A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MENU TEMAS MENU TEMAS. 50 Idéias Para Dinamizar um 50 Idéias Para Dinamizar um Encontro de PG Encontro de PG A Maior Necessidade – A Maior Necessidade.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MENU TEMAS MENU TEMAS. 50 Idéias Para Dinamizar um 50 Idéias Para Dinamizar um Encontro de PG Encontro de PG A Maior Necessidade – A Maior Necessidade."— Transcrição da apresentação:

1 MENU TEMAS MENU TEMAS

2 50 Idéias Para Dinamizar um 50 Idéias Para Dinamizar um Encontro de PG Encontro de PG A Maior Necessidade – A Maior Necessidade – Confraternização e Amizade Confraternização e Amizade Como Funciona o Pequeno Grupo Como Funciona o Pequeno Grupo Como Melhorar as Reuniões Como Melhorar as Reuniões Funcionamento do PG Formação de Equipe Formação de Equipe Liderança

3 MENU TEMAS

4 Qualquer atividade realizada sem entusiasmo, sem dinamismo, cairá na rotina e no enfado. MENU TEMAS

5 1.Não faça monólogo, não pregue, não palestre, não discurse. Lembre-se que todos podem ter uma contribuição a dar. 2.Cuide para que todos participem de alguma forma. Desenvolva ministério e estimule todo tipo de participação. 3.Promova debates positivos. Temas e abordagens otimistas que farão as pessoas saírem mais animadas da reunião. 4.Evite temas tensos, polêmicos ou negativos. Não permita que o debate descambe para a análise crítica negativa. 5.Estimule a participação com sinceros elogios. Valorize as participações, mesmo as mais simples. MENU TEMAS

6 6.Tenha vontade, dedicação, estímulo e perseverança. Seu entusiasmo o manterá animado e estimulará os outros. 7.Promova bons relacionamento, alegria, confraternização e a participação de todos. Isso é o que todos querem. 8.Seja pontual e promova a pontualidade para começar e para encerrar a reunião. Tenha isso como ponto de honra. 9.Tenha domínio do material a ser estudado. Você precisará desatar nós que dificultam a compreensão do tema. 10.Visite os membros do seu pequeno grupo. Não se limite ao encontro grupal. Dê assistência pessoal. MENU TEMAS

7 11.Permita que o líder associado também coordene o debate. Estimule-o, pois ele logo será líder de um outro PG. 12.Promova atividades extras com seu grupo. A cada dois meses, realizar alguma confraternização: almoço, passeio ou recreação cristã com todos do seu grupo. 13.Organize um sistema de guardiões. Um cuidando do outro. Isso dará um censo de pertencer e de importância ao PG. 14.Promova amigo secreto de oração revelando e mudando os nomes a cada quinze dias. 15.Note o irmão ausente e faça planos concretos para que ele seja visitado durante a semana. MENU TEMAS

8 16.Faça o momento de louvor com bastante animação. Ajude os membros do PG a cantarem com o coração. 17.Permita que cada membro do PG se encarregue de trazer um testemunho a cada encontro. 18.Combine com o grupo para que o anfitrião só seja trocado a cada 2 ou 3 anos. 19.Homenageie os aniversariantes. Datas especiais serão motivos de aumentar a confraternização no grupo. 20.Promova surpresas em suas reuniões. Use sua criatividade. 21.Oferecer lanchinho não é proibido, mas é arriscado. Em algum momento poderá inibir alguém. 22.Mantenha sua reunião animada. Animação e bom humor na medida certa faz bem a todos. MENU TEMAS

9 23.Escolha um nome para o seu grupo ouça as sugestões do grupo. Isso é motivador e dá um censo de identidade. 24.Escolha uma cor para o seu grupo. Cada grupo se caracterizará com sua cor própria nos encontros gerais. 25.Faça uma bandeira para o seu grupo. Tamanho padrão (50x40cm; com mastro de 2,30m). 26.Crie no PG a cultura do serviço. O PG não existe para atender apenas a si mesmo. 27.Divida seu PG em duplas. Duplas de oração, de visitação, de evangelização, de resgate, de guardiões, etc. 28.Assuma com o seu PG programas e cultos da igreja. Planejem um culto JÁ modelo ou dirijam um culto de oração. MENU TEMAS

10 29.Crie no grupo um clima de informalidade. Isso estimulará a participação e o entrosamento. 30.Utilize recursos visuais. Elementos concretos facilitam e estimulam o aprendizado. 31.Seja um facilitador da participação dos outros. Não complique com perguntas inibidoras. 32.Tenha um alvo de batismo para o PG durante o ano em três momentos ou quadrimestres. Desafie seu pessoal. 33.Prestar os relatórios do PG com pontualidade. Isso estimulará os membros do seu PG a cumprirem sua parte. MENU TEMAS

11 34.Na oração, defina motivos especiais e varie as formas, como a caixinha de oração e amigo secreto de oração. 35.Nos pedidos de oração, oriente os membros para que sejam breves. Assim todos poderão participar. 36.No estudo da lição prepare-se antecipadamente mesmo se o tema lhe parecer familiar. 37.Permita que todos participem da leitura (cada aluno com o seu exemplar). 38.Saiba o objetivo da lição (a conclusão é uma dica). Enfatize-o ao final. 39.Trabalhe com o programa de resgate em favor de pessoas ligadas aos membros do seu PG. 40.Envolva todos na discussão; insistindo para que os membros do PG participem e contribuam. MENU TEMAS

12 41.Faça perguntas abertas (que pedem opiniões, sentimentos e razões). Evitando aquelas cuja resposta é sim ou não. 42.Permaneça no tema abordado. Não fuja nem permita que fujam do assunto central do dia. Puxe a cordinha de volta. 43.Relacione o tema com a vida dos membros (seja prático, relevante). Isso é que tornará o tema interessante. 44.Coordene a discussão encerrando cada abertura e prosseguindo. Deixe clara a progressão do tema. 45.Conclua de tal maneira que o grupo saiba o que fazer ou para onde ir! (Ação) MENU TEMAS

13 46.Colha sugestões dos membros do seu PG e as aplique, para que contribuam e sintam-se parte do sistema. 47.Sirva de exemplo de amor, confiança e aceitação, encorajando os membros a ouvirem, aceitarem e respeitarem aqueles que tem um ponto de vista diferente. 48.Promova o correio amigo. Use uma caixinha no local da reunião, o correio convencional e/ou Seja, sinta-se e viva como o pastor de um pequeno rebanho o seu PG. Somente se o PG for repleto de fervor e entusiasmo, faremos com que alcance seus objetivos e influencie a vida de seus membros. Lucas 22:25,26 MENU TEMAS

14 MENU TEMAS

15 A maior necessidade humana As pessoas estão constantemente buscando por identidade, aceitação, companheirismo e amizade. Elas desejam pertencer a um grupo e se sentir parte dele. O lugar ideal O PG é o lugar ideal para as pessoas encontrarem este tipo de relacionamento. MENU TEMAS

16 Encorajamento e apoio O PG deve ser um lugar para partilhar os sentimentos e encontrar encorajamento e apoio através da amizade, oração e estudo da Bíblia. Isto é significativo para as pessoas: As pessoas apreciam quando nos preocupamos e oramosAs pessoas apreciam quando nos preocupamos e oramos por elas. É muito importante para a pessoa saber que nãoÉ muito importante para a pessoa saber que não está sozinha; Saber que tem um grupo de amigos a quem partilharSaber que tem um grupo de amigos a quem partilhar o que está acontecendo em sua vida. MENU TEMAS

17 Talvez seja: O marido que perdeu o emprego. O marido que perdeu o emprego. O filho que precisa de oração. O filho que precisa de oração. A avó que está enferma. A avó que está enferma. Ou a esposa que ainda não faz parte da igreja... Ou a esposa que ainda não faz parte da igreja... O PG Um ambiente seguro... Deve ser um ambiente seguro aonde as pessoas Possam partilhar, com confiança, os sofrimentos e alegrias da vida. MENU TEMAS

18 Todos podem falar É um lugar onde todos podem falar livremente. Onde encontram apoio e aceitação. Neste aspecto, o líder tem um papel fundamental; ele precisa conhecer pessoalmente cada membro, saber que cada um é diferente e conhecer suas características e necessidades. Os professores devem aproximar-se do coração dos alunos, com tato, simpatia, paciente e determinado esforço, a fim de interessar cada estudante relativamente à salvação de sua alma. CSES, 114 MENU TEMAS

19 A eles vos unireis em amorável simpatia, visitando-os em seu lar. E, ao conversar com eles a respeito de sua experiência nas coisas de Deus, haveis de conhecer-lhes a verdadeira condição e nos braços da fé, os levareis ao trono do Pai. CSES, 76 MENU TEMAS

20 Mudança de Comportamento Modernos educadores têm descoberto que o relacionamento afetuoso é o mais importante meio para se alcançar mudanças de comportamento. Ambiente amigo É muito importante que as pessoas encontrem um ambiente amigo ao entrarem em contato com a igreja, e isto é possível dentro dos Pequenos Grupos MENU TEMAS

21 Imprimir no Coração Necessitais conquistar-lhes a afeição se quereis imprimir-lhes no coração as verdades religiosas. Fundamentos da Educação, 68 Confraternização É maravilhoso ver um Pequeno Grupo experimentando a verdadeira amizade cristã nos momentos de Confraternização MENU TEMAS

22 Idéias para fortalecer a amizade entre os membros. Ter encontros sociais fora do PG. Ter encontros sociais fora do PG. Ajudar as pessoas em suas necessidades. Ajudar as pessoas em suas necessidades. Após o culto de sábado, reunirem-se para um almoço juntos. Após o culto de sábado, reunirem-se para um almoço juntos. Comemorar os aniversariantes do mês. Comemorar os aniversariantes do mês. Estabelecer duplas de oração intercessória. Estabelecer duplas de oração intercessória. Orar por assuntos específicos. Orar por assuntos específicos. Organizar retiros espirituais do PG. Organizar retiros espirituais do PG. Jejuar junto com o PG. Jejuar junto com o PG. MENU TEMAS

23 Amor e Amizade Para haver mudanças, precisamos amar as pessoas e nos preocupar com elas. Assim criaremos um ambiente onde todos se sentirão bem em nosso meio e o amor de Deus será revelado por nós. Existem muitos que assistem ao Pequeno Grupo há muito tempo e nada tem acontecido em suas vidas. Ainda não tiveram nenhum tipo de mudança. Se continuarmos apenas com o estudo da Bíblia e da Lição, sem desenvolver a amizade: Não estaremos sendo fiéis às orientações divinas, e nada vai mudar na igreja e na nossa vida. MENU TEMAS

24 MENU TEMAS

25 Porque o PG precisa ser dinâmico? Qualquer atividade que for realizada sem entusiasmo, sem dinamismo, cairá na rotina e no enfado. Razões para o Pequeno Grupo 1.Desenvolver amor fraternal 2.Evangelizar / Conservar 3.Oração 4.Estudo da Bíblia 5.Criar ambiente apropriado para desenvolvimento espiritual MENU TEMAS

26 Somente se o PG for repleto de fervor e entusiasmo, faremos com que alcance seus objetivos e influencie a vida de seus membros. A FIGURA DO LÍDER É FUNDAMENTAL PARA TORNAR A REUNIÃO DINÂMICA. O GRUPO SERÁ O REFLEXO DAQUILO QUE É SEU LÍDER MENU TEMAS

27 O líder como elemento chave demonstra: - Consciência do seu chamado - Sua experiência com Deus - Seu preparo para a função - Seu esforço e dedicação Nada é por acaso, principalmente o sucesso. Não há vitórias a preço de pechincha. Eisen Hower MENU TEMAS

28 Programa semanal do PG Programa semanal do PG Recepção-15 minutos Louvor Louvor Confraternização - 10 minutos Apresentação dos visitantesApresentação dos visitantes Conversa informalConversa informal Testemunho - 10 minutos Planos de ação para o evangelismo do pequeno grupo.Planos de ação para o evangelismo do pequeno grupo. Testemunhos espirituais.Testemunhos espirituais. Desafio da cadeira vazia.Desafio da cadeira vazia. Designar duplas para visitar: os ausentes, membros da igreja que nãoDesignar duplas para visitar: os ausentes, membros da igreja que não participem do PG participem do PG Avaliação das AtividadesAvaliação das Atividades MENU TEMAS

29 Oração - 10 minutos Agradecimentos e Pedidos de oração Agradecimentos e Pedidos de oração Oração intercessória. Oração intercessória. Estudo da Bíblia - 35 minutos Participação de todos no estudo.Participação de todos no estudo. Aplicação prática da mensagem estudada na vida deAplicação prática da mensagem estudada na vida de cada um. cada um. Apelo para todos viverem o que foi aprendido.Apelo para todos viverem o que foi aprendido. MENU TEMAS

30 Estudo da bíblia: O momento mais importante O estudo da Lição é determinante O estudo da Lição é determinante Prepare-se antecipadamente Prepare-se antecipadamente Permita que todos participem da leitura (cada aluno com o seu exemplar) Permita que todos participem da leitura (cada aluno com o seu exemplar) Saiba o objetivo da lição (a conclusão é uma dica) Saiba o objetivo da lição (a conclusão é uma dica) Explore as aberturas para debate: Explore as aberturas para debate: Envolva todos na discussão Envolva todos na discussão Faça perguntas abertas (que pedem opiniões, sentimentos, razões e reações) Faça perguntas abertas (que pedem opiniões, sentimentos, razões e reações) Permaneça no tema abordado Permaneça no tema abordado Relacione o tema com a vida dos membros (seja prático, relevante) Relacione o tema com a vida dos membros (seja prático, relevante) Coordene a discussão encerrando cada abertura e prosseguindo Coordene a discussão encerrando cada abertura e prosseguindo Conclua de tal maneira que o grupo saiba o que fazer ou para onde ir! (Ação) Conclua de tal maneira que o grupo saiba o que fazer ou para onde ir! (Ação) MENU TEMAS

31 Dicas sobre Programa Semanal Este programa todo não deve durar mais que uma hora e vinte. Seja Este programa todo não deve durar mais que uma hora e vinte. Seja pontual. pontual. Usar as lições do Pequeno Grupo que foram preparadas para o ano. Usar as lições do Pequeno Grupo que foram preparadas para o ano. Durante o estudo procure envolver a todos, não fuja do assunto e nem Durante o estudo procure envolver a todos, não fuja do assunto e nem faça sermões. faça sermões. Procure criar no grupo um clima de informalidade. Procure criar no grupo um clima de informalidade. Nos pedidos de oração orientar às pessoas que sejam objetivas. Nos pedidos de oração orientar às pessoas que sejam objetivas. MENU TEMAS

32 MENU TEMAS

33 4.Não fale baixinho com o companheiro ao lado. 5.Peça a vez para falar, refira-se a alguma afirmação anterior. 6.Sempre que fizer uma afirmação conclua com o "porque". 7.Não menospreze contribuições que lhe parecerem insignificantes, principalmente se forem emitidas por tímidos. 8.Nunca afirme: não concordo. Discorde sem dizer que está discordando e todos perceberão sua discordância. 1.Disponha as cadeiras em forma de "u" para que todos se vejam. 2.Diga sempre nós. Envolva-se no grupo. 3.Mantenha-se atento. Espere sua vez de falar. Olhe para quem fala. MENU TEMAS

34 11.Quando alguém fizer uma afirmação sem provas, crive-o de perguntas como: Por que? Quando?Como?Onde? 9.Quando alguém disser algo com que você concorda faça algum sinal de concordância (cria coesão no grupo). 10.Se a reunião vai mal, proponha uma pausa. Não deixe para criticar depois da reunião. MENU TEMAS

35 12.Se a discussão for muito teórica, use exemplos que comprovem as afirmativas. 13.Procure elogiar em cada um o que for elogiável. 14.Dê oportunidades a todos os membros do grupo. Preocupe-se como conjunto. 15.Se você estiver acima do grupo, procure descer, para depois subir com o grupo. 16.Faça perguntas ao contrário de afirmações. Use palavras que todos possam entender. MENU TEMAS

36 COMO COMPORTAR-SE EM GRUPO Respeitar o próximo como ser humano. Respeitar o próximo como ser humano. Evitar "cortar" a palavra de quem fala. Evitar "cortar" a palavra de quem fala. Controlar suas reações agressivas, evitando ser indelicado ou irônico. Controlar suas reações agressivas, evitando ser indelicado ou irônico. Procurar conhecer melhor os membros do seu grupo. Procurar conhecer melhor os membros do seu grupo. Evitar assumir responsabilidades atribuídas a outro (a não Evitar assumir responsabilidades atribuídas a outro (a não ser em pedido deste ou em caso de emergência). ser em pedido deste ou em caso de emergência). Procurar a causa de suas antipatias, a fim de vencê-las. Procurar a causa de suas antipatias, a fim de vencê-las. Procurar definir bem o sentido das palavras; evitar mal entendidos. Procurar definir bem o sentido das palavras; evitar mal entendidos. Ser modesto nas discussões; tentar analisar o ponto de vista das Ser modesto nas discussões; tentar analisar o ponto de vista das outras pessoas. outras pessoas. MENU TEMAS

37 A TÉCNICA DE REUNIÕES A reunião é um método de ação social que integra as A reunião é um método de ação social que integra as pessoas em torno de um objetivo. pessoas em torno de um objetivo. É uma técnica de comunicação coletiva que proporciona É uma técnica de comunicação coletiva que proporciona informações, participações e cooperação em grupo. informações, participações e cooperação em grupo. É um veículo para que as informações sejam coletadas, É um veículo para que as informações sejam coletadas, estruturadas e vendidas. estruturadas e vendidas. É uma ferramenta de trabalho que proporciona uma É uma ferramenta de trabalho que proporciona uma tomada de decisão compartilhada. tomada de decisão compartilhada. MENU TEMAS

38 OBJETIVOS DA REUNIÃO Integrar as pessoas, constituindo uma equipe de trabalho. Integrar as pessoas, constituindo uma equipe de trabalho. Definir problemas. Definir problemas. Caracterizar elementos determinantes. Caracterizar elementos determinantes. Coletar críticas e sugestões. Coletar críticas e sugestões. Equacionar os problemas. Equacionar os problemas. Polarizar experiência. Polarizar experiência. Vender determinada idéia. Vender determinada idéia. MENU TEMAS

39 IMPORTÂNCIA DA TÉCNICA DE REUNIÕES Outorga consciência de participação.Outorga consciência de participação. O espírito de equipe economiza dispêndios.O espírito de equipe economiza dispêndios. Orienta a equipe de trabalhoOrienta a equipe de trabalho Proporciona continuidade administrativa.Proporciona continuidade administrativa. Permite descobrir a capacidade de liderança.Permite descobrir a capacidade de liderança. FASES DA REUNIÃO 1ª fase - abertura 2ª fase - apresentação do problema 3ª fase - condução do debate 4ª fase - apresentação da solução. MENU TEMAS


Carregar ppt "MENU TEMAS MENU TEMAS. 50 Idéias Para Dinamizar um 50 Idéias Para Dinamizar um Encontro de PG Encontro de PG A Maior Necessidade – A Maior Necessidade."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google