A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A FAMÍLIA COMO FATOR DE PROTEÇÃO AO USO INDEVIDO E ABUSO DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS. EDINEUSA GOMES GUEDES DE PAIVA AMOR-EXIGENTE.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A FAMÍLIA COMO FATOR DE PROTEÇÃO AO USO INDEVIDO E ABUSO DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS. EDINEUSA GOMES GUEDES DE PAIVA AMOR-EXIGENTE."— Transcrição da apresentação:

1 A FAMÍLIA COMO FATOR DE PROTEÇÃO AO USO INDEVIDO E ABUSO DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS. EDINEUSA GOMES GUEDES DE PAIVA AMOR-EXIGENTE

2 Como educar hoje? A missão fundamental da família e da escola é educar. Educar é ajudar a ser, nascendo aos poucos para a luz; é fazer passar do seio materno da natureza em dependência e ignorância para o reino da verdade e da liberdade, que é o reino do espírito. Educar é possibilitar o nascimento do ser.

3 Que se entende por ser bom pai ou boa mãe? Expectativas e crenças a respeito desse papel: estar à disposição dos filhos por tempo integral, fazendo tudo por eles e atendendo a todos os pedidos? acreditar que lhes estejamos dando o melhor, principalmente se não lhes causarmos frustrações maiores, abolindo, inclusive, os limites? acreditar que temos de ser perfeitos (Super- Heroi) ser mãe é padecer no paraíso.

4 Na relação com os filhos, o importante é estar vivendo, com intensidade, os vários momentos. Os desacertos são inerentes à relação. Só erra quem faz. A única maneira de se acertar é aprender a identificar os enganos. Comecemos, já, sendo bons pais para nós mesmos. Assim, também o seremos para nossos filhos.

5 AJUSTES NA FAMÍLIA ESTRUTURA DA FAMÍLIA EM PERIGO: Educação deficiente dos pais; Exemplo deficiente dos pais; Ideais deficientes dos pais. OS TEMPOS MUDARAM, MAS NÃO AS RELAÇÕES HUMANAS FAMILIARES QUE CONSTITUEM AS RAÍZES DA FORMAÇÃO DE CARÁTER. Os filhos precisam dos pais; Os filhos precisam de direção; Os filhos precisam de apoio. As crianças precisam de direção, disciplina, apoio e ânimo para crescer, amadurecer e tornar-se pessoas independentes da família, adultos autônomos.

6 OS PAIS PRECISAM MUDAR: As ciências do comportamento ajudam, fornecendo informações sobre: Relações Humanas; Motivação; Comunicação. Os pais podem aprender as técnicas apropriadas de: As bases da formação do caráter; A comunicação eficaz; A disciplina correta. A mudança começa em nós. Esta é a base da educação dos pais: promover mudanças nas atitudes e no comportamento dos pais em relação aos filhos.

7 Princípios básicos que constroem o amor-próprio nos filhos: Forneçamos um modelo de auto-imagem positiva ao filho, ou seja, comecemos a respeitar a nós mesmos. Se quisermos que ele nos respeite, demos-lhe o exemplo de uma pessoa que faz o mesmo e não desistamos dessa posição. Vamos tratá-lo como um ser humano único e respeitemos a sua individualidade. Vamos deixá-lo ser ele mesmo. Aceitemos suas falhas, afinal está aprendendo. Falhas não significam fracasso: ele pode aprender com os erros e isso não diminui sua auto-estima Aceitemos suas falhas, afinal está aprendendo. Falhas não significam fracasso: ele pode aprender com os erros e isso não diminui sua auto-estima.

8 Dar permissão para que assuma responsabilidades, assim ficará confiante por meio da ação. Devemos deixá-lo fazer tarefas típicas de sua idade, pois isso gera prazer, orgulho e alegria; Ensinar o prazer da vida diária é fundamental para a auto-estima da criança. Permitamos que descubra o lado positivo das coisas, até mesmo dos reveses, que nos ensinam a crescer; Elogiar mais do que criticar. Salientar o positivo. A relação de amor é a única que pode curar, promover mudança e o crescimento do ser humano; Tomar contato com os sentimentos em relação a nosso filho. Se percebermos que o rejeitamos, que sentimos raiva freqüentemente, não o escondamos de nós mesmos.Busquemos ajuda para descobrir a nós próprios

9 Muitas vezes, tentamos disfarçar nossa dificuldade de lidar com os próprios sentimentos, mas a agressividade, a superproteção, a preocupação exagerada, o descuido ou o desprezo com que tratamos os filhos acabam revelando essa incapacidade

10 Algumas tarefas ou papéis dos pais Os pais têm a responsabilidade de criar e manter uma estrutura familiar funcional, por meio da qual tantos eles quantos seus filhos possam crescer, aprender enriquecer e desenvolver todo o potencial que lhes foi dado por Deus; Os pais têm a responsabilidade de ensinar e guiar os filhos para que eles desenvolvam a capacidade, a força e os conhecimentos de que precisarão para cuidar de si próprios ao assumir a vida adulta; Os pais têm a responsabilidade de exigir que os filhos tomem decisões e que ajam de forma responsável;

11 Sempre que o pai toma a si a responsabilidade dos atos do filho, esse filho exime-se da responsabilidade. Com isso, perde a oportunidade de desenvolver a capacidade, a força e o conhecimento de que precisará para cuidar de si próprio quando se tornar adulto.

12 A DESESTRUTURAÇÃO FAMILIAR ESTÁ NA RAIZ DE COMPORTAMENTOS ANTI-SOCIAIS DOS JOVENS SOMOS AS PRIMEIRAS GERAÇÕES DE PAIS DECIDIDOS A NÃO REPETIR COM OS FILHOS OS ERROS DE NOSSOS PROGENITORES. E COM O ESFORÇO DE ABOLIR OS ABUSOS DO PASSADO, SOMOS OS PAIS MAIS DEDICADOS E COMPREENSIVOS, MAS POR OUTRO LADO, OS MAIS TOLOS E INSEGUROS QUE JÁ HOUVE NA HISTÓRIA.

13 SOMOS A ÚLTIMA GERAÇÃO DE FILHOS QUE OBEDECERAM A SEUS PAIS E A PRIMEIRA GERAÇÃO DE PAIS QUE OBEDECEM A SEUS FILHOS... OS ÚLTIMOS QUE TIVEMOS MEDO DOS PAIS E OS PRIMEIROS QUE TEMEMOS OS FILHOS. OS ÚLTIMOS QUE CRESCERAM SOB O MANDO DOS PAIS E OS PRIMEIROS QUE VIVEM SOB O JUGO DOS FILHOS.

14 OS ÚLTIMOS QUE RESPEITAMOS NOSSOS PAIS E OS PRIMEIROS QUE ACEITAMOS (ÀS VEZES SEM ESCOLHA...) QUE NOSSOS FILHOS NOS FALTEM COM O RESPEITO. A MEDIDA EM QUE O PERMISSÍVEL SUBSTITUIU O AUTORITARISMO, OS TERMOS DAS RELAÇÕES FAMILIARES MUDOU DE FORMA RADICAL PARA O BEM E PARA O MAL.

15 SE O AUTORITARISMO DO PASSADO ENCHEU OS FILHOS DE MEDO DE SEUS PAIS, A FRAGILIDADE DO PRESENTE OS PREENCHE DE MEDO E MENOSPREZO AO NOS VER TÃO FRÁGEIS E PERDIDOS COMO ELES. SE O AUTORITARISMO SUPLANTA, O PERMISSÍVEL SUFOCA. APENAS UMA ATITUDE FIRME, RESPEITOSA, LHES PERMITIRÁ CONFIAR EM NOSSA IDONEIDADE PARA GOVERNAR SUAS VIDAS ENQUANTO FOREM MENORES, PORQUE VAMOS À FRENTE LIDERANDO-OS E NÃO ATRÁS, CARREGANDO-OS E RENDIDOS À SUA VONTADE.

16 A CRISE DA FAMÍLIA ESTÁ APRESENTANDO DRAMÁTICAS CONSEQUÊNCIAS ANTI-SOCIAIS. A RUPTURA FAMILIAR PRODUZ, INEVITAVELMENTE, UM DESAJUSTE AFETIVO. A TRANSGRESSÃO É, FREQUENTEMENTE, UMA FUGA, UM RECADO REVOLTADO. A AUSÊNCIA DE VÍNCULOS AFETIVOS GERA INSTROSPECÇÃO E FRIEZA.

17 Situações em que os pais concordam ou até promovem a transgressão de normas e leis: Entregar o carro nas mãos do filho menor; Entregar o carro nas mãos do filho não habilitado; Mentir ao porteiro do cinema sobre a idade do filho; Dar dinheiro a uma autoridade para quebrar o galho do filho; Encobrir deslizes do filho; Fazer uso da Lei de Gerson, sempre querendo levar vantagens sobre os outros; Dar bebida alcoólica para seu filho adolescente.

18 Comportamentos que colocam os filhos em altíssimo risco: Direitos sem deveres; Cultura do compra-se tudo; Cultura do tira dor; Falta de vida espiritual; O prazer como meta ÚNICA de vida; Medo de tomar atitudes; Papéis indefinidos na família; Constantes e insolúveis conflitos familiares; Autoritarismo no lugar da autoridade; Pais fechados para o outro e para o mundo; Pais que vivem no passado; Filhos privados da oportunidade de reparar suas falhas.

19 OS VALORES NA EDUCAÇÃO CONVIVÊNCIA; SOLIDARIEDADE; TOLERÂNCIA; DIÁLOGO; CONSCIÊNCIA MORAL; BOAS MANEIRAS; BONDADE; VONTADE; RESPEITO; HONESTIDADE.

20 UMA VERDADEIRA PREVENÇÃO SERÁ FEITA: Se formos sensíveis aos problemas gerados pelas drogas na sociedade atual; Se formos bem informados e buscarmos uma permanente ação preventiva em todas as áreas da vida; Se agirmos de modo claro e eficiente, norteados pela filosofia do Amor-Exigente EU AMO VOCÊ, MAS NÃO ACEITO O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO DE ERRADO

21 CONCLUSÃO O QUE FAZER??? Tudo o que se pode e se deve fazer é PREVENIRACREDITARAGIR O sucesso e a felicidade das próximas gerações depende de nós estarmos aptos para promover o desenvolvimento de programas de promoção de saúde e O sucesso e a felicidade das próximas gerações depende de nós estarmos aptos para promover o desenvolvimento de programas de promoção de saúde e prevenção ao uso de drogas, amplos, coerentes e integrados que possam ser efetivos em múltiplos domínios (Flay 2002) TODOS PODEMOS LUTAR POR UM ESTILO SAUDÁVEL DE VIDA.

22 É preciso que os pais sejam PAIS, para que os filhos possam ser FILHOS. Amor-Exigente Rua Jaguarari,2530 – Lagoa Nova Fones: – HORÁRIO DAS REUNIÕES: TERÇAS-FEIRAS – 18:30


Carregar ppt "A FAMÍLIA COMO FATOR DE PROTEÇÃO AO USO INDEVIDO E ABUSO DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS. EDINEUSA GOMES GUEDES DE PAIVA AMOR-EXIGENTE."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google