A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Tópicos Avançados em Sistemas de Informação Aula 1 - Introdução ao Planejamento Estratégico (PE) de Organizações e ao Planejamento de Sistemas de Informação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Tópicos Avançados em Sistemas de Informação Aula 1 - Introdução ao Planejamento Estratégico (PE) de Organizações e ao Planejamento de Sistemas de Informação."— Transcrição da apresentação:

1 Tópicos Avançados em Sistemas de Informação Aula 1 - Introdução ao Planejamento Estratégico (PE) de Organizações e ao Planejamento de Sistemas de Informação (PSI)

2 Objetivos da aula... Apresentar a evolução dos SI nas organizações; Abordarmos os conceitos de planejamento e de planejamento estratégico e suas relações com PSI; Discutir o papel dos SI nos diferentes níveis organizacionais (operacional, tático e estratégico).

3 1. VISÃO GERAL O que é PSI? PSI é uma declaração de como a gestão prevê seus SIs no futuro. Determina que sistemas devem ser desenvolvidos em uma organização

4 Para que serve o PSI? O PSI estabelece a relação entre o plano estratégico e os sistemas de informação de uma organização. Um dos resultados do PSI é o portfólio de aplicações, ou seja, os projetos de Sistema de Informação aprovados de forma consistente com o planejamento de longo prazo da organização. O PSI identifica um conjunto sistemas de informação que mais ajudam a empresa a alcançar seus negócios.

5 Como surgiu o PSI? ANOS 70: O planejamento de sistemas de informação não existia ou estava restrito às atividades de projeto, desconectado da realidade organizacional. ATÉ MEADOS DOS ANOS 80: Com a crescente adoção de SI nas atividades operacionais das empresas, os SIs passaram a incluir o plano de operação e o planejamento orçamentário da organização.

6 A PARTIR DA METADE DOS ANOS 80: SI integram-se à visão de planejamento global da organização, sendo elementos de promoção do alcance dos objetivos estratégicos da empresa. A área de TI aproxima-se da alta gestão e surgem os cargos de alta administração ligados à informação (CIOs - Chief Information Officers)

7 Evolução Ao longo de sua evolução, os SI foram inserindo-se de forma ascendente nas organizações. Inicialmente restritos ao nível operacional, automatizando atividades de operação da organização. Posteriormente SI servem de apoio às atividades de nível tático (orçamento, planejamento operacional). Finalmente, aproximando-se dos níveis estratégicos, como subsídio ao alcance da missão da organização.

8

9 2. PLANEJAMENTO O que é Planejamento? Em organizações: s Em organizações: Processo de estabelecer objetivos, realizar análise situacional, identificar os instrumentos de alcance de objetivos (e seus óbstáculos) e elaborar um plano ou conjunto de ações que visem alcançar esse objetivo. Em projetos: Processo de análise e explicitação de objetivos, metas e estratégias necessários para que o projeto, durante seu ciclo de vida, possa alcançar permanentemente seus objetivos de custo, cronograma e desempenho técnico

10 Por que planejar? Planejamento: é a chave para o sucesso organizacional. O planejamento que visa alterar o futuro, bem como monitorar e controlar os processos. Falta de Planejamento: (ou mau planejamento) é normalmente a causa do fracasso.

11 Como se estrutura um plano?

12 Como são os planos? Planos operacionais: Planos ao nível de operação da organização focado nas atividades do momento e visando à eficiência (fazer de forma correto) ao invés de eficácia (fazer o que é correto). Planos táticos: planejamento de atividades concretas que irão fazer com que a visão estratégica seja alcançada. Uma execução tática é um plano (de um produto, atividade, organização ou departamento), com tarefas específicas, objetivos claros e concisos e métricas para a efetividade de sua execução.

13 3. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO O que saber primeiro... Missão: Inclui a proposta, o negócio em que está engajada para alcançar sua proposta e os valores que a guiam. A missão aparece normalmente em termos de produtos e mercado ou dos serviços e clientes atendidos.

14 Visão: Literalmente a imagem mental da realização bem-sucedida de sua missão e de sua proposta organizacional. Estratégia: resposta de uma organização, por meio das ações sobre o ambiente dinâmico e hostil, em busca do alcance de sua missão.

15 Portanto... Planejamento Estratégico: é a metodologia gerencial que permite estabelecer a direção a ser seguida pela organização, visando a um maior grau de interação com o ambiente. Processo de planejamento formalizado, de longo alcance empregado para se definir e atingir os objetivos de uma organização

16 4. PSI E PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

17 Metodologia Geral de Planejamento de Sistemas de Informação

18

19

20 Portanto... Elementos do Planejamento Estratégico são itens de projeto do PSI. O PSI define as diretrizes para a tecnologia da informação da organização assegurar o cumprimento de seu planejamento estratégico.

21 Isso se dá pela definição de uma arquitetura de sistemas de informação alinhada ao planejamento estratégico da empresa. A arquitetura de informações da organização é também insumo para reavaliação do planejamento estratégico da empresa.

22 Exemplo PSI NO INSS 1. Missão: Identificar os elementos de missão da empresa; Exemplo: Missão –A Previdência Social tem por fim assegurar aos seus beneficiários meios indispensáveis de manutenção, por motivo de incapacidade, idade avançada, desemprego involuntário, encargos de família e reclusão ou morte daqueles de quem dependiam economicamente.

23 2. Objetivos: Estabelecer uma relação de objetivos reais; Exemplo: Assegurar atendimento com qualidade a todos os usuários da previdência.

24 3. Objetivos da área funcional: Selecionar os objetivos afetos às áreas funcionais da organização; Exemplo: Área: Atendimento ao cidadão. Objetivo: prestar atendimento com máxima comodidade, rapidez e qualidade.

25 4. Fatores Críticos de Sucesso: Identificar os fatores críticos que norteiam as ações da empresa. Exemplo: * Tempo médio de atendimento (rapidez). * Independência geográfica no atendimento ao usuário (comodidade).

26 5. Indicadores de desempenho: Identificar os indicadores de desempenho associados a cada fator crítico. Exemplo: * Total de CNDs emitidas automaticamente x Total de CNDs emitidas; * Tempo médio das CNDs.

27 6. Problemas: Destacar os problemas que podem estar associados a esses fatores. Exemplo: Atendimento atual realizado por sistemas de informação desintegrados.

28 7. Necessidades de Informação: A partir dos fatores e dos indicadores avaliar as necessidades de informação. Exemplo: * Informações sobre a condição de débito do usuário. * Informações sobre a emissão da CND (forma e tempo).

29 O exemplo e a estrutura de um plano

30 Exercício

31

32 TRABALHO I Pesquisar sobre os diferentes tipos de sistemas: – Sistemas Transacionais; – Sistemas Gerenciais; – Sistemas Executivos; – Sistemas Especialistas; – Sistemas de Apoio à Decisão. Estrutura (Normas da ABNT): – Introdução sobre os Sistemas de Informação (O que é); –Descrição sobre os tipos de sistemas (acima citados); –Referência bibliográfica. Dica de referência: Sistemas de Informação e Sistemas de Apoio á Decisão FALSARELLA, O. M., CHAVES, E. O. C. Sistemas de Informação e Sistemas de Apoio á Decisão.


Carregar ppt "Tópicos Avançados em Sistemas de Informação Aula 1 - Introdução ao Planejamento Estratégico (PE) de Organizações e ao Planejamento de Sistemas de Informação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google