A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Transações entre Grupos de Mercados Dr. Dale S. Rogers National Paper Trade Association Visiting Eminent Scholar University of North Florida 25 April.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Transações entre Grupos de Mercados Dr. Dale S. Rogers National Paper Trade Association Visiting Eminent Scholar University of North Florida 25 April."— Transcrição da apresentação:

1

2 Transações entre Grupos de Mercados Dr. Dale S. Rogers National Paper Trade Association Visiting Eminent Scholar University of North Florida 25 April 2001 Dr. Dale S. Rogers National Paper Trade Association Visiting Eminent Scholar University of North Florida 25 April 2001

3 2 Transações entre Grupos de Mercados n Ambiente atual de Transações entre Grupos de Mercado n Objetivos e Tipos de Transações n Impactos das Transações na Empresa n Software e Databases que Otimizam as Transações n Evolução dos Grupos de Mercado Virtuais

4 3 O Mito da Desintemediação n Poucos clientes irão evitar os intermediários e ir direto à fonte.. n Oportunidades para terceirização n Gerenciamento e posicionamento de inventário n Os intermediários organizam o desorganizado

5 4 A complexidade do Supply Chain n À medida que amadurece, o Supply Chain torna-se sempre mais complexo n Aumenta o número de intermediários. n No longo prazo, os intermediários podem tornar-se a parte mais poderosa da cadeia.

6 5 Intermediaries Vortais (Portais Verticais) Micro-Mercados E-Mercados Vórtexes Bufferfly Markets Mercados Net Portais B2B EC

7 6 1 ex·change n Pronúncia: iks-'chAnj, 'eks-" Função: substantivo Uso: Frequentemente atributo Etimologia: Do Inglês exchaunge, do francês eschange, de eschangier para exchange, de (suposto) Latin Vulgar excambiare, do Latin ex- + cambiare para exchange -- mais em CHANGE Data: Século XIVCHANGE n 5 : um local em que produtos ou serviços são intercambiados: como a: um mercado organizado ou centro de comércio em securities ou commodities b : uma loja especializada em mercadorias geralmente de um tipo em particular c : uma loja ou sociedade cooperativa d: um escritório central em que linhas telefônicas são conectadas para permitir a comunicação Source:Merriam-Webster Collegiate Dictionary

8 7 História n Fórum Romano – fora vendalia(19 mercados) n Ágora - praça pública na antiga Grécia Source:

9 8 Idade Negra n Após a queda do Império Romano, os intercâmbios desapareceram por algum tempo. n Feiras Medievais.

10 9 As ramificações de uma transação no varejo

11 10

12 11 Transações Comerciais Transações Independentes Redes de Supply Chain na Internet Portal/ Comunidades Mercados de Fluxo de Trabalho Leilões

13 12 Transações Comerciais n Estima-se que atualmente haja mais de 600 transações comerciais operando pela World Wide Web. n Consolidação n Modelos de negócios não padronizados n As transações logísticas estarão ligadas a outra transação.

14 13 Quando isso acontecerá? n O alvo operacional para muitos é o início de 2001 n Modelos de negócios evoluem rapidamente demais para a sistemização.

15 14 Covisint

16 15 Arquitetura do Covisint

17 16 Confusão n As transações não são idênticas n Diferentes empresas podem usar a mesma transação de formas completamente diferentes n Preço versus serviços

18 17 Onde está o Sol? Transação Multi-Industrial (logística) Transação no Varejo Transação do Fabricante Fornecedores de Serviços Varejistas Transportadores Fornecedores de Interface 2

19 18 Magnitude dos Grupos de Mercado n Estima-se que atualmente há mais de 600 transações comerciais operando pela World Wide Web. n Impacto substancial sobre a estrutura e os relacionamentos de Supply Chain. n Pesquisa da AMR estima que US$500 bilhões em compras domésticas de empresas serão movimentadas através desses grupos de mercados até 2003.

20 19 As ramificações de uma transação no varejo

21 20 Transações Anunciadas para Varejo n GlobalNetXchange: –Carrefour (Francês) Hipermercado US$52,312,000 –Metro AG (Alemanha) Diversos US$52,131,000 –Sears, Roebuck (U.S.) loja de departamento/mercadorias em geral US$36,704,000 –Kroger (U.S.) Supermercado US$27,426,000 –Sainsbury (U.K.) Supermercado/Hipermercado/DIY US$26,923,000

22 21 Transações Anunciadas para Varejo n WorldwideRetailXchange: –Kmart (U.S.) Lojas de desconto US$33,674,000 –Dayton Hudson (U.S.) Loja de descontos/departamentos US$30,951,000 –Ahold (the Netherlands) Supermercado/Hipermercado US$29,436,000 –Tesco (U.K.) Supermercado/Hipermercado US$28,570,000 –Safeway (U.S.) Supermercado US$24,484,000 –Auchan (França) Hipermercados/diversificados US$23,539,000 –Albertson's (U.S.) Supermercado US$16,005,000 –Casino Guichard (França) Supermercado/Hipermercado US$15,746,000 –Walgreen (U.S.) Drogaria US$15,307,000 –CVS (U.S.) Drogaria US$15,274,000 –Marks & Spencer (U.K.) Loja de Departamento / Mercadorias em Geral US$13,053,000 –Kingfisher (U.K.) Diversificado US$12,190,000

23 22 Transações Anunciadas para Varejo n RetailersMarketXchange: –Chevron Corporation –McLane Company, uma subsidiária do Wal-Mart

24 23 Fabricantes de Secos e Molhados da America Exchange (Transora.com) n Agrilink Foods; B&G Foods; Bestfoods; The Borden Family of Companies; Bush Brothers & Company; Campbell Soup Company; Chicken of the Sea International; The Clorox Company; The Coca Cola Company; Colgate-Palmolive Company; ConAgra, Inc.; Dean Foods Company; Del Monte Foods; The Dial Corporation; Dole Food Company, Inc.; The Earthgrains Company; Energizer; Flowers Industries, Inc.; General Mills, Inc.; The Gillette Company; H.J. Heinz Company; Hershey Foods Corporation; Hormel Foods Corporation; Johnson & Johnson; Kellogg Company; n Kraft Foods, Inc.; Lance, Inc.; McCormick & Company, Inc.; Morton Salt, a Rohm and Haas Company; Nabisco, Inc.; Nestlé USA, Inc.; Novartis; PepsiCo, Inc.; The Pepsi Bottling Group, Inc.; The Pillsbury Company; Playtex Products, Inc.; PowerBar, Inc.; The Procter & Gamble Company; Ralston Purina Company; Reckitt Benckiser, Inc.; Rich Products Corporation; Sara Lee Corporation; S.C. Johnson & Son, Inc.; SMS Brands, LLC; Signature Brands LLC; The J.M. Smucker Company; Tone Brothers, Inc.; Tony's Pizza Service; Unilever North America; Wm. Wrigley, Jr. Company; Kellogg's

25 24 Source: Chuck Beck, Colgate-Palmolive

26 25 Serviços de Compras n Processamento de transações mais rápido e mais preciso n Maior visibilidade para compradores e vendedores em potencial n Relato e monitoramento melhorados de funcionalidades n Custos reduzidos de aquisição de clientes n Maior capacidade para impor e monitorar obediência aos contratos de fornecedor n Ferramentas e serviços de negociação (incluindo leilões) n Plataformas de eProcurement n Alocação colaborativa de recursos n Gerenciamento de catálogos n Compra esporádica

27 26 Serviços de Supply Chain n Maior visibilidade de Supply Chain n Resposta rápida a flutuações de demanda n Maior exatidão em previsão de vendas n Redução em falta de estoque n Custos reduzidos de expedição n Melhor utilização de ativos n Melhor gerenciamento de inventário n Planejamento, Previsão e Ressuprimento Colaborativo (CPFR)® Transportes e Logística n Gerenciamento de inventário

28 27 Serviços de Conteúdo e Comunidade n Fácil acesso a conteúdo relevante e personalizado n Maior conhecimento e habilidade na indústria n Maior e mais eficiente conectividade aos membros da comunidade n Quadros de Mensagens n Rápidas votações n Treinamento, seminários e transmissão de programas pela Web

29 28 Transação Logística n As transações logísticas preenchem a brecha entre o sistema corporativo e o TMS ERP Carrier TMS (Transportation Management System ) Brecha

30 29 Mistura

31 30 EDI vs Transações Um Muitos

32 31 Vantagens de Transações On-Line n Redução de custos de compras –EDI online custa até US$100-US$150/hora –A Internet custa de US$10-US$15/hora –Custo de pedidos de compras deve ser reduzido n Maior transparência no Supply Chain n Participantes não são limitados por restrições de software n Mais fácil de comparar fornecedores Source: Ellis Booker, Internetweek, 6Mar2000

33 32 Leilões reversos n Pneus para Ford de US$ 90 milhões para US$ 60 milhões n Pode ser oportunidade para opções

34 33 Ford-GM-DaimlerChrysler From: J Nasser Sent: Friday, February 25, :18 AM To: Funcionários Ford e outros Subject: (I) Ford, GM e DaimlerChrysler fazem anúncio conjunto Hoje, a Ford Motor Company, a General Motors e a DaimlerChrysler farão um anúncio muito importante, que irá acelerar a transformação do e- commerce em todo o nosso setor. Quero compartilhar esta notícia com vocês, antes que seja divulgada à mídia e ao público A Ford foi a pioneira em transações business to business com seus fornecedores pela internet. Em novembro, anunciamos nossa parceria com a Oracle para formar a auto-xchange, uma rede global on-line, aberta a toda indústria automobilística. A GM possui uma rede similar, a TradeXchange. A Ford e GM planejam unir essas transações para criar um único portal global, ao qual a DaimlerChrysler se juntará. Este empreendimento também oferece a livre participação de todas as montadoras de veículos, seus fornecedores e revendedores. O novo portal irá operar como um negócio separado, independente. Jac

35 34 FORD, GENERAL MOTORS E DAIMLERCHRYSLER CRIAM O MAIOR MERCADO VIRTUAL NA INTERNET DETROIT, February 25, GM, Ford e DaimlerChrysler anuanciaram juntas hoje que estão planejando unir seus esforços para formar uma transação business-to-business de fornecedores integrados através de um único portal. Este empreendimento criará o maior mercado virtual do mundo. O novo negócio permitirá a livre participação de todas as montadoras de veículos do mundo, e seus respectivos fornecedores, parceiros e revendedores. Eventualmente, esse mercado eletrônico poderá ser expandido de modo a abranger outras indústrias. Ford, GM e DaimlerChrysler esperam fechar o acordo definitivo para o negócio no 1o.bimestre, sujeito às devidas aprovações pelo governo e outros. Até lá, todos os serviços atualmente associados às transações vigentes continuarão a ser oferecidos. Incluem-se aí compras por catálogo, cotações de preços, alocações de recursos, leilões on-line, além disso, funções de Supply Chain, como planejamento de capacidade, previsão de demanda, planejamento da produção, automação de transações na cadeia logística, serviços financeiros, pagamento e logística continuarão a ser expandidos.

36 35 Poder Consolidado O presidente e CEO da Ford, Jacques A Nasser disse, O anúncio de hoje é outro exemplo de como a Internet está transformando cada parte de nossa empresa e de nosso setor. É excitante, é dramático e só tende a acelerar-se. Vamos empurrar essa transformação mais adiante, para trazer benefícios sustentáveis aos nossos clientes, nossos fornecedores e nossos revendedores. Enquanto prosseguimos na construção de nossos sites de transação em separado, rapidamente percebemos que tradicionais modelos individuais e independentes não seriam a estratégia vencedora para nós, nossa indústria, nossos fornecedores e, em última instância, nossos clientes, disse G.Richard Wagoner Jr., presidente e COO da General Motors. Unindo-nos, podemos acelerar ainda mais o ritmo de implementação, assim acelerando os benefícios de todos os envolvidos. Estamos entusiasmados com a oportunidade de continuar a construir o que cada um de nós iniciou separadamente e criar a melhor transação comercial do mundo

37 36 Definição 4pl: A próxima evolução em Supply Chain Alocação de Recursos Internos Internal Logistics Operations Cliente Acordo para Alianças em Desempenhos nos Negócios Cliente Provedores de Serviços + Maior Integração Funcional + Maior Autonomia Operacional Provedores de 3PL 4PL Terceirização Cliente Provedores de 3PL

38 37 Evolução das Transações Logísticas Leilão Gerenciar todo o Transporte 4PL

39 38 Como as Transações fazem dinheiro n Transações baseadas em leilões (eBay): Em geral cobra-se um honorário de transação ao fornecedor, por volta de 5% do lucro on-line da empresa. Anúncios também são um grande gerador da receita. n Transações Independentes (Spin-offs como a proposta Sears/Carrefour): Essas transações ganham dinheiro com transações, anúncio em websites e consultoria a vendedores (catálogos eletrônicos e integração de gerenciamento de informações) n Portal/Comunidades (VerticalNet): anúncios n Grupos de Mercado de Fluxo de Trabalho: Subscrições e anúncios n Redes de Supply Chain na Internet (General Mills, Pillsbury, etc. transação de transporte/logística): a maioria do dinheiro gerado aqui é através de licenciamento de software, mas no futuro a remuneração deverá ser baseada nas transações.

40 39 Custos de Transação & Terceirização n Empresas são criadas porque o custo adicional de organizá-las é mais barato que os custos de transações envolvidos quando indivíduos conduzem negócios entre si usando o mercado. n Empresas deveriam conduzir internamente apenas as atividades que não podem ser desempenhadas com menor ônus no mercado ou por outra empresa. n Portanto uma empresa irá expandir-se precisamente ao ponto em que os custos de organizar uma transação extra dentro da empresa são iguais aos custos de realizar a mesma transação por meio de um portal no mercado aberto." Source: Ronald Coase

41 40 Software Compras diretas e indiretas mySAP.com Marketplace SAP Compra e Processamento de Pedidos Oracle Exchange Oracle Funcionalidade SCMTradeMatrix i2 Technologies Compra indireta de materiais manufatura Market Site Portal Solution Commerce One Compra indireta/direta de materiais manufatura Market Suite for Dynamic Pricing Commerce Center Ariba Technologies PRINCIPAL FOCO EM E-BUSINESS PRINCIPAL SOFTWARE DE TRANSAÇÃO PROVEDOR DE APLICATIVOS

42 41 Sun Logistics Virtual Network (SLVN)

43 42 Alvos Solução.com Reduzir e Consolidar Reduzir Pontos de Contato Visibilidade em Tempo Real Integração de Parceiros na Rede Envolver um Parceiro na Solução Arquitetura de Sistema Modelo de Centro de Distribuição Lógica de Roteirização de Peças Capacidade para gerenciamento de exceção Processo de Demanda/Devoluç ão de Peças Integração de Provedor de Reparo Seleção de Projeto

44 43 ALVOS Modelo de Centro de Distribuição Processo de Demanda/Devoluçã o de Peças Engenheir o de Campo Localizaçã o Remota de Estoque Centro de Distribuição Fornecedo r Localizaçã o Remota de Estoque Centro de Distribuiçã o Reparações de Processo

45 44 Redução do Número de Fornecedores Diretos em 82,6% PERIPHERALSWEB APPLICATIONTOTAL Resultados Alcançados

46 45 - Relacionamentos Integrados com Fornecedores - Viabilizado Sistema de Gerenciamento de execução do controle de tráfego aéreo - Visibilidade de backorder em tempo nos provedores de reparo - Visibilidade de Inventário em tempo real - Dados qualitativos diretamente dos provedores de reparo - Redução de ordens de compra mensais, de mais de 300 para 30 Outros Resultados Obtidos

47 46 Antes do Sun LVN: Nosso " " em COM ! CO M Clientes União de Negócios Fornecedor Serviços Corporativos Parceiros Provedor es de Reparo Força de Venda SUN

48 47 Hoje Sun LVN é: Nosso " " está fora do meio com um sistema de Controle de Tráfego Aéreo CO M Clientes União de Negócios Fornecedor Serviços Corporativos Parceiros Provedor es de Reparo Força de Venda SUN

49 48 O Futuro Sun LVN: Nosso " " em COM ! CO M A maior oportunidade de e-Business dentro da Sun hoje! Leilões Interempresarias ATC Clientes União de Negócios Fornecedor Serviços Corporativos Parceiros Provedor es de Reparo Força de Venda SUN

50 49 O próximo passo: Draga Zero ou E2E n Verdadeira conexão entre suprimento e demanda n Uma operação equilibrada entre operações de back e de front end. n Eliminação de ativos fixos e redundâncias na Cadeia de Valor. n Onipresente, intuitivo, Peer to Peer, próximo a Tempo real e automático. Source: Tim Allen, Bell Microproducts

51 50 As ramificações de uma transação no varejo


Carregar ppt "Transações entre Grupos de Mercados Dr. Dale S. Rogers National Paper Trade Association Visiting Eminent Scholar University of North Florida 25 April."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google