A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Os Sistemas de Informação Geográfica Municipais e a Internet – Um desafio Autárquico Dissertação orientada por: Pedro Cabral e Jorge Gustavo Rocha Marta.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Os Sistemas de Informação Geográfica Municipais e a Internet – Um desafio Autárquico Dissertação orientada por: Pedro Cabral e Jorge Gustavo Rocha Marta."— Transcrição da apresentação:

1 Os Sistemas de Informação Geográfica Municipais e a Internet – Um desafio Autárquico Dissertação orientada por: Pedro Cabral e Jorge Gustavo Rocha Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Dissertação para obtenção do grau de Mestre em Ciência e Sistemas de Informação Geográfica

2 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Estrutura da Apresentação Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012

3 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa O Projecto SIGMI - Uma ferramenta de descoberta da realidade dos municípios portugueses em matéria de SIG municipais online. - Avaliação das ferramentas SIG publicadas nos sites das autarquias, comparando e partilhando experiências de forma a estabelecer um retrato da realidade nacional nesta matéria. - Avaliação dos sites municipais segundo um conjunto de indicadores e iremos comparar os resultados dos municípios entre si através do calculo de um índice.

4 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Metodologia > Metodologia da Universidade do Minho no Estudo dos Sites Municipais Portugueses – Projecto desenvolvido desde 1999 > Metodologia adoptada para o projecto SIGMI

5 Desenho do modelo a utilizar, Organizado em indicadores e respectivos pesos; Recolha dos endereços Web e de correio electrónico das câmaras municipais; Recolha de dados; Validação dos dados recolhidos seguido de reavaliação dos sítios Web sempre que necessário; Tratamento dos dados; Análise dos Resultados; Identificação das melhores práticas e elaboração do ranking de maturidade; Desenho do modelo a utilizar, Organizado em indicadores e respectivos pesos; Recolha de dados; Validação dos dados recolhidos seguido de reavaliação dos sítios Web sempre que necessário; Tratamento dos dados; Análise dos Resultados; Recolha e validação dos endereços Web das câmaras municipais; Identificação das melhores práticas e elaboração índice de avaliação SIGMI

6 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa O Enquadramento deste projecto desenvolveu-se em duas vertentes: - A vertente histórica acerca da origem dos SIG - A vertente nacional acerca da evolução dos SIG em Portugal. Enquadramento

7 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Levantamento de Dados Considerações de Levantamento O levantamento efectuou-se entre Jan. e Fev. de 2011 na perspectiva do utilizador. > Os erros: foram considerados como erros todas as situações em que, em mais do que uma pesquisa, com mais do que um navegador de Internet, a consulta tenha ficado comprometida por motivos alheios ao utilizador. > Não foram contabilizados os conteúdos que implicassem registo de utilizador, nem os não tenham ligação ao site oficial do município.

8 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Levantamento de Dados Indicadores Desenvolvemos 3 tipos de indicadores para avaliar os SIG Municipais: > Indicadores de Estado: Que avaliam o Tipo de SIG publicado > Indicadores de Conteúdo: Que avaliam os principais conteúdos de Informação publicados > Indicadores Temáticos: Que avaliam os principais Temas publicados

9 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Apresentação de Resultados Enquadramento Nacional Foram analisados 308 sites, correspondentes aos 308 Municípios existentes em todo o território Português (apenas 1 site estava em actualização durante o período de levantamento dos dados).

10 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Apresentação de Resultados Indicadores de Estado - Caracterizam o tipo de SIG encontrado de acordo com a sua evolução, dinâmica e ferramentas que disponibiliza.

11 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Apresentação de Resultados Indicadores de Conteúdo - Os indicadores de conteúdo caracterizam a informação base do SIG existente;

12 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Apresentação de Resultados Indicadores Temáticos - Os indicadores temáticos procuram caracterizar as principais áreas de publicação de dados de Informação Geográfica

13 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Índice de Avaliação SIGMI Cálculo do Índice Para melhor avaliar a evolução dos municípios e comparar os municípios entre si estabelecemos um índice de avaliação designado: > Índice de Avaliação SIGMI, que permite classificar não só os municípios de 0-20 como obter totais distritais.

14 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Índice de Avaliação SIGMI Cálculo do Índice – Fórmula Σ O índice é calculado pelo Somatório de: +1 valor por cada resposta sim = conteúdo existente 0 valor por cada resposta não = conteúdo ausente +2 valores por cada SIG Estático +2 valores por cada SIG Dinâmico -1 valor por cada erro registado

15 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Índice de Avaliação SIGMI Valores Distritais

16 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Índice de Avaliação SIGMI Distribuição Gráfica 2008/2011

17 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Os melhores resultados do Índice: Em 2008 o valor máximo obtido foi de 13 valores em 4 municípios; Em 2011 o valor máximo obtido foi 19 valores em: > Montemor-o-Velho (11 valores em 2008 subiu para 19 em 2011) > Amadora (10 valores em 2008 subiu para 19 em 2011) > Tondela (8 valores em 2008 subiu para 19 em 2011) Casos de Sucesso

18 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Para a constituição do Observatório foram analisados diversos observatórios publicados na Internet… > Observatórios Nacionais > Observatórios Internacionais E foi elaborado um Quadro Resumo Observatório

19 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Observatório – Quadro Resumo

20

21 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Observatório - SIGMI Surge então neste contexto SIGMI - Um Observatório vocacionado para estudar e apresentar a situação dos SIG Municipais On-line, publicados através das páginas das Câmaras Municipais Nacionais.

22 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Missão: Promover a partilha de experiências de trabalho em SIG nos municípios portugueses. Objectivos: Publicar os resultados do levantamento efectuado através de um Observatório disponível online onde todos os utilizadores podem aceder aos resultados, compreender o panorama nacional e comparar os vários municípios, distritos e regiões autónomas. Âmbito Temático: Os SIG Municipais Portugueses na Internet Âmbito Territorial: Nacional / Portugal Principais Conteúdos: Publicação de Estudos; Mapas e Imagens; Notícias; Endereço: https://sites.google.com/site/sigmiobservatorio/https://sites.google.com/site/sigmiobservatorio/ Observatório - SIGMI

23

24 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Conclusões Finais Disponibilização: provou-se ser possível fazê-lo de uma forma simples acessível a todos, apenas com o uso de ferramentas de software livre. Metodologia: Foi cumprida e manifestou-se eficaz. Levantamento dos dados: Foi realizado na totalidade, os dados recolhidos foram todos trabalhados. Indicadores: Foram todos levantados e obtiveram-se resultados expressivos da realidade.

25 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa As tarefas previstas foram realizadas; Foram disponibilizados os dados de todos os distritos e regiões autónomas. As Câmaras Municipais com menos conteúdos de IG publicados correspondem a câmaras com menos recursos económicos. - Estas lacunas devem-se à falta de meios técnicos e humanos e não ao facto de não considerarem os SIG uma ferramenta útil na gestão autárquica. Conclusões Finais

26 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Conclusões Finais Verificou-se que as câmaras publicam o mesmo tipo de conteúdos e que procuram cumprir a legislação em vigor. A evolução nacional por sua vez manifestou-se considerável desde 2008 até Sendo um período relativamente pequeno foi bastante activo nesta matéria onde muitos dos municípios cresceram e consolidaram as suas ferramentas SIG publicadas.

27 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Conclusões Finais Finalmente podemos dizer que este trabalho contribuiu para a constituição de um estudo evolutivo dos SIG Municipais em Portugal, na perspectiva do utilizador, que ganhou aqui uma descrição exaustiva e com perspectivas de avaliação futuras.

28 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Limitações ao Projecto - Limitações no acesso aos conteúdos que implicam registo. Estes não foram contemplados. - A ausência de determinado conteúdo não se pode considerar uma ausência absoluta. A navegação dos sites nem sempre é simples ou directa e quando a consulta é feita poderá ter falhado algum tipo de pesquisa tendo comprometido o registo de IG pesquisada.

29 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa Desenvolvimentos Futuros - A elaboração de um novo estudo dentro de dois anos, para se manter um registo histórico e não deixar morrer o observatório aqui constituído. - Evolução do observatório para uma ferramenta interactiva em que as câmaras possam interagir entre elas partilhando ideias e experiências e fomentando a troca de dados.

30 Marta Alarcão Bastos – 18 de Janeiro de 2012 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação - Universidade de Nova de Lisboa FIM! AGRADECIMENTOS Aos Professores Jorge Gustavo Rocha e Pedro Cabral que me ensinaram, animaram e despertaram para o fascinante mundo dos SIG e que com toda a dedicação e apoio sempre se mantiveram presentes e me apoiaram desde inicio do projecto. Aos meus colegas e amigos do mestrado, em especial a Hugo Martins, Carlos Albano, Clara Santos e Cláudia Costa, pelas horas de conversa e trabalho. E a todos os outros amigos que tenho tido o prazer de conhecer em conferências e encontros desta matéria. À minha família que sempre presente também me apoiou desde o primeiro instante em especial à minha Mãe e à minha irmã pela ajuda, partilha de ideias e sugestões preciosas. À Iris pela amizade de sempre ao longo de todos estes anos. E ao João pela paciência e apoio diário com que desde inicio me acompanhou em todo o mestrado, em especial neste projecto e em tudo o que isso implica na vida e no que nos rodeia. À memória do meu Avô Manuel a quem ficarei sempre à espera de apresentar este trabalho e partilhar todos os outros que tenho feito e irei fazer. Obrigado a todos!


Carregar ppt "Os Sistemas de Informação Geográfica Municipais e a Internet – Um desafio Autárquico Dissertação orientada por: Pedro Cabral e Jorge Gustavo Rocha Marta."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google