A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Elementos técnicos fundamentais: O Badminton na Escola  Posição fundamental  Trajectória do volante  Tipos de batimentos  Deslocamentos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Elementos técnicos fundamentais: O Badminton na Escola  Posição fundamental  Trajectória do volante  Tipos de batimentos  Deslocamentos."— Transcrição da apresentação:

1 Elementos técnicos fundamentais: O Badminton na Escola  Posição fundamental  Trajectória do volante  Tipos de batimentos  Deslocamentos

2 Posição fundamental O Badminton na Escola Esta posição, também denominada de posição básica, coloca o jogador numa posição de espera dinâmica que lhe permite entrar em acção em qualquer instante e deslocar- se para qualquer posição do campo Determinantes técnicas: Tronco ligeiramente inclinado à frente. Braços semi-flectidos com a raquete à altura da cabeça. Pernas semi-flectidas. Peso do corpo distribuído sobre os dois apoios

3 Trajectória do volante nos diferentes batimentos O Badminton na Escola

4 Tipos de batimentos O Badminton na Escola

5 Tipos de batimentos O Badminton na Escola BatimentosTécnicaObjectivos Altos, acima da cabeça Clear  Para colocar o volante no fundo do campo  Para recuperar a posição de equilíbrio – Clear defensivo  Para desequilibrar o adversário – Clear ofensivo Smash  Para finalizar a jogada, colocando o volante no solo ou obrigar a uma devolução deficiente. Amorti alto  Para colocar o volante numa zona imediatamente a seguir à rede, fora do alcance do adversário.

6 Tipos de batimentos (cont.) O Badminton na Escola BatimentosTécnicaObjectivos Ao lado Do corpo Drive  Para obrigar o adversário a ter menos tempo para responder e levá-lo a executar um batimento precipitado.  É um gesto técnico muito utilizado no jogo de pares.

7 Tipos de batimentos (cont.) O Badminton na Escola BatimentosTécnicaObjectivos Abaixo Da cintura Serviço  Batimento curto ou comprido, devendo neste último caso ser colocado bem alto e no fundo da zona de serviço. Lob  Batimento destinado a colocar o volante alto e no fundo do campo. Amorti baixo  Para colocar o volante, através de um movimento suave, numa zona imediatamente a seguir à rede, fora do alcance do adversário.

8 Características gerais dos batimentos: O Badminton na Escola Para realizar correctamente cada batimento, é necessário ter em conta 3 pontos essenciais que são geralmente iguais para todos: Desde a posição base, é necessário retroceder ou adiantar o suficiente para estar bem atrás da trajectória do volante. Todos os batimentos que se realizam acima da cabeça são idênticos na sua preparação. A única diferença está no momento do impacto. Em todos os batimentos, o peso do corpo passa da perna esquerda para a perna direita.

9 Serviço curto O Badminton na Escola Componentes críticas:  Coloca-se de lado e voltado diagonalmente para o adversário.  Colocar o pé esquerdo à frente (jogadores destros).  Apoiar ligeiramente o peso do corpo sobre o pé da retaguarda.  Segurar o volante entre o polegar e o indicador, com o braço flectido.  Bater o volante com um movimento contínuo da raquete.  Bloquear o pulso no final do batimento.  Imprimir ao volante uma trajectória baixa e tensa de forma a passar junto à rede e a cair perto desta no campo do adversário.

10 Serviço curto (cont.) O Badminton na Escola Erros mais comuns:  Batimento com a raquete acima da cintura.  Membro superior em flexão.  Trajectória alta.  Colocação incorrecta dos pés.

11 Serviço longo O Badminton na Escola Componentes críticas:  Coloca-se de lado, com o ombro e pé esquerdo voltados diagonalmente para o adversário.  Colocar o pé esquerdo à frente, com o peso do corpo sobre a perna da retaguarda (jogadores destros).  Segurar o volante entre o polegar e o indicador, com o braço estendido à altura do ombro.  Acelerar o movimento de trás para a frente e debaixo para cima, batendo o volante com um movimento de chicotada.  Imprimir ao volante uma trajectória alta e profunda de modo que este caia perto da linha final do campo do adversário.

12 Serviço longo (cont.) O Badminton na Escola Erros mais comuns:  Batimento com a raquete acima da cintura.  Membro superior em flexão.  Paragem do braço batedor após o batimento.  Colocação incorrecta dos pés.

13 Clear O Badminton na Escola Componentes críticas:  Rodar os ombros e as pernas.  Flectir o braço que tem a raquete com a mão ao nível da nuca.  Bater de modo explosivo, por cima e à frente da cabeça, com extensão final do braço.  Bloquear o pulso e a rotação do tronco no momento final do batimento.  Imprimir ao volante uma trajectória alta e longa de modo que caia perto da linha final do campo adversário.

14 Clear (cont.) O Badminton na Escola Erros mais comuns:  Não existir rotação dos ombros e pernas.  Inexistência do armar o braço batedor.  Batimento atrás da cabeça.  Braço batedor flexionado.

15 Lob O Badminton na Escola Componentes críticas:  Colocar o pé direito à frente (jogador destro)  Bater de modo explosivo, à frente do corpo e abaixo da cintura.  Movimento de chicotada ao nível do pulso.  Imprimir ao volante uma trajectória ascendente, alta e profunda, de modo que caia perto da linha final do campo adversário.

16 Lob (cont.) O Badminton na Escola Erros mais comuns:  Colocação do pé da mão livre à frente.  Batimento acima da cintura.  Braço batedor flectido.

17 Drive O Badminton na Escola Componentes críticas:  Colocar o pé direito à frente (jogador destro)  Bater ao lado do corpo, plano e rápido.  Colocar a cabeça da raquete paralela à rede e no momento do batimento efectuar um movimento explosivo.  Imprimir ao volante uma trajectória tensa e rápida, dirigindo-o para o corpo do adversário ou para um espaço momentaneamente desprotegido.

18 Drive (cont.) O Badminton na Escola Erros mais comuns:  Colocação do pé da mão livre à frente.  movimento pouco rápido com trajectória do volante pouco tensa.

19 Amortie O Badminton na Escola Componentes críticas:  Rodar os ombros e a cintura.  Bater por cima e à frente da cabeça.  Estender o braço acompanhado de uma desaceleração no final do movimento.  Imprimir ao volante uma trajectória descendente e lenta, de modo que o volante caia próximo da rede do campo adversário.

20 Amortie (cont.) O Badminton na Escola Erros mais comuns:  Braço batedor flectido.  Não armar o braço.  Bater ao lado do corpo.  Trajectória alta e queda do volante longe da rede.

21 Remate (Smash) O Badminton na Escola Componentes críticas:  Rodar os ombros e a cintura.  Flectir o braço da raquete, cotovelo voltado para cima e para afrente, mão ao nível da cabeça.  Bater o volante de forma explosiva, por cima e à frente da cabeça, com extensão final do braço e acentuada flexão do pulso  Imprimir ao volante uma trajectória descendente e rápida, de modo que este caia no campo adversário com o máximo de velocidade possível.

22 Remate (Smash) cont. O Badminton na Escola Erros mais comuns:  Inexistência da rotação dos ombros e cintura.  Não armar o braço batedor.  Batimento atrás da cabeça.  Flexão do pulso pouco acentuada.

23 Deslocamentos - Frente O Badminton na Escola DireitaEsquerda

24 Deslocamentos - Retaguarda O Badminton na Escola DireitaEsquerda

25 Deslocamentos - Laterais O Badminton na Escola Direita / Esquerda


Carregar ppt "Elementos técnicos fundamentais: O Badminton na Escola  Posição fundamental  Trajectória do volante  Tipos de batimentos  Deslocamentos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google