturo (www.ecofuturo.org.br) vai selecionar e premiar os responsáveis pelas melhores ideias educativas criativas concebidas a partir do livro "A vida que a gente quer depende do que a gente faz", voltadas para a aprendizagem da sustentabilidade em seu sentido mais amplo. A System Marketing apoia a iniciativa, respondendo pelo monitoramento de inscrições, projetos e planos de aula sobre educação ambiental realizados e encaminhados por professores e escolas participantes. Para tanto, “a empresa disponibilizou uma posição de atendimento (PA) com colaborador que, além de receber os contatos, responde as mensagens enviadas pelos concorrentes”.  http://www.fabricadecrm.com.br/index.php/crmonline/ A Associação Maria Helen Drexel protege, promove e educa crianças e adolescentes abandonados. A Associação Maria Helen Drexel, fundada em 15/06/73, é uma sociedade civil (CGC-MF nº / ) de caráter assistencial e sem fins lucrativos. A missão é dar amparo, proteção, promoção e educação a crianças e adolescentes abandonados e ou carentes, proporcionando-lhes um lar substituto, sem qualquer distinção quanto à cor, raça, condição social, credo político ou religioso.  http://www.fabricadecrm.com.br/index.php/crmonline/welcome/index/13 Petit Comité sobre “Legislação Promocional”. Entender como obter subterfúgios legais, saber como nos prevenir, como realizar as ações promocionais com sucesso, de ponta a ponta foram os assuntos tratados neste evento organizado pelo Grupo System Marketing & Logystem: A System incentiva o esporte pelo 3º ano consecutivo. O “Circuito Empresarial de Golfe” é um torneio direcionado aos empresários golfistas e aos sócios dos clubes. Independente da competição, o foco está no marketing de relacionamento e na confraternização. Cada mês, uma das empresas patrocinadoras é responsável pelo evento.

30 Apêndice B Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS
Contato Apêndice B QIBRAS – A Associação Brasileira de Qualidade de Dados e Informações A QIBRAS - Qualidade da Informação Brasil - é o resultado do incentivo do professor Ph.D. Richard Wang e dos seus esforços para reunir em um único grande movimento todas as principais iniciativas relacionadas à Qualidade dos Dados e Informações no Brasil. Professor Wang é diretor do MIT, programa de qualidade do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, nos Estados Unidos e também leciona no Departamento de Qualidade da Informação, na Universidade Arkansas. Histórico:

31 Av. Dr. Mauro Lindemberg Monteiro, 185 Galpões 1 e 2
Índice Projeto Por quê? TDQM Instituição Social QIBRAS Contato Av. Dr. Mauro Lindemberg Monteiro, 185 Galpões 1 e 2 CEP   -  Osasco/SP Tel Salve a natureza. Qualifique seu cadastro.


Carregar ppt "TDQM - Total Data Quality Management."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google