A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TABACO: dados epidemiológicos CURSO Implantação de Ambientes Livres do Tabaco e a Participação do Poder Legislativo FCM – Dep. De Medicina Preventiva e.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TABACO: dados epidemiológicos CURSO Implantação de Ambientes Livres do Tabaco e a Participação do Poder Legislativo FCM – Dep. De Medicina Preventiva e."— Transcrição da apresentação:

1 TABACO: dados epidemiológicos CURSO Implantação de Ambientes Livres do Tabaco e a Participação do Poder Legislativo FCM – Dep. De Medicina Preventiva e Social FEC – Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo Rede de Municípios potencialmente Saudáveis Campinas – SP Dra. Luizemir Wolney Carvalho Lago Coordenação Estadual de Controle do Tabagismo 04 de Março de 2009

2 Prevalência de Tabagismo no Brasil 1989 – Pesquisa Nacional sobre Saúde e Nutrição 1989 – Pesquisa Nacional sobre Saúde e Nutrição 2003 – Inquérito Domiciliar sobre Comportamento de Risco e Morbidade Referida de doenças e Agravos Não Transmissíveis 2003 – Inquérito Domiciliar sobre Comportamento de Risco e Morbidade Referida de doenças e Agravos Não Transmissíveis % %

3 Consumo Anual per capita de Cigarros cigarros cigarros cigarros cigarros QUEDA DE 42% no consumo QUEDA DE 42% no consumo

4 Demanda Nacional para a Cessação do Tabagismo 25 milhões são fumantes (20% da população) 25 milhões são fumantes (20% da população) 20 milhões querem deixar de fumar – só 3% conseguirão 20 milhões querem deixar de fumar – só 3% conseguirão 19 milhões necessitam de tratamento 19 milhões necessitam de tratamento 8 milhões necessitam de medicamento 8 milhões necessitam de medicamento

5 Estimativas de Mortes Anuais relacionadas ao tabagismo Países desenvolvidos Países desenvolvidos Países em desenvolvimento Países em desenvolvimento Total Total Atual 2 milhões A partir de milhões 3 milhões 3 milhões 5 milhões 5 milhões 7 milhões 10 milhões

6 Quem fuma no Mundo Quem fuma no Mundo 1,3 bilhão de fumantes: 1,3 bilhão de fumantes: 47% homens 12% mulheres Países desenvolvid os 400 milhões Países em desenvolvi mento 900 milhões 42% homens 24% mulheres 48% homens 7% mulheres

7 Quem fuma no Brasil 25 milhões de fumantes: 25 milhões de fumantes: 22,7% homens – 16% mulheres O CIGARRO BRASILEIRO É UM DOS MAIS BARATOS NO MUNDO O CIGARRO BRASILEIRO É UM DOS MAIS BARATOS NO MUNDO

8 BRASIL 1º exportador de folhas de tabaco 1º exportador de folhas de tabaco 2º produtor de tabaco 2º produtor de tabaco Arrecadação elevada (70%) Arrecadação elevada (70%) 200 mil óbitos por ano 200 mil óbitos por ano

9 Formas de Consumo x Concentração de nicotina Cigarrilhas : 4 a 5 cigarros Cigarrilhas : 4 a 5 cigarros Charuto : 5 a 10 cigarros Charuto : 5 a 10 cigarros Garam: cigarros de cravo + amônia + CO Garam: cigarros de cravo + amônia + CO Bali – Hai : 3 a 5 vezes mais nicotina Bali – Hai : 3 a 5 vezes mais nicotina Narguille : fumaça equivale a 20 cigarros Narguille : fumaça equivale a 20 cigarros Snus : 10 vezes mais nicotina Snus : 10 vezes mais nicotina 01 cigarro contém 1g de nicotina aproximadamente 01 cigarro contém 1g de nicotina aproximadamente

10 Doenças Tabaco Relacionadas Tabaco: Fator de risco para cerca de 50 doenças Tabaco: Fator de risco para cerca de 50 doenças D. Coronariana: Angina, IAM 25% DPOC Bronquite, enfisema 85% Cancer de Pulmão 90% Cancer de: Boca, laringe, traquéia, esôf. 30% D. Cérebro Vascular:AVC 25% Catarata, Úlcera Péptica, Disfunção Erétil, Menopausa precoce, etc

11 Poluição Tabágica Ambiental 1. Corrente primária: 4700 substâncias encontradas Fase gasosa: CO, Amônia, acetona, cetonas, formaldeído Fase particulada: Alcatrão (Arsênio, Polônio 210, C14, agrotóxicos, Ni, Pb, Cádmio Benzopireno) + Nicotina

12 Poluição Tabágica Ambiental Corrente Secundária: 400 substâncias, às vezes em quantidades superiores às da Corrente Primária: Corrente Secundária: 400 substâncias, às vezes em quantidades superiores às da Corrente Primária: Nicotina : 3 vezes mais Nicotina : 3 vezes mais Monóxido de Carbono : 3 vezes mais Monóxido de Carbono : 3 vezes mais Substâncias Cancerígenas: 50 vezes mais Substâncias Cancerígenas: 50 vezes mais

13 Tabagismo Passivo 3ª maior causa de morte evitável no mundo 3ª maior causa de morte evitável no mundo Risco em até 50% de doenças respiratórias em crianças Risco aumentado em 24% para Infarto do Miocárdio Risco aumentado em até 50% para Ca de Pulmão

14 Referências Bibliográficas Mackay,J., Ericksen, M., Shafey, O., The Tobacco Atlas – UICC – American Cancer Society, 2nd. Ed., 2006 Mackay,J., Ericksen, M., Shafey, O., The Tobacco Atlas – UICC – American Cancer Society, 2nd. Ed., 2006 INCA/MS, SVS/MS, ANVISA/MS, OPS/OMS, Promoção da Saúde no controle do Tabaco – Ambiente Livre de Fumo INCA/MS, SVS/MS, ANVISA/MS, OPS/OMS, Promoção da Saúde no controle do Tabaco – Ambiente Livre de Fumo Lei Federal nº 9294/96 Lei Federal nº 9294/96


Carregar ppt "TABACO: dados epidemiológicos CURSO Implantação de Ambientes Livres do Tabaco e a Participação do Poder Legislativo FCM – Dep. De Medicina Preventiva e."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google