A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O PERFIL DO QUÍMICO Fernando Galembeck Luiz Otávio Fagundes Amaral Pedro Wongtschowski Rubén Dario Sinisterra Millan Semana de Comemoração dos 60 anos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O PERFIL DO QUÍMICO Fernando Galembeck Luiz Otávio Fagundes Amaral Pedro Wongtschowski Rubén Dario Sinisterra Millan Semana de Comemoração dos 60 anos."— Transcrição da apresentação:

1 O PERFIL DO QUÍMICO Fernando Galembeck Luiz Otávio Fagundes Amaral Pedro Wongtschowski Rubén Dario Sinisterra Millan Semana de Comemoração dos 60 anos do Curso de Química da UFMG

2 Seis propostas para o próximo milênio Leveza Rapidez Exatidão Visibilidade Multiplicidade... Italo Calvino

3 Previsão é sempre um negócio arriscado...

4 ... especialmente a previsão do futuro... Atribuído a Niels Bohr?

5 Oito propostas para os próximos anos Abrangência Articulação Concisão Compromisso social Ensino-aprendizagem-pesquisa Flexibilidade Relevância...

6 ABRANGÊNCIA Química como ciência central Conhecimento de interfaces e das áreas vizinhas Química não é só uma disciplina acadêmica

7 ...ainda se exerce pouco a pesquisa nas interfaces, continuando-se a trabalhar a Química naquela divisão tradicional: Orgânica, Inorgânica, Analítica e Físico- Química Gama, Cadore & Ferreira (2003), QN, 26(4)

8 Nas licenciaturas a criança e o adolescente têm sido estudados como se fossem cabeças de aprender química. Não se tematizam a criança e o adolescente em si; muito menos outros estudantes, como jovens e adultos, ou as atividades de ensino e aprendizagem em ambientes extra- escolares.

9 ARTICULAÇÃO Básico - Profissional Acadêmico - Profissional Formação inicial - formação continuada Saber o quê - saber como - saber para quê Disciplina 1 - Disciplina 2... Disciplina n Capítulo 1 - Capítulo 2... Capítulo n Conceito 1 - Conceito 2... Conceito n Teórico - Experimental

10 Problematizar a relação teoria - experimento Uma vantagem da comunidade de educação química brasileira: uma epistemologia melhor (não o empirismo ingênuo, não o racionalismo de Popper ou Lakatos, não a análise kuhniana...) mas a abordagem dialógica de Bachelard

11 INVESTIGAÇÕES SOBRE AS AULAS DE QUÍMICA GERAL EXPERIMENTAL NA UFMG Professores privilegiam 2 funções: aquisição de habilidades experimentais e ilustração de conceitos. No curso de Química Noturno, 43% dos estudantes eram técnicos em química (2000). Todos os estudantes - técnicos e não-técnicos - destacaram o curso como proveitoso/muito proveitoso. Capacidade interpretativa dos técnicos igual à dos não técnicos.

12 COMPROMISSO SOCIAL O deficit químico brasileiro cresceu de US$ 289 milhões em 1983 para US$5.358 milhões em 1997, cerca de 65% do deficit comercial total brasileiro Pedro Wongtschowski (1999)

13 COMPROMISSO SOCIAL Universidade pública brasileira: ca. 10% das instituições; menos de 30% das matrículas

14 COMPROMISSO SOCIAL

15 UFMG (2000)

16 UNICAMP (2000) Estudantes Graduação Estudantes Pós-Grad Professores 1.850

17 Crescimento das matrículas do ensino básico em MG

18 Demanda de professores (5ª-8ª séries e Ens. Médio) Geral (5ª - 8ª séries): (Ens. Médio) Ciências (5ª - 8ª séries): Química (Ens. Médio): Licenciados (Quím., ): Licenciados (Quím., Proj. até 2010):

19 Resultados do PISA Plus 2002 (Programme for Intl. Student Assessment)

20 Resultados 41 países participantes Escala de resultados entre 333 e 552 Posição dos estudantes brasileiros: 40ª (média 375)

21 Áreas avaliadas no PISA Capacidade de leitura Letramento em matemática Letramento científico: conceitos, processos, aplicações


Carregar ppt "O PERFIL DO QUÍMICO Fernando Galembeck Luiz Otávio Fagundes Amaral Pedro Wongtschowski Rubén Dario Sinisterra Millan Semana de Comemoração dos 60 anos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google