A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Política Nacional de Humanização Bom dia, é da recepção? Bom dia, é da recepção? Eu gostaria de falar com alguém que me desse informações sobre um paciente.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Política Nacional de Humanização Bom dia, é da recepção? Bom dia, é da recepção? Eu gostaria de falar com alguém que me desse informações sobre um paciente."— Transcrição da apresentação:

1

2 Política Nacional de Humanização

3 Bom dia, é da recepção? Bom dia, é da recepção? Eu gostaria de falar com alguém que me desse informações sobre um paciente. Queria saber se certa pessoa está melhor ou piorou.. Eu gostaria de falar com alguém que me desse informações sobre um paciente. Queria saber se certa pessoa está melhor ou piorou.. Qual é o nome do paciente? Qual é o nome do paciente? Chama-se Celso e está no quarto 302. Chama-se Celso e está no quarto 302. Um momento, vou transferir a ligação para setor de enfermagem... Um momento, vou transferir a ligação para setor de enfermagem... ENQUANTO ISSO, NO HOSPITAL...

4 Bom dia, sou a enfermeira Lourdes. O quê deseja? Bom dia, sou a enfermeira Lourdes. O quê deseja? Gostaria de saber as condições clínicas do paciente Celso do quarto 302, por favor! Gostaria de saber as condições clínicas do paciente Celso do quarto 302, por favor! Um minuto, vou localizar o médico de plantão? Um minuto, vou localizar o médico de plantão? Aqui é o Dr. Carlos plantonista. Em que posso ajudar? Aqui é o Dr. Carlos plantonista. Em que posso ajudar? Olá doutor. Precisaria que alguém me informasse sobre a saúde do Celso que está internado há três semanas no quarto 302. Olá doutor. Precisaria que alguém me informasse sobre a saúde do Celso que está internado há três semanas no quarto 302. ENQUANTO ISSO, NO HOSPITAL...

5 Olá! doutor. Precisaria que alguém me informasse sobre a saúde do Celso que está internado há três semanas no quarto 302. Olá! doutor. Precisaria que alguém me informasse sobre a saúde do Celso que está internado há três semanas no quarto 302. Ok, meu senhor, vou consultar o prontuário do paciente... Um instante só! Ok, meu senhor, vou consultar o prontuário do paciente... Um instante só! Hummm, aqui está: ele se alimentou bem hoje, a pressão arterial e pulso estão estáveis, responde bem à medicação prescrita e vai ser retirado do monitor cardíaco até amanhã. Continuando bem, o médico responsável assinará alta em três dias. Hummm, aqui está: ele se alimentou bem hoje, a pressão arterial e pulso estão estáveis, responde bem à medicação prescrita e vai ser retirado do monitor cardíaco até amanhã. Continuando bem, o médico responsável assinará alta em três dias. ENQUANTO ISSO, NO HOSPITAL...

6 Ahhh, Graças a Deus! São notícias maravilhosas! Que alegria! Ahhh, Graças a Deus! São notícias maravilhosas! Que alegria! Pelo seu entusiasmo, deve ser alguém muito próximo, certamente da família? Pelo seu entusiasmo, deve ser alguém muito próximo, certamente da família? Não, sou o próprio Celso telefonando aqui do 302! É que todo mundo entra e sai aqui do quarto e ninguém me diz coisa nenhuma... Só queria saber... Não, sou o próprio Celso telefonando aqui do 302! É que todo mundo entra e sai aqui do quarto e ninguém me diz coisa nenhuma... Só queria saber...

7 Quem são os envolvidos no processo de humanização : Quem são os envolvidos no processo de humanização : –Pacientes –Admistradores –Médicos –Enfermeiros –Família do paciente e seus amigos –Comunidade –Outros profissionais do serviço de saúde –Guarda –Zeladoras HUMANIZAÇÃO

8 Mudança na cultura da organização Mudança na cultura da organização –Esta ação significa quebrar paradigmas implantados há séculos de uma medicina somente curativa e não preventiva, em face de uma medicina voltada para os valores sociais e culturais que envolvam não só a equipe médica, mas toda a instituição. HUMANIZAÇÃO

9 O que desumaniza? Por que humanizar a saúde? Humanização Alguns antecedentes na saúde MS (Portarias) Programa de Humanização no pré-natal e nascimento, no âmbito do SUS Programa Nacional de Humanização da Assistência Hospitalar (PNHAH) ª e 12ª Conferências Nacionais de Saúde

10 Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão do SUS Histórico-Humanização Devido ao número significativo de queixas dos usuários do SUS referentes aos maus tratos nos hospitais MS(2000) - Criação de um Comitê Técnico para elaborar o Programa Nacional de Humanização da Assistência Hospitalar, Objetivo: promover uma mudança de cultura no atendimento de saúde no Brasil. *antigo PNHAH*

11 Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão do SUS O Programa de Humanização se transforma na: Política Nacional de Humanização – PNH Devido a necessidade de: Sair da lógica da humanização a nível hospitalar com ampliação para toda a rede Ampliar a discussão da saúde pública com servidores e usuários em busca de propostas para melhorar o sistema Trazer a gestão para perto das pessoas Melhorar os processos de trabalho Aumentar a resolutividade

12 Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão do SUS A que nos convoca a PNH Produzir mudanças nos modos de cuidar e gerir a saúde tomando como base os príncípios dos SUS Como? A partir de experiências que deram certo. Dispositivos.

13 Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão do SUS Dispositivos para Implementação da PNH Comitês de Humanização / Grupos de Trabalho de Humanização Espaço coletivo organizado, participativo e democrático catalizador e disparador da PNH que funciona à maneira de um órgão colegiado. É constituído por lideranças representativas do coletivo de profissionais em cada equipamento de saúde.

14 Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão do SUS Colegiados gestores/Gestão Participativa Modelo de gestão participativa centrado em trabalho em equipe (planeja quem executa). Modelo Gestão.i doc.doc Contratos de gestão Negociações a serem realizadas com o gestor externo e interno com ajuste de metas, indicadores visando processo e organização do trabalho

15 Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão do SUS Ambiência: Refere-se ao tratamento dado ao espaço físico entendido como espaço social, profissional e de relações interpessoais que deve proporcionar atenção acolhedora, resolutiva e humana. Clínica Ampliada: Trabalho clínico que visa o sujeito e a doença, a família e o contexto tendo como objetivo produzir a saúde e aumentar a autonomia do sujeito, família e da comunidade. Ferramentas: trabalho em equipe, criação de vínculos, projetos terapêuticos,....

16 Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão do SUS Equipes de Referência Equipes multiprofissionais com responsabilidades por leitos / usuários adscritos que incorporam mecanismos sistemáticos de atendimento à família e rede social, destinando espaço e tempo para interagir com essa rede; Apoio Matricial Determinado profissional oferece apoio em sua especialidade para outros profissionais, equipes ou setores.

17 Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão do SUS Visita Aberta: É o dispositivo que amplia as possibilidades de acesso para os visitantes de forma a garantir o ele entre o paciente, sua rede social e os demais serviços da rede de saúde, mantendo latente o projeto de vida do paciente. Família Participante: Representante da rede social do usuário que garante a integração da rede social/familiar e equipe profissional dos serviços de saúde.

18 Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão do SUS Programa de Formação em Saúde do Trabalhador ((PSFT) Engloba todas as dimensões de inserção e participação efetiva dos trabalhadores em seu processo e local de trabalho. (conhecimento, análise e intervenções) Ouvidoria Serviço representativo de demandas do usuário e/ou trabalhador de saúde e instrumento gerencial na medida em que mapeia problemas, aponta áreas críticas e estabelece a intermediação das relações, promovendo a aproximação das instâncias gerenciais.

19 Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão do SUS Acolhimento com Classificação de Risco SUS – Constituição 1988 Alterar a situação de desigualdade na assistência à Saúde tornando a saúde um direito e dever do estado Princípios: Universalidade acesso Acolhimento Equidade Classificação de Risco Integralidade sujeito e não a doença multidisciplinariedade rede

20 Diretrizes (orientações gerais de uma política) Na PNH expressam o método da inclusão no sentido da: Acolhimento; Clínica Ampliada; Valorização do trabalho e do trabalhador; Defesa dos direitos dos usuários na saúde; Co-gestão; Fomento das grupalidades, coletivos e redes; Memória do SUS que dá certo

21 Dispositivos (tecnologias/modos de fazer) Acolhimento com classificação de riscos; Equipe de Referência, Apoio Matricial; Sistemas de escuta qualificada para usuários e trabalhadores da saúde: gerência de porta aberta, ouvidoria; Visita Aberta e Direito a Acompanhante;

22 Dispositivos Projeto Terapêutico Singular e Projeto de Saúde Coletiva; Grupo de Trabalho de Humanização e Câmara Técnica de Humanização; Projeto co-gerido de Ambiência; Colegiado Gestor; Contratos de gestão.

23 POR QUE É TÃO DIFÍCIL INOVAR NO SETOR SAÚDE ? Setor de Saúde


Carregar ppt "Política Nacional de Humanização Bom dia, é da recepção? Bom dia, é da recepção? Eu gostaria de falar com alguém que me desse informações sobre um paciente."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google