A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PROPOSTA SOCIOEDUDUCATIVA E QUALIDADE DA EDUCAÇÃO Vera Maria Candau 2010.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PROPOSTA SOCIOEDUDUCATIVA E QUALIDADE DA EDUCAÇÃO Vera Maria Candau 2010."— Transcrição da apresentação:

1 PROPOSTA SOCIOEDUDUCATIVA E QUALIDADE DA EDUCAÇÃO Vera Maria Candau 2010

2 1. Contexto latinoamericano  Transformações sociais, políticas e culturais profundas  Afirmação de processos de democratização e de políticas de inclusão social

3  Modernização e inserção nos processos de globalização – reconhecimento de identidades culturais específicas  Insegurança - Esperança 1. Contexto latinoamericano

4 PARADOXO ATUAL:  EDUCAÇÃO COMO EIXO FUNDAMENTAL DO PROCESSO DE INSERÇÃO EM UM MUNDO GLOBALIZADO E NA SOCIEDADE DO CONHECIMENTO EDUCAÇÃO EDUCAÇÃO

5 PARADOXO ATUAL:  QUESTIONAMENTO E MALESTAR CRESCENTES EM RELAÇÃO AOS RESULTADOS DOS SISTEMAS EDUCATIVOS E DAS ESCOLAS EDUCAÇÃO

6 2. QUALIDADE DA EDUCAÇÃO: CONCEPÇÕES ATUAIS

7 2.1 AFIRMAÇÕES PRELIMINARES ■ EXPRESSÃO POLISSÊMICA ■ CONCEITO SOCIALMENTE CONSTRUÍDO ■ POLÊMICO

8 2.1 AFIRMAÇÕES PRELIMINARES ■ EM CONTEXTOS DEMOCRÁTICOS ESTÁ EM PERMANENTE NEGOCIAÇÃO E CONTÍNUAS REVISÕES ■ MULTIDIMENSIONAL

9 2.2 PRINCIPAIS CONCEPÇÕES QUALIDADE DA EDUCAÇÃO = PRODUTO CAPAZ DE RESPONDER ÀS EXIGÊNCIAS DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E DO MERCADO QUALIDADE DA EDUCAÇÃO = PRODUTO CAPAZ DE RESPONDER ÀS EXIGÊNCIAS DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E DO MERCADO ■ FORMAR SUJEITOS EMPREENDEDORES E CONSUMIDORES

10 2.2 PRINCIPAIS CONCEPÇÕES ■ ÉNFASE NO DOMÍNIO DAS TICs ■ IMPORTÂNCIA DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO E DOS SABERES VALORIZADOS PELA SOCIEDADE DOMINANTE ■ IMPORTÂNCIA DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO E DOS SABERES VALORIZADOS PELA SOCIEDADE DOMINANTE

11 QUALIDADE DA EDUCAÇÃO = REVALORIZAÇÃO DE UMA CONCEPÇÃO “CLÁSSICA” DA EDUCAÇÃO QUALIDADE DA EDUCAÇÃO = REVALORIZAÇÃO DE UMA CONCEPÇÃO “CLÁSSICA” DA EDUCAÇÃO ■ IMPORTÂNCIA DA FORMAÇÃO INTELECTUAL E MORAL, DA CULTURA GERAL ■ IMPORTÂNCIA DA FORMAÇÃO INTELECTUAL E MORAL, DA CULTURA GERAL

12 ■ REAFIRMAÇÃO DOS CONTEÚDOS CONSIDERADOS “UNIVERSAIS” ■ REVALORIZAÇÃO DA DISCIPLINA, DA AUTORIDADE DO/A EDUCADOR/A, DO ESFORÇO E DOS PROCEDIMENTOS FORMAIS DA AVALIAÇÃO ■ REVALORIZAÇÃO DA DISCIPLINA, DA AUTORIDADE DO/A EDUCADOR/A, DO ESFORÇO E DOS PROCEDIMENTOS FORMAIS DA AVALIAÇÃO

13 QUALIDADE DA EDUCAÇÃO = PERSPECTIVA TRANSFORMADORA, CRÍTICA E INTERCULTURAL QUALIDADE DA EDUCAÇÃO = PERSPECTIVA TRANSFORMADORA, CRÍTICA E INTERCULTURAL ■ AFIRMA A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO COMO UM DEREITO HUMANO ■ AFIRMA A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO COMO UM DEREITO HUMANO

14 ■ PROMOVE A FORMAÇÃO DE SUJEITOS DE DIREITO: LÚCIDOS, CRÍTICOS E PROPOSITIVOS, INDIVIDUAL E COLETIVAMENTE ■ PROTAGONISMO DOS DIFERENTES ATORES: EDUCADORES/AS, ALUNOS/AS, FAMÍLIAS E COMUNIDADES

15 ■ VISÃO HISTÓRICA DOS CONTEÚDOS ESCOLARES; CURRÍCULO: UNA SELEÇÃO QUE NÃO É NEUTRA ■ VALORIZAÇÃO DA DIVERSIDADE CULTURAL E ÉTNICA PRESENTE NA NOSSA SOCIEDADE E PROMOÇÃO DA INTERCULTURALIDADE

16 ■ PROPÕE: “REINVENTAR” A ESCOLA: SEUS ESPAÇOS, TEMPOS, ORGANIZAÇÃO, CONTEÚDOS, DINÂMICA, ETC ■ PROMOVE UMA FORMAÇÃO PARA UMA CIDADANIA ATIVA E PARTICIPATIVA

17 2.3 ALGUNS EXEMPLOS DE PROPOSTAS

18 1. A vida não é fácil: acostume-se com esta realidade. 2. O mundo não está preocupado com seu destino ou com sua auto-estima. O mundo e os outros esperam que você faça alguma coisa útil por eles antes de você sentir-se legal e bem consigo mesmo (a). 2. O mundo não está preocupado com seu destino ou com sua auto-estima. O mundo e os outros esperam que você faça alguma coisa útil por eles antes de você sentir-se legal e bem consigo mesmo (a) REGRAS - BILL GATES

19 3. Você não ganhará vinte mil reais por mês assim que sair da escola. Você não será vice-presidente de uma empresa, com carro e telefone à disposição, antes que você tenha conseguido comprar seu próprio carro e telefone. 3. Você não ganhará vinte mil reais por mês assim que sair da escola. Você não será vice-presidente de uma empresa, com carro e telefone à disposição, antes que você tenha conseguido comprar seu próprio carro e telefone. 4. Se você acha seu professor rude, espere até ter um diretor ou uma chefia. Chefes não objetivam prepará-lo (a) para a vida. Creia o chefe não terá pena de você. 4. Se você acha seu professor rude, espere até ter um diretor ou uma chefia. Chefes não objetivam prepará-lo (a) para a vida. Creia o chefe não terá pena de você.

20 5. Vender jornal velho ou trabalhar durante as férias não rebaixa sua posição social. Seus avós teriam uma definição diferente para isso: eles chamariam a isso de "criar oportunidades”. 6. Se você fracassar, não é culpa de seus pais. Então não lamente seus erros; aprenda com eles para não repetí-los outras vezes. 5. Vender jornal velho ou trabalhar durante as férias não rebaixa sua posição social. Seus avós teriam uma definição diferente para isso: eles chamariam a isso de "criar oportunidades”. 6. Se você fracassar, não é culpa de seus pais. Então não lamente seus erros; aprenda com eles para não repetí-los outras vezes.

21 7. Antes de você nascer, seus pais não eram tão críticos como agora. Eles só ficaram assim por pagar as suas contas, lavar suas roupas e ouvir você dizer que eles são "ridículos". Então, antes de salvar o planeta para a eternidade querendo consertar os erros da geração dos seus pais, tente levantar mais cedo e limpar seu próprio quarto

22 8. Sua escola pode ter eliminado a distinção entre vencedores e perdedores, mas o mundo fora e a vida, não. Em quase todas as escolas você não repete mais de ano e tem quantas chances precisarem até passar (porque alguém paga por tudo, num banco que você não vê num dia que você talvez nem saiba). Mas... Isto não se parece com absolutamente nada da vida real. Se pisar na bola, está despedido, RUA!!! Tente fazer certo (e rápido!) da primeira vez. 8. Sua escola pode ter eliminado a distinção entre vencedores e perdedores, mas o mundo fora e a vida, não. Em quase todas as escolas você não repete mais de ano e tem quantas chances precisarem até passar (porque alguém paga por tudo, num banco que você não vê num dia que você talvez nem saiba). Mas... Isto não se parece com absolutamente nada da vida real. Se pisar na bola, está despedido, RUA!!! Tente fazer certo (e rápido!) da primeira vez.

23 9. A vida não é dividida em semestres. Você não terá sempre os verões livres. E é muito pouco provável que outras pessoas ajudem você, costumeiramente, a cumprir tarefas que você não gosta ou não quer ou não dá conta de fazer. 9. A vida não é dividida em semestres. Você não terá sempre os verões livres. E é muito pouco provável que outras pessoas ajudem você, costumeiramente, a cumprir tarefas que você não gosta ou não quer ou não dá conta de fazer. 9. A vida não é dividida em semestres. Você não terá sempre os verões livres. E é muito pouco provável que outras pessoas ajudem você, costumeiramente, a cumprir tarefas que você não gosta ou não quer ou não dá conta de fazer. 9. A vida não é dividida em semestres. Você não terá sempre os verões livres. E é muito pouco provável que outras pessoas ajudem você, costumeiramente, a cumprir tarefas que você não gosta ou não quer ou não dá conta de fazer.

24 10. Televisão, revistinhas, fofocas e o circo de vaidades das colunas sociais dos jornais... Isso não é vida real! E também NÃO é mais um idiotizante "reality show" de TV. Aliás, não é show nem venda de nada. É aeróbica e anaeróbica para sobreviver! Na vida real, as pessoas têm contas a pagar e receber e precisam deixar a festinha, o barzinho, à boate, a academiazinha de ginástica e... Ir trabalhar.

25 11. Seja legal com os cdfs (aqueles estudantes que os demais julgam que são uns babacas). Existe uma grande probabilidade de você vir a trabalhar para um deles.

26 2.3.2 DEZ FATORES PARA UMA EDUCAÇÃO DE QUALIDADE PARA TODOS NO SÉCULO DEZ FATORES PARA UMA EDUCAÇÃO DE QUALIDADE PARA TODOS NO SÉCULO XXI

27 1. Foco: pertinência social e pessonal 2. A convicção, a estima e a autoestima dos participantes. 3. A fortaleza ética e professional dos educadores. 4. A capacidade de orientação dos dirigentes e inspetores. dos dirigentes e inspetores.

28 5. O trabalho em equipe dentro da escola e dos sistemas educativos. 6. As alianças entre as escolas e os outros agentes educativos. 7. O currículo em todos seus níveis.

29 8. A quantidadw, qualidade e disponibilidade dos materiais educativos. 9. A pluralidade e qualidade das didáticas. 10. Os mínimos materiais e os incentivos socioeconômicos e culturais.

30 “ O processo de construção de uma educaçào de qualidade não termina nunca. Quando se avança uns passos, o objetivo fica mais longe porque o mundo muda, porque as demandas aumentam”. (p.97)

31 3. PSE E QUALIDADE DA EDUCAÇÃO: ALGUNS DESAFIOS ATUAIS

32 3.1 Um eixo central: projeto educativo - compromisso social - evangelização  compromisso explícito presente no projeto pedagógico do centro  ponto de referência para a construção de uma escola em pastoral

33  presente nas atividades de formação permanente dos/as educadores/as 

34 3.2 Educação escolar: espaços/tempos privilegiados de construção de sujeitos  reconhecimento e valorização das novas subjetividades  criação de espaços de protagonismo infantil e juvenil  trabalho conjunto com as famílias

35  promoção do auto-conhecimento, da autoestima, da capacidade reflexiva, crítica; cidadãos ativos; abertura à transcendência 

36 3.3 Contextualização/leitura permanente da realidade  dimensão presente nos distintos espaços de formação permanente de educadores  articulação com as diversas áreas curriculares  Realização de palestras, seminários, semanas culturais, etc 

37 3.4 Currículo: diálogo entre conhecimentos e saberes  concepção histórica e dinámica da construção dos conteúdos curriculares  promoção de espaços/projetos de integração curricular  diálogo entre distintos saberes e conhecimentos: científico, curricular, social, etc 

38 3.5 Processos de aprendizagem ativos, criativos e críticos  elaboração/reelaboração de significados  ponto de partida: questões, problemas e/ou experiências  Espaços individuais e grupais de construção  Sínteses integradoras ......

39 3.6 Estilos de ensino/ diferentes linguagens  desperta desejos e buscas relacionados ao conhecimento  utilização de estratégias didáticas diferenciadas  emprego de distintas linguagens  integração das TICs nas distintas áreas curriculares

40  articulação entre os aspectos cognitivos, afetivos e sócio-culturais  Trabalho em equipo 

41 3.7 Diferenças/ reconhecimento e solidaridade  valorização positiva das diferenças (sensório-motoras, psicológicas, sociais, culturais, etc)  promoção de processos de inclusão

42  reconhecimento da realidade multicultural dos respectivos países de América e do mundo  promoção de diálogos interculturais 

43 3.8 Estilo de liderança/supervisão  Direção clara, participativa e aberta ao contexto  Instâncias definidas para a tomada de decisões  processo de supervisão orientado ao aperfeiçoamento contínuo do processo educativo .....

44 3.9 Gestão pedagógica/gestão económica  análise permanente do contexto e suas implicações para a sustentabilidade económica do centro  definição de órgãos/espaços de articulação entre a gestão pedagógica e administrativa, orientados para a tomada conjunta de decisões

45  pessonal especializado e assessorias  definição da participação das famílias 

46 3.10 “Humanismo verdade”  permanente atenção às diferentes dimensões da formação dos/as alunos/as, educadores/as e funcionários  promoção da dimensão de transcedência, articulação fé- culturas-justicia e diálogo interreligioso

47  espaços de aprofundamento no carisma da IT, na espiritualidade de encarnación que a configura e na sua realidade hoje no mundo 

48 CONSIDERAÇÕES FINAIS  ter presente a complexidade da problemática da qualidade da educação e as diferentes concepções que podem configurá-la  dialogar com responsabilidade e perspectiva crítica com as políticas públicas

49  manter a coerência com a PSE e favorecer o diálogo e a ampliação da discussão sobre o tema.

50 “ Construir em tempos difíceis é uma arte que se conjuga com vários verbos… Esses verbos nos impulsionam, nos questionam: transformar, pensar, reflexionar, estudar, recrear, dialogar, negociar, discernir, projetar, atuar proativamente…, articular- nos com outros e outras criando redes, pontes para fazer possível o sonho compartilhado de Poveda numa luta sem descanso para que a justiça e a paz se beijem…” (PSE) “ Construir em tempos difíceis é uma arte que se conjuga com vários verbos… Esses verbos nos impulsionam, nos questionam: transformar, pensar, reflexionar, estudar, recrear, dialogar, negociar, discernir, projetar, atuar proativamente…, articular- nos com outros e outras criando redes, pontes para fazer possível o sonho compartilhado de Poveda numa luta sem descanso para que a justiça e a paz se beijem…” (PSE)


Carregar ppt "PROPOSTA SOCIOEDUDUCATIVA E QUALIDADE DA EDUCAÇÃO Vera Maria Candau 2010."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google