A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

BETANIA JACOB STANGE LOPES - 2011 COMO ELABORAR RESUMOS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "BETANIA JACOB STANGE LOPES - 2011 COMO ELABORAR RESUMOS."— Transcrição da apresentação:

1 BETANIA JACOB STANGE LOPES COMO ELABORAR RESUMOS

2 O resumo tem por objetivo apresentar com fidelidade ideias ou fatos essenciais contidos num texto.

3 COMO ELABORAR RESUMOS Sua elaboração envolve habilidades como: leitura competente; análise detalhada das ideias do autor; discriminação e hierarquização dessas ideias; redação clara e objetiva do texto final.

4 COMO ELABORAR RESUMOS O resumo, portanto, trata de reduzir o texto a uma fração da extensão original, mantendo: sua estrutura seus pontos essenciais.

5 COMO ELABORAR RESUMOS Não é permitido: Copiar partes do texto e fazer uma colagem, sob a alegação de buscar fidelidade às ideias do autor.

6 COMO ELABORAR RESUMOS O resumo deve ser o resultado de um processo de filtragem, uma (re)elaboração de quem resume. Se for conveniente utilizar excertos do original (para reforçar algum ponto de vista, por exemplo), esses devem ser breves e estar identificados (autor e página).

7 COMO ELABORAR RESUMOS Uma sequência de passos eficiente para fazer um bom resumo: ler atentamente o texto a ser resumido, assinalando nele as ideias que forem parecendo significativas à primeira leitura; identificar o gênero a que pertence o texto (uma narrativa, um texto opinativo, uma receita, um discurso político, um relato cômico, um diálogo, etc.).

8 COMO ELABORAR RESUMOS Identificar a ideia principal (às vezes, essa identificação demanda seleções sucessivas); Identificar a organização (o modo como as ideias secundárias se ligam logicamente à principal); Identificar as ideias secundárias e agrupá-las em subconjuntos;

9 COMO ELABORAR RESUMOS esquematizar o resultado desse processamento; redigir o texto.

10 COMO ELABORAR RESUMOS Existem, basicamente três técnicas que podem ser úteis ao escrevermos uma síntese. São elas: o apagamento; a generalização; e a construção. (Dijk & Kintsch, apud FONTANA, p. 89)

11 Apagamento Consiste em apagar, em cortar as partes que são desnecessárias. Geralmente essas partes são os adjetivos e os advérbios, ou frases equivalentes a eles. Exemplo: O velho jardineiro trabalhava muito bem. Ele arrumava muitos jardins diariamente. Sendo essa a frase a ser resumida por meio do apagamento, poderia ficar assim: O jardineiro trabalhava bem.

12 Generalização Consiste em reduzir os elementos da frase por meio do critério semântico, ou seja, do significado. Exemplo: Pedro comeu picanha, costela, alcatra e coração no almoço. As palavras em destaque são carnes. Então, o resumo da frase fica: Pedro comeu carne no almoço.

13 Construção Consiste em substituir uma sequência de fatos ou proposições por uma única que possa ser presumida a partir delas, também baseando-se no significado. Exemplo: Maria comprou farinha, ovos e leite. Foi para casa, ligou a batedeira, misturou os ingredientes e colocou-os no forno. Todas essas ações praticadas por Maria nos remetem a uma síntese: Maria fez um bolo.


Carregar ppt "BETANIA JACOB STANGE LOPES - 2011 COMO ELABORAR RESUMOS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google