A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Espaço e seus Opostos Flo Menezes (2005). Escólio.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Espaço e seus Opostos Flo Menezes (2005). Escólio."— Transcrição da apresentação:

1 O Espaço e seus Opostos Flo Menezes (2005)

2 Escólio

3 1 É o contexto que dá significação às coisas. A frase amanhã vai chover adquire sentido bem diverso se falado por um pescador ou, ao contrário, por um milionário em férias [Berio]

4 2 intender

5 3 O inconsciente é uma consciência impregnada de alteridade, e de tal forma que tal deslocamento tende continuamente a um vazio indicial a ser ocasionalmente preenchido, simbólica ou iconicamente, pelo desejo

6 4 viver é recortar

7 5 Ética e estética são uma só [Wittgenstein]

8 6 É porque a inclusão é intencional que é possível fundar o transcendente no imanente sem o degradar [Lyotard]

9 7 Sobre aquilo de que não se pode falar, deve-se calar [Wittgenstein] Os Elementos (simples) são inexplicáveis e incognoscíveis, mas somente sensíveis, e os complexos, ao contrário, cognoscíveis, e exprimíveis e pensáveis com verdadeira opinião [Platão]

10 8 A consciência interna é um rio [Husserl] Tudo é relativo neste mundo onde nada mais que a mudança existe de permanente [Trotsky] A natureza jamais repete duas vezes a mesma coisa [Schaeffer]

11 9 As palavras são diversas da realidade subsistente [Górgias] A relação do signo ao objeto significado, e em particular da representação ao representado, a sua identidade, que ao mesmo tempo é também sua diferença, constitui uma das antinomias mais dramáticas do signo... Esta antinomia é inevitável, pois que sem contradição não se dá o jogo de conceitos nem o dos signos, a relação entre conceito e signo torna-se automática, o curso dos eventos se paralisa, a consciência da realidade se dissolve [Jakobson] To be or not to be: that is the question: Whether tis nobler in the mind to suffer The slings and arrows of outrageous fortune, Or to take arms against a sea of troubles, And, by opposing, end them. To die, to sleep… [Shakespeare]

12 10 work in progress [James Joyce; Pierre Boulez?] motivos perfis figuras formas obras Obra Obra em obras [Décio Pignatari]

13 11 A virtude consiste em obras [Diógenes Laércio] A verdade é um outro nome da sedimentação [Merleau-Ponty] Na ciência não pode haver verdades estabelecidas. O estudioso não é o homem que fornece as verdadeiras respostas; é aquele que faz as verdadeiras perguntas [Lévi-Strauss] Nada é jamais terminado. Mesmo a obra acabada é o rito e o comentário de algo que se deu antes e de algo que acontecerá mais tarde. A questão não provoca uma resposta, mas um comentário… e uma outra questão [Berio] Todo mito é ao mesmo tempo primitivo em relação a si mesmo, derivado em relação a outros [Lévi-Strauss]

14 12 som e pós-som (ressonância) retenção de sua duração A emoção musical provém precisamente do fato de que a cada instante o compositor retira ou acrescenta mais ou menos do que prevê o ouvinte [Lévi-Strauss] ressonâncias: interna ao som (nele) e externa ao som (em nós) extensão/desdobramento espacial do objeto sonoro afeto rede de tensões e de referências

15 13 A natureza ama ocultar-se [Heráclito] A música não está no espaço visível, mas ela o mina, ela o investe, ela o desloca… [Merleau-Ponty]

16 14 akhousma escuta mathemata ciências physis natureza Música acusmáticos Geometria matemáticos Gnomônica (Astrologia) físicos

17 15 Silêncio: pessoas que confiam umas nas outras [ Cage] Above the hell-rot… the air without refuge of silence… [Pound]

18 16 O espaço não é uma substância, mas um atributo [Leibniz] Seria quase insuportável se soubéssemos a Verdade [Schoenberg]

19 17 A verdade acha-se na profundidade [Demócrito] Atrações: capacidade de representarem-se as ações a distância [Anaximandro]

20 18 As coisas evoluem, percorrem ciclos, recomeçam em seguida. Mas não são as coisas que se repetem então; são os ciclos [Schaeffer] così fui sanza lacrime e sospiri anzi l cantar di quei che notan sempre dietro alle note delli etterni giri [Dante]

21 Estratégias

22 19 Difusão eletroacústica Projeção sonora (de relevo) espacialização

23 20 Níveis de espaço da obra musical eletroacústica Interno (composição)Externo (difusão eletroacústica) EstruturalInterpretativo

24 21 Espaço externo (interpretativo) Escuta preponderantemente frontal Escuta cinemática Cinema para os ouvidos Orquestra de alto-falantes Tipos distintos de alto-falantes Percepção de presença dos alto-falantes Escuta oni-espacial Escuta teatral Teatro para os ouvidos Teatro sonoro Alto-falantes iguais Supressão da percepção de presença dos alto-falantes

25 22 Níveis do espaço quanto ao material musical Espaço intrínseco (espectral) Espaço extrínseco (referencial) Espaço morfológico Espaço tipológico Espaço introversivo Espaço extroversivo

26 23 Mobilidade espacial: se o objeto é móvel ou estático; Velocidade: se sua mobilidade é lenta ou rápida; Resolução espacial: se o movimento se dá de forma contínua e progressiva ou se, ao contrário, efetua saltos no espaço; Ocupação espacial: se a presença do objeto é delimitada ou expandida; Reconhecibilidade do movimento: se a trajetória espacial é ilustrativa, figural, ou se, ao contrário, dá-se por incursões inusitadas no espaço; Direção do movimento: no caso de figuras reconhecíveis, se o movimento se dá em sentido horário ou anti-horário; Difusão/propagação sonora: se o objeto é reverberante, evocando amplidão ambiental, ou seco, restringindo o espaço imaginado; Relevo: se o objeto sonoro no espaço revela saliências, protuberâncias em planos distintos, apoiado por alternâncias dinâmicas e por suas qualidades ressonânticas, ou se, ao contrário, revela-se plano e chapado; Localização do objeto sonoro: se a escuta o detecta em um dado ponto do espaço, e, em havendo movimento, se a localização se dá de forma direcional, ou se a escuta do objeto é difusa, e, no caso de movimento, adirecional; Profundidade: se o objeto sonoro encontra-se próximo ou distante de nós, evocando, respectivamente, presença ou ausência sonora.

27 24 Parâmetros relacionados ao comportamento espacial dos espectros na composição quanto à/ao: Móvel Imóvel Dinâmico Estático Mobilidade sonora Rápido Lento Acelerado Desacelerado Velocidade

28 25 Contínuo Descontínuo Gradual Anguloso Resolução espacial Expandido Delimitado Pleno Circunscrito Ocupação espacial (angulação, volume e superfície) Linear (progressivo) Pontiagudo (por saltos) Liso Estriado Cheio Rarefeito

29 26 GeométricoRandômico Regular (figuras reconhecíveis) Irregular (novas figuras) Reconhecibilidade do movimento Reverberante Seco Difusão/propagação sonora Figural Afigural Direção: sentido horário sentido anti-horário

30 27 Protuberante Plano Poroso Chapado Relevo (do objeto sonoro no espaço) Pontual Difuso Direcional Adirecional Localização do objeto sonoro Com relevo Sem relevo Próximo Distante Presente Ausente Profundidade

31 28 A verdade acha-se na profundidade [Demócrito]


Carregar ppt "O Espaço e seus Opostos Flo Menezes (2005). Escólio."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google