A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Lavratti.com EDI VMI ECR. lavratti.com Slide 2/26 EDI VMI ECR Benefício com o EDI.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Lavratti.com EDI VMI ECR. lavratti.com Slide 2/26 EDI VMI ECR Benefício com o EDI."— Transcrição da apresentação:

1 lavratti.com EDI VMI ECR

2 lavratti.com Slide 2/26 EDI VMI ECR Benefício com o EDI

3 lavratti.com Slide 3/26 EDI VMI ECR Evolução do relacionamento entre fornecedor e varejista IRELAND, Ronald; CRUM, Collen.

4 lavratti.com Slide 4/26 EDI VMI ECR VMI

5 lavratti.com Slide 5/26 EDI VMI ECR VMI VMI – Vendor Managed Inventory (Estoque gerenciado pelo vendedor) É o processo em que o vendedor assume as tarefas de gerar as ordens de compra para repor o estoque do comprador. É usado muitas vezes para descrever alguns tipos de iniciativa na cadeia de suprimentos. As atividades podem variar de acordo com seus propósitos ou aplicações. Em qualquer forma o VMI é responsável por garantir a visibilidade da demanda e do fluxo de produtos na cadeia de suprimentos. Proporciona um processo mais confiável e rápido de reposição de produtos entre o fornecedor e o local de destino dos estoques (cliente, consumidor, distribuidor, centro de distribuição).

6 lavratti.com Slide 6/26 EDI VMI ECR VMI Pode ocorrer em vários pontos da cadeia de suprimentos: a)Produtor – Distribuidor atacadista; b)Produtor – Consumidor final/Produtor de equipamentos originais; c)Distribuidor atacadista – Varejista; d)Distribuidor atacadista – Consumidor final/Produtor de equipamentos originais; e)Produtor – Locais próprios de armazenagem. VMI é uma combinação de comércio eletrônico, software e pessoas. A dimensão de comércio eletrônico é o mecanismo pelo qual as empresas trocam suas informações. Não é necessário o uso de um protocolo específico de comunicação entre as empresas. Geralmente o VMI usa EDI, XML ou FTP para a troca de dados. As principais vantagens do comércio eletrônico são a confiabilidade e a rapidez. Deve haver um equilíbrio na união entre pessoas e software para gerar e executar os processos de VMI, proporcionando benefícios para todos os envolvidos na cadeia de suprimentos.

7 lavratti.com Slide 7/26 EDI VMI ECR VMI Há três principais categorias de VMI que são aplicadas na prática: a)Um planejamento colaborativo é aquele em que os dados são compartilhados para o desenvolvimento de previsões e agendamentos da produção entre parceiros da cadeia de suprimentos. Acontece no nível tático das empresas. O comprador desenvolve com o fornecedor um plano de previsão da demanda, isso contribui para programar todos os negócios dos envolvidos. Geralmente é usado em itens de grande volumes de negócios. Tanto comprador como vendedor devem entrar em acordo e revisar as demandas e os planos de ressuprimento de cada item; b)As transferências autorizadas acontecem quando uma empresa compradora passa a seu fornecedor as responsabilidades e os custos de gerenciar os estoques. Geralmente são formas simples de trabalhar, que demandam um mínimo de integração entre os envolvidos. Podem ser, inclusive, feitas por meio da visita de um vendedor até o depósito ou prateleiras do comprador e fazer a contagem física. Aparentemente há um ganho para o comprador, mas o custo do fornecedor é repassado aos preços. Somente vale a pena e houver redução total de custos na cadeia de suprimentos. Muitas vezes é visto como uma imposição por parte do comprador que não tem condições de utilizar uma solução completa; c)As reposições automáticas aproveitam as atividades dos dois modelos anteriores. Toda a cadeia de suprimentos deve os seus custos reduzidos. A relação começa pela criação de metas e restrições. A redução de custos é alcançada com a observação das metas de giro dos estoques e do nível de serviço. As reposições são feitas com base nas alterações diárias dos estoques.

8 lavratti.com Slide 8/26 EDI VMI ECR Mudanças com o ECR

9 lavratti.com Slide 9/26 EDI VMI ECR Diferenças entre produtos COUGHLAN, Anne T. et al. Canais de marketing e distribuição. Produtos altamente funcionais Produtos altamente inovadores DemandaPrevisívelImprevisível Erro de previsãoBaixoAlto Variedade de produto (variante de modelos básicos) BaixaAlta Margem de contribuiçãoBaixaAlta Rebaixas devido à obsolescênciaNenhuma ou baixaAlta Frequência de falta de estoqueBaixaAlta

10 lavratti.com Slide 10/26 EDI VMI ECR Gerenciamento por categoria

11 lavratti.com Slide 11/26 EDI VMI ECR Códigos de barras EAN/UPC: a)São especificados para Ponto de Venda (PDV) de varejo, pois eles são projetados para ambiente de leitura que requer rapidez e eficiência; b)Quando usados em PDV e em operações logísticas, podem ser impressos em tamanho maior do que o tamanho nominal para ajustar-se ao processo de leitura de ambientes logísticos; c) Limitado em carregar as Chaves GS1 e os identificadores de aplicações.

12 lavratti.com Slide 12/26 EDI VMI ECR Códigos de barras GS1 DataBar (RSS): a)Um conjunto de símbolos, alguns dos quais podem ser lidos por scanner no ponto de venda (PDV) de varejo, e é menor do que EAN/UPC, podendo carregar informações adicionais como números de série e números do lote da data de durabilidade máxima; b)Um subconjunto de códigos de barras do GS1 DataBar (RSS) projetados para uso em PDV está sendo planejado pela GS1 para 2010, pois o GS1 DataBar (RSS) pode carregar todas as Chaves GS1, todos os atributos, etc., em um espaço menor do que o EAN/UPC; c)Os símbolos GS1 DataBar (RSS) já foram aprovados para uso mundial em itens da saúde que não passam pelo PDV.

13 lavratti.com Slide 13/26 EDI VMI ECR Códigos de barras GS1-128: Os códigos de barras GS1-128 (UCC/EAN-128) podem carregar todas as Chaves GS1 e todos os atributos, mas não podem ser usados para identificar itens que passam pelo PDV.

14 lavratti.com Slide 14/26 EDI VMI ECR Códigos de barras ITF-14: Os códigos de barras ITF-14 podem carregar apenas GTINs e podem ser impressos diretamente em papelão ondulado, mas não podem ser usados para identificar itens que passam pelo PDV.

15 lavratti.com Slide 15/26 EDI VMI ECR Códigos de barras GS1 DaraMatrix: a)Os O GS1 DataMatrix é o único símbolo de matrix 2D especificado para uso pela GS1 que está se tornando cada vez mais o símbolo de escolha para muitos na área da saúde; b)Como o GS1 DataMatrix exige scanners baseados em câmera, atualmente ele é especificado para itens da saúde que não passam pelo PDV e pela marcação direta em peças. QR Code

16 lavratti.com Slide 16/26 EDI VMI ECR Códigos de barras bidimensionais PDF-417 MaxiCode UPS Aztec Code

17 lavratti.com Slide 17/26 EDI VMI ECR Identificação por radiofrequência - RFID

18 lavratti.com Slide 18/26 EDI VMI ECR Identificação por radiofrequência - RFID Benefícios da aplicação da tecnologia: Capacidade\TecnologiaCódigo de barras RFIDBenefício com RFID Campo de visãoNecessárioNão necessárioNão precisa orientar o item Número de itens que podem ser lidos UmMúltiplosContagem muito rápida Automação e acuracidade Apontar para o item errado; leitura errada Totalmente automatizado; alta acuracidade Contagem de inventário sem erros IdentificaçãoPor série ou tipoIndividualEncontra um item específico Armazenamento de dados Códigos limitados Muitos kB de dados Dados em tempo real em qualquer local

19 lavratti.com Slide 19/26 EDI VMI ECR Identificação por radiofrequência - RFID

20 lavratti.com Slide 20/26 EDI VMI ECR Identificação por radiofrequência - RFID

21 lavratti.com Slide 21/26 EDI VMI ECR Identificação por radiofrequência - RFID

22 lavratti.com Slide 22/26 EDI VMI ECR Identificação por radiofrequência - RFID

23 lavratti.com Slide 23/26 EDI VMI ECR Identificação por radiofrequência - RFID

24 lavratti.com Slide 24/26 EDI VMI ECR Identificação por radiofrequência - RFID

25 lavratti.com Slide 25/26 EDI VMI ECR Identificação por radiofrequência - RFID

26 lavratti.com Slide 26/26 EDI VMI ECR Identificação por radiofrequência - RFID


Carregar ppt "Lavratti.com EDI VMI ECR. lavratti.com Slide 2/26 EDI VMI ECR Benefício com o EDI."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google